São carboidratos grandes, de alta massa molar, às vezes

Propaganda
POLISSACARÍDEOS
São carboidratos grandes, de alta massa molar, às vezes ramificados, formados pela
união de mais de dez monossacarídeos ligados em cadeia, constituindo, assim, um polímero de
monossacarídeos, geralmente de hexoses. São insolúveis em água e, portanto, não alteram o
equilíbrio osmótico das células. Os polissacarídeos possuem duas funções biológicas principais,
como forma armazenadora de combustível e como elementos estruturais.
Carboidrato
Monossacarídeos
constituintes
Importância biológica
Armazenado no amiloplasto de
raízes do tipo tuberosa (mandioca,
Amido
≈1.400 glicoses
batata doce, cará), caules do tipo
tubérculo (batatinha), frutos e
sementes. Principal reserva
energética dos vegetais.
Armazenado no fígado e nos
Polissacarídeos
Glicogênio
≈30.000 glicoses
músculos. Principal reserva
energética de animais e fungos.
Função estrutural na célula vegetal,
Celulose
≈1.000 glicoses
como um componente da parede
celular.
Constitui o exoesqueleto dos
Quitina
artrópodes e está presente na
parede celular dos fungos.
Observação: existem outros tipos de polissacarídeos denominados hetropolissacarídeos que
originam, por hidrólise, vários tipos diferentes de monossacarídeos. Como por exemplo o ácido
hialurônico, condroitinsulfato e a heparina.
Holosídeos
São os oligossacarídeos e polissacarídeos que, por hidrólise, produzem somente
monossacarídeos. É o tipo de açúcar encontrado nas plantas e vegetais.
Rafinose + 2H2O  glicose + frutose + galactose
Heterosídeos
São glicídios que sofrem hidrólise, produzindo oses (hidratos de carbono simples) e
outros compostos.
Função

Energética: constituem a primeira e principal substância a ser convertida em energia
calorífica nas células, sob a forma de ATP. Nas plantas, o carboidrato é armazenado
como amido nos amiloplastos; nos animais, é armazenado no fígado e nos músculos
como glicogênio. É o principal combustível utilizado pelas células no processo respiratório
a partir do qual se obtém energia para ser gasta no trabalho celular.

Estrutural: determinados carboidratos proporcionam rigidez, consistência e elasticidade
a algumas células. A pectina, a hemicelulose e a celulose compõem a parede celular dos
vegetais. A quitina forma o exoesqueleto dos artrópodes. Os ácidos nucléicos apresentam
carboidratos, como a ribose e a desoxirribose, em sua estrutura. Entram na constituição
de determinadas estruturas celulares funcionando como reforço ou como elemento de
revestimento.
De forma geral, os carboidratos desempenham um papel extremamente importante em
nosso organismo,pois é através deles que nossas células obtêm energia para realizar suas
funções metabólicas (movimentos).
Exercícios:
1) Escreva todas as possíveis fórmulas estruturais dos monossacarídeos (aldoses e cetoses) com 3, 4, 5,
6 e 7 átomos de carbono. Não se importe com a nomenclatura.
2) Escreva algumas reações completas entre uma hexocetose e uma hexoaldose.
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

paulo

2 Cartões oauth2_google_ddd7feab-6dd5-47da-9583-cdda567b48b3

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Matemática

2 Cartões Elma gomes

Criar flashcards