UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO

Propaganda
PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE UMA VAGA DE PROFESSOR SUBSTITUTO PARA A
ÁREA DE POLÍTICA SOCIAL E SEGURIDADE SOCIAL DO DEPARTAMENTO DE POLÍTICA SOCIAL E SERVIÇO SOCIAL
APLICADO DA ESCOLA DE SERVIÇO SOCIAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO EM REGIME DE 20 HORAS
(EDITAL Nº 179, DE 17/06/2016, PUBLICADO NO DOU Nº 116, SEÇÃO 3, PÁGINAS 65 E 66, DE 20/06/2016, RETIFICADO PELO EDITAL Nº 180, DE
20/06/2016, PUBLICADO NO DOU Nº 117, SEÇÃO 3, PÁGINAS 76 E 77, DE 21/06/2016)
NORMAS E INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES
I- Setorização/Área: Política Social e Seguridade Social
II- Exigências:
 Graduação plena em Serviço Social e áreas afins.
 Possuir, no mínimo, especialização ou ter concluído os créditos necessários para
apresentação da dissertação de mestrado, em qualquer área.
III- Comissão Julgadora:
Titulares:
Profa. Dra. Alejandra Pastorini Corleto
Profa. Dra. Andréa Moraes Alves
Profa. Dra. Gabriela Maria Lema Icasuriaga
Suplente:
Profa. Dra. Ilma Rezende Soares
IV- Endereço para todas as atividades do concurso:
Escola de Serviço Social - UFRJ
Av. Pasteur, 250 – Fundos – Secretaria dos Departamentos (Sala 07), Campus Praia Vermelha
– Rio de janeiro.
Telefone: 3938-5389
V- Calendário do concurso:
 Inscrições: 21, 22, 23, 24 e 27 de junho de 2016, das 12 às 17 horas – Secretaria dos
Departamentos da ESS (sala 07 da Sede);

Divulgação das inscrições homologadas: 27 de junho, às 19h00 (quadro de avisos da
Secretaria dos Departamentos);

Período de realização das provas: 29 de junho a 01 de julho de 2016;

Análise de currículos: os critérios para análise de currículos encontram-se divulgados
no quadro de avisos da Secretaria dos Departamentos.
VI- Prova Escrita e Didática: ementa, objetivo, pontos e bibliografia sugerida.
Ementa: A relação Serviço Social/Política Social na história brasileira. Sinopse histórica das
políticas sociais no Brasil dos anos 30 até a Constituição de 1988 e a construção do sistema de
Seguridade Social. A relação público/privado no atendimento às manifestações da questão
social. O avanço do neoliberalismo e suas implicações na área de políticas sociais.
Planejamento e Avaliação de Políticas Sociais.
Objetivo: Analisar a particularidade da intervenção social do Estado brasileiro dos anos 30 até
a Constituição de 1988 e as potencialidades que esta trouxe para a constituição de um sistema
de seguridade social público e de caráter universal. O neoliberalismo e a reformulação do papel
do Estado na área de políticas sociais. A seguridade social brasileira e as políticas de saúde,
previdência e assistência social. As políticas sociais na contemporaneidade: assistência,
previdência e saúde. O novo padrão de proteção social brasileiro. As especificidades das
políticas de Assistência Social, Saúde e Previdência, na contemporaneidade.
Pontos:
1) As particularidades da intervenção social do Estado brasileiro dos anos 30 até a Constituição
de 1988.
2) Planejamento e avaliação de políticas sociais e serviço social: importância e desafios.
3) Mudanças no padrão de intervenção social no Brasil na década de 90.
4) A relação público/privado no atendimento às manifestações da questão social no Brasil.
5) A Seguridade Social e os impactos da política neoliberal nas políticas de Assistência Social,
Saúde e Previdência.
Bibliografia Sugerida:
BEHRING, Elaine. e BOSCHETTI, Ivanete. Política social: fundamentos e história. São
Paulo: Cortez Ed., 2006. (Biblioteca Básica / Serviço Social)
BOSCHETTI, Ivanete. Avaliação de políticas, programas e projetos sociais. In: Serviço
Social: direitos sociais e competências profissionais. Brasília: CFESS/ABEPSS, 2009. p.575591
FALEIROS, Vicente de Paula. A Política Social do Estado Capitalista. São Paulo: Cortez, 11ª
Edição, 2008.
IANNI, Otávio. Estado e Planejamento Econômico no Brasil (1930-1970). Rio de Janeiro:
Civilização Brasileira, 1971.
MIOTO, R. C. e NOGUEIRA, V. M. R. “Sistematização, Planejamento e Avaliação das Ações
dos Assistentes Sociais no campo da Saúde”. In:Serviço Social e Saúde: formação e trabalho
profissional. SP: OPAS, OMS, Ministério da Saúde, 2006, pp273-303.
MOTA, Ana E. Cultura da crise e seguridade social. Um estudo sobre as tendências da
previdência e assistência social brasileira nos anos 80 e 90. São Paulo: Cortez, 1995.
-------------------- (Org.) O mito da Assistência Social. Ensaios sobre o Estado, Política e
Sociedade. São Paulo: Cortez, 2008.
SOARES SANTOS, Josiane. “Questão Social: particularidades no Brasil. São Paulo: Cortez
Ed., 2012. (Biblioteca Básica / Serviço Social)
Download
Random flashcards
Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Criar flashcards