Resumo - proteoses

Propaganda
Doenças de chagas
Agente Etiológico: Trypanosoma cruzy
Vetor: Triatoma Infestans (babeiro, chupança) possui hábitos noturnos e se alimenta
exclusivamente de sangue.
Transmissão: Contato com as fezes do vetor, transfusão de sangue e via oral.
Sintomas: Na fase aguda pode ser assintomática, mas quando aparecem os sintomas são
os seguintes: febre, mal estar, dor nos gânglios inchaço ocular, aumento do fígado e do
baço.
Na fase crônica: Destruição da musculatura dos órgãos causando a síndrome dos
megas.
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
Prevenção: Combate ao vetor:
Melhorar habitação, através de reboco e tamponamento de rachaduras e frestas;
Usar telagem em portas e janelas;
Impedir a permanência de animais, como cão, o gato, macaco e outros no
interior da casa;
Evitar montes de lenhas, telhas ou outros entulhos no interior e arredores da
casa;
Construir galinheiro, paiol, tulha, chiqueiro, depósito afastado das casas e
mantê-los limpos;
Retirar ninhos de pássaros dos beirais das casas;
Manter limpeza periódica nas casas e em seus arredores;
Difundir junto aos amigos, parentes, vizinhos, os conhecimentos básicos sobre a
doença, vetor e sobre as medidas preventivas;
Encaminhar os insetos suspeitos de serem "barbeiros", para o serviço de saúde
mais próximo.
•
Tratamento: Eliminação do parasita, eficiente somente na fase inicial da doença.
Malária
Agente Etiológico: Plasmodium
Vetor: Anopheles darlingi (carapanã ou mosquito prego)
Transmissão: Picada do mosquito fêmea do Anopheles
Sintomas: Febre cíclica, calafrios, perda de apetite, sudorese, enfraquecimento, cefaléia
e cansaço etc..
Prevenção: Eliminar criadouro do mosquito, usar telas em janelas, utilizar larvicidas e
inseticidas, usar mosqueteiros etc..
Tratamento: Medicamentos antimaláricos principalmente a base de quinino.
Leishmaniose Visceral ou Calazar
Agente Etiológico: Leishmania Chagasi
Vetor: Lutzomyia longipalpis (Flébótomo) –biriguí
Transmissão: Picada do inseto
Sintomas: Os sintomas mais típicos da doença são febre, aumento de tamanho do baço
e do fígado e emagrecimento progressivo. A pessoa que apresentar algum desses
sintomas deve procurar o Posto de Saúde mais próximo em busca do diagnóstico. O
tratamento é gratuito e deve ser iniciado imediatamente.
Prevenção: Evitar o contato com o mosquito palha, especialmente no final de tarde e no
início da manhã quando o inseto transmissor da doença sai em busca de alimento.
COMBATE – As principais medidas de combate são as retiradas de entulhos, folhas ou
materiais orgânicos que possam favorecer a proliferação do inseto (Flebotomíneo),
proporcionando condições ideais de procriação, como locais úmidos e sombreados.
Outras importantes medidas são o controle do vetor e a vigilância canina.
Tratamento: Medicamentos a base de antimônio.
Leishmaniose Cutânea ou Úlcera de Bauru
Agente Etiológico: Leishmania brasiliensis
TOXOPLASMOSE
Agente Etiológico: Toxoplasma gondii
Vetor: gatos e em outros animais contaminados.
Transmissão: pode ser por três vias:
* por ingestão de cistos de carne crua ou mal-passada, principalmente de suínos,
caprinos e bovinos; por contaminação da gestante para seu feto
(forma congênita);
* água contaminada;
* saladas mal lavadas.
OBS: A doença não é transmitida de uma pessoa para outra, com exceção de mulher
grávida para seu feto.
Prevenção: Medidas de higiene.
Tratamento: O tratamento só é indicado nos casos de doença em órgãos como coração,
olhos ou durante a gravidez. Em pacientes com AIDS o tratamento é obrigatório e por
tempo indeterminado para evitar a progressão da doença
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

paulo

2 Cartões oauth2_google_ddd7feab-6dd5-47da-9583-cdda567b48b3

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Matemática

2 Cartões Elma gomes

Criar flashcards