PROGRAMA DE ATENDIMENTO FISIOTERAPÊUTICO

Propaganda
PROGRAMA DE ATENDIMENTO FISIOTERAPÊUTICO
DOMICILIAR DO INSTITUTO CURITIBA DE SAÚDE
1
MIRANDA, Julliana Maria.
Abreu, Regina Maria.
2
1. Introdução: O Atendimento Domiciliar busca a melhor qualidade de vida através dos
benefícios proporcionados ao paciente. Percebe-se maior comodidade, melhor
afinidade e contato com o Fisioterapeuta. Nesse contato são enfatizadas as reais
dificuldades e as necessidades do paciente em suas atividades da vida diária.
Observa-se uma recuperação rápida, pois o tratamento é personalizado. No programa
do ICS-LAR, a Fisioterapia Domiciliar, é oferecida com o propósito de promover,
manter e/ou restaurar a saúde, maximizando-se o nível de independência do paciente,
enquanto minimiza- se os efeitos debilitantes das várias patologias e condições que
gerencia. Deve ser compreendido como uma modalidade contínua de serviços na área
de saúde, cujas atividades são dedicadas aos pacientes e seus familiares em um
ambiente extra-hospitalar. Desde 2005 foi criado o ICS-LAR, setor do ICS o qual
gerencia a atenção domiciliar, onde se insere o programa supracitado. 2. Objetivos:
verificar a prevalência das modalidades de tratamento fisioterapêutico realizado em
um grupo de pacientes em atendimento domiciliar no ICS-LAR, no período de janeiro a
agosto de 2010, e sua resposta ao tratamento. Em relação aos pacientes, verificou-se
a predominância da faixa de idade e suas patologias. Quanto ao tratamento domiciliar
de fisioterapia, foi considerado o nível de reabilitação obtido com o tratamento
realizado. 3. Referencial teórico: o alicerce da atenção domiciliar do ICS esta
pautada na RDC nº. 11/2006. 4. Materiais e Métodos: Utilizou-se o método de
epidemiologia em prevalência descritiva. 5. Resultados: o ICS-LAR atende por volta
de 130 pacientes no programa de Fisioterapia Domiciliar. Onde 66% são idosos entre
61 e 90 anos e destes, 37% apresentam entre 71 e 80 anos. As patologias
predominantes são as neurológicas, com o AVC em 22 casos dos 91 pesquisados,
seguindo as patologias articulares degenerativas, observadas em 17 pacientes. Os
outros 52 casos são divididos em patologias como o DPOC, insuficiência respiratória,
Alzheimer, Ataxias, pós operatórios de fraturas, e amputações. O tratamento prevê
principalmente a reabilitação motora. Dos casos pesquisados somente 3 permanecem
acamados. 6. Conclusão: alguns pacientes não possuem condições motoras de se
ausentar temporariamente do leito para realizar tratamento ambulatorial, então, nesse
aspecto o programa visa promover a reabilitação do paciente, prevenindo
complicações respiratórias e motoras, minimizando o aparecimento de úlceras por
pressão, evitando possíveis internamentos, melhorando a saúde do paciente.
Recomenda-se que o atendimento domiciliar de fisioterapia seja priorizado
precocemente, para uma melhor resposta na atuação terapêutica.
Palavras – chave: fisioterapia domiciliar; reabilitação; idoso; promoção da saúde.
Declaração de Conflito de interesses: Declaro para os devidos fins que não há
conflitos de interesse relacionados à Empresa GlaxoSmithKline.
1
2
Fisioterapeuta no Instituto Curitiba de Saúde – Curitiba - PR.
Médica Auditora no Instituto Curitiba de Saúde – Curitiba - PR.
Download
Random flashcards
paulo

2 Cartões paulonetgbi

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

teste

2 Cartões juh16

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Criar flashcards