GEOGRAFIA 7 ano Corr..

Propaganda
Geografia – 7º Ano
Capítulo 8 – CORREÇÃO PG. 161
1. A agricultura está se tornando um setor da indústria. Antigas fazendas foram ou estão sendo
transformadas em modernas empresas rurais, movidas pelas necessidades da produção industrial. Nas
empresas rurais, a prática agrícola é controlada por grandes grupos empresariais. Eles plantam,
coletam, armazenam, beneficiam e distribuem os produtos. Além disso, fornecem equipamentos e
técnicas necessárias para o desenvolvimento da agricultura. A produção da cana-de-açúcar, da laranja
e da soja são bons exemplos deste processo.
2. Cultivada tradicionalmente nos estados do sul do país, desde a década de 1970, a soja avança sobre
cerrados do Brasil Central, transformando a paisagem dos estados do MT, do MS e de GO. Hoje, o
Brasil é o segundo maior produtor de soja do mundo, atrás apenas dos EUA. As modernas fazendas
de soja fornecem matéria-prima para os mais diferentes setores da indústria,inclusive fábricas de óleo,
de bebidas e de farelo, que é utilizado como alimento para os rebanhos. Ao mesmo tempo, são
grandes consumidores de produtos industriais, pois operam com muitos tratores, colheitadeiras
mecânicas e fertilizantes químicos.
3. Os pequenos produtores, estão cada vez mais subordinados aos interesses dos grupos empresariais
que controlam as cadeias produtivas agropecuárias no Brasil.
4. Trata-se de parte do território nacional que está sendo incorporado à produção agropecuária por
meio do avanço das terras agrícolas sobre terras com cobertura vegetal natural. Exemplos: o café no
oeste paulista ou a soja no Brasil Central.
5. Essa contradição se explica pelo fato de os grandes produtores agroindustriais
6. Os pequenos agricultores não possuem linhas de financiamento e não dispõem de recursos financeiros
para a produção agrícola. Uma outra dificuldade é de comercialização de seus produtos, que fica sob o
controle de atravessadores.
7. O atravessador compra diretamente do produtor e revende para o consumidor a um preço mais
elevado, ficando com a diferença do preço pago pelo último.
8. Em primeiro lugar a distribuição de terras é muito desigual no Brasil. Grande parte das terras
disponíveis é improdutiva e está sob o controle de latifundiários. Por outro lado, há um enorme
contingente de trabalhadores rurais sem terra e dispostos a trabalhar. Estas diferenças sociais são a
origem do conflito pela terra no país.
9. O estados do RS e do PR tem o número de assentamentos entre 151 e 253. Os estados de SP e do CE
estão na faixa de 121 a 150 assentamentos.
10. A Reforma Agrária é a oportunidade de melhorar a distribuição das terras no Brasil e de
fortalecimento do setor produtivo responsável pela produção de alimentos mais baratos para todos.
Bom estudo!
Beijos,
Maria Christina
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

teste

2 Cartões juh16

Matemática

2 Cartões Elma gomes

Criar flashcards