Efeito Magnus

Propaganda
Miopia
O problema, que prejudica a visão à distância, pode ser definitivamente resolvido depois de cirurgia a
laser, uma técnica pouco arriscada.
O que é?
A miopia acontece principalmente por duas razões: córnea (lente mais externa do olho) muito curva ou
tamanho do olho além do normal. A carga genética é o maior determinante da doença. Quem a tem
enxerga mal objetos distantes.
Quando surge
O problema começa a aparecer, normalmente, na pré-adolescência, se intensifica na adolescência e se
estabiliza na idade adulta.
Visão à distância
Olho normal
(1) Retina;
(2) Córnea;
(3) Cristalino.
Há no globo ocular duas lentes, a córnea e o cristalino, que direcionam
os raios luminosos ao pólo posterior (mais no fundo) do olho. Nessa
área, a luz é captada e fixa pela retina e transmitida pelo nervo óptico
até o cérebro. Se a imagem é formada exatamente na retina, a visão é
perfeita.
Visão à distância
Olho míope
O olho com miopia tem a córnea muito curva ou o eixo anteroposterior
(horizontal) muito longo, não permitindo que a imagem chegue à
retina. A imagem não consegue se fixar direito e os objetos distantes
ficam embaçados.
Tratamento
Óculos
O inconveniente dos óculos é a limitação para a prática de exercícios, em especial os competitivos, além
da redução do campo visual e dos reflexos do indivíduo.
Lentes de contato
Corrigem bem as miopias, satisfazem a estética, mas podem causar intolerâncias, exigindo maiores
cuidados.
Cirurgia
As cirurgias refrativas procuram modificar a curva da córnea, determinando a formação correta da
imagem na retina. A técnica mais moderna é feita com excimer laser.
Tipos de cirurgia a laser
PRK - Duração de 3 a 5 minutos
O procedimento
O laser
Depois de minuciosos exames, o indivíduo é
deitado em uma cama especial. Um aparelho,
chamado blefarostato, é usado para fixar as
pálpebras e impedir que os olhos se fechem
durante a cirurgia. Um colírio anestésico
consegue impedir a dor.
O PRK costuma ser indicado para graus mais baixos.
O epitélio do olho (camada superficial sobre a córnea)
é raspado para receber o laser, uma luz ultravioleta de
alta energia. As células da córnea são pulverizadas com
a aplicação do laser, e a córnea é aplanada. O epitélio,
com o tempo, se regenera.
Lasik - Duração de 8 a 10 minutos
O procedimento
O laser
A forma de preparo desse tipo de cirurgia é mais
delicada. Depois de o indivíduo ter sido anestesiado
com um colírio especial, é utilizado um aparelho
chamado microcerátono, que levanta uma pequena
camada da córnea para a aplicação do laser. A
pálpebra também é fixa com o blefarostato.
A luz ultravioleta é a mesma da técnica PRK. A
radiação, com uma precisão mais que milimétrica,
transforma as células da córnea em água e gás
carbônico. Depois da aplicação do laser, a camada
superficial da córnea afastada pelo microcerátono
é recolocada.
Pós-operatório
O tempo de recuperação pode variar
de 24 horas a algumas semanas,
dependendo da técnica utilizada e da
capacidade de recuperação de cada
um.
Depois da cirurgia - tanto no caso da PRK
quando no da LASIK - são usados colírios
antiinflamatórios e antibióticos. Em geral,
um olho é operado de cada vez.
(1) Antiga curvatura
(2) Nova curvatura
Pode fazer a cirurgia
Quem tem pelo menos um grau de miopia, mais de 18 anos e, principalmente, está com o problema
estabilizado.
Não pode fazer a cirurgia
Quem tem ceratocone (tipo irregular de astigmatismo); Quem tem glaucoma; Quem tiver inflamação nos
olhos, em fase de tratamento.
Os resultados


90% das pessoas que se submetem à cirurgia resolvem o problema;
10% precisarão de uma segunda cirurgia para aperfeiçoar os efeitos.
Riscos
A taxa de complicação depois da cirurgia varia em torno de 2%. Os problemas que podem surgir são:
Hipocorreção - quando ainda resta algum grau de miopia e há necessidade de uma segunda cirurgia.
Hipercorreção - neste caso, o indivíduo deixa de ser míope e torna-se hipermétrope (visão deficiente para
perto). Uma outra cirurgia pode resolver o problema.
Cicatrização anormal - a superfície da córnea pode ficar levemente opaca e os olhos perdem a qualidade
visual.
Dicas para depois da operação






Se a luz do sol incomodar, use óculos escuros;
Evite esfregar os olhos;
Evite piscinas e mar durante cerca de um mês;
Não beba álcool, pois pode reagir com os antiinflamatórios;
Restrinja a prática de exercícios nos primeiros dias;
Evite fumaça poluição e poeira.
Fonte: http://www.santalucia.com.br/oftalmologia/miopia-p.htm
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

teste

2 Cartões juh16

paulo

2 Cartões oauth2_google_ddd7feab-6dd5-47da-9583-cdda567b48b3

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Matemática

2 Cartões Elma gomes

Criar flashcards