Clique aqui para fazer o do informativo

Propaganda
INFORMAÇÕES SOBRE
O TRANSPLANTE DE CÓRNEA
1. Por quanto tempo permanecerei no hospital ?
A cirurgia de transplante de córnea é realizada atualmente em regime
ambulatorial sob anestesia local na grande maioria das vezes, ou seja, no
Centro Cirúrgico Hospitalar, porém sem necessidade de internação.
2. Em quanto tempo estarei enxergando normalmente ?
A córnea demora meses para cicatrizar, pois não tem vascularização.
Por este mesmo motivo, a rejeição é muito menos freqüente do que com
outros órgãos. A córnea transplantada demora vários meses (6 a 12 meses
em média) para assumir uma curvatura estável e proporcionar então uma
visão estável.
3. Necessitarei de óculos ou lentes de contato após o transplante?
Muito provavelmente.
Miopia e astigmatismo residuais após a cirurgia de transplante de
córnea são muito comuns, o que torna necessário o uso de óculos, e muitas
vezes lentes de contato, para a obtenção de uma melhor visão.
Em alguns casos é necessária ainda a realização de cirurgia refrativa
para redução da miopia e astigmatismo residuais.
4. Quando os pontos serão removidos ?
Normalmente após 2 a 3 meses inicia-se a remoção de alguns pontos.
De uma maneira geral, os pontos não causam problemas. Só serão
removidos se estiverem provocando desconforto ocular ou para diminuir o
astigmatismo pós-operatório. Quando necessário, os pontos são removidos
no próprio consultório, com colírio anestésico, sem desconforto algum.
5. Quais são as minhas restrições após o transplante de córnea
Deve-se evitar esforços físicos grandes nos primeiros 3 meses se
seguem à cirurgia. Deve-se evitar apertar ou esfregar o olho. Um protetor
ocular é geralmente usado à noite por 15 dias após a cirurgia.
6. Quando poderei tomar banho e lavar o cabelo ?
Imediatamente após a alta hospitalar. Entretanto, tenha o cuidado de
evitar a entrada de água, sabonete ou xampu dentro do olho, nos 1 os 15 dias
após a cirurgia.
7. Por quanto tempo deverei ser examinado após a cirurgia ?
A maioria dos problemas, se houverem, aparecem nos primeiros
meses após a cirurgia. A rejeição, quando ocorre, é mais freqüente durante
os dois 1os anos que se seguem à cirurgia. Pode, entretanto, ocorrer até
vários anos após.
De uma maneira geral, os exames pós-operatórios se fazem da
seguinte maneira:
- 2x no 1o mês de pós-operatório.
- 1x/mês nos 6 meses seguintes.
- aos 9 e 12 meses após a cirurgia.
- Após, 1 exame a cada seis meses.
Isto é muito variável e depende de cada caso.
8. Por quanto tempo após a cirurgia não precisarei pagar consulta e
exames (no caso de pacientes particulares)?
Pacientes particulares: 3 meses
Convênios: 15 dias.
9. Quais são os sintomas de rejeição ?
Dor, olho vermelho ou diminuição da visão sempre indicam algum
problema, inclusive rejeição.
Neste caso, você deverá procurar a Clínica imediatamente, para
iniciarmos tratamento adequado e evitar a rejeição irreversível da córnea.
A maioria das rejeições, quando tratadas bem no seu início, são reversíveis;
portanto você deve cuidar do seu transplante e nos procurar se tiver
qualquer sintoma.
9. Quais são os riscos da cirurgia ?
Felizmente, a cirurgia do transplante de córnea é uma das cirurgias
de maior índice de sucesso atualmente, devido às modernas técnicas de
microcirurgia. As complicações são raras, mas podem ocorrer, quais
sejam, infecção, hemorragia, descolamento de retina, edema de mácula e
rejeição.
Sinta-se à vontade para tirar qualquer dúvida em relação à cirurgia.
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

teste

2 Cartões juh16

Matemática

2 Cartões Elma gomes

Criar flashcards