Apresentação - Escola Interativa

Propaganda
Trabalhando Valores e
Descobrindo Talentos.
A Escola e seu papel na (re)
construção de Valores
- Para Paulo Freire o conhecimento, deve
preparar os educandos para a inserção na
sociedade, Devemos “construir” neles
valores, criticidade e pensamentos
inovadores que contribuam para o
melhoramento da sociedade.
“É fundamental que o estudante adquira
uma compreensão e uma percepção nítida
dos valores. Tem de aprender a ter um
sentido bem definido do belo e do
moralmente bom”.
Albert Einstein
Valores no Mundo Contemporâneo
Vivemos em uma “crise de valores”
- Motivos: crise no modelo das relações familiares;
alterações econômicas, científicas e tecnológicas
que a sociedade moderna tem conhecido.
“ A constelação familiar hoje conta com
filho, meio filhos e filhos postiços
resultantes de diferentes casamentos
tanto do pai quanto da mãe. A Educação
ficou ainda mais complexa”
Içami Tiba- Ensinar Aprendendo p. 147
Exemplos
1) A idéia da ciência como empenhada na
verdade e aperfeiçoamento da humanidade, ficou
igualmente comprometida no século XIX com o
envolvimento de inúmeros cientistas na
investigação da armas mortíferas, em cruéis
experiências com seres humanos, etc. O lado
negro da ciência tem vindo a evidenciar-se em
todos os domínios (manipulação genética,
construção de armas de destruição maciça, etc).
2) O desenvolvimento econômico dos países tem
sido feito à custa da poluição do ar, contaminação
da águas, destruição das florestas, acumulação
de lixos, etc. As previsões sobre as
conseqüências futuras destas ações são
aterradoras: o planeta terra está numa rápida
agonia.
3) A sociedade da abundância está longe de
ser uma realidade em todo o planeta. Dois
terços da humanidade vivem abaixo do limiar
da miséria. Em alguns continentes, como a
África, assistimos à destruição de
populações inteiras pela fome,guerras,
catástrofes naturais, ecológicas, epidemias,
etc. Os ricos estão cada vez mais ricos e os
pobres parecem estar condenados à eterna
miséria.
De que maneira nós educadores
podemos encarar essa realidade
em que todos nós (professores e
alunos)estamos inseridos?
1- Diálogo
“ ... o educador já não é o que apenas educa, é educado,
em diálogo com o educando que, ao ser educado, também
educa. Ambos assim, se tornam sujeitos do processo em
que crescem juntos..”
( Freire- Pedagogia do Oprimido p.78)
“...diálogo é uma exigência existencial. E, se
ele é o encontro em que se solidariza o
refletir e o agir de seus sujeito endereçados
ao mundo a ser transformado e
humanizado...”
( Freire- Pedagogia do Oprimido p.93)
2) Conhecimento científico (Educação)
“A formação do educador não é apenas para o
exercício de sua profissão, mas sobretudo, a tomar
consciência que nós professores, estamos formando
indivíduos para viverem em sociedade e os
conhecimentos adquiridos durante este processo, têm
que se tornar eficaz, permitindo que o educando
usufrua a Ciência (conhecimento) como um
instrumento para a compreensão e atuação na
sociedade, não se sentindo alienado”.
Para VASCO MORETTO:
“O aluno deve ser trabalhado como um gerente que
analisa situações do ponto de vista técnico, social,
político e ético”.
Neste contexto definimos o papel do educador: aquele que
prepara as melhores condições para o desenvolvimento do
educando, isto é, aquele que, em sua atividade, não apenas
transmite informações isoladas, mas apresenta conhecimentos
contextualizados, usa estratégias para o desenvolvimento de
habilidades específicas, utiliza linguagem adequada e
contextualizada, respeita valores culturais e ajuda a administrar
o emocional do aprendiz.
3) Preparar o aluno( e si próprio) para
Mudança e para Superação
Reaprender e buscar constante formação.
“Os professores não são apenas consumidores, mas são
também produtores do saber. Os professores não são
apenas executores, mas são também criadores de
instrumentos pedagógicos. Os professores não são
apenas técnicos, mas são também profissionais críticos e
reflexivos...”
(NÓVOA: 1998 p. 31).
“Por isso é que, na formação permanente de
professores, o momento fundamental é o da
reflexão crítica sobre a prática. É pensando
criticamente a prática de hoje ou de ontem que
se melhora a próxima prática”
(FREIRE, 2004 p.39).
Como descobrir talentos?
- Talentos a serem descobertos:
professor e aluno.
- Através de projetos educacionais alunos e
professores podem desenvolver e mostrar suas
habilidades (talentos);
-Preparar atividades, cuja realização permita aos
estudantes construir conhecimentos;
-
Saber orientar o trabalho dos estudantes;
-
--
Saber avaliar;
Adquirir formação necessária para associar
ensino e pesquisa didática.
“Para que as escolas possam preparar nossos jovens para
um mundo em que o valor surge da iniciativa e criatividade
individual, temos que criar uma sociedade que valorize e
respeite seus professores e conceda-lhes autonomia para
exercer o seu trabalho. Temos que ter professores que
formem talentos humanos”.
(Ademir Simão- A educação como elemento transformador do talentohttp://www.180graus.com/opiniao )
Valores + Projetos Educacionais
- Mídia (novelas, filmes, músicas) que
banalizam a violência, as drogas e o sexo.
- Ano Planeta- (2008)
Projetos interdisciplinares
O ensino baseado na
Interdisciplinaridade proporciona uma aprendizagem
bem estruturada e rica, pois os conceitos
estão organizados em torno de unidades mais globais,
de estruturas conceituais e
metodológicas compartilhadas por várias disciplinas,
cabendo ao aluno a realização de
sínteses sobre os temas estudados
POR QUE DESENVOLVER PROJETOS?
“Educação é a estratégia definida pelas sociedades para
levar cada indivíduo a desenvolver seu potencial
criativo, e para desenvolver a capacidade dos
indivíduos de se engajarem em ações comuns.
“A escola é a oportunidade de se aprender a agir em
comum, socializando conhecimentos e habilidades com
um objetivo do grupo, para o que cada indivíduo
contribuirá com o que tem a oferecer.” ( Ubiratam
D´Ambrosio )
DESCOBRINDO TALENTOS
“ Durante a realização dos projetos, o professor
pode observar os alunos trabalhando, analisar
suas áreas de interesses e desenvolver estratégias
para auxiliar cada um a avançar nas quais se
mostram mais frágeis. Deve estimular os alunos a
planejar, revisar sua trabalhos e cooperarem uns
com os outros.”
Desafio aos educadores
-Olhar o ordinário e moldá-lo em
extraordinário.
Referências Bibliográficas
FREIRE, P. Pedagogia do Oprimido. 13ª ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra,
1983.
Pedagogia da Autonomia: Saberes necessários à prática
educativa. São Paulo: Paz e Terra, 2004.
_________Ação cultural para a liberdade. 9a ed. São Paulo: Paz e Terra,
2001.
GARCÍA, C.M. Formação de Professores para uma Mudança Educativa.
Porto, Portugal: Porto Editora; 1999.
NÓVOA, A. “Formação de Professores e Profissão Docente”. In: NÓVOA, A.
(org) Os Professores e sua Formação, 5ª ed. Lisboa: Publicações Quixote,
1997, pp. 15-33.
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

paulo

2 Cartões paulonetgbi

Criar flashcards