Aluno(a) Profº. THIAGO BELLO LISTA N° 01 ECOLOGIA BIOLOGIA

Propaganda
Aluno(a) ___________________________________________________________________
Profº. THIAGO
BELLO
LISTA N° 01
01 - (UFG/2004) Algumas plantas desenvolvem-se bem
em terrenos ricos em bactérias do gênero Rhizobium, que
se associam às suas raízes, formando nódulos
macroscópicos. Determinados mamíferos herbívoros
abrigam, em seu tubo digestivo, bactérias que digerem a
celulose, transformando-a em carboidratos aproveitáveis.
As associações descritas são harmônicas, por meio das
quais:
a) as espécies envolvidas são beneficiadas, estabelecendo
uma interdependência fisiológica entre si.
b) um dos indivíduos é beneficiado, utilizando os restos
alimentares do outro, e este não é prejudicado.
c) ambos são beneficiados, mas podem viver de modo
independente, sem prejuízo para qualquer um deles.
d) uma das espécies é beneficiada, sendo abrigada pela
espécie hospedeira, e esta não é prejudicada.
e) dois indivíduos da mesma espécie mostram-se
fortemente ligados uns aos outros, e não conseguem viver
isoladamente.
02 - (UFG/2004) Em açudes de pequeno porte, na região
do polígono da seca no Nordeste brasileiro, houve curto
período de estiagem seguido de longo período chuvoso e
forte luminosidade.
Espera-se que, nessas circunstâncias,
a) ocorra aumento de fitoplâncton, deposição de matéria
orgânica, morte de algas, baixo teor de oxigênio e
mortandade de animais aquáticos.
b) haja proliferação de animais que habitam as regiões
mais profundas, pois eles consumirão mais alimentos. c.
ocorra aumento da taxa de oxigênio para que os
microrganismos anaeróbicos possam atuar consumindo as
algas.
d) ocorra diminuição da quantidade de sais minerais
disponíveis, o que permite a proliferação do zooplâncton.
e) haja acúmulo de dejetos animais, que acabam se
depositando e deixando as águas límpidas para atuação
dos decompositores.
ECOLOGIA
BIOLOGIA
b) pelo excesso de fósforo no solo, que atinge os lençóis
freáticos, elevando a temperatura dos mananciais de água
doce.
c) pela ação humana, por meio de desmatamento e queima
de combustível fóssil, que atuam como um revestimento,
retendo o calor da Terra.
d) pelo derretimento das calotas de gelo, que elevam o
nível dos oceanos, inundando as cidades costeiras e
aquecendo o ambiente.
e) pelo excesso de chumbo e mercúrio na água, que, ao
evaporar-se, provoca a destruição da camada de ozônio.
05 - (UFG/2005) Observe a cadeia alimentar típica de
lagoa, apresentada abaixo.
A ocorrência de poucos níveis tróficos deve-se ao fato de:
a) a competição entre duas espécies conduzir à extinção ou
à expulsão de uma delas.
b) a distribuição geográfica de animais ser condicionada à
disponibilidade de território.
c) o fluxo decrescente e unidirecional de energia limitar o
potencial biótico do sistema.
d) o produtor garantir o fornecimento contínuo de biomassa
para um contingente grande de animais.
e) a quantidade de indivíduos em cada nível trófico diminuir
à medida que servem de alimento ao nível seguinte.
06 - (UFG/2007) Durante o período de desova dos salmões
no Hemisfério Norte, são despejados no ecossistema 80 kg
03 - (UFG/2004) Na região amazônica, plantas nativas têm de nitrogênio derivados da captura desses peixes pelos
seu potencial explorado com diversas finalidades, mas ursos. Esse cálculo foi realizado para uma extensão de 250
estão ameaçadas de extinção por serem:
metros de rio.
a) plantas silvestres que sofreram alterações transgênicas,
SCIENTIFIC AMERICAN, n. 52, 2006. Brasil. [Adaptado].
o que acarretou sua não-adaptação a determinados
ambientes.
De acordo com o texto, a decomposição dos restos
b) espécimes muito utilizados, sem projetos que visem o orgânicos do salmão é um importante fator para o ciclo do
reflorestamento ou a construção de banco genômico.
nitrogênio num ecossistema do Hemisfério Norte. A
c) plantas anuais de ciclo reduzido com grande exigência ausência das bactérias do gênero Nitrosomonas, pode
quanto às condições abióticas, como luz, calor e umidade. provocar nesse ecossistema,
d) gimnospermas com pouca variabilidade de espécies e a) diminuição da disponibilidade de nitrato com
incapazes de desenvolver-se em ecossistemas terrestres.
conseqüente redução da absorção desse íon pelas plantas.
e) espécies epífitas pouco exigentes quanto aos nutrientes, b) elevação de nitrito no solo e conseqüente intoxicação
mas que necessitam chegar à copa das árvores para dos microorganismos.
receber sol.
c) aumento do processo de nitrificação com conseqüente
elevação da absorção de nitrito pelas plantas.
04 - (UFG/2004) O efeito estufa é um fenômeno ambiental d) queda de bactérias do gênero Rhizobium, diminuindo a
causado:
fixação simbiótica de nitrogênio.
a) pela maior incidência de furacões, que elevam a e) redução de íon amônio e conseqüente diminuição da
temperatura dos oceanos, extinguindo milhares de síntese de clorofila.
espécies aquáticas.
07 - (UFG/2006) O esquema abaixo representa o ciclo do
carbono na biosfera.
Sobre as etapas desse ciclo biogeoquímico, é correto
afirmar que em
a) 1 há produção de gás carbônico e água.
b) 2 há produção de oxigênio e glicose.
c) 3 há consumo de glicose e oxigênio.
d) 4 há consumo de água e gás carbônico.
e) 5 há consumo de água e glicose.
08 - (UFG/2006) A figura a seguir apresenta a precipitação
(mm) e a temperatura média (°C) de um bioma brasileiro,
DAVIES, J. Garfield de dieta. Porto Alegre: L&PM, 2006. p. 67. [Adaptado].
ao longo de um ano.
Na relação apresentada na tirinha, o parasita e o
hospedeiro são, respectivamente,
a) aracnídeo e cetáceo. b) ápode e bípede.
c) herbívoro e frugívoro. d) ametábolo e hemimetábolo.
e) ectotérmico e endotérmico.
10 - (UFG/2008) Uma rocha vulcânica, ao longo do tempo,
pode ser colonizada por microrganismos que alteram sua
composição, criando assim condições para a instalação de
outros seres vivos nesse ambiente. Esse processo é um
exemplo de
a) pirâmide ecológica. b) sucessão ecológica.
c) nicho ecológico.
d) potencial biótico.
e) resistência ambiental.
11 - (UFG/2008) Analise o mapa abaixo e as características
De acordo com a figura acima, qual bioma está relacionado descritas a seguir.
às condições climáticas apresentadas?
a) Mata de Araucárias b) Floresta Amazônica
c) Caatinga
d) Mata Atlântica
e) Cerrado
09 - (UFG/2008)
Leia a tirinha.
I. Baixíssima biodiversidade; baixas temperaturas o ano
todo; umidade moderada.
II. Alta biodiversidade endêmica; temperatura alta a acentuada nos últimos anos, dando lugar a monoculturas e
moderada; umidade sazonal.
pastagens.
III. Altíssima biodiversidade; temperatura e umidade altas o Entre as consequências da substituição dessa vegetação,
ano todo.
destaca-se:
a) o aumento de especiação decorrente da diminuição da
Dentre os biomas 1, 2, 3, 4 e 5 indicados no mapa, quais temperatura e aumento da pluviosidade.
são os que correspondem, respectivamente, às b) o aumento da disponibilidade hídrica decorrente do
características I, II e III?
excedente de água das culturas irrigadas.
a) 1, 5, 4 b) 2, 4, 3 c) 3, 2, 5 d) 4, 1, 2 e) 5, 3, 1
c) a diminuição de parte da biodiversidade nativa
decorrente da fragmentação de hábitats.
12 - (UFG/2009) Observe a figura a seguir.
d) a diminuição da temperatura diante da baixa capacidade
de absorção de CO2 pelas monoculturas.
e) o aumento da temperatura decorrente da recuperação de
pastagens e áreas degradadas.
15 - (UFG/2010) Nas planícies costeiras brasileiras de
baixa altitude a ação das marés permite que a foz dos rios
seja invadida pelas águas marinhas, ocorrendo mistura de
água doce e salgada.
Nessas planícies, a predominância climática é dinamizada
pelas massas tropical e equatorial atlântica, quente e
úmida, e a formação vegetal arbórea típica caracteriza-se
por apresentar plantas
a) halófitas com raízes respiratórias.
b) xerófitas com raízes profundas.
c) hidrófitas com raízes fasciculadas.
d) epífitas com raízes aéreas.
e) mesófitas com raízes tuberosas.
16 - (UFG/2010) A Tabela seguinte refere-se ao estudo de
comunidades de peixes num córrego com forte influência
sazonal, no caso a pluviosidade.
Disponível em: <http://chocolatesemcacau.wordpress.com>.
Acesso em: 24 mar. 2009.
A culpa atribuída aos animais (quadro 1) deve-se,
principalmente, ao fato de que esses animais eliminam
quantidades expressivas de
a) amônia.
b) cloreto de sódio.
c) gás sulfídrico. d) ácido úrico.
e) gás metano.
13 - (UFG/2009) O uso intensivo do solo pela atividade
agrícola, sem manejo apropriado, reduz drasticamente a
fertilidade edáfica, o que pode ser minimizado por meio de
a) prática da agricultura itinerante.
b) rotatividade de culturas.
c) expansão da fronteira agrícola.
d) prática de queimadas.
e) controle biológico de pragas.
14 - (UFG/2010)
Um dos maiores biomas brasileiros é o Cerrado. Sua
vegetação nativa vem sendo destruída de maneira
Os dados apresentados na tabela mostram que no período
de
a) seca existe uma relação inversa com a abundância
decorrente de mecanismos de competição intraespecífica.
b) seca há uma relação inversa com a riqueza, uma vez
que os nichos sofrem menor interferência das chuvas.
c) chuva ocorre uma relação direta com a quantidade de
O2, em função da respiração das comunidades aquáticas.
d) chuva a quantidade de O2 dissolvido limita a
abundância, pois suas moléculas são adsorvidas por
bactérias no seu leito.
e) seca a quantidade de O2 dissolvido limita a abundância,
pois a evaporação dificulta a fotossíntese das comunidades
aquáticas.
TEXTO: 1 - Comum à questão: 17
O mapa mundi abaixo mostra o itinerário da mais
importante viagem que modificou os rumos do pensamento
biológico, realizada entre 1831 a 1836. Acompanhe o
percurso dessa viagem.
e) três vezes maior na área II, devido ao maior número de
plantas por hectare.
TEXTO: 2 - Comum à questão: 18
O Tatu e o Tamanduá
Essa viagem foi comandada pelo jovem capitão FitzRoy
que tinha na tripulação do navio H. M. S. Beagle outro
jovem, o naturalista Charles Darwin. No dia 27 de
dezembro de 1831, o Beagle partiu de Devonport, na
Inglaterra, rumo à América do Sul com o objetivo de realizar
levantamento hidrográfico e mensuração cronométrica.
Durante cinco anos, o Beagle navegou pelas águas dos
continentes e, nesta viagem, Darwin observou, analisou e
obteve diversas informações da natureza por onde passou,
o que culminou em várias publicações, sendo a Origem das
Espécies uma das mais divulgadas mundialmente.
Contudo, o legado de Darwin é imensurável, pois modificou
paradigmas e introduziu uma nova forma de pensar sobre a
vida na Terra.
Em 2006, completou-se 170 anos do término desta viagem.
Nesta prova de Biologia, você é o nosso convidado para
acompanhar parte do percurso realizado por Darwin. Boa
viagem!
Já é noite
e o tatu sai da toca.
Faminto que está,
quer chegar ao cupinzeiro
antes do tamanduá.
Com tanta pressa
vai pela trilha o tatu,
mas logo à frente tropeça
numa vara de bambu.
O tatu então supõe
ter caído na armadilha
do rival tamanduá...
Será que ele teve a mesma idéia
de papar todo o alimento
que no cupinzeiro há?
Quando do chão se levanta,
o tatuzinho se espanta
diante do tamanduá.
― Boa noite, amigo tatu!
Venho aqui te convidar
Para ir ao cupinzeiro...
Lá não há muitos cupins,
mas pra dois acho que dá.
O tatu, meio sem graça,
quase esconde a cara
debaixo da carapaça...
E lhe serviu a lição
pra aprender a divisão.
Dorival Coutinho da Silva. Disponível em: <
http://recantodasletras.uol.com.br>. Acesso em: 24 mar. 2009.
17 - (UFG/2009) Essa questão trata de relatos de Charles
Darwin durante a sua estada no Rio de Janeiro, no ano de 18 - (UFG/2009) De acordo com o poema, o tatu está
1832.
cumprindo o seu papel ecológico, pois mantêm com o
tamanduá uma relação interespecífica de
Em seu diário de bordo Darwin faz ainda a seguinte a) mutualismo. b) comensalismo. c) competição.
observação:
d) predação.
e) inquilinismo.
O principal produto desta parte do país é o café. Cada pé GABARITO:
deve produzir uma média anual de 2 libras* de grãos, mas
há aqueles que produzem até 8 libras.
1) Gab: A 2) Gab: A 3) Gab: B 4) Gab: C 5) Gab: C
* Unidade de massa mais usada na época pelos ingleses.
6) Gab: A 7) Gab: C 8) Gab: E 9) Gab: E 10) Gab: B
11) Gab: D 12) Gab: E 13) Gab: B 14) Gab: C 15) Gab: A
Supõe-se que estas observações foram realizadas em duas 16) Gab: B 17) Gab: A 18) Gab: C
plantações de café, como indicam os dados abaixo.
Área I – 1,0 ha, 5 mil plantas com produção de 2 libras por
planta
Área II – 1,2 ha, cada planta ocupando 4 m2, com produção
de 8 libras por planta
Considerando que as duas áreas situam-se numa mesma
região com uniformidade de condições ambientais, concluise que a produção total de grãos foi
a) maior na área II, por causa de maior interceptação da
radiação solar.
b) quatro vezes menor na área I, em decorrência do menor
número de plantas por hectare.
c) menor na área II, em virtude de maior competição por
oxigênio.
d) cinco vezes menor na área I, em função de maior
competição pelo CO2 atmosférico.
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

paulo

2 Cartões paulonetgbi

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

teste

2 Cartões juh16

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Criar flashcards