Torcida de futebol Torcer ou não torcer, eis a questão

advertisement
PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS
UNIDADE SÃO GABRIEL
INSTITUTO DE PSICOLOGIA
Torcida de futebol Torcer ou não torcer, eis a questão!
Fabricia Santos1
Mônica Silveira Barrouin2
Quem nunca se deparou com ruídos e exaltados grupos de torcedores pelas ruas,
nos metrôs, trens, ônibus, nas lotações ou peruas Kombi excessivamente ocupadas,
carros particulares cobertos por bandeiras, amontoadas de torcedores, buzinado sem
cessar, saudando os iguais ou provocando os rivais. O objetivo desta monografia é
investigar o que mantém o comportamento das torcidas de futebol mineiro permanecer
seguidores de seus times, mesmo após a exposição possível de contingências aversivas;
utilizando como referencial teórico a Análise do Comportamento. No primeiro capítulo,
é apresentado um pequeno panorama da história dos jogos, passando pelos gladiadores,
Idade Média e os jogos contemporâneos. No segundo capitulo aborda-se a historia do
surgimento do futebol no Brasil; a criação do primeiro clube, torcidas e até mesmo a
primeira bola a ser utilizada. Com breves passagens pelo surgimento de alguns grandes
clubes consagrados nos tempos atuais, o inicio de alguns grandes clubes brasileiros e
em seqüência trazendo para o leitor um conhecimento maior referente às duas maiores
torcidas do Estado de Minas Gerais, o Clube Atlético Mineiro e o Cruzeiro Esporte
Clube. No terceiro capítulo, faz-se um pequeno histórico bibliográfico a respeito o
comportamento das torcidas de futebol e como surgiu o inicio das torcidas organizadas
de Minas Gerais (Mafia Azul e Galoucura). No quarto e ultimo capitulo descrevo as
1
Aluna do curso de Psicologia da PUC Minas - Unidade São Gabriel. Resumo da Monografia
apresentada no 1º semestre de 2010, como requisito parcial para conclusão de curso. Contato:
[email protected]
2
Mestre em Psicologia Experimental (linha: clínica comportamental) pela PUC- São Paulo, Professora do
Curso de Psicologia da PUC Minas - Unidade São Gabriel, supervisora clinica e orientadora de
monografia.
possíveis variáveis de controle do Comportamento de Torcer na perspectiva da Análise
do Comportamento. E, posteriormente procedeu-se a uma pesquisa quantitativa no
Estádio de Futebol Governador Magalhães Pinto e na analise de dados, são traçadas as
análises dos gráficos e as considerações finais do presente trabalho.
Área do Conhecimento: Psicologia Comportamental
Palavras-chave: Comportamento das torcidas de futebol Mineiro. Cruzeiro Esporte
Clube e Clube Atlético Mineiro.
Download