Enviado por diranneide.amorim

vegetal

Propaganda
TRABALHO de RECUPERAÇÃO de CIÊNCIAS
Nome: ______________________________________________ Nº ___ 7 o ano:___
Data: ___ /__ / 2011
Ciente
Professor(a): ____________
Nota: ________ (valor: 2,0)
3º bimestre
Assinatura do Responsável
REINO VEGETAL
1) O reino vegetal é formado por organismos que, apesar de serem todos fotossintetizantes, podem
apresentar muitas diferenças. São, por isso, divididos em grupos. Identifique cada um dos grupos
representados a seguir.
2) Leia o texto a seguir e depois responda às questões.
Pinheiro-do-Paraná: uma árvore plantada por pássaros
Se a gente fosse escolher as cinco árvores mais significativas do Brasil, certamente não
deixaria de fora a araucária ou pinheiro-do-paraná, conhecida também pelo nome científico de
Araucaria angustifólia.
Antigamente, a araucária cobria grande parte do território de Minas Gerais, Espírito Santo, São
Paulo, Paraná e Rio Grande do sul. Era exportada para todo o mundo e fez a riqueza de muita gente.
Com isso, as regiões de araucária foram submetidas a um processo cruel de devastação. Pinheiros
inteiros foram abatidos a machado ou serrados e, às vezes, apenas queimados para dar lugar ao
milho, à soja e ao feijão.
Pensavam que a araucária fosse uma riqueza inesgotável. Mas hoje ela é somente encontrada
em pequenas e esparsas reservas naturais. Nem sequer foi criado um parque nacional da araucária,
e nem sabemos mais onde ela dá e onde não dá.
Pinheiro-do-paraná é mais que uma árvore bonita: é imponente. Com a forma de uma taça, ele
é alto, reto e seu tronco mantém a forma cilíndrica quase perfeita desde a base até o topo, chegando
a atingir de vinte a trinta metros de altura.
Mas a araucária não é só importante como madeira. É também alimento. O pinheiro-do-paraná
produz o pinhão - um petisco tão apreciado por nós como por boa parte da fauna brasileira. Da anta
ao sabiá, da queixada à impressionante gralha-azul, do tatu à pomba, todos gostam de pinhão.
A mata de araucária atrai toda sorte de bichos e passarinhos, mas atrai principalmente a
gralha-azul, um pássaro selvagem, brilhante, e que está ficando cada vez mais raro no Brasil. Tão
raro como as matas de araucária.
Na temporada do pinhão, que vai de março até setembro, a gralha recolhe as sementes das
pinhas, come o que quer e enterra a sobra, como reserva para o verão.
Como a gralha geralmente armazena mais do que pode comer, ou - como acredita muita gente
- esquece onde enterrou os pinhões, eles acabam germinando e nascendo. E os novos pinheiros
saem para a vida, para compensar os que morrem de velhos ou por doença. Infelizmente, a
semeadura das gralhas não compensa os estragos das motosserras, pela única razão de que,
cortando os pinheiros, acaba-se também com as gralhas.
(Adaptado de: Globo Rural, mar. 1996.)
a) Em que grupo de vegetais os pinheiros, como a araucária, estão classificados? Por quê?
b) Que parte do pinheiro (raiz, caule, folha etc.) é o conhecido e apreciado pinhão?
c) Qual é o papel da gralha no ciclo reprodutor desses pinheiros?
d) Os pinheiros são plantas vasculares (com vasos condutores) ou avasculares? Por quê?
3) O quadro a seguir traz exemplos de vegetais pertencentes a diferentes grupos. Marque X nos
quadrinhos que indicam os grupos ao qual pertencem tais organismos:
BRIÓFITA
PTERIDÓFITA
GIMNOSPERMA
ANGIOSPERMA
Castanheira-do-pará
Pessegueiro
Araucária
Musgo
Avenca
Cipreste
Pinheiro
Samambaiaçu
Laranjeira
Samambaia
Roseira
Grama
Hepática
4) Da mesma forma que os animais, as plantas mostram uma sequência evolutiva que, a partir da
vida aquática, conquistaram definitivamente o meio terrestre. Use as palavras do quadro a seguir para
completar o texto que descreve as características das plantas terrestres mais simples:
aquático – absorver – fixar – úmidos – filoides –
vasos condutores – terrestre – rizoides - briófitas
Os musgos são pequenos vegetais que podem ser encontrados em ambientes _______________,
frequentemente à sombra. Tais vegetais pertencem ao grupo das ______________, que apresenta
característica de transição entre o ambiente _____________ e ______________. No corpo dos
musgos podemos distinguir três partes: os ____________, os cauloides e os ______________. Os
rizoides têm a função de ____________ a planta no solo e _______________ água. Cauloides e
filoides são órgãos semelhantes a caules e folhas, mas que não apresentam ___________________.
.
5) Qual a diferença evolutiva entre as briófitas e as pteridófitas?
6) Qual a diferença evolutiva entre as gimnospermas e as angiospermas?
7) Por que as briófitas são vegetais exclusivamente de pequeno porte, diferente das pteridófitas,
gimnospermas e angiospermas?
8) Observe o esquema do ciclo reprodutivo de um musgo e depois responda às questões a seguir:
a) O que indicam as setas?
1. ________________________
4. ________________________
2. ________________________
5. ________________________
3. ________________________
6. ________________________
b) Qual é a planta feminina: A ou B? Como você chegou a essa conclusão?
9) Considerando as fases da vida da samambaia
representadas a seguir, responda:
a) O que a fase A produz? _________
b) Qual é o nome da fase A? ______________
c) Onde aparecem os soros? _________
d) Onde ocorre a fecundação? _________
10) As espermatófitas, plantas com sementes, são divididas em dois grupos: gimnospermas e
angiospermas. A palavra gimnosperma é de origem grega e significa “semente nua” (gimnus, “nu”,
“desprotegido” + sperma, “semente”). Como você explica o uso desse nome para os pinheiros?
11) As plantas estão adaptadas a diferentes tipos de polinização, apresentando, por isso,
características diferentes. Ligue o tipo de flor ao seu respectivo agente polinizador:
12) O esquema a seguir mostra uma flor, que, após a polinização, originou um fruto com uma
semente. Identifique e cite a origem das estruturas indicadas pelas setas:
estrutura
(A)
(B)
(C)
origem
13) Em época de reprodução, uma angiosperma apresenta raiz, caule e folhas
além de flor, fruto e sementes. Considerando o esquema ao lado como uma flor
de angiosperma, responda:
a) Que número representa a estrutura reprodutiva feminina?
b) E a masculina?
14) Resolva os seguintes testes:
1) Nas briófitas, a inexistência de um sistema vascular condutor de seiva e a ocorrência de gametas
flagelados móveis determinam que essas plantas sejam:
a) Consideradas mais evoluídas que as algas.
b) Sempre de porte pequeno e vivam em locais úmidos e sombreados.
c) De ocorrência exclusivamente aquática, principalmente marinha.
d) Independentes de um substrato para fixação e da água durante a fecundação.
2) Analise a descrição abaixo:
“Grupo de plantas de pequeno porte, encontradas em locais úmidos e sombreados, que crescem no
solo ou sobre os troncos das árvores. Há poucas espécies dulcícolas e nenhuma marinha. Este grupo
de plantas apresenta rizoides e não possui vasos condutores”.
Após a análise do texto, assinale a alternativa que apresenta o nome do grupo das plantas com as
características apresentadas.
a) Briófitas.
b) Gimnospermas.
c) Pteridófitas.
d) Angiospermas.
e) Dicotiledôneas.
3) O pinhão, alimento tão apreciado durante as festas de São João, é a(o) ________ de uma planta
________, a qual possui em seu interior um embrião.
a) semente, angiosperma.
b) fruto, angiosperma.
c) semente, pteridófita.
d) semente, gimnosperma.
e) fruto, gimnosperma.
4) A figura mostra a face inferior de uma folha onde se observam estruturas reprodutivas. A que grupo
de plantas pertence essa folha e o que é produzido em suas estruturas reprodutivas?
a) Angiosperma; grão de pólen.
b) Briófita; esporo.
c) Briófita; grão de pólen.
d) Pteridófita; esporo.
e) Pteridófita; grão de pólen.
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

paulo

2 Cartões paulonetgbi

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

teste

2 Cartões juh16

Criar flashcards