Enviado por alessankaren

Especialidade Felinos - GUIA DAS ESPECIALIDADES

Propaganda
Amigo
Material preparado especialmente para classe de
amigo (10 anos)
N° 56
Ano 4/2016
2ª Edição
www.mundodasespecialidades.com.br
Felinos
ESTUDO DA NATUREZA
Ministério dos Desbravadores
Igreja Adventista do Sétimo Dia
mundodasespecialidades
[email protected]
mundodasespecialidades
www.mundodasespecialidades.com.br
EXPEDIENTE
2ª Edição: Disponível em
O que vem por aí ///
por Mundo das Especialidades
www.mundodasespecialidades.com.br
Direção Geral:
Khelven Klay de Azevedo Lemos
Diagramação e Edição:
Khelven Klay de A. Lemos
Coord. de Guias das Especialidades:
Thomé Duarte
Editoração e Revisão : Aretha Stephanie
Autor: Khelven Klay
Impressão: Servgrafica Editora
SITE MUNDO DAS ESPECIALIDADES
É
O site do Mundo das Especialidades já havia sido lançado, já estava funcionando no ar, só faltava uma coisa... uma atenção especial
as matérias de especialidades. Foi no ano de 2012, que os então
conhecidos guias das especialidades ganharão sua primeira diagramação. A escolhida da época foi a especialidade de felinos, assim que foi
divulgada, foi um sucesso. Quando olho para os nossos guias atuais e
comparo com os do passado enxergo o quanto o evoluímos tanto no que
se refere a conteúdo quando no aspecto gráfico. Para comemorar, resolvemos reeditar a nossa especialidade nº1. Agora ela vem recheada de novas
informações, ilustrações e fotografias. Esse nosso pulsar por novidades
nos deixa inquietos como equipe, sabendo que está especialidade muitas
das vezes é a primeira que muitos desbravadores estudam, então que esta
seja o começo de um primoroso caminho de conhecimentos dentro deste
Ministério incrível!
Telefones:(84)8778-0532
E-mail:[email protected]
Site: www.mundodasespecialidades.com
Facebook:Facebook.com/mundodasespecialidades
DIREITOS RESERVADOS:
A reprodução deste material seja de forma total ou
parcial de seus textos ou imagens é permitida, desde que seja referenciado o Mundo das Especialidades e seus autores pela nova autoria ao fim de seu
material. Todos os direitos reservados para Mundo
das Especialidades
UNIÃO NORDESTE BRASILEIRA
UNIÃO LESTE BRASILEIRA
IGREJA ADVENTISTA DO SÉTIMO DIA
MINISTÉRIO DOS DESBRAVADORES
Natal, RN, Julho de 2016
QUEM ESCREVE
Sou diretor do site Mundo das Especialidades. Zootecnista pela
Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Líder investido
e atualmente trabalho com o Clube de Líderes, aqui na Missão
Nordeste, UNeB.
KHELVEN KLAY
Bom Estudo!
Guia das Especialidades
ESTUDO DA NATUREZA
Introdução
Leopardo
O leopardo é o que tem a tática de caça
mais sofisticada. África
Os gatos domésticos podem ser atendidos pelos nomes científicos Felis silvestris catus ou, simplesmente, Felis catus. O processo
de domesticação desses animais é pouco elucidado, sendo que há
linhas de pesquisa que apontam que tais indivíduos podem ter passado por um processo de “autodomesticação”, ou seja: tendo pouca ou
mesmo nenhuma participação da nossa espécie, diretamente falando.
Acredita-se que tal fato está relacionado ao plantio intensivo de cereais,
há cerca de 10.000 anos, que propiciou a atração de roedores, com a
consequente atração dos gatos para tais locais. Registros egípcios,
que remontam a mais de 2.300 a.C. já apresentavam referências ao
convívio humano com esses felídeos.
Os gatos pertencem a ordem carnívora, na qual os animais tem
dentes cortantes e salientes, e consomem carne. Outras características
comuns a todos os carnívoros é que possuem o corpo peludo e com
garras nas patas. Os gatos são muito silenciosos. Esta é uma herança de seus antepassados que fazem deles caçadores ainda melhores.
Isto porque suas patas têm uma densa pelagem, abafando os ruídos
que elas produzem contra o chão.Possuem o hábito higiênico de se
lamberem,
Guepardo
o guepardo é mais veloz. África
Felinos Selvagens
As principais espécies de felinos abaixo dividem democraticamente a vantagem nas principais características de caça. Todos eles
são carnívoros e muitas vezes disputam as mesmas presas. “Mas essas semelhanças não são suficientes para comparar e avaliar se uma
espécie de felino caça melhor que outra”, diz o biólogo Rogério de
Paula, do Centro Nacional de Pesquisas para Conservação dos Predadores Naturais. “A sobrevivência da espécie ao longo do tempo, sim, é
um forte indício de que o estilo de caça é eficiente”. Revista Mundo Estranho
Leão
O leão ataca em grupo– África
Tigre
o tigre abate presas maiores - África
Felinos * Estudo da Natureza
Onça Pintada
Dentada mais violenta (América)
Puma
Planejadora para capturar suas presas
. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 02
www.mundodasespecialidades.com.br
Guia das Especialidades
ESTUDO DA NATUREZA
Você sabia?
Por que os olhos dos gatos
brilham no escuro?
Olhos
Nos felinos, os músculos da íris que circundamas pupilas são construídos de modo a permitir que elas se contraiam verticalmente,
formando uma fenda, e dilatem até ocupar
quase todo o globo ocular, permitindo a entrada do máximo de luz.
Na verdade nenhum animal possui olhos
que brilham no escuro. O que acontece é
que muitos vertebrados terrestres com
hábitos de caça noturna (como alguns
répteis e diversos mamíferos) possuem
uma superfície na retina conhecida como
tapetum lucidum. Essa parte do olho
funciona como um espelho e ajuda esses
animais a enxergarem melhor no escuro,
pois reflete a luz de volta para a camada
fotorreceptora, fornecendo uma segunda
oportunidade para a imagem ser captada
adequadamente. A composição dessa superfície refletora é bastante diversificada,
mas funciona da mesma maneira em todos os animais. Quando estão no escuro,
a pupila dos bichos fica inteiramente dilatada e expõe o tapetum lucidum. Por isso,
quando um feixe de luz vindo de um farol
ou mesmo do luar bate em seus olhos,
essa superfície o reflete - e nos causa a impressão de que seus olhos brilham.
Fonte: Roberto Calderon Gonçalves, coordenador do
curso de veterinária da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Unesp em Botucatu
Bigodes
Nunca corte ou apare o bigode do seu gato!
O bigode dos gatos (também conhecidos
como “pêlos táteis”) age como um detector
de estí- mulos externos, fornecendo informações sobre as imediações onde o animal
está. É por isso que o bigode ajuda o gato a
sentir o ambiente em seu redor.
Dentes
Os dentes dos felinos são pontiagudos e
estão prontos para dilacerar a carne de
suas presas. Gatos têm 30 dentes, enquanto os cães possuem 42. Os dentes de leite
são substituídos pelos permanentes, por
volta dos 7 meses de idade.
Orelhas
Patas e Unhas
Se você apertar as patas de um gato, verá que suas unhas
são retráteis. Essas unhas são afiadas e importantes para
que o animal possa se “fixar” melhor em algumas superfícies. Essa mesma estrutura também são encontradas nas
patas por exemplo de um leão, neste caso são as garras.
As orelhas dos gatos são protegidos por
sua habilidade de movimento. Eles podem
recuá-las. O ouvido interno é resguardado
por uma série de canais dispostos na cabeça do animal, e que vão até os órgãos auditivos. Na entrada da orelha existe uma
grande quantidade de pêlos, que funcionam como um filtro. Só com cerca de duas
semanas de vida é que os gatos já ouvem
bem e os seus olhos abrem por volta do
sétimo dia.
03 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Estudo da Natureza * Felinos
www.mundodasespecialidades.com.br
Guia das Especialidades
ESTUDO DA NATUREZA
Mitos sobre os gatos
1- Gatos odeiam água
Depende do gato. Algumas raças, como o maine coon e o turkish van,
adoram. Tanto que na falta de um rio ou lago, se enfiam debaixo de
torneiras, dentro de banheiras e até em vasos sanitários. Para outras
raças, é tudo questão de costume. “É bom lembrar que são animais
muito higiênicos e mesmo os que não gostam de água estão sempre
se lambendo para ficar limpos”, afirma a veterinária Tânia Fernandes,
professora da Universidade Metodista de São Paulo.
2- Eles enxergam no escuro
Quase. Eles têm uma visão noturna 10 vezes melhor do que a dos humanos. Mas ainda é preciso haver alguma luz para que uma camada
extra de células que existe nos olhos dos gatos possa refleti-la de volta
à retina, aumentando a visão.
Na mídia!
Popular na rede
Se você gosta de ver piadinhas nas redes sociais,
já deve ter visto a Grumpy Cat, uma gatinha vira-lata com uma cara permanente de ranzinza
devido ao nanismo. A gata ficou popular depois
que um de seus donos postou uma foto sua no
Reddit em 2012 e virou meme. Hoje a felina tem
mais de 7 milhões de fãs no Facebook, já apareceu na primeira página do The Wall Street Journal, foi capa da revista New York e terá em breve uma estátua de cera no Madame Tussauds,
em São Francisco, nos EUA.
3- Gato preto dá azar
Essa é uma lenda contraditória. Em boa parte do Ocidente, a partir da
Idade Média, surgiu a crença de que cruzar com um na rua era azar na
certa. No Japão e no Reino Unido, é considerado um bom sinal. Pelo
menos para os gatos, pode ser mesmo muita sorte: uma pesquisa do
Instituto Nacional de Saúde dos EUA sugere que o gene que dá a coloração preta ao animal também seria responsável por torná-lo imune
ao vírus do HIV felino.
4- Eles não podem ser adestrados
Apesar da fama de insubordinados, podem sim. “Com um pouco de
paciência e as técnicas certas, gatos podem aprender os mesmos truques que os cachorros”, afirma o adestrador Gustavo Campelo, de São
Paulo. Na Rússia, há 30 anos, o Teatro dos Gatos de Moscou conta
com mais de 120 gatos que fazem acrobacias, andam em corda bamba e equilibram bolas no nariz.
5- Gatos tem 7 vidas
Bem que eles gostariam. Em alguns países no Hemisfério Norte, a lenda diz que eles tem até 9. Mas a verdade é que tem uma só, que dura
em média 15 anos para gatos domésticos e apenas 2 para os de rua.
6- Sempre caem em pé
Esse é um dos mitos que deram origem à história acima. Mas a queda
precisa ser de uma distância mínima de 60 centímetros do chão para
que eles consigam se virar a tempo. E se for de uma altura muito grande, mesmo caindo sobre as 4 patas, podem se machucar.
Fonte: Revista Superinteressante ; Edição 296, Outubro de 2011, Ed. Abril
Felinos * Estudo da Natureza
. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 04
www.mundodasespecialidades.com.br
Guia das Especialidades
ESTUDO DA NATUREZA
A mancha amarela no corpo do gato representa a propagação do impulso nervoso de rotação pelo corpo.
Como os gatos caem de pé?
Porque eles têm um apurado senso de equilíbrio, que lhes permite fazer movimentos rápidos e girar o corpo para cair sobre as quatro patas. Para executar esse invejável malabarismo, o bichano conta com
a grande sensibilidade dos receptores vestibulares que integram o
labirinto, uma estrutura na parte interna do ouvido responsável pelo
equilíbrio. Sempre que o gato está numa posição desconfortável,
ocorre um aumento de pressão na região, o que funciona como um
alerta. Essa mensagem, somada às que são captadas pela visão do
animal, é enviada para o sistema nervoso central, que a interpreta e
manda vários sinais elétricos para o aparelho locomotor, principalmente os músculos. Estes, então, realizam uma série de movimentos instintivos, que fazem o corpo do animal recuperar o equilíbrio.
“O primeiro movimento é a rotação da cabeça na direção da posição
correta, seguida da rotação da porção superior do corpo.
Por fim, há a rotação da parte inferior”, diz o veterinário Gelson Genaro, especialista em felinos da USP de Ribeirão Preto (SP).
Além do gato, outros membros da família Felidae, como leopardos e
jaguatiricas, também são capazes da mesma proeza.
Fonte: Revista Mundo Estranho, Ed. Abril
Conhecendo algumas raças
Angorá turco: São animais brincalhões e dóceis. São alegres, carinhosos e gostam de mimos, criando fortes laços afetuosos com
seus donos. É muito vivo, inteligente e de movimentos ágeis, gostando de correr, brincar, subir e árvores e nadar, sendo conhecidos, por
apresentar essa característica, como gato nadador.
Abissíneo: Os Gatos Abissínios são de origem indiana. Caracterizam-se por terem comportamento tímido e discreto, com miados
baixos. O corpo é esguio e musculoso, o que lhes dá agilidade.
Com isso são gatos bem ativos precisando, portanto, realizar muita
atividade física. Costumam interagir muito bem com outros gatos,
mesmo
05 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Estudo da Natureza * Felinos
www.mundodasespecialidades.com.br
Guia das Especialidades
ESTUDO DA NATUREZA
De lá pra cá!
Lendas urbanas dos gatos
Himaláio: São gatos apegados aos donos e bastante brincalhões,
de modo que precisam sempre da companhia humana ou da presença de brinquedos para se distrairem. Sua principal característica
é a pelagem densa com coloração do tipo colourpoint, onde as extremidades do rabo, patas e cabeça assumem uma tonalidade mais
escura em relação ao corpo.
Devido ao fato de serem exímios caçadores e
auxiliarem no controle de pragas, por muitos
séculos os gatos tiveram uma posição privilegiada na Europa cristã. Porém, no início da Idade
Média a situação mudou: gatos foram acusados
de estarem associados a maus espíritos e, por
isso, muitas vezes foram queimados juntamente com as pessoas acusadas de bruxaria. Ao fim
da Idade Média, a aceitação dos gatos nas residências teve um novo impulso, fenômeno que
também se estendeu às embarcações, onde os
navegadores os mantinham como mascotes.
Siamês: Trata-se de um gato de psicologia complexa, freqüentemente imprevisível em suas reações. Por isso precisa viver em espaço amplo, onde possa dar seus passeios noturnos. Costuma miar
bastante, sobretudo no período do cio.
Curiosidades
Maior felino do mundo: Esse trono pertence ao tigre (Panthera
tigres), que pode atingir 2,2 metros de comprimento – sem contar a
cauda, que tem mais de 1 metro.
Maior felino da América do Sul: Os três maiores felinos do
continente americano são a onça pintada(Panthera onca), a onça
parda (Puma concolor) e jaguatirica (Leopardus pardalis). Todos
eles podem ser encontrados nas matas brasileiras.
Felino mais veloz do mundo: O guepardo. Ele pode atingir uma
velocidade de 115 Km/h. O corpo contribui para que ele tenha agilidade nos movimentos. As unhas, por exemplo, ficam sempre expostas e se fincam no chão, evitando que o animal derrape nas curvas.
Ele tem uma arrancada de até 72 km/h
Felinos * Estudo da Natureza
Jaguatirica
. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 06
www.mundodasespecialidades.com.br
Guia das Especialidades
ESTUDO DA NATUREZA
Você sabia?
Por que o leão é considerado o
rei da selva?
O leão é considerado o rei da selva. Esse título
lhe foi reconhecido não por sua força, o rinoceronte é muito mais forte. Pela inteligência também não, alguns macacos são muito inteligentes e nem possuem título; por sua velocidade
nem pensar, o guepardo é o mais veloz do mundo. Então por que o leão é o rei? Porque todos
os outros animais, o elefante, o rinoceronte, o
macaco, o guepardo ou outro qualquer foge
mediante a um perigo. Quando o leão levanta
contra um caçador, ainda que esteja apontando
para si, ele não volta atrás, ele morre por sobre
o caçador. O leão não foge e não teme morrer,
qualquer outro animal tem medo de alguma
coisa.
Pesquise
Felinos na Bíblia
Pesquise na Bíblia histórias em que os felinos
tiveram sua participação importante. Se você
não recorda, Daniel na cova dos leões pode ser
um bom começo para você.
• Sansão mata um leão (Jz 14)
• David matando um leão (1 Samuel 17:34)
• Um leão matou o profeta desobediente (1
Reis 13)
• Benaiah bater os leões (1 Crônicas 11:22)
• Daniel na cova dos leões (Daniel 6)
Andrócles e o leão
Conta-se que, antigamente, nos tempos do domínio Romano, existia um escravo chamado Ândrocles, que conseguiu escapar
do seu dono cruel. Perseguido, escondeu-se em uma caverna. De
repente ouviu um rugido assustador e se deu conta que ao seu lado
estava um grande leão com um espinho na pata. Ândrocles percebeu que sua pata estava inchada devido ao espinho. Condoído com
o sofrimento do leão, Ândrocles aproximasse e retira o espinho. O
alívio do leão fez com
que ele ficasse muito
amigo de Ândrocles.
Certa
manhã,
quando fugia para a
África, Ândroclesfoi
capturado e obrigado a lutar na arena
com um leão, como
castigo pela fuga.
Sua pena era servir
de espetáculo nas
festas do Coliseu
romano, cujas pessoas eram comidas
por feras famintas.
Quando Ândrocles
estava no meio do
Coliseu, soltaram a
fera, e para surpresa
de todos, ao invés de
atacar o escravo, este se colocou aos pés de Ândrocles e começou
a brincar com ele. Então Ândrocles percebeu que o leão era aquele
que ele tinha encontrado na caverna e que se tornara seu amigo. O
imperador, então, concedeu-lhe o perdão e deu-lhe de presente o
leão.
Faça o seu!
Jogo da Memória
Aprenda mais sobre diversas raças de gatos neste jogo da memória. As regras são simples. Embaralhe as cartas, coloque- as do lado contrário.
Veja quem será o primeiro a jogar. Vira-se duas
cartas com o obejtivo de formar o par, se acertar joga-se novamente, se errar passa a vez e as
cartas devem ser colcoadas no mesmo lugar, viradas para baixo.
Participantes: de 2 a 6
07 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Estudo da Natureza * Felinos
www.mundodasespecialidades.com.br
Guia das Especialidades
ESTUDO DA NATUREZA
Reforce as folhas das peças do Jogo da Memória em cartolina. Use tessoura sem ponta para
cortar. Depois poste nas redes sociais com a
#JogodaMemoriaME
Chartreux
Chartreux
Siberian
Siberian
Khao Manee
Khao Manee
Korat
Korat
Abissínio
Abissínio
Persa
Persa
Maine Coon
Maine Coon
Siamês
Siamês
Angorá
Angorá
Norueguês da Floresta
Norueguês da Floresta
Felinos * Estudo da Natureza
. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 08
www.mundodasespecialidades.com.br
Guia das Especialidades
ESTUDO DA NATUREZA
Exótico
Exótico
Birmanês
Birmanês
Pelo curto
brasileiro
Pelo curto
brasileiro
Pelo curto
europeu
Pelo curto
europeu
Pelo curto
britânico
Pelo curto
britânico
Pelo curto
americano
Pelo curto
americano
Cingapura
Cingapura
Tonquinês
Tonquinês
Havana Brown
Havana Brown
Russian Blue
Russian Blue
09 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Estudo da Natureza * Felinos
www.mundodasespecialidades.com.br
Guia das Especialidades
ESTUDO DA NATUREZA
Manx
Manx
Scottish fold
Scottish fold
Devon rex
Devon rex
Laperm
Laperm
Sphynx
Sphynx
Munchkin
Munchkin
Ragdoll
Ragdoll
Chausie
Chausie
Serengeti cat
Serengeti cat
Savannah
Savannah
Felinos * Estudo da Natureza
. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10
www.mundodasespecialidades.com.br
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

paulo

2 Cartões paulonetgbi

Criar flashcards