1996 – A Noite Todos os Gatos são pardos

Propaganda
1996 – A Noite Todos os Gatos são pardos
Autores: Márcio Marchetti / Ricardo Carioca
Nas mil e uma noites de alegria
E de prazer (prazer)
A lua iluminando a avenida
Jamais fará o povo esquecer.
Oi vira, vira.
Todo dia é um novo dia, traz o gato pra folia,
Laça logo, traz pra cá.
Ziriguidum meu povo, eu grito,
Engatinhando eu vou até o infinito
Vem, com muita emoção,
Gato de luvas não,
Que dá o tapa esconde a mão,
Vem desfila com muita garra e alegria,
Com esperança de quem foi feliz um dia.
É meia noite Cinderela lua cheia
No teatro da ilusão
A avenida se incendeia
Gatos entrem nessa festa.
Aproveitem, vem dançar.
Com a verde branco sacudindo essa galera
Vem gingando vem sambar
É no balanço da Aliança que os gatos vão passar.
Roda baiana, que este povo te venera.
É o balanço da aliança que impera
Download
Random flashcards
paulo

2 Cartões paulonetgbi

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

Criar flashcards