o Projeto Carajás, no que concerne ao complexo - PPPG

Propaganda
EDITORIAL
o
Projeto Carajás, no que concerne ao complexo mínero-ferrovia-
porto, está implantado e, dizem, com competência técnica e economia de tempo.
Está implantado, acres centarriaS
, com autoritarismo e centralismo de
decisões,
incompatíveis com a nova realidade nacional.
A consolidação desse Projeto é inevitável e sua expansão, de ln
teresse do país. Suas repercussões se projetam por décadas e afetam diretamen
te a ecologia e as populações subdesenvolvidas das regloes atingidas.
Se sua implantação foi alcançada num clima autoritário e centra
lizador, com externalidade dos recursos e de mão-de-Qbra, não é recomendável
persista essa política nas fases de consolidação e de expansão.
Este projeto, por si, já é um vetar de manutenção e intensifica
çao de relações capitalistas de produção e, como tal, gera profundas repe~
cussões sociais na região. B importante, portanto, que nos conscientizemos,bem
como seus próprios dirigentes, da necessidade de transformá-Ia em fator real
de desenvolvimento social. Não pode esse projeto continuar a ser mero ato de
drenagem de recursos naturais, pretendendo proporcionar lucros excessivos
estatais e a seus executores a satisfação de "eficiência" administrativa.
as
As estatais e organismos supra-estaduais envolvidos habituaramse ao centralismo e autoritarismo do regime político passado e continuam
lffi
permeáveis e insensíveis às reclamações das regiões atingidas.
O destino desse projeto interessa a todos. Sua consolidação
e
expansão em clima pacífico e de justiça é obrigação também de todos, inclusi
ve e principalmente dessas estatais.
Estamos em nova realidade política e já é tempo e oportuno que
os governos estaduais, interpretando as preocupações do povo, exerçam seus di
reitos e responsabilidades nesse projeto.Já é temp~ de ogoverno federal reprl
mir os excessos, inclusive de autoridade, das estatais e empresas.
Acreditamos de competência da Universidade o estudo dos problemas da região. Acreditamos de nossa responsabilidade a conscientização da so
ciedade para a solução desses problemas.
Estamos, com este número especial do Caderno de Pesquisas,
so
bre o Projeto Carajás, contribuindo para a conscientização de nossa comunidade.
Prof. JERÔNIMO PINHEIRO
Pro-Reitor de Pesquisa e Pôs-Graduação
Download
Random flashcards
Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

teste

2 Cartões juh16

Criar flashcards