Veja todos os passos para você se dar bem ao redigir uma

Propaganda
Narração
Veja todos os passos para você se dar bem ao redigir uma narração e
confira dicas para seu texto narrativo.
Dicas para redigir uma narração
A narração consiste em arranjar uma sequência de fatos na qual os
personagens se movimentam num determinado espaço à medida que o tempo
passa.
O texto narrativo é baseado na ação que envolve personagens, tempo,
espaço e conflito. Seus elementos são: narrador, enredo, personagens, espaço
e tempo.
Dessa forma, o texto narrativo apresenta uma determinada estrutura:
Esquematizando temos:
- Apresentação;
- Complicação ou desenvolvimento;
- Clímax;
- Desfecho.
Protagonistas e Antagonistas
A narrativa é centrada num conflito vivido pelos personagens. Diante disso, a
importância dos personagens na construção do texto é evidente.
Podemos dizer que existe um protagonista (personagem principal) e um
antagonista (personagem que atua contra o protagonista, impedindo-o de
alcançar seus objetivos). Há também os adjuvantes ou coadjuvantes, esses
são personagens secundários que também exercem papéis fundamentais na
história.
Narração e Narratividade
Em nosso cotidiano encontramos textos narrativos; contamos e/ou ouvimos
histórias o tempo todo.
Mas os textos que não pertencem ao campo da ficção não são considerados
narração, pois essas não têm como objetivo envolver o leitor pela trama, pelo
conflito.
Podemos dizer que nesses relatos há narratividade, que quer dizer, o modo
de ser da narração.
Os Elementos da Narrativa
Os elementos que compõem a narrativa são:
- Foco narrativo (1º e 3º pessoa);
- Personagens (protagonista, antagonista e coadjuvante);
- Narrador (narrador-personagem, narrador-observador).
- Tempo (cronológico e psicológico);
- Espaço.
Por Marina Cabral
Especialista em Língua Portuguesa e Literatura
Artigos de "Narração"

A Verossimilhança na Narração
Um texto torna-se real através da verossimilhança.

Esquema-síntese da Narração
Elementos que compõem um texto narrativo.

Narração: Tipos de Narrador
Na narração, a preocupação com o foco narrativo é fundamental:
narrador-personagem; narrador-observador; narrador-onisciente.

O Narrador
Posição do narrador e elementos da narrativa.

O Narrador e a Gramática da Narração
O foco narrativo e os elementos da narração.

Tipos de Discurso na Narrativa
Discurso Direto, indireto e indireto livre. Conheça-os!
Elementos básicos da narrativa:
Fato - o que se vai narrar (O quê?)
Tempo - quando o fato ocorreu (Quando?)
Lugar - onde o fato se deu (Onde?)
Personagens - quem participou ou observou o ocorrido (Com quem?)
Causa - motivo que determinou a ocorrência (Por quê?)
Modo - como se deu o fato (Como?)
Consequências (Geralmente provoca determinado desfecho)
A modalidade narrativa de texto pode constituir-se de diferentes maneiras:
piada, peça teatral, crônica, novela, conto, fábula etc.
Uma narrativa pode trazer falas de personagens entremeadas aos
acontecimentos, faz-se uso dos chamados discursos: direto, indireto ou indireto
livre.
No discurso direto, o narrador transcreve as palavras da própria
personagem. Para tanto, recomenda-se o uso de algumas notações gráficas
que marquem tais falas: travessão, dois pontos, aspas. Mais modernamente
alguns autores não fazem uso desses recursos.
O discurso indireto apresenta as palavras das personagens através do
narrador que reproduz uma síntese do que ouviu, podendo suprimir ou
modificar o que achar necessário. A estruturação desse discurso não carece de
marcações gráficas especiais, uma vez que sempre é o narrador que detém a
palavra. Usualmente, a estrutura traz verbo dicendi (elocução) e oração
subordinada substantiva com verbo num tempo passado em relação à fala da
personagem.
Quanto ao discurso indireto livre, é usado como uma estrutura bastante
informal de colocar frases soltas, sem identificação de quem a proferiu, em
meio ao texto. Trazem, muitas vezes, um pensamento do personagem ou do
narrador, um juízo de valor ou opinião, um questionamento referente a algo
mencionado no texto ou algo parecido. Esse tipo de discurso é o mais usado
atualmente, sobretudo em crônicas de jornal, histórias infantis e pequenos
contos.
http://www.pciconcursos.com.br/noticias/marinha-abre-698-vagas-para-cursode-formacao-no-corpo-auxiliar-de-pracas
http://www.brasilescola.com/redacao/narracao.htm
Download
Random flashcards
paulo

2 Cartões paulonetgbi

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Matemática

2 Cartões Elma gomes

Criar flashcards