Enviado por jhennifer_bibi

OSTEO - Membro torácico

Propaganda
Osteologia - Membro torácico
Professora: Erika Korinfsky
Objetivo da aula
• Apresentar ossos que compõem o membro
torácico dos animais domésticos e
importantes estruturas anatômicas nesses
ossos
Segmentos do membro torácico
- Cíngulo escapular
Escápula, coracóide e clavícula - primatas
Escápula, processo coracóide, clavícula vestigial
(felinos)
- Braço
Úmero
- Antebraço
Rádio e ulna
- Mão
Carpos, metacarpos e falange
Escápula
• Osso chato
• Articula distalmente com úmero
Diferença entre as espécies
Equino
Bovino
Canino
Felino
Escápula
Escápula nos equinos:
vista frontal
Escápula nas aves (galináceo)
Úmero
• Osso longo
• Articula-se proximal com a escápula (cavidade
glenóide)
• Articula-se distal com rádio e ulna
• Função importante no movimento do braço
Úmero
• Relativamente é mais curto e robusto nos
grandes animais, e mais longo e delgado em
pequenos ruminantes, no cão e no gato
• Obs.: sulco intertubercular
permite passagem do m. bíceps
braquial
Úmero de bovino
Côndilo lateral
Côndilo medial
Úmero de equino - Vista lateral
• Cabeça
• Sulco para o músculo braquial
Úmero equino - vista medial
Corpo do úmero
• Cabeça
• Colo
• Tuberosidade redonda
maior
Úmero de equino – vista caudal
• Cabeça
• Tuberosidade deltóide
(inserção para o músculo
deltóide)
• Fossa do olécrano
Úmero
• Sulco intertubercular ou bicipital: por onde
passa o tendão do músculo bíceps braquial.
Úmero de equino e bovino
Úmero de cão
• Tubérculo maior
• Suco intertubercular
• Tubérculo menor
• Forame supratroclear
– Na fossa radial
Úmero de cão
• Epicôndilo lateral
– Origem dos m.m. extensores dos carpos e dígitos
• Epicôndilo medial
– Origem dos m.m. flexores dos carpos e dígitos
Úmero de felino
• Forame deslocado medialmente,
chamado supracondilar
• Passagem do n. mediano e a.
braquial
Forame supracondilar: felinos
n. mediano
a. braquial
Rádio e ulna - antebraço
• O Rádio articula-se proximalmente com úmero
e distalmente com a fileira proximal dos carpos.
Rádio e ulna - antebraço
• Rádio é sempre mais largo que a ulna nos
mamíferos, porém nas aves essa proporção se
inverte.
Ave
Cão
Bovino
Rádio - cranial
• Cabeça (epífise proximal)
• Colo (é representado pelo
estreitamento localizado
ventral a cabeça)
• Corpo (diáfise)
• Tróclea (epífise distal)
Rádio – vista caudal
• Crista transversa:
delimita epífise distal e
diáfise
• Tróclea
Ulna
• Olécrano: dilatação
óssea da ulna (cotovelo)
– Inserção do músculo
trísceps
• Processo ancôneo
• Corpo da ulna
Relação rádio-ulna
• Tuberosidade do olécrano
• Processo ancôneo
• Fóvea articular do rádio
Visto pela face dorsal
Diferença entre as espécies
• Equino apresenta ulna
fusionada com a diáfise,
formando o espaço
interósseo
• A ulna do equino não
possui epífise distal
Diferença entre as espécies
• As demais espécies apresentam epífise distal
Diferença entre as espécies
• Em bovinos, a ulna
está fusionada com o
rádio na região
proximal, média e
distal
• 2 espaços interósseos
– Proximal
– Distal
Diferença entre as espécies
• Espaço interósseo é completo,
permitindo movimentos de
supinação e pronação
Ossos da mão
• Extremidade distal do membro torácico
– Carpos
– Metacarpos
– Falanges
Carpos
• Em duas fileiras
– Proximal ou antebraquial
• Articula-se com antebraço (rádio e ulna)
– Distal ou metacarpal
• Articula-se com metacarpo
Carpos
• Em geral são 7 ossos cárpicos, sendo que no
homem e no porco são 8.
• Fileira proximal ou antebraquial
– Radial, intermédio, ulnar e acessório
• Fileira distal ou metacarpal
– Primeiro, segundo, terceiro, quarto
Carpos dos carnívoros
• 7 ossos
Processo de
evolução do
dígito do equino
Carpo nos equinos
• Composto por 7 osso
*Ocasionalmente aparece o
1º osso carpiano
• Face dorsal
– Lisa e ligeiramente
convexa
• Face palmar
– Irregular
Carpo equino vista palmar
1 – acessório
2 – radial
3 – intermédio
4 – ulnar
5 – 2º carpiano
6 – 3º carpiano
7 – 4º carpiano
* 1º carpiano
*
Carpos nos ruminantes
• Apenas 6 carpos
– Falta o 1º carpiano
– 2º e 3º são fusionados
– Não possui o 5º carpiano
Metacarpo
• A evolução das espécies modificou o seu número de
acordo com a necessidade de cada espécie.
Medial
Lateral
Metacarpo
• Extremidade proximal (base)
– Apresenta superfície articular
para fileira distal dos carpos
• Corpo
• Extremidade distal (cabeça)
– Tróclea, com superfície articular
para falange proximal
Dígito de bovino
Metacarpo nos cães
• O 3º e o 4º são os mais longos
• O 5º metacarpiano é mais largo
na extremidade proximal,
servindo de base para ossos do
carpo
I
II
V
III IV
Metacarpo - equino
• Apesar do equino ter 3 ossos metacarpianos,
somente o 3º metacarpiano sustenta todo o peso
do animal, os demais metacarpianos.
• Os outros dois servem de apoio para ossos
cárpicos, porém não desempenham função na
locomoção do animal.
Metacarpo equino – vista palmar
• No equino,
geralmente o IV
metacarpiano é
mais longo
= côndilo
Falanges
Atividade de sala:
portfólio
• O portfólio é uma coleção de todo o trabalho em andamento
na organização relacionado com o alcance dos objetivos do
negócio.
• Consiste nos trabalhos que estão em andamento na empresa,
estejam estes trabalhos relacionados de alguma forma entre
si ou não.
• Em última instância, deve haver um portfólio abrangente para
a organização como um todo.
• Fonte: Wikipedia
Atividade de sala:
portfólio
• Como o portfólio pode auxiliar a
aprendizagem?
– Registro de informações e organização para
consulta posterior
Atividade de sala:
portfólio
• O portfólio completo vale 2,0 pontos a serem
adicionados à 2ª prova.
Atividade de sala - Portfólio
• Escreva sobre as diferenças anatômicas dos
ossos do carpo, metacarpo e falanges das
seguintes espécies:
– Equino e canino,
e de
– Bovino e suíno
Atividade de sala
Carpos
AGRADEÇO
Download
Random flashcards
paulo

2 Cartões paulonetgbi

paulo

2 Cartões oauth2_google_ddd7feab-6dd5-47da-9583-cdda567b48b3

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Matemática

2 Cartões Elma gomes

Criar flashcards