Enviado por carlosjuniorromao

Trabalho em PowerPoint defesa do fim do ano[1]

Propaganda
INSTITUTO MÉDIO POLITÉCNICO DA LUNDA-SUL
ÁREA DE FORMAÇÃO: CONSTRUÇÃO CIVIL
CURSO: OBRAS DE CONSTRUÇÃO CIVIL
PROVA DE APTIDÃO PROFISSIONAL (PAP)
NORMAS DE FABRICAÇÃO DE VIDRO E SEU USO NA
CONSTRUÇÃO CIVIL
INTREGRANTES:
•
ADOLFO ESMAEL MUANGONGO PAXE
•
CARLOS JUNIOR NASCIMENTO ROMÃO
•
LEONEL DEIZE TXIPAMBA ARMANDO
ORIENTADOR:
ENG.GILBERTO MUAXIQUIA
INTRODUÇÃO
Considerado um material nobre por excelência, o vidro
teve sua origem a cerca de 4.000 anos a.C. Pelos povos da
Mesopotâmia, Egito, Síria, Grécia entre outros, utilizavam o
vidro na fabricação de amuletos, adornos, jarros, vasos, etc, mas
foi por volta dos anos 100 a.C que os romanos inventaram o
vidro plano e começaram a utilizá-lo em janelas.
O interesse do homem pelo uso do vidro na construção civil
se deu graças a sua capacidade de proporcionar transparência,
sinônimo de luz aos ambientes da edificação, que pode ser
explorada de forma plena ou discreta.
PROBLEMA
Qual é a necessidade de se fazer um estudo teorico sobre a
norma de fabricação do vidro na cidade de Saurimo?
CAMPO DE ACÇÃO
Estudo do uso do vidro nas construções da cidade de
Saurimo.
OBJECTIVO GERAL
Compreender a norma de fabricação do vidro e seu uso na
construção civil.
Fazer um levantamento teórico sobre a utilização do vidro
como material para construção civil.
Objectivos específicos
Identificar as normas de fabricação do vidro e seu uso na
construção civil
Analisar a confecção colocação e o uso dos vidros em
elementos construtivos.
METODOLOGIA
O trabalho se desenvolverá em cima de estudos teóricos e
técnicos obtidos através de leituras de artigos, trabalhos
acadêmicos, sites especializados no tema, dentre outros meios
com o mesmo histórico de pesquisa.
CAPITULO 1- ESTUDO TEORICO SOBRE A
NORMA DE FABRICAÇÃO DO VIDRO
O vidro é uma substância de origem antiga. Ele possui
muitas propriedades que o torna um material ideal para
diversas situações. Por meio de pesquisas e desenvolvimentos
de novas tecnologias em vários setores da sociedade, o vidro
está em constante evolução, já que é um material indispensável
na atualidade e para a continuidade da civilização.
Das diversas áreas que utilizam o vidro, o ramo a ser
abordado nessa pesquisa é o da engenharia civil.
Na atualidade, o vidro teve suas propriedades alteradas e
melhoradas para melhor atender o mercado, e ser utilizado na
construção.
1.1 PROCESSOS DE FABRICAÇÃO DE VIDRO
Os fabricantes de vidro procuram reunir materiais básicos
baratos com pequenas quantidades de componentes, para que
o produto ficasse extremamente refinado.
As etapas de produção do vidro incluem; transporte das
matérias primas, pesagem, mistura das matérias primas e a
introdução da massa no forno.
1.1.1 PRODUCÃO DO VIDRO
O processo de fabricação do vidro é realizado em quatro principais
etapas.
DOSAGEM E MISTURA DAS MATÉRIAS PRIMAS: As
matérias-primas que compõem o vidro são medidas, pesadas e
misturadas na quantidade pré-determinada no Batch House “Casa de
mistura”. Em seguida a mistura da composição é enviada ao forno de
fusão
FUSÃO: no forno, a composição é fundida a uma temperatura de
mais ou menos 1600°C.
TRANSFORMAÇÃO: A massa de vidro fundido é despejada em
um tanque com estanho derretido, a uma temperatura de 650 °C.
Nesse processo o vidro flutua sobre o estanho feito óleo sobre a
água, devido à diferença de densidade dos dois materiais sendo
chamado de processo Float.
RECOZIMENTO: : A lâmina de vidro Float é recozida dentro de
um forno linear e contínuo, onde a chapa de vidro é resfriada de
Cá em angola temos a existência de duas fabricas de vidro que
são: Fábrica de Vidro Kikolo e ANGOVIDROS.
A Fábrica de Vidro Kikolo foi inaugorada pelo ministro da
Indústria, Joaquim David, isso aos 05 Outubro de 2009.
ANGOVIDROS Foi inaugurada pelo Secretário de Estado do
Ministério da Indústria, Kiala Gabriel, na comuna do Kicolo,
município de Cacuaco aos 18 de novembro de 2015.
Com tudo as materias primas que constituem o vidro não são
encontrados em angola. Tendo em conta esta cituação a
Angola é forçada a importar as matrias primas.
1.2 MÉTODO DE PROCESSAMENTO DE
MATÉRIA PRIMA
As matérias primas são muito importantes no processo de
elaboração do vidro, pois tudo o que se enforna no forno de
fusão sai na forma de vidro, ou seja, não existe recurso de
separar algo que foi enfornado errado e todo erro acaba
comprometendo a qualidade dos produtos.
A qualidade das matérias-primas é muito importante para a
obtenção de bons resultados na produção, pois tudo o que
entra no forno vai para o vidro final.
1.3 COLORANTES
O vidro obtido com as matérias-primas básicas é incolor.
Para obter as diversas cores possíveis de se configurar ao
vidro se adicionam alguns óxidos metálicos que são:
 Óxido de cromo que produz o verde;
 Óxido de cobalto gera um azul forte;
 Óxido de cobre também confere cor azul porem um pouco
diferente;
 Selênio dá uma cor rosada;
 O óxido de manganês fornece uma cor “vinho;
 Os vidros planos “bronze” e “cinza” são obtidos com a
mistura de três colorantes: ferro, selênio e cobalto.
PROPRIEDADES DO VIDRO
Seleciona-mos algumas das principais propriedades deste
material que são:
- RESISTENCIA QUIMICA
- IMPERMEABILIDADE
- RESISTENCIA MECÃNICA
- RESISTENCIA AO CHOQUE TERMICO
- COR
RESISTENCIA QUIMICA
O vidro não reage com quase nenhum componente
podendo permanecer numa janela por séculos com o mesmo
aspecto de novo.
A fotografia a baixo é de uma garrafa de cerveja
recuperada de um naufrágio, onde permaneceu por 200 anos
no fundo do mar e mesmo assim apresenta aspecto de nova
alem de ter conservado a cerveja por todo esse tempo que
inclusive seria estudada por especialistas cervejeiros.
IMPERMEABILIDADE
O vidro também é completamnte impermeável haja vista o
exemplo da cerveja nos protegendo das intempéries
RESISTENCIA MECÃNICA
O vidro resiste muito bem a qualquer pessoa que passe sobre
ele.
RESISTÊNCIA AO CHOQUE TÉRMICO
O vidro é um material muito mal condutor de
calor, na verdade o vidro é um bom isolante térmico.
COR
As cores no vidro alem do aspeto estético ele
consegue filtrar determinadas radiações solar ou raios
infravermelhos responsável pelo aquecimento e assim
melhorar o conforto térmico.
USO DO VIDRO NA CONSTRUÇÃO
O uso de vidro na construção civil não é apenas por
estética, esse material oferece uma série de vantagens quando
bem empregado em projetos arquitetónicos.
TIPOS DE VIDROS MAIS USADOS NA CONSTRUÇÃO CIVIL
- VIDRO FLOAT OU VIDRO PLANO – BASE PARA OUTROS
VIDROS
É o vidro mais comum na nossa lista é também a base para
outros tipos de vidros.
VIDRO TEMPERADO – MAIS RESISTENTE A
IMPACTOS
O grande diferencial que separa esse vidro dos outros é
sua grande capacidade de resistência a impactos sendo mais
forte no centro e mais fraco nas extremidades ele é 5 vezes
mais resistente que o vidro comum.
VIDRO SERIGRAFADO – VIDROS COLORIDOS
O tipo de vidro escolhido para criar um efeito de aplicação
de cor. Também pode ser conhecido no mercado como vidro
duplo insulado.
VIDRO INSULADO – VIDRO + ALUMÍNIO +
VIDRO
Basicamente esse vidro é formato por duas chapas de vidro
que são separadas por um perfil de alumínio. Também pode ser
conhecido no mercado como vidro duplo insulado.
VIDRO CURVO – APLICAÇÕES VERSÁTEIS
Certamente esse é o tipo de vidro mais caro porque
necessita o uso de um forno especial para a sua fabricação , no
entanto, pode ser bastante interessante uma vez que oferece
um amplas opções de possibilidades de aplicação.
OUTROS TIPOS DE VIDROS USADOS NA
CONSTRUÇÃO CIVIL
Também podemos citar com tipos de vidros comuns em
projetos da construção civil o blindado, o foto-energético,
Low-e e o plumbífero. Pode-se ainda fazer uma combinação de
diferentes tipos de vidros para se ter uma peça específica.
Claro que tudo depende da questão do orçamento que se tem
disponível para a execução dos projetos.
CAPITULO 2 - APLICAÇÃO DO VIDRO COMO
ELEMENTO ESTRUTURAL NA CONSTRUÇÃO
CIVIL
A aplicação do vidro como elemento estrutural tem se
tornado cada vez mais empregado na arquitetura moderna por
ser pratico, seguro e elegante. Tendo em conta os seus
processos para a aplicação como um elemento estrutural.
2.1 CONSERVAÇÃO DOS VIDROS:
Para melhor conservação da beleza e brilho do seu box,
mantenha-o sempre limpo e seco, seguindo algumas instruções:
 Nunca use materiais abrasivos que possam agredir a
superfície do vidro como palhas de aço, etc.
 Nunca aplique ácidos no vidro
 Nunca use objetos pontiagudos para retirar as etiquetas;
 A limpeza deve ser feita com água, sabão, detergente neutro
ou produtos específicos para vidros;
 A permanência de gotas de água após o banho, pode em
alguns casos, ocasionar manchas de água;
 Conserve sua box sempre seco e limpa.
2.2 PATOLOGIAS
De acordo com o tipo de vidro, estes podem sofrer
alterações que não condizem com a qualidade do produto,
sendo assim, segue algumas patologias, geradas muitas vezes
por aplicação incorreta do material ou por questões de
qualidade do processamento, conforme será apresentado a
seguir:
 INTEMPÉRIES PROVENIENTES AO CLIMA
 DELAMINAÇÃO
 QUEBRA ESPONTÂNEA
 PRESSÃO CAUSADA POR DIFERENÇA DE ALTITUDE
CONCLUSÃO
Concluímos assim, que o vidro é um material com
qualidades extraordinárias, as quais ainda estão sendo
aperfeiçoadas com o avanço da ciência, e indispensável na
concepção arquitectónica.
Além disso, constatamos que é de extrema importância
compreender as propriedades do vidro para que os seus
limites sejam respeitados e as suas qualidades optimizadas.
OBRIGADO
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

paulo

2 Cartões oauth2_google_ddd7feab-6dd5-47da-9583-cdda567b48b3

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Criar flashcards