Saúde - Agencia Patricia Galvao

Propaganda
SP
12º
Classificados
ANUNCIE
Buscar
25º
POLÍTICA
+
ECONOMIA
+
INTERNACIONAL
+
ESPORTES
+
SÃO PAULO
+
CULTURA
+
ASSINE O
ESTADÃO
MAIS
+
SERVIÇOS
Buscar
+
OUÇA AS
RÁDIOS
Saúde
ÚLTIMAS
BLOGS
COLUNAS
A luta das crianças
para vencer o Ebola
0
0
119
UMA FAMÍLIA
RESISTIU A TUDO.
MENOS AO EBOLA
China enviará 480
médicos à Libéria
para combater
Ebola
Criança de 5 anos
com suspeita de
Ebola está internada
em Nova York
Centro 'limpa' HIV de
sêmen para casal
sorodiscordante
0 COMENTÁRIO(S)
DÊ A SUA OPINIÃO
SEM COMENTÁRIOS.
DÊ A SUA OPINIÃO
0
CLARISSA THOMÉ - O ESTADO DE S. PAULO
15 Novembro 2014 | 18h 53
410
Instituto de pesquisa desenvolveu teste de detecção no esperma
antes usado só para sangue; processo garante gravidez segura
A secretária Laura tinha 18 anos quando soube que o namorado, com quem
começara a se relacionar, era HIV positivo. O bibliotecário Guilherme, que tinha
21, havia sido contaminado em uma relação sexual desprotegida um ano antes.
Ficaram juntos e sempre conversaram sobre ter filhos - só não sabiam como. No
MAIS EM SAÚDE
Família de morto por Ebola nos EUA
ano passado, porém, quando eles completaram dez anos juntos, as gêmeas Larissa
chega a acordo com hospital
e Clara nasceram, livres do vírus.
RELACIONADAS
_ DEPOIMENTO: ‘Nós sempre falamos sobre ter
filhos. Era um sonho nosso’
_ TV ESTADÃO: Conheça a inseminação artificial
para pacientes com HIV
O casal fez parte de uma pesquisa do
Instituto Ideia Fértil, ligado à
Faculdade de Medicina do ABC,
+
Casal de mulheres tem
licença-maternidade
patrocinada pela Organização Panamericana de Saúde (Opas), para
desenvolver método seguro de
concepção para casais sorodiscordantes.
RECOMENDADAS
Jardins verticais formarão
corredor verde no Minhocão
ONG Casa da Arte de Educar
estuda herança afro no
Morro da Mangueira
Tem remédio? O que os
casos de estupro na USP
dizem sobre a nossa
sociedade
OPINIÃO
+
MAIS LIDAS
+
ÚLTIMAS
+
ESTADÃO PME - LINKS PATROCINADOS
Fique informado
Informação setorizada de
qualidade sobre o universo das
pme’s
Cordts e equipe desenvolveram pesquisa com 98 casais; taxa de sucesso é de 18%
Pelo método proposto pelo centro de pesquisas, o sêmen colhido passa por um
processo de "lavagem". Por centrifugação, o líquido seminal (onde o HIV pode ser
http://blogsilocal.estadao.com.br/
encontrado) é separado dos espermatozoides. Esses espermatozoides passam,
ANUNCIE AQUI
então, pelo teste PCR, já usado para a detecção no sangue de processos
infecciosos. Os pesquisadores do Ideia Fértil estabeleceram os parâmetros para
identificar o HIV nessas amostras de sêmen.
AGORA NA CAPA
"Nós desenvolvemos o PCR para sêmen. A aids é uma doença compartimentada, o
vírus não está presente no organismo todo. Mesmo que o exame de sangue dê
carga viral zerada, no sêmen essa concentração pode estar alta. Teoricamente,
uma pessoa teria risco baixo de transmissão porque a carga viral está baixa no
sangue, mas a carga seminal pode estar alta", explica Emerson Cordts,
coordenador clínico do Instituto Ideia Fértil. "E é por amostra que se descobre isso
- uma pode ser negativa, a outra pode ser positiva", explica.
A pesquisa, feita em parceria com o Ministério da Saúde e a Secretaria Estadual de
Saúde, recrutou 240 casais. Desses, 98 seguiram o tratamento até o fim e passaram
Lava Jato
Após denúncias, Graça Foster propõe
ampliar controle interno na Petrobrás
por 210 inseminações - quando os espermatozoides são injetados no útero, para
que a fecundação ocorra naturalmente.
O protocolo inicial previa que essa inseminação fosse caseira, em que a própria
mulher injetaria o espermatozoide já tratado no organismo, como forma de
baratear ainda mais o método. "Mas nós teríamos de tratar o sêmen. Não fazia
PIB
São Paulo
Caso Pizzolato
Trabalho
Prévia aponta 0,59% Cantareira cai 0,2
de crescimento
ponto porcentual
sentido o casal vir à clínica, nós tratarmos os espermatozoides e depois
entregarmos a amostra para a inseminação em casa. Convencemos a Opas a fazer
todo o procedimento na clínica", diz Cordts.
MP da Itália recorre PDT mantém apoio
de decisão
a Dilma, diz Dias
Estudo: Trabalho é feito em parceria com órgãos públicos
Resultados. Dos casais que participaram do estudo, 18% engravidaram. "Pode
parecer número pequeno, mas a chance de um casal sem problemas de fertilidade
engravidar pelos métodos naturais é de 20%. Então, as chances dos casais
sorodiscordantes que passaram por esse método é muito próxima das de um casal
sem problemas de fertilidade e sem risco de contaminação por HIV. Se eles
tentassem por mais quatro ou cinco meses, engravidariam", afirma Cordts.
O especialista explica que pela normatização internacional, aprovada pela
Organização Mundial da Saúde (OMS), casais sorodiscordantes são liberados para
fazer sexo desprotegido, durante o período fértil, desde que o homem esteja
tomando o coquetel antirretroviral e tenha carga viral muito baixa. "A chance de
transmissão do vírus para um parceiro não infectado é de 1 para 500. Com o uso
do antirretroviral, essa chance passa para um para 7,9 mil. O que a gente propõe é
o risco zero, chance zero de contaminação e sem os inconvenientes dos efeitos
colaterais para a mulher", afirma Cordts.
O PCR é importante também para tratar casais sorodiscordantes em que o homem,
além de ter HIV, tem baixa contagem de espermatozoides - a "lavagem" do sêmen
faz diminuir ainda mais a quantidade de espermatozoides. A testagem pelo PCR
permite que se reduza o número de "lavagens".
O Ideia Fértil está agora em negociação com a Secretaria Estadual de Saúde para
manter a parceria e continuar atendendo gratuitamente os casais sorodiscordantes
- a instituição não tem fins lucrativos e cobra em média R$ 6 mil pelo tratamento
de fertilização, um terço dos valores cobrados pelas clínicas particulares.
Validação. Os pesquisadores também estão em processo de validação do método
pelo PCR, em parceria com o laboratório fabricante do equipamento, o
bioMérieux. "O kit de teste existe para exames de sangue. Nós estamos criando os
parâmetros para testar o sêmen, qual o volume ideal da amostra colhida, a
quantidade de reagente, o tipo de reagente. Com esses dados sistematizados, toda
clínica de fertilização poderá replicar o teste", explica a geneticista Bianca Bianco,
que participa da equipe de pesquisa.
O QUE É
O Instituto Ideia Fértil
O Instituto Ideia Fértil é um centro de reprodução humana, sem fins lucrativos,
ligado à Faculdade de Medicina do ABC, em Santo André. A clínica é voltada para
o atendimento da classe C - é cobrado entre R$ 6 mil e R$ 7 mil pelo tratamento
de fertilidade, cerca de um terço do preço de clínicas privadas. Por ano, o instituto,
reconhecido como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP),
faz 1.600 ciclos de inseminação e fertilização in vitro.
TAGS: Saúde, HIV
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
Conselho da
Petrobrás pede
punição a
Gabrielli
Conheça a
inseminação
artificial para
O estouro da
bolha da
incompetência
Pílula do dia
seguinte do HIV
pacientes com
HIV
ASSINE O ESTADÃO
ANUNCIE NO ESTADÃO
CLASSIFICADOS
GRUPO ESTADO | COPYRIGHT © 2007-2014 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Grupo Estado
Código de ética
Curso de Jornalismo
Demonstrações Financeiras
Edição Digital
Fale conosco
Portal de Fornecedores
Portal do Assinante
Webmail
Broadcast
Broadcast Político
Cannes
Celular
Tablet
iLocal
Termo de uso
Trabalhe conosco
Mapa do site
Opinião
Últimas
Política
Economia
Esportes
Internacional
Brasil
São Paulo
Cultura
Vida & Estilo
Aliás
Casa
Ciência
Educação
Divirta-se
Saúde
Sustentabilidade
Viagem
Blogs
Colunas
Aeroportos
Fotos
Horóscopo
Infográficos
Loterias
Previsão do Tempo
São Paulo Reclama
Trânsito
TV Estadão
Tópicos
Download
Random flashcards
paulo

2 Cartões paulonetgbi

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

paulo

2 Cartões oauth2_google_ddd7feab-6dd5-47da-9583-cdda567b48b3

Matemática

2 Cartões Elma gomes

Criar flashcards