Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio

Propaganda
Colégio “Nossa Senhora do Rosário”
Ensino Médio
Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio
Nome:__________________________________________________ n°______
Professora: Tainan Begara
data de entrega: 12/04/2012
Exercícios de Filosofia:
1.) (UEL – 2002) A Filosofia Medieval irá se defrontar com um problema fundamental logo
no princípio de sua formulação conceitual: conciliar a fé e a razão. Assinale a alternativa
correta em que estão contidas as três soluções dadas pelos filósofos do período medieval
para essa questão:
a.) Os que diziam que a fé e a razão são irreconciliáveis e a fé superior à razão; os que
julgavam fé e razão conciliáveis, mas subordinavam a razão à fé; os que afirmavam serem
razão e fé irreconciliáveis, mas afirmavam que cada uma delas tem seu campo próprio de
conhecimento e não devem se misturar.
b.) Os que afirmavam que razão e fé não podem ser separados, submetendo a razão à fé;
os que diziam que a razão é ilusória e a fé é o caminho para a verdade; e aqueles que
julgavam ser a fé uma parte do pensamento racional.
c.) Os que julgavam ser a razão uma heresia contra os atos de fé e a excluíam das
atividades humanas; os que diziam ser a razão uma crítica aos dogmas da Igreja e por isso
não deveria ser levada em consideração pelo homem cristão; os que afirmavam ser a razão
inferior a fé, pois não tem um comprometimento com a salvação do homem.
d.) Os que acreditavam ser a razão um dom de Deus, e portanto deve concordar com a fé;
os que pregavam que a razão é superior à fé por ser uma atividade fundamental ao homem;
os que diziam que a fé deve guiar a razão para que ela não se desvirtue em especulações
vazias.
2.) Explique o que é a Patrística e porque esse período é importante para a Filosofia Cristã.
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
3.) Assinale a alternativa correta:
( ) Agostinho considera que a fé e a razão são irreconciliáveis, afirmando que a última não
passa de vaidade e soberba dos homens, afastando-os da sabedoria Divina.
( ) Para Agostinho, as virtudes que devem ser cultivadas pelos homens são a fé, a
esperança e a caridade, priorizando-as em detrimento das virtudes pregadas pela filosofia
greco-romana.
2ª série
( ) Agostinho considera que o homem pode alcançar a felicidade completa na terra se
deixando guiar pelos dogmas cristãos e vivendo uma vida absolutamente livre de pecados
(
) A filosofia anterior ao nascimento de Cristo para Agostinho está corrompida e
contaminada por uma mesma heresia: desconhecer a verdade pregada no Evangelho e
ignorar Cristo como o Messias e único caminho para a verdade e salvação.
( ) A sabedoria para Agostinho consiste em reconhecer mediante a razão a lei divina
espelhada nas leis naturais – lei esta que se manifesta na escala dos seres e que consiste em
amar as criaturas por serem todas obras de um mesmo Deus, que tudo fez segundo peso e
medida.
a.) F, V, F, V, V
b.) V, F, V, F, F
c.) F, V, V, F, V
d.) V, V, F, V, F
e.) N.D.A
4.) (UFU- Março de 2002) “Diz o Salvador: ‘Se não credes, não entendereis’; certamente
não diria isto se não julgasse necessário pôr uma diferença entre as duas coisas. Portanto,
creio tudo o que entendo, mas nem tudo que creio também entendo”.
Sto. Agostinho. De Magistro. Coleção “Os Pensadores”. São Paulo: Abril Cultural, 1973.
Explique a idéia central desse fragmento a partir da relação entre Fé e Razão no contexto da
Filosofia Patrística:
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
5.) Explique algumas mudanças acarretadas na visão do mundo e do homem no pensamento
europeu com o advento do Cristianismo.
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
6.) (UFRJ) Com relação à Ética de Santo Agostinho assinale a alternativa correta:
a.) Agostinho considera que a Ética no mundo terrestre deve ser guiada pelo Amor; Amor
dos homens entre eles mesmos e Amor do homem para com Deus.
b.) Para Agostinho, não importa estabelecer uma Ética no mundo terreno, pois consumido
pelo pecado, o homem só pode agir corretamente na Cidade de Deus, vivendo na beatitude
eterna ao lado Pai.
c.) Agostinho acredita ser a Ética a única forma do homem encontrar a salvação de sua
alma, por isso, toda sua filosofia é uma preocupação em estabelecer uma Ética cristã.
d.) A Ética deve ser dada apenas por Deus, não cabendo ao homem a liberdade de decidir
como deve guiar suas ações e procurar uma melhor forma de proceder na Cidade dos
Homens.
e.) A Ética de Agostinho se divide em duas: a Ética do Amor, presente na Cidade Celeste,
norteada pelo Amor incondicional de Deus para com os homens e dos homens para com
Deus; e a Ética do conflito, Ética esta presente na Cidade Terrestre em que Agostinho
afirma ser dividida e utilidade e fruição, cabendo ao homem utilizar as coisas terrestres e
fruir apenas dos bens eternos e divinos.
7.) Explique
as
características
da
Política
de
Santo
Agostinho.
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
8.) (PUCPR) Segundo Agostinho, no Livro VII da obra Confissões, o mal é uma perversão
da vontade desviada da substancia suprema, por esta afirmação. Pode-se deduzir, com base
no pensamento de Agostinho que:
I. O Homem é livre para optar pelo bem ou pelo mal;
II. A vontade corretamente orientada deveria levar a Deus, porém o homem é livre para se
desviar e para se corromper;
III.
O mal é uma força que coexiste e concorre com o bem. A primeira representada
pelo Demônio e a segunda por Deus.
IV.
O mal é uma interpretação que depende do interesse de cada pessoa. O que é mal
para um bom ser bom para outro;
V. Há uma sustância da maldade, que Agostinho encontra nas “coisas baixas”.
Estão Corretas:
a)
b)
c)
d)
e)
V e II;
II e III
IV e V
I e III
I e II.
9.) Qual é o Conceito de Vontade na Filosofia Medieval? Compare com a idéia de
Vontade da Filosofia Antiga com a idéia recorrente durante a Filosofia Medieval.
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________
10.) (UFU 09/2002) Agostinho formula sua teoria do conhecimento a partir da máxima
“creio tudo o que entendo, mas nem tudo que creio conheço”. A posição do autor não
impede que cada um busque a sabedoria com suas próprias forças; o que ainda não é
conhecido pode ser revelado mediante a consulta da verdade interior.
Com base neste argumento, assinale a alternativa correta:
a.) É incorreto afirmar que a verdade interior que soa no íntimo das pessoas seja o Cristo; e
o arbítrio humano é consultado sobre o que não se conhece.
b.) As coisas que ainda não conhecemos só podem ser percebidas pelos sentidos do corpo e
podem ser comunicadas facilmente por intermédio das palavras.
c.) A verdade interior está à disposição de cada um e encontra-se armazenada na memória,
de modo que o uso da memória dispensa a contemplação da luz interior.
d.) A verdade interior só pode ser percebida pelo homem interior, que é iluminado pela luz
desta verdade interior, que é contemplada por cada um.
Download
Random flashcards
Criar flashcards