Ar rarefeito e ar comprimido

Propaganda
Sarampo, rubéola e caxumba
Típlice viral, que vai ser produzida por Bio-Manguinhos a partir de um acordo de
transferência de tecnologia firmado com o laboratório Glaxo Smith Kline, é usada
contra três das doenças infantis mais comuns: o sarampo, a rubéola e a caxumba.
Sarampo
O sarampo é uma doença infecto-contagiosa causada por um vírus chamado
Morbillivirus. A enfermidade é uma das principais responsáveis pela mortalidade
infantil em países do Terceiro Mundo e alcança uma letalidade entre 5% e 10%
nessas populações. No Brasil, no entanto, graças às sucessivas campanhas de
vacinação e programas de vigilância epidemiológica, essa letalidade não chega a
0,5% (segundo dados da Fundação Nacional de Saúde (Funasa)).
Altamente contagioso, o sarampo é propagado por meio das secreções mucosas
(como a saliva, por exemplo) de indivíduos doentes para outros não-imunizados. O
período de incubação dura entre oito e 13 dias. Depois começam a aparecer os
principais sintomas, com o aparecimento de pequenas erupções na pele
(exantemas) de cor avermelhada, febre alta, dor de cabeça, mal-estar e
inflamação, com presença de catarro, das vias respiratórias.
A moléstia torna-se mais grave quando atinge mães em período de amamentação,
crianças desnutridas e adultos e a melhor maneira de prevenção continua a ser a
vacinação.
Rubéola
Causada por um vírus chamado Rubivirus rubella, a rubéola é uma enfermidade
infecto-contagiosa que ataca, sobretudo, crianças e adultos jovens, sendo
particularmente perigosa quando atinge mulheres grávidas (rubéola congênita). A
transmissão acontece por meio das vias aéreas (gostículas de saliva ou perdigotos)
ou por via placentária, quando a mãe infecta o feto.
Após um período de incubação que varia entre duas e três semanas, aparecem os
primeiros sinais característicos da doença: febre baixa, o surgimento de gânglios
linfáticos e manchas rosadas, que primeiro espalham-se pelo rosto e depois pelo
resto do corpo. A rubéola é comumente confundida com outras doenças, pois
outros sintomas como dores de garganta e de cabeça também podem surgir,
tornando seu diagnóstico nem sempre fácil.
Colégio Ari de Sá Cavalcante
Apesar de não ser uma doença grave, a forma congênita da rubéola é
particularmente grave. O feto de uma mãe doente pode apresentar seqüelas
irreversíveis tais como glaucoma, catarata, malformação cardíaca, retardo no
crescimento, microencefalia, surdez, dentre outras.
Caxumba
A caxumba, ou parotide infecciosa, é causada por um vírus chamado
Paramyxovirus, transmitido por gotículas de saliva ou perdigotos. Após uma
incubação que dura entre duas e três semanas, seus sintomas aparecem sob a
forma de febre e aumento de uma ou mais glândulas salivares (o que confere a
forma característica da doença: o rosto inchado).
Apesar de rara em pacientes após a puberdade, nos homens, a caxumba pode
causar inflamação dos testículos (orquite) e entre as mulheres, do ovário (ooforite),
sendo assim necessária atenção redobrada.
A caxumba muito raramente é letal e seu tratamento se dá de maneira simples por
meio de repouso e administração de analgésicos. A melhor maneira de evitá-la se
da pela vacinação aos 15 meses de idade.
Fonte: http://www.fiocruz.br/ccs/glossario/triplice_viral.htm
Colégio Ari de Sá Cavalcante
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

Criar flashcards