Questões CIN-VEST GEO-REGIONAL

Propaganda
COLÉGIO MAXI - Simulado Geografia regional – Profº. Marcelo
Observe o mapa abaixo:
01) Solicitando a indicação nas alternativas abaixo da maior cidade mato-grossense localizada na região do
Médio Norte, a alternativa correta é:
a) Sorriso
b) Paranatinga
c) Poconé
d) Tangará da Serra
e) Diamantino
02) Considerando as denominações utilizadas para determinadas áreas do estado de Mato Grosso, o Baixo
Araguaia está localizado na porção _________________ do território mato-grossense. A palavra que
preenche corretamente a lacuna é:
a) Norte
b) Sul
c) Nordeste
d) Noroeste
e) Sudeste
03) O município de Sapezal desponta no estado de Mato Grosso como um dos grandes produtores de grãos,
principalmente soja. Recentemente foi destaque nacional na revista Veja, da Editora Abril, em matéria que
fala sobre a riqueza gerada pela expansão agropecuária em Mato Grosso e a nova elite agropecuária do
estado. No que tange à geomorfologia, durante muito tempo se considerava que essa área era imprópria para a
atividade agrícola por ser planáltica e pertencente ao antigo Planalto Central. Hoje sabemos que esse planalto
é de topografia plana a suavemente ondulada no seu topo, o que permite a prática da agricultura mecanizada.
Segundo a proposta de classificação do relevo brasileiro do profº. Jurandyr Ross, Sapezal está localizada:
a)
b)
c)
d)
e)
na Chapada e Planalto dos Parecis
na Depressão Sul-Amazônica
nos Planaltos e chapadas da Bacia do Paraná
nos Planaltos residuais Sul-Amazônicos
nos Planaltos residuais do Alto Paraguai
04) A rodovia que faz a ligação entre Cuiabá e Brasília, passando pelas cidades de Campo Verde, Primavera
do Leste, General Carneiro e Barra do Garças é a:
a)
b)
c)
d)
e)
BR-364
BR-070
BR-163
BR-158
BR-174
05) A área do estado denominada Vale do Guaporé é a área a que pertence qual dos municípios abaixo:
a) Pontes e Lacerda
b) Aripuanã
c) Paranaíta
d) Barra do Garças
e) Luciara
06) São características do relevo de Mato Grosso, exceto:
a) Possui ao todo 11 unidades do relevo, sendo quatro planaltos, quatro depressões e três planícies.
b) A mais extensa unidade geomorfológica do estado é a Chapada e Planalto dos Parecis.
c) A Planície e Pantanal mato-grossense é uma formação sedimentar recente, que se caracteriza como
planície aluvial.
d) Formações como a Serra dos Caiabis e a Serra dos Apiacás pertencem aos Planaltos residuais norte –
amazônicos.
e) A Depressão Cuiabana é a depressão absoluta que concentra a maior parte da população do estado.
07) Entre as unidades da federação que possuem limites com Mato Grosso podemos citar, exceto:
a)
b)
c)
d)
e)
Amazonas
Pará
Tocantins
Rondônia
Acre
08)
A foto acima mostra uma das formas mais típicas do relevo brasileiro, presente no estado de Mato Grosso.
Sobre essa forma de relevo assinale a alternativa correta:
a) A elevação vista na foto é resultante de intenso tectonismo, ocorrido em eras geológicas recentes no estado
de Mato Grosso.
b) Entre as cidades localizadas sobre essa forma de relevo podemos destacar Nobres e Cáceres.
c) A chapada dos Parecis e a chapada dos Guimarães são duas das representantes da forma de relevo
observada na foto.
d) O clima equatorial e a floresta amazônica ocorrem de forma conjugada sobre essa formação do relevo.
e) Graças á preservação da cobertura vegetal nativa, os processos erosivos que podem ocorrer nessas áreas são
insignificantes, principalmente os provocados pelas chuvas e pelo vento.
09) Umidade relativa do ar cai para casa dos 30% e preocupa.
Diário de Cuiabá – 19/05/2005
A queda dos índices da umidade relativa do ar em Cuiabá e Várzea Grande levou a Coordenadoria
Estadual da Defesa Civil a decretar “estado de atenção” nas duas cidades. No início da tarde de ontem, na área
central de Cuiabá, os equipamentos de medicação usados pelos técnicos do 9º Distrito de Meteorologia
registraram 34% de umidade, o segundo menor percentual deste ano.
Na última terça-feira, dia 17, a umidade atingiu o mais baixo índice, 27%. No mês de maio de
2004 a situação era confortável. Entre os dias primeiro e 19 os índices oscilaram entre 70 e 58% e foram
considerados bons.
De acordo com o coordenador da Defesa Civil Estadual, engenheiro Domingos Iglésias, a
preocupação com a umidade relativa do ar começa quando os índices chegam nos 40% ou menos. O ideal
observou Iglésias, seriam 70% ou acima disso.
Considerando as características e fatores climáticos em Mato Grosso, podemos afirmar que a situação descrita
acima é provocada:
a) Pela circulação dos ventos alísios de sudeste, que retiram as massas de ar úmidas do Centro-Oeste.
b) Pela massa Polar Atlântica, que é fria e seca e inibe a evaporação.
c) Pelas barreiras do relevo formadas pela Chapada e Planalto dos Parecis, que bloqueiam massas úmidas
vindas da Amazônia.
d) Pela expansão da massa Tropical Continental, quente e seca, formada na região do Chaco.
e) Pelo deslocamento do Equador térmico para o hemisfério Sul no mês de junho, tornando essa área
dispersora de ventos.
10) O clima predominante no Centro-Oeste:
a) subtropical
b) tropical de altitude
c) tropical de continental
d) equatorial
e) semi-árido
11) No mapa da região Centro-Oeste estão representadas as isolinhas de tempratura e a distribuição das
chuvas.
Temperaturas e chuvas no centro-oeste
Analisando o mapa e valendo-se de seus conhecimentos anteriores sobre a questão, considere a(s)
afirmativa(s) correta(s)
0 ( ) A região dos rios Teles Pires e Jurema, no extremo norte de Mato Grosso, apresenta o maior índice
de pluviosidade e temperatura elevada e corresponde à formação vegetal típica de floresta.
1 ( ) A distância do litoral acentua os efeitos da continentalidade na região Centro-Oeste.
2 ( ) No estado de Mato Grosso, o extremo norte e a região ocupada pelo Pantanal apresentam as
temperaturas mais elevadas.
3 ( ) A localização desses três Estados destacados, acima do Trópico de Câncer, torna o clima quente e
seco, aumento a pluviosidade do sul para o norte.
12) Em relação ao clima de Mato Grosso, podemos afirmar que:
(0) O Estado de MT apresenta clima Tropical com duas estações, uma chuvosa e outra seca. As
precipitações estão concentradas nos meses de verão. A temperatura média do mês mais quente varia
de 24ºC à 26ºC. Nas partes sob influência de chuvas tropicais os totais elevados de chuvas diminuem
do norte para o sul do estado.
(1) As massas de ar que dominam a região, nas diferentes épocas do ano definem–se pelas circulações
típicas de verão e inverno. Na época de verão a incidência vertical dos raios solares faz com que as
áreas próximas ao trópico de Capricórnio caracterizem–se como de maior calor. Por essa razão, nas
proximidades do Pantanal mato–grossense forma–se uma zona de baixa pressão que define uma área
de convergência ou zona ciclonal.
(2) Os meses de Dezembro, Janeiro e Fevereiro ficam sob domínio de massa equatorial continental, que
é quente e úmida. A massa equatorial continental tem suas origens em áreas aquecidas e com
cobertura de vegetação florestal.
(3) Em Mato Grosso, nos meses de inverno vez por outra acontece o fenômeno da "Friagem" que é uma
queda brusca e rápida na temperatura. Este fenômeno é explicado pela penetração da massa tropical
continental, que encontrando fácil acesso, avança pela vertente leste dos Andes argentino e boliviano,
atinge o Centro–Oeste brasileiro e produz o resfriamento mais intenso a leste.
13) O mapa a seguir ilustra a atuação das massas de ar do Centro-Oeste brasileiro, cuja conseqüência é o
predomínio do clima tropical continental.
Sobre essas massas, sua atuação e conseqüências, podemos afirmar que:
a) a influência do oceano Atlântico é caracterizada devido à atuação da massa tropical atlântica
representada pela letra B.
b) a massa C, além de ser responsável pelo frio de inverno, traz as chuvas de verão.
c) a massa A originária do oceano Pacífico é fria e seca devido à corrente de Humboldt.
d) o norte da região tende a apresentar o clima semi-árido devido à ação da massa D.
e) em função das massas em ação o clima não apresenta temperaturas baixas.
14) Identifique a alternativa que explica a origem do ‘’inverno’’ mato-grossense, caracterizado como
‘’estação seca’’.
a) Nesse período, o clima é denominado pela massa de ar equatorial continental (mEc) originária da
Amazônia brasileira, o que torna esta estação seca.
b) As pequenas amplitudes térmicas e as temperaturas elevadas com médias em torno de 25º permitem a
entrada da massa de ar tropical atlântica (mTa) quente e seca que fica estacionada sobre Mato Grosso.
c) No inverno, a massa de ar tropical continental (mTc), originada na região do chaco argentino e
boliviano, forma uma área de baixa pressão (ciclonal) dando origem aos ventos quentes e secos, que
ficam estacionados sobre boa parte do Centro-Oeste.
d) As barreiras altimétricas das Serras de São Vicente e São Lourenço impedem a passagem da massa de
ar tropical atlântica (mTa) que é quente e úmida, ocasionando a seca.
e) Mato Grosso é o 3º estado da Federação em tamanho, por isso a localização de seus pontos extremos,
distantes uns dos outros, tornam este clima árido no período de inverno.
15)
Sobre o clima do Centro-Oeste, julgue os itens:
(0) Predomínio do clima tropical com duas estações bem definidas: seca no inverno e chuvas no verão.
(1) É influenciada pelas massas de ar tropicais e marcada pela continentalidade.
(2) As pluviosidades e médias térmicas sofrem influências geográficas devido as diferenças de altitudes e
a presença de um corredor plano e baixo, que liga a Bacia do Paraguai à planície Amazônica.
(3) As Médias Térmicas são ‘’Uniformes’’ em todos os Estados da Região Centro Oeste durante todo o
ano.
(4) No oeste da região, ocorrem frentes frias facilitada pelo Relevo de Planície, que permite a entrada de
Anticíclones polares que podem causar uma queda brusca da temperatura no inverno.
16)
Observe o mapa de pluviosidade e verifique as variações, ocorrendo redução da isoieta de uma faixa ao
norte de MT (mais de 2 000 mm) para o sul de MS e leste de GO. A área de menor quantidade de chuvas,
com cerca de 1.200mm é:
a) Vale do Rio Juruena e Teles Pires;
b) Ilha do Bananal;
c) Brasília;
d) Pantanal;
e) Alto do Xingu.
17) “Alegria do caminho ao calor da natureza
leve e prático como o rajante da nuvem montanha
Vejo e giro pensando no silêncio da chapada
Pradarias das montanhas norteando o pantanal...”
(Trecho da composição “Apologia à Chapada” de Walter
Laerth Oliveira Guimarães)
Sobre os aspectos naturais grifados no texto, julgue os itens:
(0) Em uma perspectiva geográfica o termo “pradaria” não foi utilizado de forma correta, pois este
designa um domínio paisagístico que abrange a região conhecida como campanha gaúcha, localizada
no sul do país.
(1) A chapada é um planalto sedimentar típico, constituída de camadas de arenito, suas bordas são
erodidas pelas águas das chuvas proporcionando o aparecimento de ravinas.
(2) O pantanal situa-se na porção Leste de Mato Grosso do Sul e Nordeste de Mato Grosso.
(3) A Chapada dos Guimarães integra o Planalto do Maranhão – Piauí onde se destaca a Chapada da
Borborema.
18) Em relação a posição geográfica de Mato Grosso assinale a alternativa incorreta.
a) Está situado na região centro-oeste do Brasil
b) Possui limites com Bolívia e Chile
c) Os portos do Peru podem auxiliar na exportação de grãos de Mato Grosso para o Pacífico
d) Amazonas e Pará são estados vizinhos de Mato Grosso e pertencem à região norte do Brasil
e) Cuiabá é o centro geodésico da América do Sul enquanto que Barra do Garças é o centro
geodésico do Brasil.
19) Na divisão geoconômica do Brasil, Mato Grosso está inserido em duas regiões, quais:
a)
b)
c)
d)
e)
Norte e Centro-Sul
Sul e Amazônia
Amazônia e Nordeste
Centro-Sul e Amazônia
Norte e Nordeste
20) São municípios amazônicos, exceto:
a) Apiacás e Aripuanã
b) Santa Terezinha e Tapurah
c) Campo Verde e Primavera do Leste
d) Guarantã do Norte e Colniza
e) Colniza e Juruena
Download
Random flashcards
paulo

2 Cartões paulonetgbi

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

paulo

2 Cartões oauth2_google_ddd7feab-6dd5-47da-9583-cdda567b48b3

Criar flashcards