Enviado por Do utilizador3356

10599716 resolucoes natureza resolva enem 2

Propaganda
RESOLUÇÃO
CIÊNCIAS DA NATUREZA
E SUAS TECNOLOGIAS
Resolva
Enem II
01. Comentário:
A) Falso – o texto não afirma que antes dos 30 anos o sistema nervoso está livre de qualquer limitação fisiológica.
B) Falso – o texto afirma que a redução do peso do cérebro influencia atividades intelectuais e motoras.
C) Verdadeiro – o processo de alteração vascular tem relação com a redução da oxigenação dos neurônios, visto que ocorre um
processo de aterosclerose com o envelhecimento.
D) Falso – o texto não afirma que a mudança de humor é consequência de uma hiperatividade neuronal típica da terceira idade.
E) Falso – o texto afirma que a memória para fatos recentes diminui, mas não garante que não haja alteração da memória de fatos passados.
Resposta correta: Item C
02. Comentário:
A corrente não deve ultrapassar 0,2 A, de maneira que seja a maior possível. Encontramos isso no circuito IV.
∑ ε = ∑ R ⋅ i ⇒ i = 1 ⇒ i = 0,1667 A
100 = 600 ⋅ i
6
Resposta correta: Item D
03. Comentário:
Para a solução de glicose, notamos que 0,5 mol de glicose elevou a temperatura de ebulição em 0,26 ºC (DtE = 0,26 ºC) e diminuiu
a temperatura de congelamento em 0,93 ºC (DtC = 0,93 ºC).
No NaC, temos:
NaC
0,5 mol
No A2(SO4)3, temos:
NaC
0,5 mol
C
0,5 mol
+
1,0 mol
2A3+
1,0 mol
A2(SO4)3
0,5 mol
3SO2–
4
1,5 mol
+
2,5 mol
Assim, concluímos que:
Número de mol de
partículas do soluto
(kg de água)
TE (ºCE)
∆tE (ºC)
TF (ºC)
∆tC (ºC)
NaC
1,0
100,52
0,52
–1,86
1,86
A2(SO4)3
2,5
101,30
1,30
–4,65
4,65
Resposta correta: Item C
04. Comentário:
A) Falso – o texto não afirma que a diabetes não dependente de insulina traz menos consequências clínicas que a dependente de insulina.
B) Falso – é justamente o contrário, a obesidade tem relação direta com a redução dos receptores de insulina típico da diabetes do adulto.
C) Falso – na diabetes não insulinodependente, a hiperglicemia está diretamente relacionada ao agravamento da doença.
D) Verdadeiro – o risco cardiovascular da diabetes do adulto tem associação com a elevação plasmática do LDL.
E) Falso – muita sede e produção excessiva de urina são sinais típicos da diabetes não insulinodependente e da insulinodependente.
Resposta correta: Item D
05. Comentário:
Se R$ 0,50 por Kwh
Diferença de consumo: 15 Kwh/mês
Diferença de custo: (1825,00 – 1600,00) = R$225,00
Como:
R$ 0,50
R$ 225,00
1 Kwh
E
Portanto:
15 Kwh
450 Kwh
1 mês
∆t
E = 450 Kwh
∆t = 30 meses
Resposta correta: Item D
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
06. Comentário:
Neste caso, a espécie adequada para essa recuperação deve apresentar o potencial de redução menor do que os íons prata na forma
de Ag(S2O3)23– (+0,02 V)
Logo, temos três opções:
A3+(aq) + 3e–  A(s) + 2S2O32–(aq) (redução)
–1,66
Sn2+(aq) + 2e–  Sn(S)
–0,14
Zn2+(aq) + 2e–  Zn(S)
ou seja,
Ag(S2O3 )23− (aq) + e − → Ag(s) + 2S2O32− (aq) (redução) T
X ( s ) → X + ( aq) + e − (oxidação)
Então,
2Ag(S2O3 )23− (aq) + 2 e − → 2Ag(s) + 4S2O32− (aq) (redução)
Sn( s ) → Sn2+ ( aq) + 2 e − (oxidação)
Conclusão: das espécies apresentadas, a adequada para essa recuperação é Sn(S).
Resposta correta: Item D
07. Comentário:
A) Falso – o câncer mais incidente de todos os listados afeta o sistema reprodutor masculino.
B) Falso – o câncer de menor incidência se origina em células do tecido epitelial.
C) Falso – os tumores malignos com menos de vinte mil casos afetam estruturas do sistema digestório, como a boca e o esôfago.
D) Falso – o segundo tumor mais comum exclusivo de mulheres possui relação com uma infecção viral pelo HPV.
E) Verdadeiro – os tumores que afetam a medula óssea vermelha (leucemias) são menos incidentes que os respiratórios (traqueia,
brônquio e pulmão).
Resposta correta: Item E
08. Comentário:
I. Verdadeiro.
II. Falso. Se propaga por condução.
III. Verdadeiro. Através de ondas de calor.
IV. Falso. A propagação ocorre por convecção.
Resposta correta: Item B
09. Comentário:
A insuficiência renal tem sua origem na lesão dos nefros (néfrons), estruturas que são a unidade morfofisiológica dos rins. Com a destruição
de mais da metade dos néfrons do organismo, ocorrerá o desenvolvimento dessa patologia, limitando a excreção de resíduos pelo corpo.
Resposta correta: Item A
10. Comentário:
A camada central de eletrólito polimérico é importante porque permite a difusão dos íons promovida pela aplicação de diferença de
potencial, fechando o circuito elétrico:
Polipirrol = Pp
Ânion proveniente do sal = A −
Pp → Pp+ + e − (oxidação)
Pp+ + A − → Pp+ A −
Pp+ A − + e− → Pp + A − (redução)
Resposta correta: Item B
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
11. Comentário:
Para o H2
1 mol H2 =
2 g → 270 kJ
x ← 5400 kJ
40 g de H2
1 mol CH4 =
16 g → 900 kJ
x ← 5400 kJ
96 g de CH4
1 mol CH2H5OH = 46 g → 1350 kJ
x ← 5400 kJ
184 g de C2H5OH
O H2 é o mais econômico, pois para produzir 5400 kJ só consumiu 40 g.
Resposta correta: Item B
12. Comentário:
A) Falso. A liberação de histamina é realizada por mastócitos e basófilos e não pelos linfócitos T CD8.
B) Falso. Linfócitos T CD8 secretam granulisinas, granzimas e perforinas sobre a célula infectada.
C) Falso. Uma célula infectada e não uma enxertada é que está apresentando antígenos para o LTCD8.
D) Verdadeiro. O envoltório de fosfolipídios ou membrana plasmática está sendo degradado pelas enzimas do LTCD8.
E) Falsa. As prostaglandinas são mediadores químicos da inflamação que faz parte da segunda linha de defesa e não da terceira,
como mostra a imagem.
Resposta correta: Item D
13. Comentário:
Como o barril II encontra-se fechado, a pressão de gás oxigênio no mesmo será baixa e, dessa forma, a glicose não será totalmente
oxidada pela respiração celular aeróbica. Isto garante matéria orgânica para que o microrganismo anaeróbio facultativo realize, nessas
condições, fermentação alcoólica, produzindo assim o etanol, que representa a matéria-prima para a fabricação de cerveja.
Resposta correta: Item B
14. Comentário:
Alternativa A (incorreta) – os xampus têm uma extremidade em sua molécula do tensoativo capaz de interagir com a água e a outra
extremidade capaz de interagir com a sujeira.
Alternativa B (incorreta) – a sujeira n tem afinidade com água, logo é apolar.
Alternativa C (incorreta) – o condicionador retira parte do xampu que ainda pode ficar no cabelo.
Alternativa D (correto) – porque o condicionador vai reparar as consequências deixadas pelo xampu.
Alternativa E (incorreto) – a água é polar e a sujeira é apolar.
Resposta correta: Item D
15. Comentário:
A dúvida irá permanecer em relação à paternidade biológica de Ezequiel, pois sendo pertencente ao grupo A Rh–, ele poderia ser filho
do casal Bentinho (O Rh–) e Capitu (AB Rh+), ou filho de Escobar (A ou AB, RH+ ou Rh–) e Capitu (AB Rh+).
Resposta correta: Item B
16. Comentário:
O vacúolo de suco celular (número 5) possui soluções salinas concentradas, além de acumular açúcares, ácidos orgânicos e aminoácidos,
sendo, por isso, capazes de absorverem água por osmose através de seu tonoplasto, aumentando seu volume e a pressão de turgor
da célula vegetal. As estruturas de números 1, 2, 3 e 4 são, respectivamente, a parede celular, o retículo endoplasmático granuloso,
o complexo golgiense e o cloroplasto, estruturas não associadas ao controle osmótico nas células vegetais.
Resposta correta: Item E
17. Comentário:
Desprezando os efeitos do ar e orientando a trajetória para cima, a aceleração do Super-homem é a = – g.
O gráfico da velocidade em função do tempo até o ponto mais alto está dado a seguir.
A área hachurada é numericamente igual ao espaço percorrido pelo Super-homem, no caso, a altura H. Assim:
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
v
H = ”Área” = .
2
v
é a velocidade média, vm.
Mas
2
Então: H = vm t.
A equação da velocidade na subida é:
v’ = v – g t. Como no ponto mais alto a velocidade se anula, temos:
v
0=v–gt ⇒ t= .
g
Assim:
v
H = vm t ⇒ H = vm .
g
Ou seja, a altura atingida é proporcional à sua velocidade média multiplicada pelo tempo que ele permanece no ar, e esse tempo
também da sua velocidade inicial.
Finalizando:
 v  v
H =     ⇒ v2 = 2gH.
 2  g 
Resposta correta: Item E
18. Comentário:
Dados: V = 1200 L; h = 30 m; L = 200 m.
Seguindo as instruções do fabricante, entremos com os dados na tabela para obtermos o valor de H.
L= Comprimento total da tubulação (em metro), da bomba até o reservatório
10
20
40
60
80
100 125 150 175 200 225 250 300
h = Altura (em metro) da entrada da água na
bomba até o reservatório
H = Altura manométrica total, em metro.
5
6
7
8
10
11
13
14
16
18
20
22
24
28
10
11
12
13
15
16
18
19
21
23
25
27
29
33
15
17
18
20
21
23
24
26
28
30
32
34
38
20
22
23
25
26
28
29
31
33
35
37
39
43
25
28
30
31
33
34
36
38
40
42
44
48
30
33
35
36
38
39
41
43
45
47
50
50
35
38
40
41
43
44
46
48
50
50
40
43
45
46
50
50
50
50
50
50
50
H = Altura manométrica
Como mostrado, obtemos H = 45 m.
Analisando o gráfico dado, temos os valores mostrados: H = 45 m ⇒ Q = 900 L/h.
50
45
40
GRÁFICO DE DESEMPENHO
30
20
10
0
800
1200
1600
2000
900 Q = Va zão (litro/hora)
Calculando o tempo para encher o reservatório:
V
1200
1200 4 ⇒
Q = ⇒ 900 =
⇒t=
= h
t
t
900 3
t = 80 min = 1 h e 20 min
Resposta correta: Item E
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
19. Comentário:
É bom saber que:
• Frequência alta ⇒ agudo
• Frequência baixa ⇒ grave
• No caso II – V (Relativa) é de afastamento, portanto, por efeito Doppler temos uma frequência menor (som grave).
• No caso IV – V (Relativa) é de aproximação, portanto, por efeito Doppler temos uma frequência maior (som agudo).
Como:
VII
Fonte
I
VIV
Resposta correta: Item A
20. Comentário:
O texto refere-se a uma eletrólise (decompor a água se fosse salgada ou acidulada, usando a pilha de Daniell como fonte de força).
Este método é utilizado industrialmente na obtenção de alumínio a partir da bauxita.
A alumina (A2O3) é obtida a partir da bauxita:
∆
A 2O3 . 5H2O ( s ) 
→ A 2O3( s ) + 5H2O( v ).
Equacionamento da eletrólise ígnea da alumina (A2O3) que faz parte do processo de obtenção do alumínio na indústria:
∆
2A 2O3(s) 
→ 4A3+( ) + 6O2− ( )
6O2− ( ) → 3O2(g) + 12e− (Ânodo; redução) (–)
4A3+( ) + 12e– → 4A ( ) (Cátodo; redução) (+)
Global
→ 3O2(g) + 4A ( )
2A 2O3(s) 
Resposta correta: Item C
21. Comentário:
A) Incorreta. Pelo fato de ter divergido há mais tempo do ancestral comum, o grupo dos lêmures é o mais antigo.
B) Incorreta. Os chimpanzés possuem maior proximidade filogenética com os humanos do que com os gorilas.
C) Incorreta. Os gorilas compartilham um ancestral comum mais recente com o grupo formado por chimpanzés e seres humanos, e
não com os gibões.
D) Incorreta. Embora compartilhem um ancestral comum, os gorilas não são ancestrais dos chimpanzés nem dos seres humanos.
E) Correta. De acordo com a árvore filogenética, os dois grupos apresentam um ancestral comum mais recente.
Resposta correta: Item E
22. Comentário:
Como os ângulos de incidência e refração são definidos no intervalo de 0° a 90°, o menor ângulo tem menor seno. Sendo fixo e não
nulo o ângulo de incidência, apliquemos a lei de Snell às duas situações, gasolina não adulterada e gasolina adulterada.
sen i sen r2 1, 4
 sen i
= 0, 74 ⇒
⋅
=
 sen r = 1, 4
1, 9
sen r 1 sen i

1
÷ ⇒ sen r = 0, 74 sen r ⇒

2
1
 sen i = 1, 9
 sen r 2
sen r2 < sen r1 ⇒ r2 < r1
Portanto, o raio refratado no caso da gasolina adulterada é menor do que para a gasolina não adulterada. Isso significa que o raio
refratado aproximou-se da normal à superfície de separação.
Resposta correta: Item E
23. Comentário:
Ao fazermos um corte superficial no ramo, removemos o floema que, por ser mais externo, encontra-se aderido à casca. Dessa forma,
bloqueamos o fluxo de seiva elaborada para o caule, promovendo, assim, um acúmulo de matéria orgânica no ramo, aumentando o
peso de suas folhas.
Resposta correta: Item A
24. Comentário:
Um transformador de tensão só modifica o valor da tensão se a corrente que o atravessa for uma corrente alternada, pois é necessário
uma variação no fluxo magnético e só a corrente alternada pode fazer isso.
Resposta correta: Item C
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
25. Comentário:
Essa cela de combustível não é poluente, porque pode ser construída em materiais não poluentes, ela não usa cádmio ou mercúrio;
além disso, todos os participantes das reações e o produto delas é a água, o que não acarreta problemas ambientais.
No compartimento onde ocorre a oxidação (polo negativo), teremos o H2 sofrendo oxidação para íons H+, portanto, esse compartimento
deve ser alimentado com hidrogênio.
Montando a equação global, teremos:
Ânodo: 2H2 → 4H+ + 4e–
Cátodo: O2 + 4H+ + 4e– → 2H2O
Global: 2H2 + O2 → 2H2O
Relação em massa
Massahidrogênio
Massaoxigênio
=
2 mols H2 2, 2
4
1 g H2
=
=
=
1 mol O2 1, 32 32 8 g O2
Resposta correta: Item B
26. Comentário:
A toxina botulínica inibe a liberação de vesículas (X) de acetilcolina na fenda sináptica (Y) da placa motora, levando a uma diminuição
da contração muscular no sarcômero (Z). Esta propriedade a torna útil, clínica e terapeuticamente, em uma série de condições nas
quais exista problemas oriundos do excesso de contração muscular, como, no caso, das rugas de expressão da pele, originárias do
próprio processo de envelhecimento cutâneo.
Resposta correta: Item C
27. Comentário:
L1
L2
i
2
i
2
B
L4
L3
i
V
A
Potência P/ antes e depois:
 i
PD = 2R ⋅  
 2
i2
PD = 2R ⋅
4
R ⋅ i2
PD =
2
2
Com todas as lâmpadas brilhando, temos:
∑ ε = ∑R ⋅i
V
R
Mas se L1 queimar, temos:
∑ ε = ∑R ⋅i
V
V = 2R ⋅ i ⇒ i =
2R
V = R ⋅i ⇒ i =
A corrente enviada pela bateria cai pela metade, mas o brilho de L3 e L4 é o mesmo, já a corrente que passa por elas é a mesma.
A potência últil (P = U ⋅ i) da bateria cai pela metade.
Resposta correta: Item E
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
28. Comentário:
Como podemos observar, trata-se de um típico caso de seleção direcional de bactérias, em que, inicialmente, houve um uso incorreto
do antibiótico A. Possivelmente, o paciente deixou de usar a droga antes do prazo determinado pelo médico, o que levou à seleção
das bactérias resistentes no corpo do indivíduo, passando a ter no seu organismo mais bactérias resistentes do que sensíveis ao
antibiótico A. Dessa forma, os médicos resolveram dar-lhe a combinação de três antibióticos, A, B e C, para aumentar a eficiência da
terapia medicamentosa, pois caso uma bactéria fosse resistente a uma das drogas, possivelmente não seria a outra, curando-o assim
da infecção.
Resposta correta: Item D
29. Comentário:
Quando velocidade e aceleração possuem o mesmo sinal, o movimento é acelerado.
Quando velocidade e aceleração possuem sinais opostos, o movimento é retardado.
Entre t2 e t3, o taxista freia, velocidade positiva e aceleração negativa.
Entre t4 e t5, o taxista acelera, velocidade e aceleração negativa.
Resposta correta: Item C
30. Comentário:
A radiação ionizante, como o próprio nome diz, ioniza átomos e moléculas, arrancando deles um ou mais elétrons. É necessário que
a radiação tenha energia suficiente para arrancar ao menos um elétron de um átomo (molécula). Quanto menor o comprimento de
onda da onda incidente, maior a sua energia e a sua penetração nos meios materiais. Essas ondas devem interagir com os elétrons
e, portanto, devem ter uma natureza eletromagnética. Sua ação acontece apenas enquanto são aplicadas. No caso dos alimentos,
doses rigorosamente controladas provocam a morte de microrganismos que os deterioram, sem afetar a estrutura do alimento.
No tratamento médico, procura-se aplicar a radiação apenas na área afetada pela doença, matando as células infectadas.
I. Correta. De fato, a radiação ionizante pode atravessar o alimento, retirar elétrons dos átomos e moléculas que o constituem.
II. Incorreta. As micro-ondas e os raios infravermelho e ultravioletas têm comprimento de onda grandes demais para produzirem um
efeito ionizante.
III. Correta. As fontes radioativas utilizadas na conservação de alimentos são de mesma natureza das utilizadas para fins terapêuticos
(radioterapia).
IV. Incorreta. Os efeitos radioativos usados na conservação de alimentos têm um tempo de duração muito curto, cessando quase
imediatamente após sua aplicação.
Resposta correta: Item B
31. Comentário:
A) Item falso. O desmatamento e a queimada das florestas são bastante relevantes para a ocorrência desse processo, associado à
queima de combustíveis fósseis.
B) Item falso. Como podemos observar na tabela, o principal gás responsável é o CO2.
C) Item falso. O aumento da intensidade desse fenômeno tem como consequência o derretimento das calotas polares e aumento do
nível dos oceanos.
D) Item falso. O fenômeno em questão é o aquecimento global.
E) Item verdadeiro. O reflorestamento representa um procedimento que ameniza o aquecimento global, pois as plantas para crescerem
sequestram carbono do meio, reduzindo a concentração do gás carbônico na atmosfera.
Resposta correta: Item E
32. Comentário:
A questão aborda o tema Magnificação trófica, que representa um fenômeno que ocorre quando há acúmulo progressivamente
maior de uma substância não biodegradável, de um nível trófico para outro ao longo da cadeia alimentar por causa da redução da
biomassa. Desse modo, os consumidores, principalmente os últimos (peixes carnívoros e garças), apresentam maior concentração dos
produtos não biodegradáveis em relação aos produtores. Os seres dos últimos níveis acabam concentrando mais essa substância, por
apresentarem uma menor biomassa em relação aos níveis tróficos inferiores. Esse fenômeno também é conhecido como biomagnificação
ou amplificação biológica.
Obs: Fitoplâncton → zooplâncton → peixes herbívoros → peixes → carnívoros → garças
Resposta correta: Item C
33. Comentário:
No início da queda, a única força atuante sobre o paraquedista (homem + paraquedas) é apenas o peso [para baixo (+)].
À medida que acelera, aumenta a força de resistência do ar, até que a resultante se anula, quando é atingida a velocidade limite. No instante
(TA) em que o paraquedas é aberto, a força de resistência do ar aumenta abruptamente, ficando mais intensa que o peso, invertendo o sentido
da resultante [para cima (–)]. O movimento passa a ser retardado até ser atingida a nova velocidade limite, quando a resultante volta a ser nula.
Resposta correta: Item B
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
34. Comentário:
No texto foi mencionado que este polímero apresenta vantagens em relação aos polímeros petroquímicos por ser biocompatível e
biodegradável.
A sua estrutura representada a seguir apresenta grupos: amina e álcool.
amina
H
O
HO H
HOH2C
H
O
O
C
H
H
H
C
H
H
H
NH2
HO H
NH2
CH2OH
O
álcool
n
Quitosana
Resposta correta: Item C
35. Comentário:
Como o módulo da velocidade é constante, só temos aceleração centrípeta: ac =
V2
.
R
Note que a aceleração é inversamente proporcional ao raio, vem:
Como RA < RC → aA > aC > aB = 0.
Resposta correta: Item D
36. Comentário:
A) Hidrocarbonetos não queimados são fonte de poluição.
B) A estabilidade térmica é alcançada pelas duas fontes de hidrogênio.
C) A queima do carvão é responsável pela emissão de gases causadores do efeito estufa e, por isso, não é considerada uma boa fonte
de hidrogênios.
D) Os carboidratos são compostos por dois átomos de H em cada molécula: (CH2O)n. Por isso, constituem uma boa fonte de hidrogênio.
Além disso, podem gerar carbono como subproduto, que passa a ser fixado pelos vegetais na próxima safra, não prejudicando,
assim, a atmosfera.
E) Hidrocarbonetos também podem estar ligados por ligações duplas e triplas.
Resposta correta: Item D
37. Comentário:
O pH é menor conforme seja maior a concentração de íons H+. Assim, uma queda brusca de pH indica um aumento na concentração de H+.
Resposta correta: Item E
38. Comentário:
A partir da injeção de glicose marcada com esse nuclídeo, o tempo de aquisição de uma imagem de tomografia é cinco meias-vidas.
20,4 min
20,4 min
20,4 min
1, 00 g 
→ 0,500 g 
→ 0, 250 g 
→ 0,125 g
20,4 min
20,4 min
0,125 g 
→ 0, 0625 g 
→ 0, 03125 g
31,25 mg
≈ 31,3 mg
Resposta correta: Item D
39. Comentário:
Teremos:
Poder
Combustível calorífico
(kJ/g)
Densidade
Poder calorífico (kJ/g)
Hidrogênio
140
8,2 · 10–2
140 ⋅ 8,25 ⋅ 10–2 =
1.148 ⋅ 10–2 = 11,48
Propano
50
1,8
50 ⋅ 1,8 = 90
Gasolina
45
750
45 ⋅ 750 = 33750
Etanol
30
790
30 ⋅ 790 = 23700
Por causa de sua baixa densidade, o poder calorífico do hidrogênio, medido em kJ por litro, é muito baixo.
Resposta correta: Item D
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
40. Comentário:
m = 1,5 kg
V = 500 cm³
Como:
m
ρ = ⇒ m = ρ⋅ v
V
m = 1500
m = 500g
m = 0,5 kg
0
N
Rempuxo + PL = N
Temos:
Medida da balança
Reação = m1 + mlíq, deslocado:
R = 1,5 kg + 0,5 kg
R = 2,0 kg
Resposta correta: Item C
41. Comentário:
Considerando o sistema termicamente isolado, temos:
Qágua1 + Qágua2 = 0 ⇒ mquente cágua (30 − 70) + mfria cágua (30 − 25) ⇒
mquente
mfria
=
m
5
1
= ⇒ quente = 0,125.
mfria
40 8
Resposta correta: Item B
42. Comentário:
A maior eficiência teórica da conversão calor em trabalho é dada por:
(27 + 273)
T
η = 1− mí n ⇒ η = 1−
(1227 + 273)
Tmáx
η = 1−
300
= 1 − 0, 2 ⇒ η = 0, 80
1500
A eficiência da usina vale:
η 0, 80
η(u sin a) = =
⇒ η(u sin a) = 0, 40
2
2
A potência gerada vale:
Q 7200 ⋅ 5, 0 ⋅ 107 ( J)
Pot =
=
⇒ Pot = 1, 0 ⋅ 108 W
∆t
3600 s
Portanto, a potência gerada pela usina é igual a:
Pot (usina) = η(usina) ⋅ Pot
Pot (usina) = 0, 40 ⋅ 1, 0 ⋅ 1018 W
Pot (usina) = 4, 0 ⋅ 107 W
Resposta correta: Item B
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
43. Comentário:
A) Item falso. Pela leitura dos infográficos, percebe-se que os danos à fisionomia original da Amazônia são no mínimo de 40%.
B) Item falso. Os danos sofridos pela floresta Amazônica com aumento de 3 °C é um pouco menos que o dobro de quando a temperatura
global aumentar 3 °C.
C) Item verdadeiro. Cerca de 25% da floresta Amazônica será preservado se o aumento na temperatura global for de 3 °C.
D) Item falso. Com aumento de 4 °C na temperatura global, apenas 15% da floresta Amazônica serão preservados.
E) Item falso. Os dados contidos no texto e nos infográficos referem-se apenas à floresta Amazônica, e não a todas as áreas florestais
terrestres.
Resposta correta: Item C
44. Comentário:
Podemos dizer que quanto maior o volume de esgotos lançados a um determinado rio, maior será o consumo de oxigênio provocado
neste. Isto é, quanto maior for a concentração matéria orgânica no meio, maior será a proliferação de bactérias aeróbicas, maior
a atividade total de respiração celular aeróbica e maior, por conseguinte, a demanda de oxigênio local. Mas como essa demanda é
provocada sempre por intermédio de uma atividade biológica ou bioquímica – atividade bacteriana –, fala-se em Demanda Bioquímica
de Oxigênio (DBO), a qual é proporcional à concentração de matérias orgânicas assimiláveis por bactérias aeróbicas. Define-se DBO
como a quantidade de oxigênio absorvida por um volume de água em 5 dias na temperatura de 20 ºC. Os esgotos, ricos em matéria
orgânica, aumentam a eutrofização de reservatórios aquáticos, caso sejam despejados nos mesmos, provocam forte redução no teor
de oxigênio dissolvido e, consequentemente, morte de aeróbios (bactérias aeróbicas, peixes, moluscos e crustáceos) e substituição
desses por microrganismos anaeróbicos, que liberam gases com odores desagradáveis na água.
Resposta correta: Item A
45. Comentário:
Quando se fecha a chave, surge um campo elétrico ao longo de todo o fio, fazendo com que as cargas comecem a se deslocar, formando
a corrente elétrica.
Resposta correta: Item D
46. Comentário:
Cálculo da massa de glicose (hexose)
mglicose = 6 ⋅ 106 ⋅ 106 g (biomassa) ⋅ 0,60 ⋅ 0,60 = 2,16 ⋅ 1012 g
Fermentação da glicose:
1C6H12O6 → 2CO2 + 2C2H6O
2 ⋅ 46 g ⋅ 0,90 (etanol)
metanol
180 g (glicose)
2,16 ⋅ 1012 g (glicose)
metanol = 0,9936 ⋅ 1012 g
800 g (etanol)
1L
0.9936 ⋅ 10 g (etanol)
12
V
V = 1242 ⋅ 106 L
Resposta correta: Item D
47. Comentário:
Teremos:
CaO ( s ) + H2O( ) Ca(OH)2 ( aq)
56 g
18 g
mCaO
mH2O
mCaO = 6, 43 kg
mH2O = 2, 07 kg
74 g
50 kg ⋅ 0,17
1 kg (H2O( ) )
2, 07 kg (H2O( ) )
V(H2O ) = 2, 07 L
1L
V(H2O )
Resposta correta: Item B
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
48. Comentário:
As faltas dos corredores reduzem a biodiversidade, por limitar o fluxo de organismos de uma região a outra. Os
corredores aumentam o fluxo gênico e os ciclos biológicos das espécies. As espécies desses corredores são sensíveis a
ambientes alterados. Esses corredores não evitam a extinção das espécies somente pelo fato de garantirem o processo de
reprodução local, pois, só por este motivo, não são suficientes para manutenção de uma dada espécie numa comunidade.
A onça-pintada, o lobo-guará, a ema e o veado-campeiro são espécies típicas desse bioma denominado de cerrado.
Resposta correta: Item C
49. Comentário:
As marés negras originam grandes catástrofes ecológicas, promovendo grandes desequilíbrios à fauna e flora marinha.
Os hidrocarbonetos petrolíferos são insolúveis na água e menos densos que esta, formando, em consequência dessas propriedades, uma
película extremamente delgada, monomolecular, à superfície da água, o que origina grandes manchas de petróleo que alastram rapidamente.
As consequências das marés negras são extremamente diversificadas e graves: a película opaca que se forma à superfície da água
impede a entrada de luz nos oceanos e limita as trocas gasosas, originando uma forte redução da taxa de fotossíntese, assim como
a asfixia de vários animais aquáticos, devido à diminuição da quantidade de oxigênio dissolvido nas águas, o que acarreta ainda o
incremento das populações de bactérias anaeróbias. Além disso, o petróleo adere às brânquias dos peixes, intensificando nesses o
processo de asfixia. A capacidade de autodepuração das águas é também fortemente reduzida, havendo ainda interferências várias
no ciclo da água e no regime de precipitações, já que as trocas de água entre os oceanos e a atmosfera são impedidas pela película
de petróleo. As aves marinhas são extremamente afetadas pelas marés negras, não apenas devido à libertação de gases tóxicos,
como os benzenos e o tolueno, mas também pelo fato de os hidrocarbonetos dissolverem a camada de óleo que torna as suas penas
impermeáveis, tal como acontece com os pelos de alguns mamíferos marinhos (focas, por exemplo), fazendo com que esses anexos
da pele fiquem encharcados pela água, eliminando assim o colchão de ar entre penas e pelos, levando à perda da capacidade de
isolamento térmico, ocasionando assim hipotermia e morte dos mesmos. A ingestão de petróleo é também extremamente tóxica,
ocorrendo, por exemplo, quando as aves mergulham para pescar ou limpam as penas com o bico, já que o petróleo adere às penas,
tornando-as pesadas demais para voar ou nadar, afogando-se.
As áreas costeiras afetadas pelos derrames ficam, geralmente, estéreis durante vários anos, não apresentando qualquer manifestação de
vida, à exceção de algumas bactérias devoradoras de hidrocarbonetos, em consequência da impregnação dos solos com compostos tóxicos.
O impacto de um derrame petrolífero pode prolongar-se bastante no tempo, já que os hidrocarbonetos policíclicos aromáticos são solúveis
nas gorduras, sendo, por isso mesmo, fixados pelos seres vivos, nos quais atuam como agentes cancerígenos, a médio e longo prazo.
Os mecanismos de degradação do petróleo são ainda relativamente desconhecidos, o que faz com que o combate aos derrames seja
pouco eficaz: ocorre alguma degradação natural, devido a fenômenos de oxidação e evaporação, existindo também alguma degradação
por digestão bacteriana (produto de engenharia genética). O uso de detergentes, para o combate aos derrames, foi quase abandonado,
uma vez que se revelaram ainda mais prejudiciais que os próprios hidrocarbonetos para a fauna e para a flora. A utilização de barreiras
flutuantes e de navios aspiradores são soluções não totalmente eficazes, já que as primeiras não são eficazes quando existe grande
turbulência oceânica e os segundos não conseguem ser eficazes quando os derrames são muito grandes. O único remédio efetivo,
neste momento, é mesmo a prevenção, desenvolvendo métodos de transporte seguros e evitando as fugas durante as perfurações.
Resposta correta: Item A
50. Comentário:
Teremos:
Q = i ⋅ t = 1, 0 A ⋅ 3 ⋅ 3600 s = 3 ⋅ 3600 C
A3+ ( aq) + 3e − → A ( s )
3 ⋅ 96500 C
3 ⋅ 3600 C
27 g
m A
mA = 1, 00725 g ≈ 1, 0 g
Resposta correta: Item A
51. Comentário:
Dados: v = 104 m/s
f = 1011 Hz
v = λf
v 104
λ = = 11 = 10−7
f 10
m = 100 ⋅ 10−9 ⇒ m = 100 nm
Como d = λ ⇒ d = 100 nm.
Resposta correta: Item C
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
52. Comentário:
Para a dilatação volumétrica, temos:
∆V = V0 · γ · ∆θ
∆h · Sbase do tanque = h0 · Sbase do tanque · γ · ∆θ
∆h · h0 · γ · ∆θ
Substituindo-se os dados do enunciado:
∆h = 20 · 20 · 10–4 · 4
∴ ∆h = 1,6 · 10–2 m ou 1,6 cm
Resposta correta: Item B
53. Comentário:
A) Item falso. O elemento radioativo associado ao câncer de tireoide é o iodo-131.
B) Item falso. Não há relação entre o ciclo do elemento radioativo fósforo e o iodo-131.
C) Item verdadeiro. O estrôncio-90, por ser quimicamente semelhante ao cálcio, realiza um ciclo similar ao mesmo na natureza, sendo obtido
através da alimentação, acumula-se nos ossos, levando a osteossarcomas (câncer nos ossos) e leucemia.
D) Item falso. O plutônio é extremamente perigoso, estando associado a tumores nos pulmões, no fígado e danos nos ossos, se é
ingerido ou inspirado. Para se ter uma ideia do seu poder destrutivo, um quilo de plutônio seria suficiente para matar 60 milhões
de pessoas.
E) Baixos níveis no organismo de césio-137, estrôncio-90, iodo-131 e plutônio-238 são suficientes para causar danos à saúde.
Resposta correta: Item C
54. Comentário:
A) Errado. A presença de OH– caracteriza uma pilha alcalina.
B) Errado. O ânodo (oxidação) é constituído pelo Zn(s).
C) Errado. O Zn sofre oxidação (agente redutor).
D) Correto.
E) Errado. O fluxo de elétrons é do ânodo (Zn) para o cátodo (Ag2O).
Zn(s) + 2OH–(aq) → ZnO(S) + H2O() + 2e–
Ag2O(s) + H2O() + 2e– → Ag(s) + 2OH–(aq)
Resposta correta: Item D
55. Comentário:
O circuito está representado abaixo.
A
A
i2
U = 10 V
470 Ω
i2
470 Ω
B
C
100 Ω
120 Ω
Considerando o voltímetro ideal, temos:
10
1

10 = ( 470 + 100) i1 ⇒ i1 = 570 = 57 A
U=R i 
10 = ( 470 + 120) i ⇒ i = 10 = 1 A
1
2

590 59
1

VA − VB = 470 ⋅ 57
⇒

V − V = 470 ⋅ 1
C
 A
59
470 470
⇒ VB − VC =
−
≅
59
57
1

 − VA + VB = −470 ⋅ 57

V − V = 470 ⋅ 1
C
 A
59
⇒
−0, 28 V ⇒
VB − VC ≅ −0, 3 V.
Resposta correta: Item D
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
56. Comentário:
Dados: massa de água → m = 1 kg; variação de temperatura → ∆T = 80 – 30 = 50 ºC; Tensão elétrica → U = 100 V; calor específico
da água → c = 4,2⋅103 J/kg ⋅ ºC e variação de tempo → ∆T = 10 min = 600 s.
Testemos cada uma das afirmações.
I. Correta.
Q = mc∆T = 1(4,2⋅103)(50) ⇒ Q = 2,1 ⋅ 105 J
II. Errada.
Q 2,1⋅ 105
P=
=
= 350 W
∆t
600
III. Correta.
U2
U2 1002
P=
⇒R =
=
= 28, 6 Ω
350
R
P
Resposta correta: Item C
57. Comentário:
Item A é falso, pois a Giardia lamblia é um protozoário flagelado responsável pelos seguintes sintomas no hospedeiro: dores abdominais,
irritabilidade, anorexia, emagrecimento, náuseas, azia, esteatorreia (eliminação de gorduras nas fezes), dificuldades visuais devido à
carência de vitamina A e hipovitaminose lipossolúvel em geral.
Item B é falso, pois o Ascaris lumbricoides é um verme nematódeo que apresenta ciclo pulmonar, provocando neste órgão lesões que
podem causar complicações respiratórias, além de febre e eosinofilia (Síndrome de Loefller); nos pulmões, as larvas desenvolvidas
migram até a orofaringe sendo em seguida deglutidas.
Item C é verdadeiro, pois se os ovos da tênia Hymenolepis nana forem ingeridos por carunchos de cereais, pulgas (principalmente
de roedores) em seu estado larval e outros insetos, a oncosfera é liberada na cavidade geral do inseto e se transforma em larvas
cisticercoides que, ao serem ingeridos acidentalmente, são infectantes para os seres humanos e também para os roedores.
Item D é falso, pois a Enterobiose ou Oxiurose é o nome da infestação por oxiúros (Enterobius vermicularis), que são vermes nematódeos
com menos de 15 mm de comprimento. Os ovos desses parasitas, ao serem ineridos, sofrem a ação do suco gástrico e duodenal,
libertando as larvas que se dirigem ao ceco, onde se fixam e evoluem até o estágio adulto. A duração do ciclo é em média de 30 a 50
dias. O sintoma característico da enterobíase é o prurido anal, que se exacerba no período noturno devido à movimentação do parasita
pelo calor do leito, produzindo um quadro de irritabilidade e insônia. Em relação às manifestações digestivas, a maioria dos pacientes
apresenta náuseas, vômitos, dores abdominais em cólicas, tenesmo e, mais raramente, evacuações com perda de sangue. Nas mulheres,
o verme pode migrar da região anal para a genital, ocasionando prurido vulvar, corrimento vaginal, eventualmente infecção do trato
urinário, e até excitação sexual. Existem relatos de localização ectópica da patologia, levando a quadros de apendicites, salpingites,
granulomas peritoneais e perianais, doença inflamatória pélvica.
Item E é falso. A estrongiloidíase ou estrongiloidose é uma infecção intestinal causada pelo parasita nematódeo Strongyloides stercoralis.
Ao contrário de outros parasitas, estes nemátodes podem viver indefinidamente no solo como formas livres.
Resposta correta: Item C
58. Comentário:
A doença meningocócica é uma infecção bacteriana aguda, rapidamente fatal, causada pela Neisseria meningitidis. Esta bactéria pode
causar inflamação nas membranas que revestem o sistema nervoso central (meningite) e infecção generalizada (meningococcemia).
Existem 13 sorogrupos identificados de N. meningitidis, porém os que mais frequentemente causam doença são o A, B, C, Ye W135.
A doença meningocócica tem início abrupto e evolução rápida, podendo levar ao óbito em menos de 24 a 48 horas.
As manifestações iniciais da meningite são febre alta, prostração, dor de cabeça, vômitos, aparecimento na pele de pequenas manchas
violáceas (petéquias) que inicialmente são semelhantes às picadas de mosquitos mas que rapidamente aumentam de número e de
tamanho, dor e dificuldade na movimentação do pescoço (rigidez de nuca). Em crianças com menos de um ano de idade, as manifestações
da meningite podem ser mais inespecíficas como febre, irritação, choro constante e abaulamento da fontanela (“moleira”) sem rigidez
de nuca. Se não for rapidamente tratada com antibióticos, a doença pode evoluir com confusão mental e coma. A meningococcemia
é a forma mais grave de apresentação da infecção pela N. meningitidis e as manifestações iniciais são semelhantes às da meningite,
excluindo-se a rigidez de nuca. O risco maior da doença meningocócica é a evolução rápida para o choque (diminuição acentuada da
pressão arterial), o que resulta em funcionamento inadequado de órgãos vitais (como os rins, coração e pulmão) e morte.
Resposta correta: Item B
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
59. Comentário:
Pó de café descartado: m = 8 · 109 kg.
15% desse valor pode virar biodiesel, ou seja, resolvemos a regra de 3 valores:
8 · 109 kg → 100%
X kg
→ 15%
X = 1,2 · 109 kg
Este é o valor em massa de café que se transforma em óleo, então, dividimos pela densidade do óleo (d = 900 kg/cm3) e obtemos o
volume:
1, 2 ⋅ 109
V=
900
V = 1, 333 ⋅ 106 m3
Para converter 1 m3 em litros basta multiplicar por 1000. Temos:
V = 1,333 · 109 / ou 1,333 bilhões de litros.
A produção a partir da quantidade de café jogada no lixo anualmente de biodiesel seria de 1,33 bilhões de litros.
Resposta correta: Item C
60. Comentário:
O voltímetro deve ser ligado em paralelo com o trecho de circuito o qual se quer medir a tensão elétrica, ou seja, entre os terminais fase e neutro.
O amperímetro para medir a corrente total deve ser instalado no terminal fase ou no terminal neutro.
O outro amperímetro para medir a corrente na lâmpada deve ser ligado em série com ela.
Resposta correta: Item E
61. Comentário:
A medida sanitária em questão evita o contágio de pessoas por doenças transmitidas pela água contaminada por patógenos presentes
nas fezes (transmissão orofecal).
Item A é verdadeiro, pois na água contaminada com fezes de doentes há cistos tetranucleados infectantes.
Item B é falso, pois normalmente ocorre por enlatados (estufados ou amassados em geral), com a presença de bactérias e de suas toxinas.
Item C é falso, pois a transmissão ocorre pelo contato com gotículas de catarro eliminadas por tosse, espirro ou fala do doente.
Item D é falso, pois a transmissão ocorre pela picada do mosquito Culex fatigans infectado pelo o verme.
Item E é falso, pois a transmissão ocorre pela picada do mosquito Aedes aegypti, infectado pelo vírus.
Resposta correta: Item A
62. Comentário:
Nesse sistema é formada a seguinte pilha:
Mg  Mg+2 + 2e −
E0 = −2, 37 V
Cu+2 + 2e −  Cu0
E0 = +0, 34 V
Cu+2 + Mg0  Mg+2 + Cu0 E0 = 2, 71 V
Portanto:
A) Incorreta. O cobre reduz, formando Cu0.
B) Correta. A d.d.p. formada entre os eletrodos é de + 2,71 V.
C) Incorreta. O magnésio oxida, portanto é o agente redutor.
D) Incorreta. O experimento resulta em uma reação espontânea, pois a d.d.p. é positiva.
E) Incorreta. Com o tempo a lâmina de cobre aumenta sua massa e a de magnésio sofre corrosão.
Resposta correta: Item B
63. Comentário:
1 g — 5 · 103 cal
4000 g — Q cal
Q = 2 · 107 cal
Transformando de caloria para joule:
1 cal
— 4,2 J
2 · 107 cal — W
W = 8,4 · 107 J
Como o rendimento é de 15%, então:
Wútil = 0,15 · 8,4 · 107 = 1,26 · 107 J
Resposta correta: Item E
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
64. Comentário:
Na direção do movimento, agem na barra duas forças: a magnética e a elástica.
– Força magnética:
Dados: i = 6 A;  = 5 cm = 5 · 10–2 m; θ = 90º
Fm = B i  sen θ ⇒ Fm = B ⋅ 6 ⋅ 5 ⋅ 10–2 ⋅ 1 ⇒ Fm = 0,3 B (I)
– Força elástica:
Dados: K = 5 · 10–2 N/cm = 5 m. A mola deforma de x = 0 a x = C.
Fel = –k x ⇒ Fel = –k (C – 0) ⇒ Fel = –5 C (II)
O gráfico registra essas forças, em função do deslocamento:
F (N)
0,3 B
Força Magnética
x (m)
0
Fo
rça
C
Elá
stic
a
–5 C
Considerando que a velocidade média (vm = 5 m/s) refere-se ao trecho OC (que não está claro no enunciado), calculamos o deslocamento
no intervalo de tempo dado (∆t = 6 ms = 6 · 10–3 s):
∆S
(C − 0) ⇒ C = 3 ⋅ 10−2 m.
vm =
⇒5=
6 ⋅ 10−3
∆t
Considerando, ainda, que no ponto C a resultante das forças é nula (o que também não é especificado no enunciado), temos, de (I)
e (II):
Fr = Fm + Fel ⇒ Fr = 0,3 B – 5 C ⇒ 0 = 0,3 B – 5 C
5C
5 ⋅ 3 ⋅ 10−2
B=
⇒ B=
⇒ B = 5 ⋅ 10−1 T
0, 3
3 ⋅ 10−1
Resposta correta: Item A
65. Item A é falso, pois a quantidade de vírus não aumentou continuamente a partir da infecção até a morte do paciente, houve uma
queda da quantidade de vírus no organismo no final da fase aguda e no início da fase crônica.
Item B é falso, pois no início da infecção, fase aguda, houve uma redução das células CD4 devido à proliferação dos vírus no interior
destas.
Item C é falso, pois toda vez que há proliferação dos vírus a uma redução da quantidade de células CD4, visto que os vírus se reproduzem
nestas células, causando sua destruição.
Item D é verdadeiro, pois os sintomas típicos da doença apareceram quando a quantidade de células CD4 caiu abaixo de 200 por ml
de sangue, manifestando-se no paciente as chamadas infecções oportunistas (toxoplasmose, pneumonia, candidíase, histoplasmose,
criptococose, tuberculose, salmonelose, hepatite B, herpes simples labial e genital, citomegalovirose, entre outras.
Item E é falso, pois a relação entre a quantidade de vírus e o número de células CD4 é inversamente proporcional.
Resposta correta: Item D
66. Item A é falso, pois os exames diagnósticos para a tuberculose são de baixo custo, como o de escarro e o raio X de tórax, e os antibióticos
atuais são bastante eficientes no combate da doença.
Item B é falso, pois um maior do número de casos da doença, como mostra o gráfico, está relacionado com um aumento da desnutrição
e da pobreza em determinadas áreas do país.
Item C é falso, pois na realidade, um processo de urbanização desorganizada, com moradias precárias e sem condições adequadas de
higiene e saneamento que aumentam os casos de tuberculose.
Item D é verdadeiro, pois realmente a ocorrência de AIDS torna os pacientes mais susceptíveis ao bacilo, pelo fato de a doença reduzir
a imunidade do paciente, levando à ocorrência de infecções oportunistas como a tuberculose, meningite, diarreia, entre outras.
Item E é falso, pois o aumento dos movimentos migratórios da população humana e consequente aumento da distribuição do bacilo
em diversas regiões do país levam a um aumento do número de casos da doença.
Resposta correta: Item D
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
67. Comentário:
A) Falso – O principal componente do gás natural é o gás metano.
B) Falso – A combustão completa do butano produz dióxido de carbono.
13
C4H10 +
O2 → CO2 + 5H2O
2
C) Verdadeiro – Quanto maior a quantidade de carbonos por moléculas maior a quantidade de CO2 liberado na combustão completa.
D) Falso – O GLP é mais denso.
E) Falso – A combustão destes não tem a mesma eficiência energética.
Resposta correta: Item C
68. Comentário:
Começamos calculando as massa molares:
Mg(OH)2 → 58,3 g · mol–1
HC → 36,4 g · mol–1
Se 1 mol de leite de magnésia tem 58,3 g, então em 1 litro temos 64,8 g, que serão:
1 mol → 58,3 g
X mol → 64,8 g
X = 1,11 mol
Como a reação de neutralização ocorre na proporção 1 de leite de magnésia para 2 de HC, então temos, 2,22 mol de ácido clorídrico
por litro (1000 g), ou seja:
2,22 mol → 1000 g
X mol
→9g
X = 0,02 mol
Para neutralizar 0,02 mol de ácido clorídrico são necessários 9 mL de leite de magnésia.
Resposta correta: Item D
69. Comentário:
Devemos lembrar que as ideias de Lamarck não explicam convincentemente os fenômenos evolutivos, logo não devemos aceitar as
ideias de transformação por necessidade (mutações dirigidas) e a transmissão dos caracteres adquiridos. Logo invalidaremos os itens:
A, que sugere a transformação, e D, que sugere o uso e desuso, bem como a mudança por necessidade. O item B será invalidado, pois
todo ambiente exerce seleção constante sobre os indivíduos que nele habitam. O item C sugere que os indivíduos de conchas escuras
estão melhor adaptados em locais claros, e o gráfico nos mostra o oposto. Por fim, o item E que sugere a sobrevivência diferencial de
indivíduos claros em áreas claras e indivíduos escuros em áreas escuras.
Resposta correta: Item E
70. Comentário:
Analisando cada uma das proposições:
I. Falsa. O calor vindo do Sol chega à Terra pelo processo de radiação, pois é o único que ocorre no vácuo.
II. Verdadeira.
III. Falsa. De acordo com a equação de Planck, a energia (E) transportada por uma adiação eletromagnética é diretamente proporcional
à sua frequência (f): E = h f. A radiação infravermelha (abaixo da vermelha) tem frequência menor que a radiação visível, sendo,
portanto, menos energética.
Resposta correta: Item E
71. Comentário:
As células troncos apresentam como característica a capacidade de diferenciarem-se em diversas outras células. Nos primeiros estágios
embrionários, como a blástula, encontramos células com grau máximo de indiferenciação, o qual reduz-se ao longo do desenvolvimento.
No organismo adulto, podemos encontrar células-tronco, como, por exemplo, na medula óssea, mas são menos diferenciadas que as
células-tronco da blástula.
Resposta correta: Item E
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
72. Comentário:
Teremos:
1 mol C6H12O6 (carboidrato); MC6H12O6 = 180 g ⋅ mol−1; Eliberada = 4, 0 kcal / g
1g
180 g
4, 0 kcal
EC6H12O6
EC6H12O6 = 720 kcal
ol); MC2H6O = 46 g ⋅ mol−1; Eliberada = 7, 0 kcal / g
2 mol C2H6O (etano
1g
2 × 46 g
7, 0 kcal
EC2H6O
EC2H6O = 644 kcal
Etotal = 720 kcal + 644 kcal = 1364 kcal
1364 kcal >1
1000 kcal
Resposta correta: Item D
73. Comentário:
Enriquecer urânio a 20%, como mencionado nessa notícia, significa aumentar para 20% a quantidade de
amostra de urânio.
U presente em uma
235
Resposta correta: Item D
74. Comentário:
80
Ouvido
direito
Nível sonoro (dB)
70
63 dB
60
50
40
41 dB
38 dB
30
28 dB
20
18 dB
Ouvido
esquerdo
10
0
100 200 Hz 400 Hz
1000
10000
Frequência (Hz)
O gráfico nos dá a menor intensidade sonora que cada ouvido da pessoa pode perceber, ou seja, somente são escutados sons com
a intensidades acima da linha do gráfico para cada ouvido. Por exemplo, para a frequência de 1000 Hz, o ouvido direito começa a
ouvir a partir da intensidade de 63 dB e o esquerdo, a partir de 38 dB. Portanto, para frequências acima de 200 Hz, ele ouve melhor
com o ouvido esquerdo do que com o ouvido direito. Para frequências abaixo de 200 Hz, ele ouve melhor com o ouvido direito do
que com o esquerdo.
Assim, analisemos as opções.
A) Errada. Como mostra o gráfico, há uma pequena faixa onde a linha de 18 dB está acima dos dois gráficos, portanto, os dois ouvidos
podem escutar um sussurro de 18 dB.
B) Errada. Um som de frequência 440 Hz o ouvido esquerdo escuta a partir de 28 dB e o direito, a partir de 41 dB.
C) Errada.
D) Errada.
E) Correta. Interpretando sussuros como sons de nível sonoro abaixo de 15 dB, frequências abaixo de 200 Hz, apenas o ouvido direito
escuta.
Resposta correta: Item E
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
75. Comentário:
Teremos:
210
Bi
83
Y
0
β
Po +
X
–1
M
4
α
Pb +
82
2
210 = Y + 0 ⇒ Y = 210
83 = X – 1 ⇒ X = 84
M + 4 = 210 + 0 ⇒ M = 206
Resposta correta: Item D
76. Comentário:
Teremos:
+1,69 V > – 0,36 V
Então:
Pb( s ) + SO4 2− ( aq) → PbSO4 ( s ) + 2e − (direção inversa; ânodo)
PbO2( s ) + 4H+ ( aq) + SO4 2− ( aq) + 2e − → PbSO4 ( s ) + 2H2O(  ) (direção direta; cátodo)
Pb( s ) + 2SO4 2− ( aq) + PbO2( s ) + 4H+ ( aq) → 2PbSO4 ( s ) + 2H2O(  )
∆E = Emaior − Emenor = +1, 69 − ( −0, 36) = +2, 05 V
Resposta correta: Item B
77. Comentário:
A terapia gênica ou farmacogenética ou geneterapia é uma técnica muito complexa, que consiste em corrigir uma deficiência celular
(que tem consequências clínicas para o paciente) provocada por um gene mutante, que leva a redução ou ausência de produção de um
polipeptídeo, ou mesmo, a presença de um polipetídeo em quantidades adequadas, mas não funcional. Isso é feito com a introdução
de genes normais no paciente através de duas maneiras, pela técnica ex vivo ou pela in vivo. O fragmento de DNA que contém o gene
que se quer introduzir pode ser transferido para as células do paciente através de um vetor que contém o DNA (plasmídeos, vírus,
ou nanopartículas). Após a penetração do vetor na célula, o DNA recombinante, que possui o gene normal para corrigir a doença e
uma sequência de inserção, esta permite que o DNA enxertado se integre ao DNA celular. A partir daí, a célula passará a produzir o
polipeptídeo normal que estava ausente no paciente doente.
Resposta correta: Item C
78. Comentário:
Dados: Pint = 0,95 ⋅ 105 N/m2; Patm = 1,00 ⋅ 105 N/m2; A = 0,10 m2 e P = 40 N.


Na placa agem as seguintes forças: P → peso da placa; F → força devido à diferença entre as pressões externa e interna na câmara e
N → força vertical de contato entre as paredes da câmara e a placa. Essas forças são mostradas na figura a seguir.
Patm
N
F
Pint
P
Como a placa está em equilíbrio, a resultante das forças que agem nela é nula. Assim:
N + P = F ⇒ N = (Patm – Pint) A – m g ⇒
N = (1 – 0,95) ⋅ 105 (0,10) – 40 = 500 – 40 ⇒ N = 460 N
O máximo peso da placa que pode ser sustentado pela ventosa é aquele para o qual a força de contato entre a placa e as paredes da
câmara é nula (N = 0). Assim:
P = F ⇒ Pmáx = (1 – 0,95) ⋅ 105 (0,10) = 500 N ⇒ Pmáx = 500 N
Resposta correta: Item A
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
79. Comentário:
A) Falsa. As duas lâmpadas estão em série, sendo percorridas pela mesma corrente.
B) Falsa. Mesma justificativa do item anterior.
C) Falsa. Como elas têm resistências iguais, a corrente total gerada pela bateria é dividida igualmente em duas correntes parciais que
atravessam a lâmpada fazendo com que elas brilhem com mesma intensidade.
D) Correta. Há o resistor de resistência R em série com a lâmpada A, fazendo com que a corrente no ramo inferior seja menor do que
a corrente no ramo superior. Assim, a lâmpada A brilha menos que a lâmpada B.
F) Falsa. Ao fechar o interruptor, a lâmpada B entra em curto-circuito e apaga.
Resposta correta: Item D
80. Comentário:
Teremos:
p
p
p
p
100 % 
→ 50 % 
→ 25 % 
→ 12, 5 % 
→
p
p
p

→ 6, 25 % 
→ 3,125 % 
→
p
p
→ 0, 78125 %

→ 1, 5625 % 
7 ⋅ p = 7 ⋅ 30 anos = 210 anos (Césio)
7 ⋅ p = 7 ⋅ 8 dias = 56 dias (Iodo)
Resposta correta: Item B
81. Comentário:
Quando há súbitas mudanças ambientais e um fenótipo, antes desfavorável, passa a ser o favorecido, fala-se em seleção direcional. Um exemplo
de seleção direcional é o surgimento de linhagens de bactérias resistentes a antibióticos empregados em larga escala. Embora nas populações
bacterianas sempre estejam aparecendo indivíduos resistentes, mesmo sem a aplicação de antibióticos, essas bactérias mutantes são,
no entanto, menos eficientes do que as selvagens originais e por isso são rapidamente eliminadas na competição com estas últimas.
Ao matar as bactérias sensíveis, o antibiótico deixa à disposição das bactérias resistentes todos os recursos do ambiente. Sem suas
anteriores concorrentes, elas podem se reproduzir ativamente, originando populações de indivíduos resistentes contra os quais o
antibiótico não tem efeito.
Resposta correta: Item E
82. Comentário:
Se:
E1 = P + T1
E2 = P + T2
P = E1 – T1
P = E2 – T2
Então:
E
T
p
E1 – T1 = E2 – T2
ρ1 ⋅ g ⋅ V1 – T1 = ρ2 ⋅ g ⋅ V2 – T2
998 ⋅ 10 ⋅ 10–3 – 0,2 = 1000 ⋅ 10 ⋅ 10–3 – T2
T2 = 10 – 9,78
T2 = 0,22 N
Resposta correta: Item A
83. Comentário:
Substituir a resistência do chuveiro por outra que tenha o dobro do comprimento fará a resistência aumentar duas vezes, por outro
lado, o fato de substituir por uma que é o dobro da espessura da original fará a resistência diminuir quatro vezes, provocando assim
uma redução na resistência e, portanto, um aumento na potência devido ao aumento de corrente.
Resposta correta: Item D
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
84. Comentário:
O circuito equivalente possui um ramo em série e dois ramos em paralelo, que correspondem ao trajeto pelas pernas.
100
110
13
270
50
50
500
140
320
140
320
A resistência equivalente é:
Req = 500 + 270 + 110 + 100 + 13 +
i=
U
220
⇒ i ≅ 0,176 A
=
Req 1248
50 + 140 + 320
= 993 + 255 = 1248 Ω
2
Resposta correta: Item C
85. Comentário:
Na situação A estão implícitas as ideias Darwinistas, pois, dentro de uma população, temos seres com diferentes características (no
caso em análise, morfológicas), ou seja, temos variabilidade. Nesta situação, a variação (nadadeiras) será selecionada positivamente
pela condição ambiental (ambiente aquático), atuando o meio como um agente selecionador. Já na situação B, estão implícitas ideias
Lamarckistas, pois seres de uma população se modificam (nadadeiras se transformam em patas) de acordo com uma determinada
condição ambiental, atuando o meio como um agente modificador.
Resposta correta: Item E
86. Comentário:
O saldo de nitrogênio fixado será incorporado pelas plantas na forma de nitrato ou de amônia (no caso das leguminosas), sendo tal
processo de total importância para a produção de alimentos e manutenção de cadeias alimentares. O processo está em equilíbrio, dessa
forma um estando maior que o outro, representa apenas um momento do ciclo. O cultivo de leguminosas é de total importância para
a fixação do nitrogênio atmosférico e para a produção de alimentos. A fixação biológica feita por microrganismos terrestres associados
e não associados à raízes e, marinhos é maior que a industrial mais a atmosférica. As bactérias fixadoras são de espécie diferente das
desnitrificantes.
Resposta correta: Item A
87. Comentário:
Uma adaptação do rato-canguru (animal da foto) à sua condição ambiental extremamente seca representa o seu hábito noturno de
busca de alimentos e, durante o dia, se esconder em buracos no solo. Isso lhe garante redução do processo de transpiração, poupando-lhe
água no corpo. Outras adaptações seriam: baixa taxa de transpiração, urina muito hipertônica (pouca água), eliminação de ureia como
produto nitrogenado e produção de fezes desidratadas.
Resposta correta: Item E
88. Comentário:
A) Falsa. O módulo da força eletromotriz induzida é diretamente proporcional ao módulo da variação do fluxo magnético em função
do tempo, conforme a Lei de Neumann-Faraday:
ε =
∆Φ
∆t
.
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
B) Correta. A Lei de Lenz afirma que sempre que há variação do fluxo magnético surge uma força magnética na tendência de anular
o movimento que deu origem a essa variação do fluxo.
C) Correta. Dados: n = 50 espiras; i = 2 A e P = 5 W.
P = U i ⇒ P = n ε i ⇒ 5 = 50 (ε) 2 ⇒ ε = 0,05 V
D) Correta. Com o circuito aberto, não há condução.
E) Correta.
Resposta correta: Item A
89. Comentário:
Análise das alternativas:
A) Incorreta: O gás natural não é uma fonte de energia renovável.
B) Incorreta: A energia liberada na combustão do butano não é transformada diretamente em energia elétrica, pois pode ser utilizada
para vaporizar água. O vapor de água pode movimentar turbinas.
C) Correta: A combustão de 22,4 L de gás metano produz menor quantidade de energia que a de igual volume de gás butano, nas CNTPs:
CH4 + 2O2 → 2H2O + CO2
1 mol
22,4 L
C4H10 +
13
O2 → 5H2O + 4CO
2
∆H = –889,5 kJ
Liberação de 889,5 kJ
Liberação de 889,5 kJ
∆H = – 2893,8 kJ
Liberação de 2893,8 kJ
Liberação de 2893,8 kJ
1 mol
22,4 L
Conclusão: A combustão de 22,4 L de gás metano produz menor quantidade de energia (889,5 kJ) que a de igual volume de gás
butano (2893,8 kJ), nas CNTPs.
D) Incorreta: A energia produzida na combustão de 1,0 g do gás butano é menor do que a produzida por igual massa de gás metano
nas mesmas condições:
CH4 + 2O2 → 2H2O + CO2
16 g
1,0 g
∆H = –889,5 kJ
Liberação de 889,5 kJ
Liberação de X kJ
X = 55,59 kJ
C4H10 +
13
O2 → 5H2O + 4CO
2
58 g
1,0 g
∆H = – 2893,8 kJ
Liberação de 2893,8 kJ
Liberação de Y kJ
Y = 49,89 kJ
E) Incorreta: O gás carbônico, CO2(g), produzido a partir da combustão do metano, proveniente dos aterros sanitários, em presença
de água aumenta a acidez do meio e contribui para o efeito estufa.
Resposta correta: Item C
90. Comentário:
6 kg (pasta) — 100%
m (PbSO4) — 60%
m = (PbSO4) = 3,6 kg
Obtenção de PbCO3:
PbSO4 + Na2CO3 → PbCO3 + Na2SO4
303 g
267 g
3,6 kg
m(PbCO3)
m(PbCO3) = 3,17 kg
Para um rendimento de 91%, vem:
3,17 kg — 100%
m(PbCO3) — 91%
m(PbCO3) = 2,9 kg
Resposta correta: Item C
91. Comentário:
vm =
600
∆S
=
= 1,56 ⇒
∆t 24 ⋅ 16
vm = 1, 6 km/h
Resposta correta: Item A
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
92. Comentário:
Usando a expressão da velocidade de uma onda v em função de seu comprimento de onda λ e da sua frequência f, e sabendo que
a frequência é o inverso do período T de oscilação da onda, tem-se:
v = λ⋅f ⇒ v = λ⋅
1
T
Substituindo os valores no Sistema Internacional de Unidades, temos:
60 s
= 600 s
1 min
λ = v ⋅ T ⇒ λ = 250 m / s ⋅ 600 s ∴ λ = 150000 m = 150 km
T = 10 min ⋅
Resposta correta: Item C
93. Comentário:
I. Poliálcool – aldeído ⇒ açúcar
II. Triéster de ácido graxo saturado ⇒ gordura
III. Sal de ácido carboxílico de cadeia longa ⇒ sabão
IV. Triéster de ácido graxo insaturado ⇒ óleo
Resposta correta: Item C
94. Comentário:
A) Isomerização: altera a cadeia, mas mantém a mesma fórmula molecular.
B) Reforma catálica: com auxílio de catalisador, transformamos a cadeia.
C) Craqueamento: quebra da cadeia carbônica.
Resposta correta: Item B
95. Comentário:
A informação, no texto, de que os genes podem ter diferentes graus de expressividade permite concluir que as diferenças entre homens
e chimpanzés decorrem do grau diferente de expressão dos genes que controlam o desenvolvimento do organismo (principalmente
os que envolvem o sistema nervoso).
Resposta correta: Item C
96. Comentário:
Inibe recaptação de serotonina e endorfina em sinapses do SNC, melhorando o humor durante estados de hipoglicemia. Visto que
nestas condições reduz-se o humor e eleva-se a irritabilidade, o que gera busca por alimento.
Resposta correta: Item B
97. Comentário:
A direção da força que a pá aplica na ponta da lança é a mesma da velocidade do ponto do ponto P, ou seja, tangente à trajetória
(perpendicular ao raio) e no mesmo sentido do movimento.
Resposta correta: Item E
98. Comentário:
Substituindo valores na expressão dada:
t C t F − 32
45 t F − 32
⇒
=
⇒ t F = 81+ 32 ⇒
=
5
9
5
9
t F = 113 °F
Resposta correta: Item D
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
99. Comentário:
Massa de ácido sulfúrico
24,5 g ____________________ 100%
x ____________________ 90%
x = 22,05 g de H2SO4
1H2SO4 + 2KCN → 1K2SO4 + 2HCN
1 mol
↓
98 g
22,5 g
2 mol
_____________________________
_____________________________
↓
2 × 22,4 L
y
y = 10,08 L de HCN
Resposta correta: Item D
100. Comentário:
Massa de água que foi desidratada: m = 1,023 g – 0,603 g = 0,420 g
Equação da reação de densidratação:
CoSO4 · xH2O → CoSO4 + xH2O
1 mol
x mol
↓
↓
0,603 g ______ 0,420 g
155 g ______ x · 18 g
x=6
Fórmula do sal:
CoSO4 · 6H2O ⇒ sulfato de cobalto (II) hexa-hidratado
Resposta correta: Item D
101. Comentário:
Os resultados dos grupos sanguíneos não excluem a possibilidade de o homem ser pai da criança, pois, tendo o fenótipo B, poderá
ter um genótipo em herezigose. A sequência de DNA autossômica confirma a paternidade, pelo fato de a criança e o homem terem o
mesmo sequenciamento de bases nitrogenadas neste DNA analisado. Já a sequência de DNA do cromossomo X não exclui a paternidade,
pois o homem passa para o menino o cromossomo Y.
Resposta correta: Item A
102. Comentário:
São funções da vitamina C:
• Essencial à hidroxilação da prolina até hidroxiprolina (sem a qual não ocorre a síntese do colágeno), fenilalanina até tirosina e folato
até tetraidrofolato (FH4);
• Essencial na produção de carnitina, principal transportador de ácidos graxos para dentro e para fora da mitocôndria. A síntese de
glutamato (e, portanto, de glutamina) é dependente do ácido ascórbico;
• Usada em grandes queimaduras, para evitar que sua deficiência atrase a síntese de colágeno;
• A dopamina beta-hidroxilase é uma enzima que depende do ácido ascórbico para que possa funcionar, transformando a dopamina
em noradrenalina, na via de biossíntese de catecolaminas;
• A vitamina C também é essencial para a síntese dos hormônios glicocorticoides pela córtex das glândulas suprarrenais;
• Mantém ferro na forma ferrosa (absorvível), sendo coadjuvante por esse mecanismo no tratamento da anemia ferropriva.
Resposta correta: Item B
103. Comentário:
Dados: m = 15000 kg; h = 30 cm = 0,3 m; ∆t = 1 min = 60 s; g = 10 m/s2.
A potência é a razão entre a energia potencial adquirida e o tempo empregado na operação.
P=
EP mg h 15000 ⋅ 10 ⋅ 0, 3
=
=
∆t
∆t
60
⇒
P = 750 W
Resposta correta: Item D
OSG.: 105997/16
Resolução
Ciências da Natureza
104. Comentário:
Dados: v0 = 18 km/h = 5 m/s; v = 54 km/h = 15 m/s; M = 24000 ton = 24000000 kg;
O enunciado deveria pedir a intensidade da força média resultante sobre o navio. Se desprezarmos forças dissipativas, a força média
resultante é a comunicada pelas turbinas.
Assim, aplicando o Princípio Fundamental da Dinâmica:
Fm = Mam = M
∆v
∆t
⇒ Fm = 24000000 ⋅
15 − 5
10
= 240000 ⋅
600
6
⇒
0N
Fm = 400000
Resposta correta: Item A
105. Comentário:
Para aumentar a produção de óxido de cálcio, devemos deslocar o equilíbrio para a direita, sentido no qual ocorre aumento de volume
de gases.
CaCO3(s)  CaO(s) + CO2(g)
0V
1V
Para adição ou retirada de CaCO3(s) não afeta o equilíbrio. A adição de CO2 deslocará o equilíbrio para a esquerda, diminuindo o
rendimento de CaO(s).
A única alternativa correta é a diminuição da pressão do sistema, que desloca o equilíbrio no sentido de expansão de volume (para a
direita), aumentando a produção de óxido de cálcio.
Resposta correta: Item B
106. Comentário:
A hidrólise do íon hipoclorito pode ser representada por:
CO– + H2O  OH– + HCO
[OH− ][HCO]
e sua constante de hidólise Kh =
[C  O– ]
O pH da solução é 10, e o pOH é 4.
Sabendo que o pOH = –log[OH–], a concentração de [OH–] é igual a 10–4 mol/L.
As conscentrações de [OH–] e [HCO] são iguais a 10–4 mol/L.
Substituindo na expressão da constante de hidrólise, teremos a concentração do hipoclorito:
2 · 10–7 =
10–4 · 10–4
[C O– ]
[C O– ] =
10−8
2 · 10–7
[C O– ] = 0,5 · 10–1
[C O– ] = 0,5 mol/L
Resposta correta: Item C
107. Comentário:
Sobre o tecido muscular estriado cardíaco, temos:
• É constituído por fibras longas que se ramificam irregularmente.
• Apresentam, em seu citoplasma, actinas, miosinas e mioglobinas.
• Possuem discos intercalares que aumentam a adesão entre suas fibras.
• Apresentam alto consumo de oxigênio e de nutrientes trazidos pelas artérias coronárias.
• Os ácidos graxos derivados de lipoproteínas representam sua fonte primária de energia.
Resposta correta: Item C
108. Comentário:
No hemograma apresentado acima, apenas as plaquetas estão com valores acima do considerado normal. Níveis altos de plaquetas nos
faz concluir que o indivíduo passou por problema hemorrágico, pois as plaquetas sanguíneas são agentes importantes na coagulação
do sangue.
Resposta correta: Item A
OSG.: 105997/16
Download
Random flashcards
paulo

2 Cartões paulonetgbi

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Criar flashcards