Enviado por Do utilizador5048

guia da reforma

Propaganda
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
1
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
O arquiteto..............................................................................................................4
1. Por que você deve ler esse livro?......................................................................5
2. Comece entendendo a Necessidade X Desejo................................................7
2.2 Por fim, tenha em mente que o mais importante não dá pra ver...................... 9
3. Começando o Levantamento para a reforma..................................................10
3.1 Medição e desenho....................................................................................................11
3.2. O que é importante estar no levantamento? #checklist....................................12
3.3 Instrumentos úteis.....................................................................................................14
3.4 Levantamento fotográfico........................................................................................15
3.5 Escalas fáceis.............................................................................................................16
3.6 Como medir paredes “tortas”?.................................................................................16
3.7 Como marcar corretamente os pontos de hidráulica?.......................................17
4. Pontos cruciais para a reforma em apartamentos.........................................20
4.1 Comece entendendo a Documentação.................................................................20
4.2 Logística de descarte de entulho e recebimento de material............................21
4.3 Custos...........................................................................................................................22
4.4 Dias e horários para trabalho...................................................................................23
4.5 Por fim: faça um trato com os vizinhos.................................................................24
5. Focando em um Projeto de qualidade.............................................................25
5.1 Dimensões ideais e ergonomia...............................................................................25
5.2 Iluminação adequada................................................................................................26
5.3 Entendendo seu dia a dia..........................................................................................26
5.4 Valorize seu imóvel para o seu planejamento futuro..........................................27
5.5 Pense nos elementos combinados e não individualmente...............................27
5.6 Não esqueça dos pisos, revestimentos, louças e metais..................................28
5.7 Forro e pintura.............................................................................................................29
6. Descobrindo que Ecologia vale dinheiro..........................................................30
Sumário
7. Compras e orçamentos....................................................................................32
7.1. Quantitativo preciso..................................................................................................32
7.2 Planejamento de compras........................................................................................33
7.3 Materiais Básicos, Tubos, conduítes e fios...........................................................33
7.4 Pintura...........................................................................................................................34
7.5 Revestimentos............................................................................................................34
7.6 Metais...........................................................................................................................35
7.7 Detalhes e itens imprevistos....................................................................................35
8. A hora do Planejamento...................................................................................36
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido por Eduzz.com
9. Mão de Obra......................................................................................................38
9.1 Contratação de mão de obra...................................................................................39
10. Hora de quebrar...............................................................................................41
10.1 Laudo técnico...........................................................................................................41
10.2 Colunas de água e esgoto......................................................................................42
10.3 Entulho e remoção...................................................................................................42
11. ...e Construir!...................................................................................................43
11.1 Água: Todo cuidado é pouco.................................................................................43
11.2 Modificação de pontos de água e esgoto...........................................................44
11.3 Inclinação de piso para drenagem.......................................................................44
11.4 Água fria e quente....................................................................................................45
11.5 Chuveiros elétricos e a gás....................................................................................45
11.6 Torneiras, Misturadores e monocomandos........................................................46
11.7 Ralo sifonado ou ralo seco?...................................................................................47
11.8 Impermeabilização do piso e box.........................................................................47
11.9 Descargas..................................................................................................................48
11.10 Elétrica.....................................................................................................................48
11.11 Interruptores tomadas e sensores.....................................................................49
11.12 Telecomunicação..................................................................................................50
11.13 Paredes....................................................................................................................50
11.14 Contrapiso...............................................................................................................51
11.15 Pisos e revestimentos...........................................................................................52
11.16 Forro.........................................................................................................................54
12. E quando chega a hora da Pintura.................................................................56
12.1 Preparação................................................................................................................57
Sumário
12.2 Acabamentos............................................................................................................57
12.3 Cores...........................................................................................................................58
13. Por fim, a Iluminação......................................................................................64
13.1 Tipos de Iluminação.................................................................................................64
13.2 Lâmpadas..................................................................................................................65
13.3 Temperatura de Cor.................................................................................................66
13.4 Posicionamento........................................................................................................70
13.5 Distribuição................................................................................................................71
CONCLUSÃO......................................................................................................................72
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido por Eduzz.com
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
O arquiteto
O
lá! Eu sou Miguel Lima, Arquiteto e Urbanista, professor em diversos
cursos de minha autoria para arquitetos, responsável técnico e gerente
de diversas obras ao longo dos últimos 6 anos.
Se tem algo em minha carreira como professor que me ajudou demais a ser um
arquiteto melhor, é saber que sempre temos o que aprender e que arrogância
intelectual só nos leva a falhar de forma mais grave. Ou seja, buscar conhecimento
antes, durante e depois qualquer atividade é a chave para o sucesso, não só
daquele feito, mas na vida.
Esse guia é, nada mais nada menos, que um relato organizado de muitas das
minhas experiências, mais ou menos traumáticas, em obras. O aprendizado
durante esse período tem sido incrível e certamente continuará sendo.
4
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
1. Por que você
deve ler esse livro?
Bem Vindo, caro leitor!
E
u gostaria de lhe dar os parabéns por buscar conhecimento antes de
iniciar uma reforma. Meu maior objetivo é te ajudar nessa tarefa que
pode ser muito prazerosa e útil para a criação de um ambiente agradável,
confortável e que valorize sua casa.
Eu tenho uma ligação e carinho e especial por reformas e a ressignificação dos
lugares, pois entendo que a palavra “transformação” é uma das mais belas do
mundo e está ligada a ambientes e pessoas saudáveis.
A primeira coisa importante a dizer nesse guia é que precisamos ultrapassar
certos preconceitos e frases feitas sobre reformas como “Quanto mais quebra,
mais problema acha” e “Obra só dá dor de cabeça”. É importante entender
que esse tipo de pensamento tem mais a ver com a falta de conhecimento e
5
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
planejamento do que com a realidade de uma obra bem pensada.
Não é recomendável executar obras sem profissionais habilitados e com
conhecimento suficiente para te auxiliar em cada etapa. Sendo assim, este
guia propõe-se a muni-lo de ferramentas para entender um projeto e transmitir
corretamente o que deseja e precisa aos profissionais que executarão as etapas
envolvidas na reforma.
Com isso, evitará que estes possam estar em certa vantagem de conhecimento
deixando você, proprietário do imóvel, totalmente rendido a todo tipo de
argumento para aceitar uma dentre várias soluções possíveis ou um orçamento
mais ou menos adequado ao seu bolso, pela simples argumentação de que você
não tem conhecimento daquele assunto.
Não me proponho a fazer, neste guia, um curso completo de reformas, mas a
dar a você os argumentos essenciais para buscar mais conhecimento caso seja
necessário durante o processo de renovação do seu imóvel.
Dito isso, vamos ao que interessa!
6
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
2. Comece entendendo a
Necessidade X Desejo
É
importante entender a diferença entre necessidades e desejos dentro de uma
reforma e conseguir desenvolver uma ideia que atenda todos os usuários
sem estourar o orçamento, valorizando as coisas mais relevantes para você.
Para explicar melhor essa situação eu exponho aqui um exemplo. Pense que você queira
de ter uma banheira em sua casa, o que elevaria consideravelmente o custo da obra.
Talvez esse desejo venha do fato de você entender a banheira como um
elemento de conforto e beleza dentro do ambiente, então você tem um desejo,
não uma necessidade.
Mas é possível também que para você, a hora do banho seja um momento de
relaxar depois do trabalho ou aos finais de semana e, ficar deitado na banheira
ajude você a remover o estresse do dia a dia. Isso significa que, para sua saúde
mental, a banheira pode ser muito útil, o que a torna uma necessidade.
Utilizei o exemplo da banheira justamente para esclarecer que necessidade e desejo
7
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
não tem uma relação direta com luxo, preço ou senso comum sobre cada utilização.
Esses conceitos são muito subjetivos e totalmente relativos ao seu estilo de vida.
Outro exemplo de desejo e necessidades que se pode dar está relacionado
a barras de apoio para pessoas com mobilidade reduzida. Caso você não
possua esse tipo de condição
você realmente não precisaria
desses elementos, mas
talvez você queira deixar
seu banheiro preparado para
quando for necessário por uma
enfermidade, uma visita ou até
mesmo a chegada da 3ª idade.
Isso é um desejo totalmente
justificado. Por outro lado,
se você ou alguém que viva na casa possui alguma dessas condições, é
extremamente necessário que esses elementos estejam presentes no projeto.
Outros itens também podem entrar nessa condição. É sempre importante não
menosprezar qualquer ideia e sim pensar nela para entender porque ela está
presente em seu imaginário para esse local.
2.1 Tenha consigo criatividade e
boas referências
Com anos de experiência reformando diversos imóveis, eu aprendi que cada
pessoa tem um gosto bastante particular. Em geral, os arquitetos gostam de
discutir referências com os clientes para conseguir dar um norte para o projeto.
Entender quais elementos são mais importantes e qual tipo de acabamentos
e cores eles preferem é fundamental para satisfazer o projeto. Apesar disso,
é essencial não ficar preso as referências. Cada caso é um caso e as próprias
características prévias do imóvel não permitirão uma cópia 100% idêntica.
Uma dica muito importante é pegar referências de ambientes que tenham
semelhança com seu projeto em dimensões, aberturas, além de contar com
8
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
desejos e necessidades específicas dos usuários do
local reformado.
Um site espetacular para conseguir boas ideias é a
rede social pinterest.com e alguns perfis específicos
sobre reformas no Instagram.
2.2 Por fim, tenha em
mente que o mais importante não dá
pra ver
Tem muita coisa em um apartamento que não conseguimos enxergar e por
isso é importantíssimo não menosprezar o tempo, a técnica e o dinheiro a ser
empregado em tubos, conexões, instalações elétricas e outros elementos
“invisíveis” como a impermeabilização do piso.
Apesar de não serem decorativos e não aparecerem nas fotos, são esses elementos
que, se deixados de lado, vão trazer a dor de cabeça no futuro. Pense neles.
9
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
3. Começando o
Levantamento para a reforma
E
sta é uma das etapas mais menosprezadas da reforma, às vezes até
ignorada, mas certamente a mais importante de todas, para que tudo
comece bem e a obra siga um desenvolvimento tranquilo e sem surpresas.
O levantamento se trata de “descobrir” ou “levantar” todos os elementos
importantes para a obra que existem naquele ambiente, mas vou aprofundar nisso
mais para frente.
Não tenha pressa, principalmente se você nunca fez um levantamento na vida,
nesse momento é essencial que você não deixe passar nada.
Se você não contar com desenhos atualizados do ambiente ou equipamentos
específicos de medição através da parede, será importante fazer uma verificação
de onde estão as tubulações, muitas vezes fazendo pequenas “quebras” nos locais
onde se supõe que esses itens estejam.
Caso vá executar qualquer tipo de intervenção desligue a água do local e, se for
10
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
possível, a energia. Lembre-se que esse procedimento deve ser autorizado pelo
condomínio e acompanhado por um profissional responsável.
Deve-se tomar extremo cuidado com isso pois um furo em um cano pode
causar um vazamento que prejudicará não somente seu levantamento, como
o próprio imóvel e vizinhos - dependendo da gravidade do dano. Muitos desses
caminhos podem ser verificados com alguma experiência no assunto pois são
tradicionalmente instalados em certas posições. Peça ajuda a um profissional se
sentir dúvidas para fazer isso.
Outra coisa importante é entender a estrutura que passa dentro do ambiente,
ou mesmo sob o piso ou sobre o forro. É muito comum, principalmente em
apartamentos antigos, que se queira mudar o vaso sanitário de lugar mas a
tubulação de queda, por onde desce o esgoto, esteja de um lado de uma viga e o
vaso foi mudado para o outro lado da mesma, o que inviabiliza a proposta.
Não se engane, as vezes ambientes pequenos, onde não faria nem sentido passar
um elemento estrutural, encontramos uma viga. Em paredes acontece bastante da
passagem de tubulação proposta entrar em conflito com a estrutura existente.
Mas calma, existem alguns aparelhos que ajudam a encontrar esse tipo de
interferência. De alguma forma é importante ter certeza da posição dos elementos
em algum momento, do contrário, muitas vezes será preciso revisar a proposta pois
algumas surpresas podem acontecer.
3.1 Medição e desenho
Quando falamos de desenho do ambiente, algumas pessoas podem se sentir
apavoradas pois não sabem desenhar. Fique tranquilo, vou ensinar aqui como fazer
o essencial para que você consiga se virar para seu projeto.
Pelo menos, nessa parte do levantamento é legal tomar muito cuidado e anotar
todas as informações possíveis de forma organizada.
A medição é algo simples mas se feita por 2 pessoas, principalmente se você não
tem experiência nisso, pode ser muito mais fácil cumprir essa etapa.
Lembre-se de seguir uma ordem lógica para a medição, começando por um ponto
11
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
e ir seguindo o perímetro, marcando todas os detalhes como nichos e elementos
que sejam presos a parede.
É muito importante que o desenho fique legível, portanto, se você precisar inserir
alguma informação que não caberá no desenho, ou ficará demasiadamente pequena,
numere e faça uma lista ao lado. Caso ache que precisa de uma versão maior de
algum elemento, faça uma marcação tracejada e indique um outro desenho.
3.2. O que é importante estar no
levantamento? #checklist
Tudo que for possível. É importante ser minucioso no levantamento pois este
item é a base para a boa reforma. Abaixo segue uma lista dos itens essenciais a
serem medidos.
Lembre-se que os pontos devem ser locados, ou seja, é preciso ter as dimensões
exatas para para que se tenha certeza da posição em planta, vista de cima, e da
altura em que se encontra. Aqui, existem dois tipos de informações, as gráficas e
as escritas, lembre-se de anotar todas elas.
12
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
Checklist
Dimensões das paredes com ângulos corretos.
Elementos presentes no piso como soleiras e mudanças
de nível.
Aberturas como portas, janelas e outras esquadrias.
Elementos do teto devem ser representados tracejados.
(Vigas ou variações de altura).
Altura do piso ao teto(pé direito) geral e em todos os
lugares que houver diferença de nível de piso ou teto.
Ex: rebaixo do box.
Pontos de elétrica existentes como tomadas
interruptores e luminárias(mesmo que os que serão
alterados ou removidos).
Pontos de hidráulica como esgoto, ralos, água fria e
água quente.
Acabamentos de piso, teto paredes portas e janelas
observando a qualidade, estado e se você deseja alterar.
Móveis e objetos sobrepostos, como toalheiros e papeleiras.
Verificar qualidade, estado e se você deseja alterar.
13
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
3.3 Instrumentos úteis
Trena
É bem provável que você já tenha ao menos visto
uma dessas. Ela te ajudará a medir distâncias
lineares. Tome cuidado se estiver utilizando uma
trena metálica pois a mesma é bastante cortante.
Para dimensões muito grandes recomendo
que faça em duas pessoas ou segmentando
o processo, criando um ponto de marcação e
depois disso continuando a medição.
Trena eletrônica
Com a mesma função do instrumento anterior a grande
vantagem é que ela trabalha através de lasers, o que facilita
imensamente o processo de medição.
Ela é bem mais cara, portanto, a menos que tenha uma
disponível ou vá utilizar muitas vezes, não vale a pena o
investimento. Em geral para obras comuns elas têm uma
calibração suficiente, podendo ser ajustada caso necessário.
Caderno ou Folhas sulfite, régua e prancheta
Tomar notas de maneira compreensível e em tempo
real é muito importante. Mediu, marcou. Depois de
algum tempo fazendo levantamento você vai estar
com tantos números na cabeça que não lembrará
mais aquelas que pareciam tão fáceis no início.
Se estiver utilizando a escala da régua (também
falarei mais a frente), é nessa hora que utilizará.
Você também pode comprar folhas quadriculadas
14
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
se sentir dificuldade de desenhar e quiser as coisas mais organizadas.
Também lembre-se de fazer detalhes separados, ou seja um desenho ampliado só
para dar as medidas das janelas ou do rodapé, por exemplo.
Pasta com plásticos
Guarde tudo organizadamente. Toda informação
vai ser importante no futuro e mesmo que você
possa voltar quantas vezes você quiser para
medir o local, ter tudo a mão fará uma diferença
incrivelmente grande na agilidade do trabalho.
3.4 Levantamento fotográfico
O Levantamento Fotográfico parte do mesmo princípio que o levantamento de
dimensões e informações. É bom fotografar tudo que for possível. Tente não utilizar
flash se for possível, pois ele atrapalha a análise das fotos posteriormente.
O objetivo das fotos é ter sempre a mão o estado atual dos elementos e poder
enviar para os prestadores de serviço esse material, acelerando o processo de
orçamento, por exemplo, pois ao invés do mesmo precisar vir ao apartamento para
compreender o serviço ele terá uma noção boa do serviço antes disto.
Dê foco a elementos que precisam ser restaurados, vazamentos, móveis, mas,
de modo geral, fotografe tudo. Organize essas fotos por categorias, pastas no
computador, quando for descarregar, de modo que você consiga encontrar bem fácil
quando precisar.
Não se esqueça de colocar elementos inteiros nas fotos. Não tire foto de metade da
porta, isso torna algumas fotos inúteis, salvo quando a ideia é mostrar um detalhe.
Se possível, nomeie os arquivos das fotos de modo a identificar o local retratado.
É fácil lembrar detalhes das fotos no mesmo dia em que foi tirada, mas esse arquivo
tem objetivo de continuar útil durante todo o processo de reforma.
15
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
3.5 Escalas fáceis
Primeiramente, é importante dizer, para quem não tem esse conhecimento, que
escala não é nada mais que uma forma de desenhar um objeto ou ambiente com
medidas precisas, mas tornando o desenho menor, sem que ele saia das proporções
corretas.
Do contrário, ou ficaria tudo fora de lugar ou teriamos que desenhar o ambiente em
tamanho real. Isso não seria nada prático.
Apesar de alguns apartamentos não terem um desenho complexo, é importante
sempre trabalharmos com escala, pois isso impede que a nossa mente entenda que
algo é de um tamanho e na hora da execução aquele item fique totalmente fora do
lugar ou não caiba no ambiente.
Se você não está acostumado a utilizar escalas, ou mesmo nem sabia o que é isso,
a melhor escala para trabalhar é a que chamamos de 1 para 100, ou 1/100. Nesta
escala 1cm no desenho é igual à 100cm no mundo real, ou 1m.
A vantagem da escala 1/100 é que podemos utilizar uma régua comum graduada
em centímetros, sem a necessidade de instrumentos especiais.
3.6 Como medir paredes “tortas”?
Essa é uma etapa que muitas pessoas ignoram na hora da medição, mas que faz
uma imensa diferença em fases posteriores como o orçamento e o acabamento
estético, principalmente no que diz respeito ao recorte de pisos e forros, que, em
geral, tem muitas perdas por conta disso.
Quando eu uso a expressão popular “paredes tortas” estou me referindo a
duas situações, sendo a primeira o caso de uma parede, acidentalmente ou
propositalmente, não ser alinhada a 90 graus com as demais. A outra é onde houver
efetivamente uma ondulação na extensão da alvenaria.
Haverá maneiras diferentes de tratar as duas situações, mas inicialmente estamos
falando apenas de como medi-las. No caso de paredes “tortas” ou onduladas por
qualquer motivo, caso você não tenha algum instrumento flexível como uma fita
16
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
métrica, você pode medir por segmentos e depois somá-los. Não é tão preciso mas
a parede também não, então não há tanto problema.
3.7 Como marcar corretamente os
pontos de hidráulica?
Um dos grandes vilões das reformas é a precisão da marcação dos pontos de
hidráulica. Primeiro, porque poucas vezes existe uma grande preocupação em
marcar com precisão o centro destes.
Acredite, acontece até mesmo em obras gigantes como alguns dos lançamentos
imobiliários mais famosos do mercado. E outra é que em geral eles precisam ser
revisadas algumas vezes durante o processo - vou avisar quando for necessário,
pois as peças sanitárias não são totalmente padronizadas e uma alteração de
modelo pode pôr tudo a perder.
É importante se atentar aos eixos centrais das tubulações e sempre entender
que tipo de peça estava instalada ali anteriormente e se a tubulação tem alguma
especificidade para esse ou aquele tipo de peça.
No desenho a seguir você percebe como medir um ponto de hidráulica. Lembre-se
que o diâmetro do tubo que sai do piso ou da parede precisa ser marcado também.
17
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
Água e esgoto no piso e na parede
A grande questão com a tubulação de água e esgoto
é que ela ocupa um espaço considerável dentro
do piso e da parede e, muitas vezes, não é possível
passar “uma por cima da outra”.
Outra questão no caso da tubulação de esgoto é que
existem ângulos a serem respeitados para que os
resíduos não parem no meio do caminho. Por esses
e outros motivos é bom ter uma ideia bem clara do
caminho que os tubos fazem e não somente dos pontos de saída. Assim, podemos
prever a existência de vigas invertidas e pilares ocultos na alvenaria, o que impediria
a passagem dessas vias hidráulicas e principalmente, caso precisemos fazer a
mudança de local do vaso sanitário, a peça hidráulica mais problemática dentro de um
apartamento. Sendo assim, vale lembrar mais uma vez: o planejamento é essencial.
Vaso sanitário
A demarcação do vaso sanitário é relativamente simples
neste momento, pois estamos apenas entendendo
onde ele já se encontra. Você precisa medir a distância
do centro do tubo até uma parede lateral do vaso e a
distância desse mesmo centro até a parede atrás do vaso.
A maior parte das vezes o levantamento é feito antes de
se retirar peças como essa, então, marque um asterisco
aqui para revisar assim que possível essa medida.
Logo depois, é necessário marcar a altura e posição na
parede da entrada de água limpa da descarga. Se você
pretende instalar um vaso com caixa acoplada, ou seja, aquela que fica fora da
parede, essa posição não é muito relevante.
Mas no caso das chamadas válvulas “hydra”, é muito importante que esteja tudo
centralizado ou precisará ser refeito. Anote o tipo de vaso que está instalado: Vaso
tradicional, caixa acoplada, etc...
18
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
Chuveiro e torneira
Como os itens anteriores, no caso de torneiras e
chuveiros é importante ter o diâmetro do tubo que chega
ao ponto de água e a localização precisa do centro do
mesmo. Ou seja, a distância do piso até o centro do tubo
e de uma parede até esse mesmo ponto.
Existem algumas torneiras, chamadas torneiras de
mesa, que não são instaladas na parede, nesse caso,
marque o ponto de saída de água na parede. Caso
existam saídas de água quente, é importante diferenciar
esses pontos e traçar o caminho até o aquecedor.
Lembre-se que esse tipo de encanamento não é igual
aos de água fria, então, é hora de colocar um lembrete
para não esquecer disso também.
Se o chuveiro tiver aquecimento central ele não será eletrico, então também não
contará necessariamente com um redutor de pressão quando instalado em edifícios.
Mas isso é apenas uma informação que também veremos mais para frente.
Registros
Sabe aqueles registros que poucas vezes usamos na
vida, mas que quando se fazem necessários ninguém
lembra bem onde ficam? Eles servem para fechar
totalmente a água caso precise ser feita manutenção em
um ramal, sem que a casa toda precise ficar sem água.
É importante que se entenda que ambientes ou
elementos precisam ter um exclusivo para si, às vezes
mais de um. Eles nem sempre são considerados
bonitos, então existem meios para disfarça-los, mas
neste momento, preocupe-se em marcar que eles
estão. Se não for, o caso faça uma anotação bem
chamativa para este fato.
19
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
4. Pontos cruciais para a
reforma em apartamentos
4.1 Comece entendendo a
Documentação
Uma das etapas mais importantes que deve-se ter em mente ao pensar em uma
reforma é a de juntar toda a documentação necessária para que a obra esteja
totalmente dentro da legalidade.
A regra geral é que toda obra deve juntar a documentação dependendo de sua
natureza e apresentar aos órgãos e entidades responsáveis. Mas sabemos que a
maior parte das pequenas reformas acaba por passar sem esses elementos.
No caso de reformas em apartamentos, objeto deste livro, os procedimentos são
bastante rígidos, tendo que obedecer padrões estabelecidos pela NBR 16.268
que trata do assunto e também, de outras regras mais restritivas que possam ser
estabelecidas pelo condomínio através de seus instrumentos legais estabelecidos.
20
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
É essencial ter um responsável técnico em qualquer circunstância de alteração de
um imóvel, nem que para simples orientação do que NÃO se deve fazer.
No caso de reformas internas da unidade em apartamentos, o próprio condomínio
fará a exigência desse responsável. Lembro que o responsável técnico não está lá
apenas para assinar documentos necessários, mas também para garantir que a
obra corra com toda segurança e que o resultado seja o melhor possível - técnica e
esteticamente falando.
Uma obra executada sem responsável técnico pode levar o proprietário do imóvel
e o síndico a responder civil e criminalmente por qualquer ocorrência e se alguma
pessoa não habilitada se prontificar a fazer o papel de responsável técnico (afinal,
ainda existe o exercício ilegal da profissão).
Fora todas as questões já citadas, uma obra pode ser paralisada facilmente por
erros técnicos que seriam facilmente evitados com um arquiteto ou engenheiro
presente, bem como uma série de custos também.
Pode parecer um protecionismo de carreira, e talvez até seja de certa forma, mas
todos os clientes que já tiveram uma obra sem um profissional de arquitetura
responsável, quando têm a oportunidade de ter alguém planejando tudo e deixando
tudo corretamente resolvido, entendem o valor desse trabalho.
4.2 Logística de descarte de entulho
e recebimento de material
Apesar da pouca importância dada por pessoas leigas no início do planejamento da
obra, essa é uma das grandes dores de cabeça ao desenvolver uma reforma.
Apartamentos antigos tem um especial problema com isso, pois os diversos
revestimentos e peças sanitárias, dificilmente são reaproveitados dentro das ideias
do proprietário - e terão de ser destinados corretamente.
Descartar de maneira inadequada resíduos de obra, o famoso entulho, é crime
ambiental, então nem pensar em colocar tudo dentro de uma caminhonete e jogar
em algum lugar. O meio ambiente agradece e seu bolso também, pois as multas
costumam ser pesadas.
21
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
A maneira correta de fazer esse descarte é através de empresas cadastradas e
especializadas, que terão locais adequados autorizados pelas prefeituras para
dar o destino correto ao material.
Em geral isso é feito através de caçambas estacionárias, daquelas que vemos
a todo momento na rua. É importante pedir todos os documentos de inscrição
da empresa na prefeitura antes de fechar com uma delas e, como estão
acostumados com esse tipo de exigência, terão isso em mãos para fornecer.
Como essas caçambas costumam ficar estacionadas em uma vaga em frente
ou próxima ao imóvel, elas tem uma limitação de alguns dias para permanecer
no local. Isso é relevante pois, existem diversos fatores a ser considerados para
saber o dia de chamar a caçamba.
Primeiramente é preciso que já se tenha material para colocar na mesma, ou seja, que
a demolição esteja, no mínimo, em andamento. Dependendo do andar e da posição do
apartamento, será preciso fazer o descarte em duas etapas, primeiramente ensacando
dentro do imóvel para depois despejar dentro da caçamba.
É importante também tomar muito cuidado para não acumular entulho em
excesso dentro do apartamento pois a estrutura da laje não foi prevista para
aguentar tamanha pressão concentrada em um único ponto, podendo causar
danos estruturais ou trincas nos apartamentos inferiores.
É sempre bom, enquanto o entulho ensacado estiver dentro do imóvel, distribuir
em diversos pontos, sempre próximos às extremidades e tentando não apoiá-los
nas paredes de forma excessiva. Ou seja, não empilhando sacos e sim, distribuindo
os mesmos pelo chão.
4.3 Custos
Essa é a parte que todos estão mais atentos, pois é aqui que dói o bolso. A grande
surpresa é que neste item é que, não há grande dificuldade se você fizer todas as
demais etapas de maneira calma, sincera e atenciosa. Os custos são a reunião de
valores de mão de obra, material e alguns serviços como caçambas. Simples assim.
Para que todos os valores batam corretamente é bom utilizar uma planilha, não precisa
de nada muito complicado, só uma tabela onde você possa inserir cada elemento.
22
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
Pensando nisso, preparei uma planilha básica que você pode usar de modelo e
alterar conforme a sua obra.
Lembre-se de ficar atento nos orçamentos para não cair em furadas. Preços
excessivamente altos já acendem o alerta vermelho, mas em geral, as pessoas
acham que preços muito baixos são uma vantagem.
Procure entender o porquê desse valor pois pode acarretar em falta de qualidade ou
problemas de prazo.
A melhor coisa é ter diversos (pelo menos 3) orçamentos de tudo. Antes de orçar,
lembre-se de entender como é aquele material, serviço e o que ele inclui. Isso é
importante para orçar o elemento idêntico ao outro nos diversos fornecedores.
Se você orçar instalação de piso vinílico em manta e um de laminado de madeira em
outro, não vai ter a menor ideia se os valores estão bons. Da mesma forma se um
fizer o laminado de madeira, instalado, com manta, juntas, colas e rodapés, e o outro
fizer o mesmo mas sem o rodapé, também será difícil de comparar.
4.4 Dias e horários para trabalho
Esse é um ponto importante para que os orçamentos de mão de obra, datas
para entrega de materiais e outras atividades que dependem da autorização do
condomínio aconteçam.
É preciso verificar exatamente quais dias se pode trabalhar e quais datas entrarão
quando o cronograma de obra estiver sendo realizado pois, uma obra que atravessa
o período de festas, por exemplo, tende a ter cerca de 5 dias de atraso pelo menos,
pois é possível que a mão de obra reivindique o feriado e o próprio condomínio não
autorize o trabalho, muitas vezes nem na véspera de natal ou na véspera de ano
novo.
A melhor coisa é contar somente com os dias úteis e autorizados pelo condomínio.
Pegar um calendário de feriados nacionais, estaduais e municipais é parte do
processo de planejamento.
Como estamos no Brasil, apesar de não ser uma regra, é bom contar também com
as emendas de feriado, pois é possível, dependendo do contrato, que a mão de obra
23
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
não deseje trabalhar nesses dias. Tudo é uma questão de combinar bem com todos.
É bom também verificar juntamente com as lojas mais prováveis, ou pelo menos
do material mais volumoso, quais são os horários padronizados de entrega e se
é possível fazer um agendamento, assim dificilmente você entrará em conflito por
conta desse assunto.
4.5 Por fim: faça um trato com os
vizinhos
Que problemão seria arranjar problemas com os vizinhos, não é mesmo? Afinal,
após a obra você vai morar ali e aquele evento não pode destruir as boas relações
que você tem no condomínio.
Sendo assim, é extremamente importante informar a todos, com uma cartinha se
possível, sobre a obra. Apesar de parecer uma coisa desnecessária, sempre é bom
ter um cuidado especial com aqueles que podem te arranjar uma multa caso se
irritem com alguma ação durante a obra.
Já cheguei ao ponto de levar docinhos para os condôminos ao entregar essa carta,
com desculpas prévias pelo transtorno da obra.
Importante também é manter a limpeza dos corredores, halls, estacionamento,
locais de descarga... Tudo isso vai fazer seus vizinhos odiarem menos a sua obra.
Lembre-se certas reformas podem levar meses, então todo cuidado é pouco para
manter-se amável.
24
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
5. Focando em um Projeto
de qualidade
5.1 Dimensões ideais e ergonomia
Toda vez que se pensa em um projeto, existe muita coisa que a gente quer
colocar nele, muitas das quais não são viáveis - pelo menos não do modo como
idealizado na primeira versão.
É importante ficar atento às dimensões de ergonomia e conforto para as pessoas
que vão viver ali, afinal, ninguém quer ter um monte de armários lindos que, para
abrir, seja necessário ser um contorcionista.
Às vezes vale a pena desistir de algumas coisas que são inviáveis naquele local e ter
uma casa mais funcional, do que colocar tudo que se deseja e passar raiva todos os
dias por conta daquele elemento.
Lembre-se sempre das atividades que você desenvolve naquele ambiente e,
também, dos ambientes que ficam “por trás” daquele. Por exemplo, se você precisa
25
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
passar com uma cesta de roupas pela cozinha para chegar a lavanderia, não é muito
inteligente que a cesta não passe pelo corredor da cozinha, certo?
Lembre-se também da circulação. Às vezes um móvel cabe no ambiente mas
trava toda a passagem. Existem inúmeros desenhos na internet informando essas
questões de ergonomia e dimensões ideias. Vale a pena dar uma checada.
Ah, e se você vai comprar eletrodomésticos e móveis prontos novos após a obra,
lembre-se de pensar o projeto com esses elementos.
5.2 Iluminação adequada
É muito importante estudar a iluminação dos ambientes e relacioná-la com as
atividades que se pretende executar no local. Algumas áreas precisam de mais foco
e uma iluminação de trabalho que realce detalhes. Em outros casos, é importante
uma iluminação que não canse em excesso os olhos.
A temperatura de cor, medida em graus Kelvin, bem como o tipo de luminária,
definem essa qualidade específica para cada ambiente.
Desde às luzes mais frias, de cor branco azulado, até às cores mais quentes, que
tendem ao amarelo, passando pelos tipos diversos de luminárias, - pendente,
sobrepor, de embutir, direta, indireta, de foco - tudo isso fará diferença na qualidade
de uso do espaço.
Vou detalhar isso mais a frente quando voltar ao assunto de iluminação. Por hora,
fique atento que esse item é importante ao projeto.
5.3 Entendendo seu dia a dia
É essencial que você tenha muito foco na hora de pensar o que deseja para sua
casa e pense em como você vai usar os ambientes no seu dia a dia. Muitas vezes
nos perdemos entre modelos, detalhes e outras questões e esquecemos de pensar
como vamos usar aquele ambiente.
Se você é alguém que ama se jogar no sofá, porém adora ambientes inspirados
26
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
nos anos 50 com móveis mais geométricos, vai precisar pensar para não sacrificar
nenhuma das duas coisas. Sempre existe uma saída, algumas mais fáceis, outras
nem tanto.
5.4 Valorize seu imóvel para o seu
planejamento futuro
Claramente, qualquer reforma feita pelo próprio dono do imóvel para ele mesmo
tem uma carga de personalidade gigantesca que tem tudo para dar certo. Porém,
pensando friamente, é importante não fazer modificações irresponsáveis no imóvel
se você ainda não tem 100% de certeza do que será do seu futuro em relação a ele.
Um casal em um apartamento de 2 quartos, por exemplo, pode querer derrubar a
parede para aumentar o dormitório ou fazer dele um closet com acesso pela suíte.
No entanto, é importante entender como ficará uma possível reversão dessa obra
em uma potencial venda do imóvel.
Em pesquisa para um cliente investidor, desses que compram e reformam para
vender, constatei que dois apartamentos exatamente iguais, onde um tem 2
dormitórios e outro foi reformado para fazer um closet no segundo quarto, tem uma
diferença de aproximadamente 10% do valor de venda.
Personalidade é tudo, mas se não pretende ficar no imóvel por toda a vida, é bom
pensar em possíveis custos e dificuldades para torná-lo mais atrativo quando for
vender.
5.5 Pense nos elementos combinados
e não individualmente
Esse é um dos grandes desafios da arquitetura, para não dizer da vida. A maioria das
pessoas que vai fazer uma reforma, começa a andar por todos os lugares pensando
“isso ficaria ótimo na cozinha”, “com certeza vou colocar aquilo na varanda”... Porém
nem tudo combina ou funciona perto de qualquer elemento.
27
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
Esse estilo ‘tudo pode” até existe e há quem goste de uma certa sensação de caos,
mas a maioria fica veladamente frustrada depois de colocar os elementos juntos.
Uma dica muito boa é criar um painel de referências. Se forem fotos da internet,
junte-as em uma pasta para colocar lado a lado, se for algo que você viu na rua, tire
uma foto para depois fazer o mesmo.
5.6 Não esqueça dos pisos,
revestimentos, louças e metais
Esses acabamentos são a parte mais cara, sem sombra de dúvida, e tem tantas
opções no mercado que tudo pode dar errado. Sabe aquela sensação ruim que dá
quando você acha algo que gostava muito, porém já comprou e não tem mais volta.
Bom, para evitar isso o painel de referências do tópico anterior vale muito a pena
e lembre-se de colocar os elementos lado a lado para ver como eles funcionam
juntos.
Muito cuidado na hora de escolher esses itens porque ficamos muito tentados a
escolher pela aparência, mas se deve ter muita atenção às questões técnicas.
No caso das louças e metais a variedade de preços é muito grande podendo-se
comprar uma torneira simples por 35,00 reais e a mesma torneira, de outra marca e
de outra qualidade, por mais de 500,00.
Quando partimos para falar de monocomandos, misturadores e outros tipos, a
variação de valor é ainda mais gritante. Às louças também tem questões técnicas
importantes como resistência, furação e alinhamentos, além de compatibilidade
com outras marcas ou não - o que pode te deixar refém de um único fornecedor.
Quanto aos pisos e revestimentos é necessário focar na resistência, aplicação de
cada um, espessura, acabamentos das bordas e interface com os elementos que
farão contato com ele.
Por exemplo, é possível em alguns casos, fazer uma instalação na técnica piso
sobre piso, mas para isso é preciso pensar muito bem a interface com os demais
elementos (rodapés, soleiras e etc).
28
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
Mais a frente você encontrará um capítulo onde falo mais detalhadamente sobre
esses itens. Por enquanto, vamos em frente.
5.7 Forro e pintura
Nessa hora todo mundo expõe algumas vontades que nem sempre vão ficar
muito boas nos ambientes, do tipo: Sempre quis fazer uma sanca, amo luminárias
pendentes, gosto muito de vermelho, e etc…
Não que essas vontades não devam ser atendidas dentro do projeto, mas é
importante analisar outras questões importantes como a altura do ambiente, se vale
a pena fazer um forro de gesso. Se os pendentes não ficarão no meio do caminho…
Algumas cores podem ser enjoativas em ambientes de longa permanência, enfim...
É lógico que tudo se dá jeito, mas lembre-se que a casa não é uma foto de revista e
precisa funcionar.
Também é preciso entender qual o orçamento disponível para os serviços de
acabamento, que costumam ser os mais caros da obra (pois nessa hora se define
até mesmo que tipo de acabamento se deseja na pintura).
Por exemplo, acabamentos acetinados são muito bonitos e cobiçados pela maioria
das pessoas. Porém, se às paredes a serem pintadas não receberem um tratamento
de massa por completo, isso pode deixar marcas ou diferenças de acabamentos
que vão aparecer excessivamente mais em tintas com algum brilho que na de
acabamento fosco. Você vai saber mais sobre isso no capítulo sobre pintura.
Vale lembrar que dá para fazer bom projeto de reforma com qualquer orçamento,
mas é preciso ter consciência que algumas coisas são mais caras e podem ser
deixadas de lado em benefício do resultado final total.
A dica principal é cuidar dos detalhes sem descuidar do resultado total. Afaste o
olhar e entenda a realidade da sua reforma.
29
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
6. Descobrindo que Ecologia
vale dinheiro
N
ão é de hoje que o tema da sustentabilidade ambiental está em alta, por
esse motivo, sinto a importância de citá-lo neste guia de uma maneira
levemente diferente.
Digo isso pois muitas vezes o potencial de auxílio na manutenção do meio ambiente
não é suficiente para nos fazer correr atrás de soluções mais interessantes. Porém,
se o fator financeiro entra no jogo tudo fica mais fácil de compreender.
Ecologia se estudada a fundo, é um conceito muito complexo com mil variáveis,
mas, simplificando para esse guia, o potencial consumo de recursos naturais e as
condições de descarte dos materiais utilizados são os fatores mais relevantes.
Consumindo menos recursos, sua casa fica mais sustentável. Como pagamos para
as concessionárias para obter esses recursos, podemos concluir que quanto mais
ecológico formos mais economizamos dinheiro, certo?
30
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
No longo prazo isso é extremamente correto, mas toda história tem um porém:
esses itens mais ecológicos ainda são mais caros que seus similares menos
sustentáveis.
Para garantir que você vai recuperar seu dinheiro ao investir em produtos verdes,
você precisa fazer algumas contas. Quanto você economiza por ano, quantos anos
aquele produto dura e se a economia é maior que a diferença de preço.
E fique tranquilo, salvo alguns golpes ou produtos extremamente novos de mercado,
esse é o objetivo da maioria dos fabricantes, então a sua economia está garantida.
Prefira sempre o ecológico.
Na hora pode não parecer um grande ideia por inchar o orçamento da obra, mas
você vai recuperar esse dinheiro no futuro.
Exemplos muito comuns hoje em dia são as luminárias para lâmpadas de LED e
equipamentos sanitários e torneiras econômicos. Então bora pensar em ser mais
sustentável?
31
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
7. Compras e orçamentos
7.1. Quantitativo preciso
Não é nenhuma novidade que comprar a mais do que se vai usar causa diversos
transtornos como a necessidade de troca, geração de crédito em lojas que não
se vai mais usar, pagar por fretes de itens em excesso, uma certa perda de
tempo nesses processos, entre outras coisas desagradáveis.
Porém a compra abaixo do quantitativo ideal também pode gerar transtornos pois
muitos itens tem diferenças de lotes, de cores, quantidades mínimas para pedido,
problemas com estoque e frete mínimo.
Por isso o orçamento e quantitativo inicial, antes do início das obras, é importante
para que não se tenha maiores transtornos.
32
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
7.2 Planejamento de compras
Planejar a hora certa das compras é muito relevantes se você não tiver um local
muito espaçoso para armazenagem. Eu sempre recomendo aos clientes que
façamos compras semanais pois é um prazo que os profissionais da construção
estão bastante habituados e, além disso:
•
consegue-se prever facilmente o que será executado naquele período;
•
facilita-se a solicitação de material;
•
se reduz a quantidade de “viagens” necessárias, barateando o frete e;
•
incomoda-se menos os vizinhos do condomínio.
Fazer prazos muito menores pode atribular um pouco às atividades na obra e
aumentar o custo, bem como os prazos muito maiores se descolam grandemente
da realidade dos acontecimentos e acaba-se precisando fazer pedidos
intermediários.
7.3 Materiais Básicos, Tubos,
conduítes e fios
Apesar de mais baratos que os acabamentos, esses itens têm uma questão
bastante importante: são essenciais para o bom funcionamento do imóvel e a
manutenção deles costuma não ser tão barata. Por esse motivo, não economize de
modo exagerado aqui.
Boas marcas de tubos como Tigre e Amanco, que são muito tradicionais, e boas
marcas de fios como Sil, parecem ser mais caras, mas não se deve economizar aqui.
Nessa hora o bom profissional encanador ou eletricista é um parceiro pois a
qualidade do fio facilita a vida e o trabalho dele, então ele não vai mentir para você.
Outra dificuldade desses itens é que é muito difícil de estimar o quanto vai ser gasto
em uma reforma de um apartamento que não possua projeto de eletrica e hidraulica
atualizado - ou seja, praticamente todos.
33
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
É recomendado fazer uma estimativa para mais, para que a surpresa no final seja
positiva. Não economize nas cores dos cabos e siga as normas técnicas, buscando
um profissional que seja capaz de fazer isso, pois esses itens valorizam o imóvel e
facilitam demais a manutenção.
7.4 Pintura
A escolha da tinta tem questões importantes a serem levadas em consideração.
Se você pretende um acabamento perfeitamente liso na parede, seria importante
massear toda ela novamente.
Porém, se não for possível esse serviço, por orçamento ou por tempo disponível,
recomendo não escolher acabamentos acetinados ou brilhantes pois estes em
combinação com a luz do ambiente - e até mesmo da janela - mostram todas
as imperfeições da parede que podem ser geradas por algum conserto feito
anteriormente ou até mesmo pelo masseamento parcial.
Muitos dos meus clientes dizem que não se importam com isso até verem o
resultado. Então, é importante enfatizar: para acabamentos acetinados e brilhantes
deve-se “refazer a parede” no que diz respeito a acabamento.
Outra coisa importante é sobre algumas tintas de categorias inferiores que tem
preços muito saborosos mas que no final não cobrem a superfície satisfatoriamente,
fazendo o cliente comprar 2x ou 3x a quantidade de material e o desconto não valer
a pena.
Atenção! Paredes novas feitas de tijolos rebocados precisam de 28 dias para receber
acabamentos. Isso é uma recomendação geral, indiferente da marca da massa,
seladora ou tinta. A questão aqui é o reboco, então uma parede antiga, que teve o
reboco refeito, cai nessa mesma regra.
7.5 Revestimentos
Você vai encontrar os mais diversos modelos e preços deste item e o mais
importante aqui é calcular a metragem corretamente, levando em consideração
34
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
às margens de perda, quase sempre por volta de 10%, e o rodapé que pode variar
dependendo dos ambientes - e deve ser calculado pensando no metro linear
do perímetro dos ambientes. Se for pensado rodapé de outro material, pode-se
dispensar esse cálculo.
Lembre-se também da argamassa correta para cada local e tipo de material,
interno, externo, sobre-piso, porcelanato ou cerâmica. Outros tipos de revestimentos
também têm sua especificidade de argamassa ou cola necessária, é preciso sempre
consultar o fornecedor.
7.6 Metais
Torneiras, fechaduras, puxadores e maçanetas tem uma variação grande de preço
e na hora do orçamento é bom já ter uma ideia dos diversos modelos e valores para
que não aconteçam frustrações ou estouros de orçamento muito graves.
Também recomendo uma pesquisa prévia sobre as marcas disponíveis, pois a maioria
das variações de preço tem uma relação direta com características do produto.
É importante que no orçamento desses itens já estejam previstos, pois são peças
instaladas apenas no final da obra e se os recursos não estiverem disponíveis, pode
ser muito desagradável não ter os itens escolhidos.
7.7 Detalhes e itens imprevistos
Existem muitos problemas que acabam surgindo no meio do caminho e algumas
alterações necessárias devido a problemas prévios no imóvel, não previstos ou até
mesmo suplementação de detalhes ao projeto.
Recomendo que se reserve pelo menos 10% do valor para esse tipo de custo,
principalmente se você não tem experiência com reformas. Isso não garante,
totalmente mas já ameniza a maior parte dos possíveis imprevistos.
35
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
8. A hora do Planejamento
C
hegou a hora de prever tudo que possa acontecer nesse período. Eu
começo pelo calendário, descobrindo os feriados, emendas e eventos
específicos que podem conturbar o andamento da obra.
Lembre-se que não é uma questão de beneficiar os trabalhadores da obra e sim,
de ter uma boa relação com eles e com os vizinhos de condomínio.
Quer um exemplo? Eu escrevo esse guia durante a copa do mundo de 2018 e
tenho obras em andamento. O planejamento foi importantíssimo nesse caso
pois, em dias de jogos do Brasil fica totalmente impossível fazer qualquer tipo de
barulho nos condomínios.
A população geral fica tomada pelo espírito do futebol e concordando ou não,
é importante parar a obra para não ter maiores problemas. Tirando uns jogos
de final de semana, foram 5 dias de atraso nesse caso. Como estava tudo
planejado, tudo certo.
36
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
Outro item importante é o tempo de análise e aprovação do Laudo Técnico pelo
condomínio ou administradora que libera a obra. Algumas vezes 48 horas, outras
vezes, mais de 10 dias.
Fora o calendário, o orçamento - tema do tópico anterior - e a data das compras
devem ser muito bem pensados, já entendendo os prazos de entrega. Lembre-se
que se o material não estiver na obra, não tem obra e é um dia perdido.
Por outro lado, material inútil na obra antes da hora pode criar diversos
problemas. Quando pesados podem dificultar a dinâmica e quando delicados
podem ser danificados. Sendo assim, criar uma tabela das etapas e do que é
necessário para cada semana é importantíssimo.
Os pagamentos da mão de obra são muito variáveis, mas eu tenho um padrão
que tem funcionado em minhas obras. 20% do valor da empreitada para início
do serviço, 70% distribuídos durante as semanas de obra e 10% após o REFO Relatório de Entrega Final da Obra.
Esse documento, cuja nomenclatura eu mesmo dei, é um detalhado check list de
entrega dos itens do contrato. Quando o cliente e o prestador de serviço derem
ok e assinarem todos os itens, pode ser pago os 10% finais.
Lembre-se que alguns itens podem atrasar independentemente de outros.
Portanto, é muito importante considerar no planejamento e no contrato de mão
de obra, uma fase de retoque, caso haja necessidade de instalação de móveis
planejados embutidos após o final da obra, entre outros serviços que possam
danificar a pintura, por exemplo.
37
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
9. Mão de Obra
C
ertamente o item mais caro e difícil de orçar, a mão de obra tem muitas
variáveis subjetivas como qualidade do serviço e confiança. A dica
principal é não buscar a mais barata - preço não é tudo.
Estabeleça critérios de qualidade do produto final e até mesmo administrativas
desse fornecedor. E se por acaso existirem dois ou mais que se adequem a suas
exigências, aí sim é possível fazer uma comparação de preços.
Além disso, sempre confirme as informações de alguma forma. É muito comum
hoje em dia que esses profissionais tenham fotos de seus trabalhos anteriores e
você também pode pedir contatos de outros clientes para entender como é o trato e
o pós atendimento desse serviço.
Seja extremamente detalhista ao orçar os serviços e tenha o projeto em mãos. É
importante entender detalhes dos serviços prestados pois alguns podem incluir
maquinário necessário e caçambas, por exemplo, enquanto outros solicitarão esses
itens a parte.
38
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
O projeto com um memorial descritivo dos serviços a serem executados
também é muito importante pois assim todos os seus orçamentos serão em
cima de uma mesma ideia.
É muito comum que os proprietários solicitem orçamentos apenas de boca e assim,
obtenham valores totalmente diferentes pois o entendimento dos serviços não foi
necessariamente claro.
Sendo assim, muita atenção durante esta etapa!
9.1 Contratação de mão de obra
Contratos
Essencial em qualquer relação comercial, muitas vezes o contrato é deixado de
lado quando se faz serviços de reformas residenciais. Grande erro!
É impossível prever todas às situações adversas que possam acontecer, mas
aquelas que são mais graves devem constar em um documento que possa
pautar um possível desentendimento nos termos do acordo entre o cliente e o
profissional.
Uma das coisas mais importantes do contrato está na definição clara do escopo
e de como ele será pago. “Pintar todas às paredes da sala” pressupõe que
nenhuma ficará sem pintar “Pintar paredes na sala” não define se serão todas ou
apenas 2 ou 3. O português deve ser observado insistentemente.
Muitas vezes o cliente entende que até sairá na vantagem se o profissional não
entender bem o contrato, porém, primordialmente, o contrato deve servir como
guia e não como ferramenta de protesto.
Frases exageradamente explicativas podem evitar problemas: “Massear, preparar
o fundo e pintar na cor 44032 da suvinil 45,3m² de parede, sendo às paredes da
janela da porta e a oposta ao home theater.”
Como nem sempre é possível tamanha precisão, deve-se buscar uma descrição
que não deixe margem para interpretações. Caso você não conheça as etapas
39
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
do serviço a ser realizado, questione isso antes ao profissional e cruze com
informações da internet ou mesmo deste guia.
Permita-se gastar um tempo razoável nessa parte e certamente economizará
lá na frente. Negocie, quando possível, prováveis aditivos ao contrato antes de
firmar, para assim, evitar abusos nos serviços de última hora ou emergenciais.
Nota Fiscal
Questão delicada pois a maioria das pessoas dispensa esse dispositivo em
pequenas, e até em grandes reformas residenciais. Porém, isso pode causar
mais complicações.
Certamente solicitar uma nota fiscal acarreta em um custo com imposto e em
uma redução de opções de mão de obra, no entanto, permite que você já faça
uma triagem entre os profissionais por aqueles que têm maior organização em
seu trabalho. Afinal, emitir nota fiscal é parte de qualquer atividade comercial.
Outra vantagem está no fato de que uma nota emitida é mais um documento que
comprova a prestação daquele serviço em uma possível disputa futura entre as partes.
Tirando esses elementos, um dos mais importantes é que você poderá
descontar o valor pago pela reforma do lucro imobiliário se um dia vier a vender
o imóvel. Isso é muito importante pois o valor do imposto chega a superar
algumas vezes o pago no ato da reforma. É bom pensar seriamente sobre isso
antes de dispensar a emissão da nota.
40
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
10. Hora de quebrar...
10.1 Laudo técnico
Mais que essencial, o laudo técnico é obrigatório e reformar sem esse
documento, mesmo que seja permitido pelo síndico, pode colocar o proprietário
em maus lençóis.
Qualquer dano ou prejuízo causado pela obra sem responsável técnico, ou
relacionado a ela, podem levar o proprietário e o síndico, que deveria exigir o
documento, a responder civil e criminalmente na justiça. Não vale a pena arriscar.
Fora isso, o laudo garante que todas as alterações sendo feitas no imóvel estejam
tecnicamente corretas, pois são avaliadas por um profissional habilitado e em geral
conferida por outro profissional na administradora do condomínio.
Lembre-se que além do seu patrimônio também estão em jogo a segurança das
pessoas do edifício, incluindo a sua e da sua família.
41
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
10.2 Colunas de água e esgoto
Antes de iniciar qualquer reforma é bom dar uma verificada na coluna de água e
esgoto. Em edifícios antigos elas podem ser feitas de ferro e por isso devem ser
substituídas.
Essa parte da obra deve ser planejada e orçada de maneira separada, pois em geral,
é de responsabilidade do condomínio pagar para que o seu profissional faça a troca
da coluna ou contratar alguém que já preste serviço para o condomínio e que tenha
um orçamento mais vantajoso, por exemplo.
A questão é que esse custo não é do proprietário e deve ser coordenado com o
condomínio. É bom resolver isso logo no início pois a demora nesse item por outra
equipe pode atrapalhar o resto da obra.
10.3 Entulho e remoção
A hora de quebrar é um momento muito delicado na maior parte das reformas e o
entulho gerado por ela pode ser um problema. Caçambas estacionárias cadastradas
são essenciais para que você evite qualquer tipo de multa ou enquadramento por
crime ambiental.
Parece um exagero, mas as leis são muito rígidas no que diz respeito ao descarte
dos resíduos de obra, podendo ser enquadrado inclusive como crime. Se contratar
uma empresa adequada, fique tranquilo pois eles darão todo o suporte e informação
sobre os procedimentos.
Infelizmente muitas pessoas não são tão civilizadas e acabam por jogar entulho na
caçamba dos outros, portanto se você vai reformar um apartamento em uma região
com muito movimento, aconselho a separar o material em sacos de entulho e já
descartar tudo na caçamba de uma única vez, no primeiro dia em que a caçamba
estiver estacionada. Do contrário você pode encontrar sua caçamba lotada de
entulho de outras obras e até de móveis descartados por pessoas da região.
42
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
11. ...e Construir!
11.1 Água: Todo cuidado é pouco
Desde o primeiro ano do curso de arquitetura já é ensinado: todo cuidado é pouco
quando se trata de água, em qualquer escala, ainda mais dentro de um edifício.
Pense cuidadosamente e consulte especialistas para alterar as instalações
hidráulicas do seu apartamento e SEMPRE informe o condomínio das alterações
a serem feitas.
43
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
11.2 Modificação de pontos de água e
esgoto
É muito importante atentar-se às regras de hidráulica ao modificar pontos de água e
esgoto, respeitando desenho de ângulos e alturas e materiais de tubos e conexões
para cada função.
Se não forem observadas corretamente, podem ocasionar situações muito
desagradáveis, como o retorno de dejetos pelos ralos ou vaso sanitário, entre outras
situações muito incômodas.
Para evitar vazamentos posteriores, todas as emendas e tamponamentos feitos
devem ser testados com água corrente antes de se fechar paredes e piso. Muitas
vezes uma solda mal feita, seja ela de qualquer tipo, pode gerar muito transtorno.
Já me aconteceu de um vazamento muito pequeno passar mais de 20 dias
deixando a água escapar antes que os vizinhos dos andares de baixo percebessem
o estrago e comunicassem meu cliente. Logo, é extremamente importante ficar
atento e se possível conferir pessoalmente o teste.
Esse teste com água corrente também é importante no pós obra!
O correto desenho das instalações hidráulicas favorece também que não
aconteça falta de pressão ou a redução desta em um ponto quando se abre
outro ponto de água.
É muito comum acontecer em instalações menos planejadas que o chuveiro
superaqueça quando se abre a torneira ou se dê descarga, isso devido a conexões
incorretas nas instalações hidráulicas.
11.3 Inclinação de piso para
drenagem
Atenção! Em todos os lugares onde seja prevista a queda de grande volume de
água, é preciso prever uma inclinação de 1% em direção ao ralo ou outra solução
de drenagem.
44
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
Esses espaços em um apartamento costumam ser sacadas, varandas e
terraços, box dos banheiros e área de serviço. Essa inclinação tem a função de
impedir que essa água volte para outros ambientes onde ela não deveria chegar.
11.4 Água fria e quente
A principal diferença entre água fria e quente, no que diz respeito a obra, é o
material utilizado, pois os tubos e conexões para esse uso são diferentes.
Antigamente se utilizava principalmente a tubulação de cobre, mas hoje, existem
outros materiais possíveis.
Outra diferença é, obviamente, a origem da água. A água fria vem da coluna de
alimentação do edifício. A água quente, por sua vez, vem de um boiler alimentado
por um aquecedor a gás ou diretamente de um aquecedor elétrico, - que pelo custo
da energia é menos utilizado quando se deseja alimentar a casa toda.
Essa diferença entre a tubulação de cada tipo de água, quente e fria, faz com
que o planejamento da tubulação tenha que ser cuidadoso. Lembre-se que as
paredes tem uma limitação para passagem de tubulação e muitos cruzamentos
podem causar uma confusão indesejada.
11.5 Chuveiros elétricos e a gás
Há quem possa citar mil diferenças entre os dois sistemas e preferir um deles de
maneira incontestável, mas a grande verdade é que, preparar o apartamento para
receber qualquer um dos dois, torna futuras alterações muito mais simples.
Uma das principais coisas para se pensar quando se pretende ter um chuveiro
elétrico em um apartamento, é que para segurança do equipamento e do usuário,
será preciso a instalação de um redutor de pressão, o que por si só já acaba com
uma das maiores vantagens do edifício neste aspecto, a pressão.
Ele é necessário pois o sistema de aquecimento da água se dá através de um
diafragma que separa a água da eletricidade, caso contrário, curto circuitos e
acidentes elétricos seriam inevitáveis. Além do redutor de pressão conectado
45
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
ao tubo de água, é preciso um ponto de eletricidade 220v para o equipamento
específico nesse local, obviamente.
No caso do chuveiro a gás, você precisará de uma instalação hidráulica
preparada para água quente chegando até o ponto do chuveiro e de
misturadores ou um monocomando quente/frio.
Se ainda não sabe o que usar pode ser deixado um ponto elétrico de uso
específico para chuveiro e a tubulação de água quente também chegando até o
box, dando a opção de futuramente decidir por um dos dois sistemas.
Apesar de ser uma instalação superdimensionada em um certo aspecto, existem
muitas pessoas que são receosas quanto a aquecedores a gás, bem como
outras que não aceitam um banho com baixa pressão ou a conta de energia.
Então, ambas as soluções são aceitáveis - bem como as duas juntas.
Quando há qualquer intenção de venda futura do apartamento, instalar as duas
soluções pode valorizar o imóvel para uma variedade maior de possíveis clientes.
11.6 Torneiras, Misturadores e
monocomandos
Torneiras são uma parte muito variável do orçamento da obra, podendo-se
encontrar peças simples de plástico por R$35 reais e outras super sofisticadas
por mais de R$5 mil reais.
As diferenças são gritantes e bastante óbvias até um certo nível, porém é
importante pensar na função, na aparência, na manutenção e na durabilidade do
equipamento. E por fim no preço, não limitando essa decisão somente a uma
questão financeira, mas também se utilizando dela, obviamente.
Dê preferência a misturadores e torneiras de ¼ de volta quando não forem
automáticos. Os misturadores desse tipo têm um desgaste mecânico muito
menor que os tradicionais e por isso, certamente durarão muito mais e terão
menores chances de gotejamento e vazamento.
46
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
11.7 Ralo sifonado ou ralo seco?
A maior parte das pessoas não tem a menor ideia da diferença, mas esse é
um ponto importante para o bom desenvolvimento de uma reforma de área
molhada, incluindo aqui sacadas, banheiros, cozinhas e lavanderias.
Basicamente, quando é necessário que gases causadores de odores
desagradáveis não retornem ao ambiente, se usa o ralo sifonado, caso contrário
pode-se usar o ralo seco.
Em geral, o ralo seco é utilizado em áreas externas ou, por exemplo, no box
do banheiro, onde a água vai circular com mais frequência e, dependendo do
sistema, estará ligado a um ralo sifonado no ambiente principal do banheiro.
Para ralos internos de ambientes como cozinha, lavanderia e banheiro,
é recomendado o ralo sifonado para evitar quaisquer retorno de gases
desagradáveis.
11.8 Impermeabilização do piso e box
Muita atenção na impermeabilização de qualquer ambiente que venha a receber
água futuramente, mas em especial ao box do banheiro que necessariamente,
receberá uma grande quantidade de água diretamente na superfície de suas
paredes e especialmente no piso.
Lembre-se de que a aplicação de impermeabilizante na massa do contrapiso
ou de uma manta posterior a essa etapa, devem seguir exatamente as
recomendações de cada fabricante, pois cada um tem uma aplicação que pode
ser ligeiramente ou totalmente diferente, dependendo do produto.
O importante é verificar e fiscalizar se essa etapa foi executada. A
impermeabilização não impede por completo o problema de infiltração que pode
vir diretamente da tubulação, mas vai prevenir a causa mais comum de todas.
47
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
11.9 Descargas
Existem basicamente dois tipos de descargas, com suas diversas variações dentro
dos dois grupos principais: Válvula e Caixa Acoplada. As duas possuem vantagens e
desvantagens quando utilizadas.
Primeiramente, em uma reforma existe a facilidade de manter o sistema que já era
utilizado no imóvel, e se for desejo ou houver necessidade a troca do sistema, devese atentar às seguintes características.
As Válvulas aplicadas diretamente ao encanamento tendem a gastar mais água do
que a caixa acoplada, pois permitem que o usuário mantenha o sistema pressionado
ao seu desejo, tornando este equipamento muito pouco ecológico e econômico dependendo da consciência do utilizador.
Já às Caixas Acopladas tendem a ser muito mais ecológicas, porém com uma
pressão muito inferior, tendendo a precisar de mais manutenção de desentupimento
devido a resíduos maiores.
11.10 Elétrica
Na hora de mexer na elétrica em uma reforma, é importante entender que muita
vezes refazer totalmente os circuitos pode ser uma opção muito mais atrativa do
que emendar fios.
A tecnologia de instalações elétricas mudou muito nos últimos anos e, dependendo
da idade do apartamento, pode estar totalmente desatualizada.
Lembre-se de verificar se o quadro de distribuição de energia é adequado tanto em
tamanho quanto em material. Os quadros mais antigos eram feitos de madeira
ou metal. Hoje em dia, os mais comuns são feitos de plástico. A vantagem desse
quadro é que, além de cumprir a norma atual, não conduz eletricidade e não é
inflamável.
Existem projetos específicos para definir quais circuitos e pontos de elétrica devem
ser utilizados, porém como orientação geral, é importante manter circuitos de
tomadas gerais e iluminação separados, bem como criar separação dos circuitos
48
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
por ambiente - e no caso dos menores, ambientes agrupados.
Além disso, é essencial que alguns circuitos fiquem absolutamente isolados,
indo diretamente ao quadro. São alguns desses circuitos: Chuveiros, Microondas,
Secadora de Roupas, Secador de Cabelos e outros equipamentos que tenham alta
potência como esses.
Para a definição de bitola de fios, dos disjuntores e dos circuitos, é essencial ter
auxílio de um profissional habilitado e um eletricista experiente. Um erro nessa etapa
pode causar gastos desnecessários na compra do material e até incêndios. Fique
ligado aqui.
11.11 Interruptores tomadas e
sensores
Interruptores e tomadas não são uma grande questão na reforma, mas é bom ficar
de olho em algumas coisas para escolher o melhor conjunto.
Primeiro defina previamente todas as tomadas e interruptores, até mesmo os USBs
desejados para carregar tablets e celulares, além de definir bem, como dito no item
anterior, os circuitos 220v, que devem ser vermelhos, e os de 20A, que são para
alguns equipamentos mais potentes, mesmo que sejam 110v.
Defina também saídas de rede, telefone e pontos de tv a cabo e espelhos cegos, que
vão sobre as caixas de passagem e alguma que você tenha isolado.
É importante já ter tudo isso definido pois você pode precisar escolher a marca dos
interruptores e tomadas levando em consideração, além de qualidade e preço, o fato
de ter todos os elementos que você precisa, para não correr o risco de ter um ou dois
com modelos diferentes.
Principalmente no quarto, próximo a cama e na porta, e em ambientes grandes com
mais de um acesso, os interruptores paralelos são uma ótima ideia.
Existem algumas opções de equipamentos por sensores de movimento ou com
controle remoto. Acho esse tipo de automação muito interessante em alguns casos,
mas não me estenderei sobre o tema pois automação é assunto para um outro livro.
49
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
11.12 Telecomunicação
Quer saber o item mais esquecido de todos em 90% das reformas? Telefones,
internet e interfones. Comunicação eletrônica está 100% inserida em nossa vida
mas, por algum motivo que eu ainda não entendi, a maioria das pessoas esquece de
pensar nisso durante as reformas.
Atenção! Nunca passe cabos de telecomunicação de qualquer tipo em conduítes
juntamente com fios elétricos. A eletricidade fará com que sinal de internet, tv e
telefones fiquem com interferência. Os dutos devem ser isolados uns dos outros, de
preferência não muito próximos.
Muitas pessoas hoje preferem equipamentos sem fio mas tendem a se arrepender
pois, os equipamentos sem fio de potência suficiente para atravessar paredes sem
problemas, são extremamente caros e mesmo assim não tem uma qualidade
garantida perante qualquer tipo de material.
É indicado sim que se instale fios para distâncias maiores e sejam instalados
roteadores wi-fi dentro dos ambientes para facilitar o uso de dispositivos móveis.
Pense também nos telefones fixos pois, mesmo que você não os utilize tanto, pode
ser interessante não ter que reformar novamente a casa para tê-los, se necessário
futuramente.
11.13 Paredes
Primeiramente, é necessário saber que tipo de alvenaria é permitida no edifício, pois
alguns condomínios não permitem todos os tipos de construção de paredes ou
mesmo os locais onde essas podem ser colocadas.
Isso deve ser discutido antes mesmo de autorizar a obra, quando for apresentado
o pedido para a reforma. Se não houver nenhuma convenção do condomínio nem
norma específica, fica a critério do Responsável Técnico e do Proprietário definir o
tipo e onde vão às alvenarias.
Mas atenção! Se feitas sem o consentimento do condomínio, qualquer nova parede
ou demolição de alguma existente pode gerar multas a qualquer tempo, dependendo
50
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
das regras do mesmo e, mais que isso, pode ser solicitado que a obra seja desfeita
caso isso cause qualquer risco a integridade do edifício, portanto é muito melhor
seguir às regras.
De qualquer forma, existem opções como o Drywall para subir às paredes que sejam
necessárias sem desrespeitar as regras de edifícios que não permitam a construção
de paredes tradicionais.
Aliás, paredes de gesso acartonado, conhecidas como DryWall, não são
recomendadas somente nesses casos, mas também quando se deseja uma
construção rápida e com o mínimo de sujeira possível para construir esse elemento.
Muito cuidado com o prumo e o alinhamento!
É extremamente importante, até mesmo para etapas posteriores, que o prumo e
alinhamento da parede sejam conferidos constantemente e que eles sejam uma
preocupação principal.
Paredes tortas podem estragar o funcionamento do ambiente, dificultar e encarecer
a instalação de móveis, e comprometer os acabamentos que venham a ser
instalados sobre ela ou que tenham qualquer tipo de interface com esta, tomando
como exemplo pedras de pias, rodapés, e etc.
11.14 Contrapiso
Uma etapa que influencia diretamente na qualidade do acabamento precisa de
um nivelamento perfeito, além de ser o momento onde é executada a inclinação
necessária nos ambientes onde se deseja que a água tenha uma queda natural até
um ralo ou mesmo o pequeno desnível que tradicionalmente se deixa entre áreas
molhadas, como banheiros e, mesmo dentro deste, no limite do box.
São desníveis que não são obrigatórios dependendo do projeto, mas extremamente
recomendados.
51
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
11.15 Pisos e revestimentos
Essa etapa é certamente a que mais ficará exposta após a reforma, além de ser a
parte dos acabamentos que tem maior valor financeiro absoluto, ou seja, onde você
vai gastar mais dinheiro, provavelmente.
Lembre-se que, tanto em pisos quanto em revestimentos de parede, às superfícies
de aplicação tem que estar o mais regular possível, pois qualquer ondulação pode
deixar vazios entre a superfície e o revestimento ou piso, causando os mais diversos
efeitos desagradáveis, de um ruído ao pisar sobre o piso até um revestimento que se
solta da parede meses depois.
No caso de pisos e revestimentos aplicados com argamassa, é possível corrigir
esses defeitos com a própria massa, porém isso causa atrasos na obra e aumenta
o custo, pois a argamassa é um material mais caro do que aqueles que foram
utilizados ao preparar a parede inicialmente.
Falando em Niveladores e Argamassas....
No caso de aplicação de pisos vinílicos ou laminados sobre pisos já existentes,
como cerâmicas com bordas arredondadas, é necessário utilizar um nivelador de
piso adequado para fazer essa sobreposição.
Para aplicar porcelanatos e cerâmicas sobre pisos, também existe uma argamassa
de piso sobre piso, que é diferente da argamassa utilizada para aplicação
diretamente sobre o contrapiso.
Lembre-se também de que existem diferenças entre argamassas para uso em áreas
internas e externas, sendo importante a observação do local de cada aplicação.
Pisos vinílicos em placas
Muito indicado para áreas secas ou que possam receber umidade esporadicamente,
como salas e cozinhas, e bem indicado para quem tenha animais de estimação, por
facilitar a limpeza, esse piso é extremamente prático.
Atente-se à descrição técnica do produto e aos comentários que encontrar de outros
52
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
consumidores sobre a marca que deseja utilizar. Apesar de consultores de lojas
muitas vezes estarem bem intencionados, é bom ter uma opinião diretamente de
quem já utilizou o produto, em vez de alguém que deseja vender para você.
Como descrevi no item anterior, atente-se ao piso estar totalmente nivelado e limpo
antes de aplicar o novo. Esse tipo de piso tem uma vantagem enorme em sua
colocação, pois é possível cortar suas placas até com um estilete comum.
Porém, é muito importante ter cuidado para que os cortes saiam o mais correto
possível, para que as juntas entre as placas não fiquem desalinhadas e muito
evidentes. Como este piso é colado no contrapiso, é bom ter muita calma e alguma
habilidade ao fazer a aplicação.
Pisos laminados
Este é bem conhecido e muito bom para reformas por ter uma aplicação
razoavelmente rápida e fácil. O principal problema que pode ocorrer com esse
material é a limpeza mal feita antes da aplicação, deixando resíduos que causam
ruídos desagradáveis.
A escolha do produto que tenha garantia também é importante, pois alguns não
possuem uma durabilidade muito boa, podendo “descamar” ou desbotar.
Cerâmicas e Porcelanatos
Usados como pisos e revestimentos de ambientes diversos e principalmente
de áreas molhadas, Cerâmicas e Porcelanatos exigem alguma experiência para
colocação e têm, sem dúvidas, a mão de obra de instalação mais cara de todas as
opções já citadas aqui.
Porém, a durabilidade de alguns porcelanatos é de dezenas de anos, fazendo
o investimento valer a pena. Já uma desvantagem desse tipo de piso é que a
instalação dele pede alguns dias de isolamento dos locais onde for aplicado e tem
uma sujeira bastante grande na instalação, ficando bastante difícil a aplicação se os
moradores estiverem utilizando o imóvel durante a obra.
A diferença de preço de entre cerâmicas e porcelanatos é evidente em alguns casos,
sendo os porcelanatos mais caros na maior parte das vezes. Porém, às vantagens
53
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
estéticas e de durabilidade dos porcelanatos fazem com que estes, na maior parte
das vezes, sejam a melhor escolha.
Diferente de pisos vinílicos e laminados, estes podem ser aplicados nas áreas
internas e externas, mas é importante avaliar cada modelo, pois nem todos tem essa
possibilidade. Além disso, é importante avaliar o PEI - Porcelain Enamel Institute, que
é o número que define a resistência de pisos desse tipo e vai orientar se ele se aplica
ao ambiente onde se deseja instalá-lo.
Soleiras
Utilizadas para dar acabamento adequado quando se troca de piso de um ambiente
para o outro, em geral deve combinar suas características com o ambiente mais frio.
Por exemplo, na situação entre um banheiro e um quarto, a soleira vai se adequar ao
piso do banheiro, tentando, mesmo assim, gerar alguma harmonia com o ambiente
contíguo.
Adequar-se não significa que precisa ser da mesma cor, mas estar em harmonia,
podendo fazer isso de diversas formas. Algumas vezes feita de pedra, quando
o piso é de outro material, atente-se ao nível necessário para a instalação que
possivelmente será mais profundo que o piso do resto do ambiente.
11.16 Forro
Quando é feito o projeto e planejamento do forro, deve-se analisar todas às
interferências e condicionantes, como o espaço necessário para acomodar
equipamentos, tubulações sobre o forro e o pé direito restante, que deve ser
adequado e confortável ao ambiente.
Sob o forro é recomendado um pé direito mínimo na maior parte do ambiente de
2,40, sendo ideal acima de 2,70. Em ambientes de curtíssima permanência podese admitir um pé direito mais baixo, porém nunca inferior a 2,15, que permite que a
maioria das pessoas consiga entrar sem se abaixar.
Acima do forro deve-se considerar espaço suficiente para a passagem de conduítes,
tubulações hidráulicas e outras, bem como a instalação de caixas de som embutidas
54
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
e, principalmente, das luminárias que forem embutidas, pois muitas vezes o forro é
executado antes de se escolher estes equipamentos, podendo entrar em conflito.
Quando o forro precisa ser mais baixo, porém o pé direito fica menor que o desejado,
é possível criar uma moldura no ambiente onde somente às bordas ficariam mais
baixas para fim de instalar spots ou outros equipamentos e a parte central do
ambiente ficaria com um pé direito maior, com o forro mais elevado ou mesmo
diretamente na laje.
Existem alguns tipos de forro que podem ser utilizados em apartamentos, sendo
o mais comum o forro de gesso acartonado. Mas existe também o forro de gesso
em placas e o forro de PVC, sendo que esse último tem o pior acabamento, porém o
menor preço por metro.
O gesso acartonado é o melhor para desenvolvimento de projetos com muitas
interferências, como luminárias, ar condicionado, muitos recortes e desníveis.
55
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
12. E quando chega a hora da
Pintura...
E
ste é definitivamente o acabamento mais evidente em qualquer imóvel! A
pintura está por todas as partes e em todos os ambientes.
Lembre-se de escolher uma marca de tintas de boa qualidade, pois, se isso não
é feito, toda a economia feita na lata de tinta é perdida em prazo, mão de obra e
rendimento do material. Não adianta economizar em excesso nesse caso.
Outra dica importante é que a maior parte das marcas possui tintas de primeira e
segunda linha, o que basicamente diferencia a qualidade da cobertura da tinta. É
importante ficar atento a isso e questionar o vendedor sobre essa característica.
Atente-se em comprar tintas em lojas especializadas em pintura ou em home
centers que deem suporte a problemas futuros com os produtos, pois as tintas são
campeãs de insatisfação.
56
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
12.1 Preparação
Proteja sempre todas às superfícies que não forem ser cobertas posteriormente,
como pisos, móveis e outros itens que não serão substituidos e podem sujar durante
a pintura. É um trabalho bastante chato inicialmente, mas evitará muito transtorno
futuro, pois mesmo com muita experiência, é muito raro não haver respingos.
Massa corrida e gesso só devem ser aplicados em paredes que tenham mais de 28
dias de sua execução, pois o reboco pode “Chupar” o material deixando o resultado
péssimo. No caso de DryWall, essa espera não se aplica.
12.2 Acabamentos
Existem basicamente 3 tipos de acabamentos para tintas: fosco, acetinado e brilho,
sendo que algumas marcas ainda incluem a semi-brilho. Em paredes que foram
parcialmente reformadas, ou seja, receberam massa corrida ou gesso em parte
de sua superfície, não é recomendado o uso de tintas com qualquer tipo de brilho,
mesmo as acetinadas, pois elas vão evidenciar sob a luz todas as ondulações e
defeitos na superfície.
Se a intenção desde o início for utilizar esse tipo de acabamento, preocupe-se em
preparar muito bem a parede, emassando ela por inteiro.
No caso de texturas, não utilize em cozinhas ou ambientes onde se possa acumular
resíduos como gordura. Já se for utilizar em áreas externas, que possam receber
chuva, tintas laváveis são bastante recomendadas.
Falando em tintas especiais laváveis, lembre-se que esse tipo de tinta a prova d’água
deve ser utilizada nas paredes que não forem revestidas e forros de banheiros para
aguentar o vapor e os possíveis respingos de água que venham a ocorrer.
Também existem outras tantas características sobre tintas, como às anti-mofo, com
proteção UV, bactericida, sem cheiro, etc. O importante é ser criterioso ao escolher a
tinta analisando todos os prós e contras, baseado na sua necessidade.
57
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
Última demão
Aqui vai uma dica muito, mas muito boa:
Deixar a última demão de pintura, principalmente das paredes, para o final, depois
de todas as outras especialidades, é uma boa para desfazer qualquer marca ou
sujeira deixada pelo processo de instalação de luminárias, equipamentos e móveis
planejados.
12.3 Cores
Esta é uma das etapas mais complicadas de auxiliar um cliente, afinal, a escolha das
cores é uma coisa que tende muito a subjetividade.
Sendo assim, como arquiteto, cabe a mim indicar algumas diretrizes para que o
proprietário não fique completamente perdido, mas não posso escolher nada por ele
- e nem por você.
Primeiramente, bem prático. Não faça mistura de cores manualmente. Isso é uma
coisa extremamente ultrapassada e só funciona uma vez. Se você precisar retocar a
parede, pintar outra da mesma cor e tiver que conseguir o mesmo tom novamente,
não será possível.
Hoje os catálogos têm centenas, às vezes milhares, de cores disponíveis. Com o
código referência do catálogo, você poderá produzir quantas latas quiser do mesmo
tom. A única justificativa para fazer a mistura manualmente seria algum tipo de
economia que fosse possível, mas é necessário analisar muito bem.
Evite cores fortes em paredes para às quais você necessariamente ficará de frente
por longos períodos, como a parede da televisão, em frente ao sofá ou cama. Essas
cores muito intensas costumam ser cansativas aos olhos nessas situações e
cabem mais para fazer contraste.
Se você deseja pintar uma parede dessa forma numa sala, por exemplo, escolha a
parede atrás do sofá. Assim você compõe a decoração a sua maneira sem causar
um estresse visual intenso.
58
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
Pense na parede como a base da decoração, você provavelmente não pintaria uma
parede de amarelo, com um quadro de moldura amarela e uma foto amarelada
sobre um sofá amarelo com almofadas e tapete amarelo.
É possível que com um olhar muito artístico até fique interessante, mas é bem
mais provável que fique estranho. Tente criar contrastes harmônicos. Se for usar
elementos da mesma cor, faça uma variação de tom entre os objetos de forma
coerente.
Círculos Cromáticos
Uma dica muito boa é usar círculos cromáticos para entender um pouco mais sobre
essa relação.
Lembre-se que, apesar de ser um método muito interessante, não é obrigatório para
uma boa decoração, então use como inspiração, mas mantenha o seu gosto em
primeiro plano sempre.
• Combinações complementares
Cores complementares (conhecidas também como suplementares ou de contraste),
são tons que estão em lados opostos uns aos outros no círculo cromático.
Esse esquema de combinações funciona muito bem quando você quer que as cores
criem um efeito de vida, energia e principalmente quando você quer alcançar o
máximo de saturação.
59
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
• A Tríade: Combinação de 3 cores
Está é uma combinação de três cores que estão equidistantes umas das outras
dentro do círculo, produzindo um efeito de alto contraste, porém sem perder a
harmonia. Esse tipo de composição cria uma sensação “vibrante”, mesmo quando
se utiliza cores claras e sem saturação.
• Combinações Análogas
Utilizando esse esquema você pode combinar de 2 até 5 cores (porém o ideal é
utilizar apenas de 2 até 3), que são adjacentes umas às outras. Isso cria uma
impressão de calma e simpatia.
60
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
• Combinação em Fenda
Está é uma variação da combinação de cores complementares. Neste caso, você
escolhe uma cor primária e duas cores complementares, tons que se encontram de
forma oposta a cor primária, no formato da figura a seguir. O efeito criado por esse
esquema tem mais contraste, porém é um pouco menos intenso.
• Combinação de 4 cores
Neste caso, basta utilizar uma cor primária e duas cores complementares, além de
uma cor adicional que acentua as demais.
61
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
• O quadrado
Utilizando uma combinação de 4 cores equidistantes uma das outras, neste caso os
tons diferem, mas também são complementares. Isso cria um efeito de dinâmica,
vividez e “diversão”.
Combinação de Cores individuais
•
Branco: Combina com tudo, principalmente com azul, vermelho e preto;
•
Bege: Combina com azul, marrom, esmeralda, preto, vermelho e branco;
•
Cinza: Combina com fúcsia, vermelho, violeta, rosa e azul;
•
Rosa: Combina com marrom, branco, verde menta, oliva, cinza, turquesa, azul claro;
•
Fúcsia (rosa escuro): Combina com cinza, amarelo amarronzado, lima, verde
menta e marrom;
•
Vermelho: Combina com amarelo, branco, fulvo, verde, azul e preto;
•
Marrom: Combina com creme, rosa, verde, bege e ciano brilhante;
•
Laranja: Combina como ciano, azul, lilás, violeta, branco e preto;
•
Amarelo: Combina com azul, lilás, ciano claro, violeta, cinza e preto;
62
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
•
Verde: Combina com marrom dourado, laranja, verde salada, amarelo, marrom,
cinza, creme, preto e branco creme;
•
Ciano: Combina com vermelho, cinza, marrom, laranja, rosa, branco e amarelo;
•
Lilás: Combina com laranja, rosa, violeta escuro, amarelo e branco;
•
Preto é a cor universal: Combina com todas as outras cores, especialmente com
laranja, rosa, verde salada, branco, vermelho ou amarelo.
63
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
13. Por fim, a Iluminação
U
ma parte muito negligenciada até mesmo por arquitetos, a iluminação
residencial bem planejada e executada pode trazer grandes benefícios
ao ambiente, tanto em conforto quanto em valorização.
Não basta apenas que a iluminação seja suficiente para se utilizar o recinto, é
preciso que haja mais que quantidade, é preciso que haja qualidade de luz no
ambiente.
13.1 Tipos de Iluminação
Existem basicamente 3 tipos de iluminação: direta geral, direta de foco e indireta.
Cada tipo de iluminação tem uma função específica e luminárias e lâmpadas
adequadas para seu melhor uso.
Quando existe um desejo de iluminar de forma geral o ambiente, sem dar foco, com
64
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
aquela luz, a nenhum ponto em especial, deve-se utilizar a iluminação direta geral.
No caso de desejar-se destacar um objeto ou espaço em especial, é recomendado
utilizar luz direta de foco e, quando é necessária alguma luminosidade mas que o
ponto de luz fique subentendido dentre os elementos decorativos, utiliza-se uma luz
indireta.
13.2 Lâmpadas
Lembre-se que as lâmpadas nunca devem ser escolhidas apenas pelo preço, e sim
pelo custo benefício que, no mundo da iluminação, é a eficiência luminosa associada
a durabilidade, comparadas com o valor do produto. Por mais que isso complique
um pouco a comparação, ela faz sentido e ajudará a economizar dinheiro no futuro.
Em geral não há dúvidas que para iluminação residencial, o LED é a melhor opção.
IRC - ìndice de Reprodução de Cor
Salvo situações muito específicas de iluminação para obras de arte e uma ou outra
aplicação muito restrita, uma lâmpada LED com IRC maior que 70 te entregará um
resultado de iluminação adequado.
65
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
13.3 Temperatura de Cor
Agora, fique atento ao escolher a Temperatura de Cor, que é nada mais que a
coloração da lâmpada.
Salvo questão de gosto, pois cada um faz o que preferir na própria casa,
as lâmpadas mais amareladas, abaixo de 3500K, são recomendadas para
ambientes de relaxamento e descanso, enquanto as Lâmpadas neutras, 4500K,
brancas, acima de 6500K, são apropriadas para áreas de concentração e
atividade focada, como cozinhas, banheiros e bancadas de estudo e trabalho, por
exemplo.
Se você colocar lâmpadas amarelas em ambientes de trabalho, tende a ter um
relaxamento maior e, talvez, um rendimento menor, e se fizer o inverso, lâmpada
branca em ambientes de relaxamento, pode manter um estado de alerta
desnecessário, dificultando o descanso.
Se por acaso você tem 2 funções em um mesmo ambiente, não deixe de ousar
um pouco criando mais de uma possibilidade de iluminação. Por exemplo, em
um quarto onde alguém dorme, mas tem uma mesa de estudo, pode haver uma
luz geral mais amarelada, com uma iluminação focada branca sobre a mesa. Ou
até um abajur bem mais amarelado, e menos intenso, ao lado da cama para uma
leitura mais relaxante.
Essas múltiplas possibilidades de iluminação se aplicam a muitos ambientes,
se não a todos, então é bom imaginar bem tudo que você deseja fazer em cada
cômodo da casa.
Índice de Proteção
Esse índice, chamado comumente de IP, define quais proteções contra sólidos e
líquidos a luminária possui, deixando claro ao usuário se ela pode ficar em ambiente
agressivos onde pegará chuva, numa oficina com muita sujeira ou até mesmo
embaixo d’água em uma piscina.
Sempre é bom verificar com cuidado esse índice quando for aplicar a luminária em
ambientes externos ou internos, com muita sujeira ou água e vapor.
66
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
Proteção contra sólidos
1
2
3
4
5
6
Proteção contra líquidos
1
Proteção contra um objeto
sólido, maior que 50 mm, por
exemplo uma mão.
2
Proteção contra um objeto
sólido, maior que 12 mm, por
exemplo um dedo.
3
Proteção contra um objeto
sólido, maior que 2,5 mm, por
exemplo uma chave de fenda.
4
Proteção contra um objeto
sólido, maior que 1 mm, por
exemplo um prego.
5
Proteção contra poeira.
Possibilidade de entrada de
poeira.
X
6
Sem possibilidade de entrada de
poeira
Como interpretar a tabela:
IP
7
67
8
67
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Proteção contra quedas de gotas
d’água. (condesação).
Proteção contra quedas de gotas
até 15° na vertical.
Proteção contra água aspergida de
um ângulo de 60°.
Protegidos contra projeções de
água em qualquer direção.
Protegidos contra jatos d’água.
Protegidos contra fortes jatos
d’água.
Protegidos contra imersão
temporária (15 cm e 1 minuto).
Protegidos contra submersão
(prolongada sob pressão).
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
Luminárias Lineares
São Luminárias mais estreitas e compridas, em geral entre
60 e 120 centímetros de comprimento e se adequam bem
a cômodos como cozinhas, lavanderias, corredores, ou
aplicadas de maneira pontual sobre uma mesa de estudo,
por exemplo.
Existem muitas do tipo LED integrado e, dependendo do
modelo escolhido, pode compor bem com a decoração de algum ambiente. Existem
nos modelos embutidas, de sobrepor e até pendentes, que fica muito boa no caso
da mesa de estudos que citei anteriormente.
Como esse tipo de luminária é bem versátil, é importante ficar de olho também no
ângulo do foco luminoso para que você tenha a abrangência que deseja.
Focais
Bastante conhecidas como Spots, apesar de esse não ser
necessariamente o nome de todas as luminárias com essa
característica, as luminárias focais são muito úteis para criar áreas
de destaque no ambiente, como sobre obras de arte e móveis
específicos, ou servir de apoio para ambientes à meia luz.
Não se deve esperar que esse tipo de luminária seja responsável
pela iluminação geral do ambiente, sendo muito mais comum e
correto o uso delas para apoiar outras de uso mais geral.
Existe a possibilidade de utilizá-las isoladamente em um ambiente que tenha como
sua única função a contemplação do objeto destacado pelo foco de luz. Imagine
um corredor que tenha alguns quadros na parede iluminados por alguns spots. Não
haveria nenhum problema em ser o único tipo de luminária no ambiente.
Arandelas
Essas são as luminárias de parede e têm algumas funções muito
interessantes. Elas costumam servir para iluminação direta
geral e indireta decorativa - e normalmente são objetos bastante
68
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
bonitos, ou deveriam ser, visto que ficam a uma altura muito visível do usuário,
variando de 30 cm (quando atuam como uma espécie de balizador) a 2 metros.
São extremamente úteis para iluminar áreas que não possuem cobertura para aplicar
luminárias de teto, como jardins ou áreas de lazer externas. Também funcionam muito
bem para locais com o pé direito muito elevado, a exemplo de escadas e ambientes
com pé direito duplo, facilitando a manutenção e limpeza, bem como aumentando a
eficiência luminosa, pois aproxima a luz dos objetos a serem iluminados.
De maneira moderada e com bom senso, cabe em qualquer ambiente sem grandes
problemas.
Balizadores
Servem exatamente para balizar o caminho e dar uma iluminação
muito sutil para o ambiente, a fim de permitir a movimentação sem
que se acenda a iluminação principal.
Alguns ainda possuem desenhos decorativos bastante
interessantes. Corredores e escadas costumam ser os melhores
locais para aplicar esse tipo de iluminação.
Pendentes
Campeões das revistas de decoração, os modelos de pendentes
variam entre um simples suporte para lâmpada ou uma obra de
arte. É aqui que, na minha opinião, a iluminação ganha traços
mais decorativos, por isso é importante não se perder entre
cores e desenhos e pensar claramente sobre o efeito que cada
luminária terá sobre o ambiente.
Existem pendentes que causam todos os tipos principais
de iluminação, direta geral, de foco ou indireta, portanto, é
importante saber bem onde quer chegar.
69
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
13.4 Posicionamento
O posicionamento das luminárias em geral e, em
especial, dos pendentes, é algo essencial para que a
iluminação e a decoração do ambiente não fiquem
amadoras. Neste tópico, eu demonstro às principais
questões sobre a localização das luminárias.
Alturas
A altura das luminárias é algo importante, em especial quando se trata de
pendentes ou de ambientes com pé direito muito baixo ou muito alto. Apesar de
também ter a ver com um cálculo luminotécnico (que não vem ao caso discutir
neste livro) existem algumas dicas que é possível conhecer para não errar.
Para pés direitos baixos, muito comuns em apartamentos mais novos, tente
seguir a ideia de embutir sempre que possível, usar arandelas e balizadores, que
podem ser uma alternativa muito boa quando não se tem forro para embutir nem
pé direito para uma luminária sobreposta.
Deixe pendentes para utilizar sobre móveis como mesas e bancadas, ou em
lugares onde não há circulação, próximos a parede. Vou te explicar melhor nos
diagramas a seguir.
Altura de pendentes sobre mesas de jantar, mesas de centro ou
laterais:
70
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
Altura de pendentes sobre locais de passagem ou em outros
pontos onde não haja circulação:
Alturas adequadas para utilização de luminárias de sobrepor e
embutir:
A altura de arandelas em escadas e corredores é uma decisão muito pessoal, mas
existem algumas relações de proporções que podem ser úteis.
13.5 Distribuição
A distribuição de luminárias no ambiente é o tipo de detalhe que faz a diferença
na estética e no bom funcionamento do seu imóvel. Como qualquer outra parte
71
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
da reforma, se você conhece bem as consequências práticas e técnicas e sabe
compensá-las, é possível fazer a distribuição de muitas formas, mas eu indico
algumas que certamente darão um ótimo resultado na maioria dos casos.
Uma boa forma de fazer a distribuição, é dividir o ambiente em formas geométricas
regulares e espalhar às luminárias de forma simétrica. Em ambientes muito
irregulares, sobrarão alguns pontos isolados. Se for possível manter o mesmo
alinhamento, faça isso, se não, busque outro conceito para aquele espaço.
No caso de modificação de função, por exemplo, um quarto com 4 luminárias para
geral e que tenha um guarda-roupa e uma escrivaninha. Seria possível posicionar um
pendente linear sobre a escrivaninha e ainda, alguns pontos focais para o armário.
Além disso, nesse quarto é possível colocar uma luminária de mesa, abajures
laterais à cama, se houver também uma poltrona, uma luminária de coluna. Tudo
levando em conta a harmonia e o bom senso.
Centralizar as luminárias no ambiente visível e não no construído é sempre algo que
se esquece. Quando se tem armários embutidos, os pontos originais de luz ficam
mal distribuídos.
Se tiver chance, desenhe a planta de iluminação sobre a planta com todos os
móveis, isso vai facilitar uma visualização do posicionamento das luminárias em
relação aos demais elementos.
Além disso, sempre preocupe-se em ter alguma lógica na distribuição. O ângulo que
a luz faz em relação a parede, uma proporção que fique interessante, a altura de uma
pessoa... Dessa forma, é mais fácil de compreender se esse processo ficou bem
feito ou não.
CONCLUSÃO
Reformas são fontes intermináveis de assunto para esse e muitos outros eBooks.
Exatamente por isso, tentei resumir aqui os principais itens que vão acontecer
na maioria das obras para que você possa ter a base que precisa ao iniciar o
planejamento de sua reforma.
Espero que esse eBook tenha ajudado você a esclarecer todas as dúvidas sobre
72
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
Guia Prático para a Reforma de Apartamentos
a reforma do seu apartamento. Lembre-se que é apenas um começo e todo
conhecimento pode ser ampliado.
A experiência me mostrou que, além de uma exigência legal, a orientação de um
profissional habilitado e uma equipe experiente é muito recomendável e costuma
significar uma grande economia, tanto financeira quanto no desgaste das pessoas
envolvidas na obra. Portanto, se possível, tenha um Arquiteto e uma boa equipe você não vai se arrepender.
Se você é mais do tipo ‘Faça Você Mesmo’, lembre-se de ter paciência e estudar
cada situação e procedimento com calma, para não ter dor de cabeça futura. E
também, tenha todas as autorizações necessárias para a execução - elas são
fundamentais.
Se precisar tirar qualquer dúvida ou quiser falar sobre algo a respeito desse material,
entre em contato comigo pelo e-mail [email protected] ou pelo Whatsapp
(11) 9.8250-9559. Terei o maior prazer em lhe ajudar!
Boa Obra!
73
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido Miguel
por Eduzz.com
Lima
[email protected]
Whatsapp (11) 9.8250-9559
Licenciado para Igor Pestana - 12626980730 - Protegido por Eduzz.com
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

paulo

2 Cartões paulonetgbi

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

teste

2 Cartões juh16

Criar flashcards