(Aves, Conopophagidae), em fina escala geográfica

Propaganda
Estrutura genética do Chupa-dente-de-máscara, Conopophaga melanops melanops
(Aves, Conopophagidae), em fina escala geográfica na Mata Atlântica Brasileira
Lunardi, VO1; Francisco, MR1; Galetti Junior, PM1. 1Departamento de Genética e
Evolução, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, SP, Brasil.
[email protected]
Conopophaga melanops melanops é um pássaro endêmico da Mata Atlântica que tem
sido negativamente afetado pelo processo histórico de intenso desmatamento. Enquanto
que em áreas florestais contínuas a espécie é ainda prontamente encontrada, em muitos
fragmentos florestais está desaparecendo. Suas características morfológicas e
comportamentais sugerem ser esta uma espécie sedentária, o que resultaria numa grande
diferenciação genética entre populações. O objetivo deste estudo foi investigar a
estrutura genética de três populações de C. m. melanops dentro do maior remanescente
contínuo da Mata Atlântica em uma escala geográfica fina, utilizando-se marcadores de
RAPD. Com isto, buscou-se determinar a estrutura genética natural da espécie e sua
habilidade de dispersão. Este estudo foi desenvolvido nas seguintes unidades de
conservação: Parque Estadual da Serra do Mar (unidades Picinguaba,
23°20’S/44°50’W, e Caraguatatuba, 23°35’S/45°23’W) e na Estação Ecológica JuréiaItatins, 24°23’S/47°01’W. Cinqüenta e um espécimes de C. m. melanops foram
capturados entre 2003 a 2005. O número de espécimes amostrados em cada localidade
foi: Picinguaba (11 machos e 9 fêmeas), Caraguatatuba (7 machos e 4 fêmeas) e Juréia
(17 machos e 3 fêmeas). Foi utilizado neste estudo um conjunto de 6 primers (RAPD
Primer Set da Amersham Biosciences) e as reações foram realizadas utilizando o
Ready-to-go RAPD Analysis Beads kit (Amersham Biosciences). Os primers de RAPD
utilizados nas amplificações de PCR produziram um total de 87 bandas distintas com
potencial de serem analisadas. Destas, somente 63 foram polimórficas (72.41%),
gerando 51 padrões de RAPD individuais distintos. O tamanho das bandas variaram de
300 a 1.500 pb. O teste de repetibilidade revelou que as 63 bandas foram confiáveis, e
não houve contaminação por material nuclear de outras espécies, uma vez que todos os
controles negativos não amplificaram bandas. Também, o procedimento de bootstrap
revelou que as 63 bandas polimórficas foram suficientes para se obter uma boa precisão
das análises genéticas (CV < 11%). A análise de variância molecular (AMOVA) (φST =
0.13149; P<0.0001) e o teste de homogeneidade de variância molecular (HOMOVA)
(B=3,7149; P<0,0001) revelaram uma diferenciação genética significativa entre as três
populações de C. m. melanops num transecto contínuo de 250 km. Uma plausível
explicação para estes resultados seria a natureza sedentária da espécie, corroborando
com resultados previamente encontrados em aves que habitam o sub-bosque de áreas da
floresta amazônica. Apoio financeiro: CAPES, CNPq, FAPESP, IdeaWild.
Download
Random flashcards
Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

Criar flashcards