Aula prática de Meta..

Propaganda
Metalografia
Definição: A Metalografia é a ciência que estuda a constituição de fases dos metais e
suas ligas, podendo ser dividida em: macrografia (aumento <20x) e a micrografia
(aumento >50x)
Macrografia
Examina o aspecto de uma superfície, após lixamento e ataque químico. Possibilita,
por exemplo, identificar o processo de fabricação (fundição, conformação mecânica,
metalurgia do pó) e homogeneidade macroestrutural (química).
1-Escolha das amostras e da seção a ser estudada: A escolha das amostras e da seção
pode levar a conclusões distintas, daí a importância de entender o processo de
fabricação ou de estudar várias seções.
2- Realização de uma superfície plana e polida no local escolhido:
2-1 – Corte: O corte da amostra deve ser efetuado de tal maneira que não altere a
microestrutura do material em sua condição “como-recebido” (p.ex. Alterar com
superaquecimento). São variáveis importantes durante este processo. Pode-se usar
serra ou disco abrasivo.
2-2- Lixamento: Essa preparação exige que o uso de diversas lixas, com granulometria
sucessivamente menores (100#, 220#, 320#, 400#, 600# e 1000#) e uso de lubrificante
(em geral água). A técnica de lixamento manual consiste em se lixar a amostra
sucessivamente com lixas de granulometria cada vez menores, mudando-se de direção
(90°) em cada lixa subsequente.
2-3- Ataque metalográfico: Para destacar e identificar características macroestruturais
e microestruturais, descontinuidades, ou fases presentes nas amostras é utilizado o
ataque químico em metalografia. Cada metal ou liga possui alguns reagentes
adequados. O reagente é preparado (ácido sobre solvente) e despejado em uma
pequena cuba de vidro (vidro relógio) e a amostra é imersa na solução, em geral por
alguns segundos.
De acordo com a finalidade do exame, têm-se diversos reativos empregados para aços:
- reativo de iodo (Iodo sublimado 10g Iodeto de potássio 20g em água 100g);
- reativo de ácido sulfúrico (Ácido sulfúrico 20 cm3 em água 100 cm3 a quente);
- reativo de ácido clorídrico (Ácido clorídrico 50 cm3 em água 50 cm3);
- reativo Fry (Ácido clorídrico 120 cm3 cloreto cúprico 90 cm3 em água 100 cm3 );
- reativo Heyn (cloreto cupro-amoniacal 10g em água 120g).
3- Ocorrências (heterogeneidades) mais comuns:
Segregação: Distribuição irregular das impurezas:
Segregação em trilho rompido de aço carbono
Camada dura:
Comando
válvula, camada cementada
de
Engrenagem cementada
Têmpera Superficial:
Têmpera por indução em aço SAE 1045
Soldagem: Solda realizada com chanfro em X, em diversos passes (Cada vez
que se passa o instrumento de solda sobre a junta realiza-se um passe). Podese ver a zona afetada pelo calor, ao lado da zona fundida.
Método de fabricação: Pelas linhas de textura reveladas pelo reagente na macrografia,
pode-se identificar o método de fabricação de uma peça:
Textura em chapa de aço:
ataque iodo.
Figura superior, rosca feita por usinagem: linhas de textura são
interrompidas.
Figura inferior, rosca feita por prensagem: Linhas de textura acompanham
a forma externa da peça.
Peça fundida: Presença de dendritas:
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

paulo

2 Cartões paulonetgbi

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

Criar flashcards