Roteiro de Vascularização Membro Inferior Bernardo Salgado e

Propaganda
Roteiro de Vascularização Membro Inferior
Bernardo Salgado e Davi Porciuncula
Rede artérial
Artéria Ilíaca Externa
A. Epigástrica Superficial
Os grandes vasos do MI começam
anteriormente e adentram
profundamente pelo canal dos
adutores a fim de surgirem
posteriormente e lá darem seus
ramos. Exceto os vasos femorais
profundos que irrigam apenas a
musculatura da coxa.
Aa. Pudendas Externas
Artéria Femoral
A. Circunflexa Superficial do Íleo
A. Femoral Profunda
A. Circunflexa Femoral Medial
A. Circunflexa Femoral Lateral
(Continuação)
Ramo Superior
Ramo Inferior
Ramos Musculares (na coxa)
Artéria Poplítea
Aa. Geniculares (do joelho)
A. Tibial Anterior
A. Tibial Posterior
A. Dorsal do Pé
A. Arqueada
A. Fibular
Aa. tarsais, meta-tarsais e digitais.
A. Plantar Medial
A. Plantar Lateral
Arco plantar
A marcação será feita de maneira
bem didática, evidenciando as
estruturas mediais pelo
afastamento dos outros vasos
lateralmente e vice-versa.
Não confundam o N. Ciático com
algum vaso, ele começa posterior
(no glúteo) e também termina
posterior. A safena magna é o maior
vaso do corpo, é um ramo de
origem bem alta e medial da
femoral, e normalmente permanece
medialmente.
A drenagem venosa pode ser um
pouco confusa então coloquei um
resumo de como ela é:
No membro inferior, a drenagem
venosa se faz pelos sistemas
venosos superficiais e profundos.
Sistema superficial: As veias digitais
formam as veias metatársicas
dorsais, que desembocam no arco
venoso dorsal,
Rede venosa: (ordem inversa do fluxo)
V. ilíaca externa
V. Epigástrica Superficial
Vv. Pudendas Externas
V. femoral
V. Circunflexa Superficial do Íleo
V. Femoral Profunda
V. Circunflexa Femoral Medial
V. Safena magna + acessórias
V. Circunflexa Femoral Lateral
(Continuação)
Vv. do joelho
V. Tibial Anterior.
V. safena parva Vv.
Vv. Tibiais posteriores
Vv. Tibiais anteriores
Vv. Fibulares
Ramo Superior
Ramo Inferior
Ramos Musculares (na coxa)
Veia Poplítea
Arcos venosos
plantares e
dorsais
o qual se comunica com o arco
venoso plantar. Do lado medial do
arco venoso dorsal, ascende a veia
safena magna pela região ânteromedial da perna e da coxa e termina
na veia femoral. Do lado lateral do
arco venoso dorsal, ascende a veia
safena parva pela região posterior
da perna até desembocar na veia
poplítea, na região posterior do
joelho. As veias perfurantes (ou
conectantes) conectam as veias
superficiais às veias profundas.
Sistema profundo: As veias digitais
plantares juntam-se com a rede
venosa plantar para formar as veias
metatársicas plantares, as quais se
unem formando o arco venoso
plantar, do qual emergem veias
plantares laterais e mediais que se
unem para formar as veias tibiais
posteriores, que recebem as veias
fibulares e unem-se com as veias
tibiais anteriores para formar as
veias poplíteas, as quais continuam
como veias femorais, que se tornam
as veias ilíacas externas.
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

teste

2 Cartões juh16

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Matemática

2 Cartões Elma gomes

Criar flashcards