sociologia - Salesiano São José

Propaganda
LISTA 02 | SOCIOLOGIA | 3ª SÉRIE
PROF. REINALDO
1. Observe a charge a seguir:
www.google/imagens/social2013
A violência urbana tem sua origem na relação entre dominantes e dominados a qual vai determinar a organização das cidades.
Portanto, a violência é uma característica das sociedades divididas em classes sociais. A existência da sociedade de classe é o que
provoca a violência. As cidades, com suas composições baseadas numa configuração de desigualdade e na dominação de uns poucos
sobre a maioria, fazem surgir a violência urbana.
MARQUES, Edmilson. As bases da violência. Revista Sociologia, Ciência & Vida – Especial. Ano 01, n. 01, 2007. p. 24.
Com base na charge e nas informações acima que discute e apresenta a violência urbana com base na teoria sociológica de:
a) Karl Marx, segundo a qual a história é marcada pela luta de classes, na qual a classe dominante explora a classe dominada,
provocando conflitos e revoluções.
b) Max Weber, segundo a qual a sociedade moderna é perpassada por um processo de racionalização e burocratização que provoca um
“sentimento de amor com o mundo”.
c) Durkheim, segundo a qual os fatos sociais são “coisas”, exteriores e religiosas ao indivíduo.
d) Augusto Comte, segundo a qual a humanidade atravessou três estados: o teológico, o metafísico e o politico, sendo que este último é
o atual estágio vivido pela sociedade moderna.
e) Georg Simmel que apresentou um princípio de que todos os seres humanos são iguais, independentemente de sexo, cor da pele,
orientação sexual, local de nascimento, valores culturais, existe de direito e de fato nas sociedades democráticas.
2. A formação da sociologia teve como um de seus temas centrais a sociedade moderna. Para os primeiros sociólogos, era de primeira
importância compreender o processo social em curso, visível em transformações nas relações de trabalho, de amizade, e até mesmo na
vida religiosa das pessoas. Aponte a alternativa que indica alguns dos conceitos desenvolvidos pelo sociólogo francês Émile Durkheim, em
relação a sociedade capitalista:
a) Sociedade complexa e democrática.
b) Capital e trabalho.
c) Feudalismo e Idade Moderna.
d) Solidariedade mecânica e solidariedade orgânica.
e) Objetividade e secularização.
3. Leia o fragmento textual a seguir:
As ideias e representações sociais predominantes numa sociedade capitalista são produtos da dominação de uma classe social (a
burguesia) sobre a classe social dominada (o proletariado).
A existência da propriedade privada e as diferenças entre proprietários e não-proprietários aparecem, por exemplo, nas representações
sociais dos indivíduos como algo que sempre existiu e que faz parte da "ordem natural" das coisas. Essas representações sociais, criam
uma “falsa consciência": uma crença mistificante, que é socialmente determinada, e que se presta a estabilizar a ordem social vigente em
benefício das classes dominantes.
Citado por Renato Cancian* Especial para a Página 3 Pedagogia & Comunicação, http://educacao.uol.com.br/sociologia/ult4264u26.jhtm
1
EXERCÍCIOS 02 | SOCIOLOGIA
3ª SÉRIE | Prof. REINALDO
As representações sociais citadas no texto se referem ao seguinte conceito clássico da teoria marxista:
a) Teoria do Conflito
b) materialismo burguês
c) materialismo Estatal
d) alienação
e) práxis
4. Leia os textos a seguir:
Texto 1
“a voz do povo
é a voz de Deus...
que povo?
que Deus?
o que beijou Stalin?
o que delirou com Hitler?
ou o que soltou Barrabás?!
(será que Deus já não teria se enforcado
em suas próprias cordas vocais?)”
( Trilussa )
Texto 2
O povo. Quem é mesmo o povo? Canta em seus versos o Affonso Romano de Sant´Anna, "uma coisa é um país,/ outra, um ajuntamento;/
Uma coisa é um país,/ Outra, um regimento". O Brasil tem 170 milhões de habitantes e mais de 100 milhões de leitores. Pesquisam a
opinião de duas mil pessoas! É verdade que para saber se uma sopa está boa de sal, a cozinheira não toma a panela toda, mas será que
as pesquisas não estão exagerando para menos na amostragem da voz do povo? A voz do povo é a voz das urnas. Será ela a voz de
Deus? Só se no sentido do que dizia um célebre alemão: com efeito, a História vai para a frente, e só se repete como farsa.”
( autor desconhecido:1999/10 /06)
Com base nas teorias clássicas da formação e desenvolvimento Sociologia, em relação aos textos acima apontem qual é o real sentido da
expressão “povo” na forma citada nos textos?
a) as autoridades
b) os Estados
c) os conscientes
d) os alienados
e) os desinformados
5. Para Émile Durkheim, fatos sociais são maneiras de agir, pensar e sentir exteriores ao indivíduo, dotadas de um poder e compartilhadas
coletivamente. Variam de cultura para cultura e tem como base a moral social, estabelecendo um conjunto de regras e determinando o que
é certo ou errado, permitido ou proibido. Seguindo essa linha de raciocínio, o sociólogo francês afirma que os fatos sociais deveriam ser
encarados como “coisas”, isto é, objetos que, sendo exteriores ao cientista social, poderiam ser medidos, observados e comparados
independentemente do que os indivíduos pensassem ou declarassem a seu respeito. Para se apoderar dos fatos sociais, o cientista social
deve identificar suas aplicações e tipos:
Com base nas informações acima apontem qual das alternativa abaixo apresenta os tipos de fatos sociais descritos e catalogados pelo
Sociologo ao longo de sua pesquisa:
a)
b)
c)
d)
e)
Burguês, geral e coercitivo
Geral, exterior e clássico
Anomico, geral e coercitivo
Altruísta, anomico e geral
Geral, exterior e coercitivo
6. Leia atentamento a letra da musica:
PEQUENO CIDADÃO
(ARNALDO ANTUNES E ANTONIO PINTO)
Agora pode tomar banho
Agora pode sentar pra comer
Agora pode escovar os dentes
Agora pega o livro, pode ler
Agora pode fazer a lição
Agora pode arrumar o quarto
Agora pega o que jogou no chão
Agora pode amarrar o sapato
Agora tem que jogar bola dentro de casa
2
EXERCÍCIOS 02 | SOCIOLOGIA
3ª SÉRIE | Prof. REINALDO
Agora tem que bagunçar
Agora tem que sujar de lam
Agora tem que pular no sofá
É sinal de educação
Fazer sua obrigação
Para ter o seu direito de pequeno cidadão
A letra da música acima procura mostrar como o indivíduo passa por um processo de socialização onde as normas, os costumes, os
valores e as práticas sociais são impostos para que ele se torne um cidadão de acordo com os interesses da sociedade em que vive
mantendo a coletividade. Assim, podemos associar a letra da música com as ideias clássicas de,
a) Émile Durkheim
b) Max Weber
c) Karl Marx
d) Max weber
e) Pierre Bourdieu
7. (Vesti 2013/ IFSC) A defesa de que a Sociologia deveria ser uma disciplina diferente da Psicologia e da Biologia, pois apenas a
Sociologia poderia entender a vida social dos seres humanos, foi uma das grandes defesas de Émile Durkheim. Para este sociólogo,
situações que são consideradas marcadamente pessoais, são na realidade sociais. Um exemplo disso, é discutido por ele na obra:
a) O Imigrante
b) O Sexo
c) O Aborto
d) A Origem
e) O Suicídio
8. Observe a imagem a seguir:
http://chststeste.blogspot.com.br2014/03
Com base na imagem em relação indivíduo e sociedade definida pelos autores clássicos da Sociologia, podemos afirmar que
a) Karl Marx afirma que existem condicionamentos estruturais que levam o indivíduo, os grupos e as classes para determinados
caminhos, sendo impossível a reação e transformação de tais condicionamentos.
b) Émile Durkheim afirma que a sociedade nem sempre prevalece sobre o indivíduo. As leis e regras dependem dele e dão sentido de
integração entre os membros da sociedade.
c) Max Weber tem como preocupação central compreender o indivíduo e suas ações. A sociedade existe concretamente, mas não é algo
externo e acima das pessoas. Trata-se do conjunto das ações dos indivíduos relacionando-se reciprocamente.
d) Weber apoia Durkheim quando afirma que as normas, os costumes e as regras sociais não são algo externo ao indivíduo, mas estão
internalizados e, com base no que traz dentro de si, ele escolhe condutas e comportamentos, dependendo das situações que se lhe
apresentam.
e) Segundo Simmeal a espera e imitação das ações condicionadas pelas massas são exemplos típicos de ação social, pois são
motivadas pela consciência racional da importância de viver em sociedade.
3
EXERCÍCIOS 02 | SOCIOLOGIA
3ª SÉRIE | Prof. REINALDO
9. Leia o fragmento textual a seguir:
“A distribuição dos brasileiros por classes socioeconômicas mudou nos últimos cinco anos. Deixou de ter o formato de pirâmide, típico
de países pobres, com grande contingente de baixa renda, e passou a ser um losango, figura geométrica que se aproxima de uma
distribuição socioeconômica mais equilibrada entre os estratos sociais e frequente em países desenvolvidos”.
(Revista Veja – 23 de março de 2011).
Do ponto de vista sociológico, o fenômeno apontado no texto está associado ao conceito clássico de:
a) cooperação racial
b) mobilidade social
c) elitismo.
d) solidariedade mecânica
e) alienação
10. Ao desempenhar meus deveres de irmão, de esposo ou de cidadão, quando me desincumbo de encargos que contraí, pratico ações
que estão definidas fora de mim e de meus atos, no direito e nos costumes. Mesmo estando em acordo com sentimentos que me são
próprios, sentindo-lhes interiormente a realidade, esta não deixa de ser objetiva, pois não fui eu quem os criou, mas recebi-os por meio da
educação. Estamos, pois, diante de maneiras de agir, de pensar e de sentir que apresentam a propriedade marcante de existir fora das
consciências individuais.
(DURKHEIM, 1984; p. 142. Adaptações).
Este texto enumera diferentes papéis sociais que são assumidos no processo de:
a) socialização vivenciada nos diferentes grupos sociais e transmitidas geração por geração pela educação.
b) representações coletivas dotadas de individualidade e liberdade política.
c) consciência coletiva em contraposição ao inconsciente coletivo na obra de Durkheim.
d) desprovidos de poder imperativo e interpretativo dos fenômenos chamados culturais.
e) dotação de poder afetivo que acompanha as confrontações de estudos científicos
GABARITO:
1.A
2.D
3.A
4.D
5.E
6.A
7.E
8.C
9.B
10.A
4
EXERCÍCIOS 02 | SOCIOLOGIA
3ª SÉRIE | Prof. REINALDO
Download
Random flashcards
teste

2 Cartões juh16

Criar flashcards