13340910340

Propaganda
AULA 1 – SOCIOLOGIA.
Origens da Sociologia.
Sociologia: Conjunto de pessoas que formam uma coletividade, uma comunidade. Conjunto de
indivíduos que vivem num determinado momento e num determinado lugar, que seguem as
mesmas normas e têm valores semelhantes.
A Revolução Francesa e a Revolução Industrial: entre a consolidação do capitalismo e o
acirramento das lutas de classes, em meio à independência das colônias americanas e ao fim
da escravidão surgiu a Sociologia.
PRECURSORES: Montesquieu- Saint Simon- Auguste Comte – Alexis Tocqueville (precursores
do pensamento sociológico moderno)
PAIS DA SOCIOLOGIA: Karl Marx- Max Weber- Émile Durkheim.
MOMENTO HISTORICO: Meios de produção concentrados em uma classe
Novas classes sociais: burguesia e proletariado.
independentes.
Desaparecimento dos pequenos proprietários rurais e artesãos
Ideias iluministas.
O individuo no centro da discussão política.
Racionalização do mundo para a compreensão de seu funcionamento.
AUGUSTE COMTE: primeiro a pensar na necessidade de se estabelecer uma ciência
responsável pela compreensão da sociedade. Primeiro a utilizar o termo Sociologia.
DURKHEIM: Delimitou quais deveriam ser os objetos de estudo da sociologia na análise da
sociedade. Inicialmente a sociologia surgiu como um instrumento para a promoção “da ordem
e o progresso social”.
CHARLES DARWIM: ( darwinismo social) Tentativa de se aplicarem os mesmos princípios que
regem a evolução das espécies naturais à explicação da origem e evolução das sociedades. Em
linhas gerais, as sociedades mais desenvolvidas seriam as mais bem adaptadas e evoluídas.
( Justificação para a dominação europeia)
AS ABORDAGENS TEÓRICAS MAIS IMPORTANTES:
1-Positivista-funcionalista. Auguste Comte. Émile Durkheim.
Existência plena de uma vida coletiva deriva acima e fora das mentes dos indivíduos indicando
a preponderância de uma consciência coletiva.
2- Sociologia compreensiva. Max Weber.
Considera a ação individual como o ponto de partida para a compreensão da realidade social.
3- Materialista- histórico – dialética. Karl Marx.
O caráter coercitivo da sociedade não ocorre indistintamente sobre todos os indivíduos,
acontecendo quando uma classe se sobrepõe a outra.
OBSERVAÇÂO: As sociologias de Émile Durkheim e Karl Marx partem do pensamento de que só
é possível compreender as relações sociais se compreendemos a sociedade que obriga os
indivíduos a agir de acordo com forças estranhas às suas vontades. Já a sociologia de Max
Weber parte da ideia de que a sociedade é o resultado de uma inesgotável rede de interações
entre os indivíduos.
A CONSCIÊNCIADAS DIFERENÇAS CULTURALES.
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Matemática

2 Cartões Elma gomes

Criar flashcards