A LUDICIDADE NO ENSINO DE BIOLOGIA E GEOGRAFIA: UMA

Propaganda
II Simpósio Estadual de Ensino Pesquisa e Extensão da FBJ, II Encontro Institucional do
PROUPE/FBJ e III Encontro Institucional do Pibid/FBJ - ISBN: 978-85-5722-016-4
A LUDICIDADE NO ENSINO DE BIOLOGIA E GEOGRAFIA: UMA
PROPOSTA BASEADA EM ESTRATEGIAS DIDÁTICAS
1*
2*
3*
Alice Regina da Silva , Anna Paula Simão de Lima ,Juciara Carneiro Gouveia Tenório ,Luciano Gomes da
3*
Silva Junior .
1. Estudante de ID da Faculdade de Belo Jardim - FBJ; *[email protected] 2. Professora Especialista e
supervisora do PIBD. EPMG, Belo Jardim/PE. 3. Pesquisador do Depto. De Ciências Biológicas, FBJ, Belo Jardim/PE.
2. Pesquisador do Depto.de Ciências Biológicas, FBJ, Belo Jardim/PE.
Palavras chave: Lúdico, Interação, Aprendizado.
Introdução
Resultados e Discussão
É visto que o conhecimento se dá em base sólida
de acordo com a afetividade que se tem perante o
objetivo de estudo e o desconhecido. Diante disto,
o lúdico proporciona um aprendizado de forma
interessante e prazerosa. Levando em conta que o
desinteresse dos educandos seja por falta de
motivação acarretada pela forma de transmissão de
conteúdos. O lúdico proporciona uma nova
motivação para obtenção do conhecimento,
envolvendo o aluno de forma diferenciada,
mudando a rotina monótona da sala de aula,
fazendo com que o discente se interesse mais e
que as dificuldades encontradas em relação aos
assuntos das aulas sejam assimiladas com mais
facilidade. (SILVEIRA & CHUPIL, 2015) As
Orientações Curriculares para o Ensino Médio
BRASIL, 2006, p. 28 afirma que: O jogo oferece o
estímulo e o ambiente propícios que favorecem o
desenvolvimento espontâneo e criativo dos alunos
e permite ao educador ampliar seu conhecimento
de técnicas ativas de ensino, desenvolver
capacidades pessoais e profissionais para
estimular nos alunos a capacidade de comunicação
e expressão, mostrando-lhes uma nova maneira,
lúdica, prazerosa e participativa de relacionar-se
com o conteúdo escolar, levando a uma maior
apropriação dos conhecimentos.
Biologia e
Geografia são disciplinas importantes no cotidiano
do ser humano, com isso o professor que utiliza
metodologias inovadoras facilita o ensino
aprendizagem e o letramento científico. O objetivo
do presente relato de experiência foi analisar a
percepção dos educandos antes e após utilização
de jogos didáticos envolvendo os conteúdos de
Biologia e Geografia.
Observou-se que a ludicidade em sala de aula
acarretou uma melhor compreensão nos conteúdos
propostos. Através dos dados obtidos das
respostas dos questionários verificou-se que existe
uma grande eficácia na aplicação de jogos,
proporcionando ao aluno aprender de maneira
dinâmica e interativa.
Gráfico 1: Resultado do conhecimento dos
discentes antes da aplicação dos jogos.
Metodologia
Agradecemos a Capes, através do Programa
Institucional de Bolsa de Iniciação a Docência –
PIBID, pela concessão da bolsa, a professora
Supervisora, aos Coordenadores pela contribuição
na formação dos pibidianos.
Este relato de experiência foi realizado pelos alunos
bolsistas do Projeto Interdisciplinar do Pibid/FBJ, na
Escola Estadual Professora Maria Galvão, Belo
Jardim/PE com base em uma pesquisa de campo
envolvendo a concepção dos educandos. Foram
aplicados dois questionários contendo oito
perguntas, tendo a seguinte etapa antes e após
aplicação dos jogos. Foram aplicados vários jogos
em sala de aula: maquete da fauna da caatinga,
jogo da roleta dos biomas. Onde todos os discentes
participaram e interagiram em grupos.
51,00%
50,00%
Acertos
Erros
49,00%
48,00%
Gráfico 2: Resultado do conhecimento dos
discentes após aplicação dos jogos.
100,00%
80,00%
60,00%
Acertos
40,00%
Erros
20,00%
0,00%
Conclusões
Percebe-se que a ludicidade em sala de aula
desempenha
uma
pratica
inovadora
nos
educandos. Oportuniza momentos de interação
divertimento,
raciocínio,
reflexão
e
consequentemente a construção do conhecimento.
Agradecimentos
Referências
BRASIL, Secretaria de Educação Básica. Ministério da
Educação Orientações Curriculares para o Ensino Médio:
Ciências
da
natureza,
matemática
e
suas
tecnologias. Brasília: v.2, 135 p MEC/SEB, 2006.
SILVEIRA, C. A.; CHUPIL, H. A inserção do lúdico como
ferramenta no processo de ensino aprendizagem em Ciências e
Biologia. Caderno Intersaberes, v. 4, n. 5, p. 165-177, 2015.
- 123 -
Download
Random flashcards
paulo

2 Cartões paulonetgbi

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

teste

2 Cartões juh16

Criar flashcards