Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do

Propaganda
Ministério da Educação
Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Campus Pato Branco
Gerência de Ensino e Pesquisa
Departamento de Ciências e Engenharia
PLANO DE ENSINO
DISCIPLINA:
PERÍODO LETIVO: I/2008
CÓDIGO: FG-33M
Física Geral II
C.H.TOTAL:
90h
C.H.TEÓRICA: 60h
C.H.PRÁTICA: 30h
PROFESSOR RESPONSÁVEL: Clementina V. Andreolla
TITULAÇÃO: Doutorado
FORMAÇÃO:Matemática e Física
CURSO: LICENCIATURA EM MATEMÁTICA
PERÍODO: 1
MATRIZ: 1
PRÉ-REQUISITOS: Física Geral I
OBJETIVO DA DISCIPLINA/COMPETÊNCIAS DA DISCIPLINA
A Física como disciplina, apresenta-se bem fundamentada, com características, finalidades e objetivos definidos coerentes com uma teoria
construída com base na observação (experimentação) e, descrição dos fenômenos que observamos, realizada através da elaboração de um
conjunto de leis, que nos referimos como Leis Físicas. Este conjunto de leis pode ser representado adequadamente através da linguagem
matemática, utilizando ferramentas poderosas como o cálculo diferencial e o Cálculo Integral, a geometria, a teoria de grupos, etc...
Visa elucidar um melhor entendimento dos fenômenos da natureza, da relação ciência-tecnologia, através da compreensão das teorias embutidas
nos produtos de tecnologia e, ao mesmo tempo, introduzir o aluno no processo de elaboração dessa ciência.
A correlação entre a teoria e a prática, ou seja, a correlação entre os conceitos e suas aplicações, intercala a exposição de teoria e a resolução de
exercícios. Busca enriquecer o conhecimento da mecânica clássica que os estudantes trazem do curso médio e motivá-los a um aprendizado
crítico, componente básico para um aprendizado de qualidade.
Nas aulas práticas, possibilitar aos alunos uma convivência mais próxima com seu professor, aproveitando esse tempo para tirar dúvidas
diretamente com o professor e discutindo com os seus colegas. Esse será um tempo dedicado à solução de exercícios, à demonstração de
experimentos, que serão inseridos ao longo do curso de acordo com o conteúdo.
Proporcionar ao aluno uma melhor compreensão dos fenômenos físicos, e além do que também promover uma melhor aproximação entre os
aspectos formais da Matemática e sua conexão com a descrição dos fenômenos que são então observados na natureza.
EMENTA/BASES TECNOLÓGICAS
1.Oscilações. Ondas mecânicas. 2. Luz. Óptica geométrica - reflexão e refração. Óptica Física - reflexão, refração, interferência, difração,
polarização. 3. Eletrostática. 4. Eletrodinâmica. 5. Eletromagnetismo. Indutores. Ondas Eletromagnéticas. Corrente Alternada. 6. Parte
Experimental - Movimento oscilatório. Acústica. Espelhos e lentes. Fenômenos luminosos e ondulatórios. Espectros ópticos. Campo elétrico.
Resistividade. Circuitos. Campo magnético. Forças magnéticas. Indução eletromagnética.
ITEM DA EMENTA/BASE TECNOLÓGICA
CONTEÚDO PROGRAMÁTICO/HABILIDADES
1. Oscilações. Ondas mecânicas
Movimento harmônico simples. Oscilador harmônico simples, pêndulo simples,
movimento harmônico simples e movimento circular uniforme. Oscilações forçadas e
ressonância, ondas e partículas, ondas numa corda esticada, comprimento de onda e
freqüência, velocidade escalar e propagação de uma onda, velocidade escalar e
propagação de uma onda numa corda esticada, velocidade da luz, o princípio da
superposição, interferência de ondas estacionárias, ondas estacionárias e ressonância,
ondas sonoras, velocidade do som, propagação de ondas sonoras, intensidade e nível do
som, fontes sonoras musicais, batimentos e efeito Doppler.
2. Luz. Óptica geométrica - reflexão e refração;
Óptica Física - reflexão, refração, interferência,
difração, polarização.
Luz, Óptica Geométrica (reflexão e refração), óptica física (reflexão, refração,
interferência, difração, polarização), óptica geométrica (reflexão e refração, reflexão
interna total, polarização pela reflexão, espelhos planos, espelhos esféricos, superfícies
refratoras esféricas, lentes delgadas), instrumentos ópticos, difração, teoria ondulatória
da luz, fendas múltiplas. Polarização.
3. Eletrostática.
Carga elétrica, condutores e isolantes, Lei de Coulomb, o campo elétrico, carga
puntiforme num campo elétrico. Lei de Gauss, Fluxo do Campo Elétrico, Lei de Gauss,
Lei de Coulomb, potencial elétrico, superfícies eqüipotenciais, capacitância.
Corrente elétrica, corrente e resistência, campo magnético, lei de Ampére, lei da
indução de Faraday.
O magnetismo e a matéria, oscilações eletromagnéticas, as equações de Maxwell.
4. Eletrodinâmica.
5. Eletromagnetismo. Indutores. Ondas
Eletromagnéticas. Corrente Alternada.
6. Parte Experimental
Oscilações : Movimento oscilatório. Acústica; Ótica: Espelhos e lentes. Fenômenos
luminosos e ondulatórios. Espectros ópticos; Eletrostática: Campo elétrico; Eletrodinâmica:
Campo magnético. Forças magnéticas; Eletromagnatismo Aplicado:
Circuitos. Indução eletromagnética.
PARECER DA COORDENAÇÃO
_______________________________________
Visto do Professor Responsável
_______________________________________
Visto e Carimbo do Coordenador do Curso
MÉTODOS DE ENSINO
Aula expositiva, com discussão de exemplos, após ou seguindo leitura orientada do livro texto.
Trabalhos em grupo: resolução de listas de exercícios, discussão de questões, discussão e sistematização de conteúdos apresentados. Aulas
experimentais, na forma de oficinas, elaboradas e apresentadas pelos alunos com acompanhamento do professor.
RECURSOS DIDÁTICOS
Livro texto, periódicos, softwares, listas de exercícios, Laboratório de Física, Laboratório de informática
CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
Avaliação:
A avaliação será realizada por intermédio de prova escrita, sendo o número mínimo de provas realizadas igual a 3. A média da provas irá compor
70% do total da nota, 20% será efetivada pela parte experimental e os outros 10% da nota serão devidos a trabalhos extra classe, que serão
realizados pelos alunos na forma de listas de exercícios e pesquisas externas inerentes aos conteúdos que estão sendo discutidos.
Recuperação:
Como atividade de recuperação o aluno realizará relatórios das atividades experimentais
Caso a aluno não venha a conseguir a média necessária para a sua aprovação (7,0), este deverá realizar o exame final (EF)
Média bimestral:
Considera-se aprovado por média, o aluno que: tiver 75% de freqüência mínima e média parcial (MP):
MP =
Onde B1 =
B1  B2
= 7.00,
2
A1  A 2
,
2
B2 =
A3  A 4
,
2
O aluno com média parcial (MP) inferior a 4,0 (quatro) e/ou com freqüência inferior a 75%, será considerado reprovado na disciplina.
O aluno com média parcial (MP) superior a 4,0 (quatro) e/ou com freqüência igual ou superior a 75%, que não tenha sido aprovado por média,
terá direito a prestar exame final.
Considera-se aprovado com exame final (EF), o aluno que tiver freqüência igual ou superior a 75% e obtiver média final (MF) igual ou
superior a 5.0 (cinco).
Calcula-se a média final:
MF =
MP  EF
2
É assegurado ao aluno o direito à revisão de prova, desde que seja requerido ao Chefe do Departamento de Ensino competente com a devida
justificativa até, no máximo, 05 (cinco) dias úteis após a publicação do resultado.
BIBLIOGRAFIA BÁSICA
HALLIDAY, RESNICK, WALKER. Fundamentos de Física. Vol 2 e 3. 7.ed. LTC Editora S.A. 1996.
BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR
ALVARENGA, B., MÁXIMO, A. Curso de Física. Vols 1 e 2. 4.ed. Editora Scipione, 1997.
H. MOYSÉS NUSSENZVEIG, Curso de Física Básica. Vols 3 e 4. 2.ed. Edgard Blücher Ltda .
RICHARD P. FEYNMAN, Física em 12 lições, fáceis e não tão fáceis. Editora ediouro.
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

paulo

2 Cartões paulonetgbi

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

paulo

2 Cartões oauth2_google_ddd7feab-6dd5-47da-9583-cdda567b48b3

Criar flashcards