o cuidado educativo do enfermeiro à familia no enfrentamento da

Propaganda
1
LUCIANO CAMPOS [[email protected]]
O CUIDADO EDUCATIVO DO ENFERMEIRO
À FAMILIA NO ENFRENTAMENTO DA SINDROME DE DOWN
LUCIANO ROBERTO DE CAMPOS1
PATRICIA JULIMEIRE CUNHA FAGUNDES DE LIMA2
RESUMO. Na antiguidade a grande preocupação dos profissionais de saúde eram
em ralação as doenças ditas infecciosas, pois em épocas remotas o acesso aos
meios de prevenção, tratamento e informação eram raros ou inexistentes. Hoje, as
doenças genéticas se constituem numa das mais importantes frentes de atuação
para os profissionais de saúde, em especial aos Enfermeiros. Em face desta
realidade este estudo objetivou: Apreender sentimentos e percepções vivenciados
pela família relacionados ao enfrentamento da Síndrome de Down (SD) durante o
internamento da criança e estabelecer ações de cuidado educativo para a família
conforme necessidades apreendidas. Método: Realizou-se um estudo qualitativo
por meio do método Pesquisa-Cuidado proposto por NEVES e ZAGONEL (2006).
Foram entrevistados 10 sujeitos que no momento do estudo acompanhavam seus
filhos internados na enfermaria cardiológica de um Hospital Pediátrico de grande
porte em Curitiba/PR. Os dados foram coletados por meio de entrevista semiestruturada, gravada. Para análise dos dados foi utilizada a analise de conteúdo
proposta por TURATO (2003) das quais resultaram três categorias: 1)efetividade
do conhecimento proporcionado pelo Enfermeiro, 2) o despreparo profissional
para lidar com as dúvidas e orientações necessárias no momento do nascimento
da criança com Síndrome de Down, 3) a Síndrome de Down como preocupação
secundaria durante a internação pela cardiopatia congênita e sete subcategorias:
1) A categorização profissional dificultando a identidade profissional, A família
cuidada reconhecendo o conhecimento cientifico do enfermeiro, 3) Fiquei sabendo
por comentários de outras pessoas no hospital, 4) Demoraram para trazer meu
filho,5) utilização de termos científicos como forma de amenizar o impacto da
doença genética,6) Dúvidas relacionadas somente à doença cardíaca,7)
Estabelecendo primeiro a possibilidade de tratamento da cardiopatia.Os
resultados deste estudo apontam um impacto significativo e positivo para a ação
do Profissional Enfermeiro em relação ao cuidado educativo à família no
enfrentamento da SD, visto que foram apreendidas duvidas consideradas
primarias em relação à doença que são simples de serem sanadas, fatos que
possibilitam por parte destes profissionais desenvolvimento de cuidados
educativos que problematizem e contextualizem as ações necessárias para
demarcar uma nova postura na forma de trabalhar constituindo assim um cuidado
mais efetivo.
2
__________________________________
1
2
Acadêmico do 8º Período do Curso de Enfermagem da Faculdades Pequeno Principe
Enfermeira. Docente. Curso de Enfermagem da Faculdades Pequeno Principe. Orientadora.
Palavras-chave:
Enfermagem; Síndrome de Down; Educação em saúde;
Pesquisa-cuidado em Enfermagem.
BRUNS,G.D;BOTINO,P.J; Genética .Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1991
CARROL, S.B; LEWONTIN,R.C; WESSLER,S.R; GRIFFTINHS.A.J.F,Introdução
à Genética.Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2009.
FERNANDES, M.G.M.; FONTES, W.D., Metodologia da Assistência de
Enfermagem. João Pessoa, 45p, 2000.
NETTINA,S.M; Prática de Enfermagem.Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2006.
OSORIO,M.R.B.; ROBINSON,W.M., Genética Humana. Porto Alegre:Artmed,
1995.
Download
Random flashcards
paulo

2 Cartões paulonetgbi

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

paulo

2 Cartões oauth2_google_ddd7feab-6dd5-47da-9583-cdda567b48b3

Criar flashcards