Antihelmínticos e antiprotozoários (0´ - 19´)
Só relembrando que os nematódeos são constituídos pelo Ascaris lumbricóides,
Ancylostoma duodenalis, Necatur americanus, Emterobius vermiculares, Trichuris
trichiuria (oxiúros), Strongyloides stercoralis, os cestódeos são compostos pelo
Hymelopis nana, Taenia saginata e Taenia solium; e os trematódeos, representados pelo
Schistosoma
mansoni
(principal,
desencadeia
a
esquistossomose),
Schistosomahaematobium, Schistosomajaponicum.
Os helmintos são vermes multicelulares com sistema digestivo, sistema excretor,
nervoso e reprodutor. Podem interferir e infestar o fígado, o sangue, o intestino e outros
tecidos do hospedeiro. A presença de um sistema nervoso rudimentar é extremamente
importante e tornou-se possível tratá-los com antihelmínticos que interferem no sistema
nervoso.
A infecção com Ascaris lumbricoides se dá pela ingestão de ovos embrionados,
fazem o ciclo pulmonar. Eles são ingeridos, chegam ao intestino, vão para o pulmão
pela veia porta. Pode acontecer do indivíduo tossir ou espirrar e ele ser expelido ou pode
ser engolido, caindo no intestino e transformando-se em adultos. Posteriormente, ocorre
a fecundação e a eliminação de ovos nas fezes, contaminando o ambiente.
O Enterobius vermicularis, Trichuris trichiura, Taenia solium e saginata põe
ovos também, mas não fazem ciclo pulmonar. Ancilostoma duodenalis e Strongyloides
stercoralis fazem ciclo pulmonar como o Ascaris lumbricóides.
Ciclo dos vermes que possuem ciclo pulmonar: ingestão de ovos  intestino 
veia porta  pulmão  expelido por tosse ou deglutido  intestino.
Característica clínicas:
 Ascaris lumbricóides: dor abdominal, disfunção intestinal, obstrução intestinal.
Se não eliminar espontaneamente, deixa em jejum por 24h e dá óleo mineral.
Em algumas situações é necessário operar. É um problema de todo o mundo.
 Necatur americanus e Ancylostoma doudenalis: anemia, má nutrição, fraqueza,
desconforto epigástrico.
 Trichuris trichiura: diarréia, evacuação mucóide, dor abdominal, pode chegar a
prolapso retal. É aquela situação em que a criança tem prurido retal.
 Enterobius vermicularis: causa anorexia, prurido.
 Strongyloides stercoralis: distúrbios gastrintestinais.
 Taenia solium e saginata: dor abdominal, náusea, vômito, anemia, cisticercose
(Taenia solium).
Antihelmínticos:
Provocam paralisia do verme, atuam como bloqueadores neuromusculares;
provocam lesão da cutícula do verme; ou podem interferir no metabolismo do verme.
Fármacos utilizados para o tratamento dos nematódeos: MEBENDAZOL,
TIABENDAZOL E ALBENDAZOL (imidazóis)  os mais utilizados atualmente.
 Os três atuam interferindo na captação de glicose causando depleção de suas
reservas de glicogênio. Ocorre perda gradual dos microtúbulos do verme. Ligase a -tubulina dos vermes e inibe sua polimerização. A eclosão dos ovos e suas
larvas também são inibidas.
 O mebendazol é pouco absorvido, já o albendazol é moderadamente e o
tiabendazol é rapidamente absorvido.
 Todos são administrados via oral.
 Toxicidade: anorexia, náuseas, vômitos, dor abdominal, diarréia, alucinações,
convulsões (raro), embriotoxicidade, teratogenicidade (evidenciados em
animais).
 Pode ocorrer expulsão de ascaris lumbricóides pela boca ou nariz,
provavelmente em consequência da inanição do parasita e sua morte lenta.
PALMOATO DE PIRANTEL
 Associação com mebendazol – útil no tratamento infestações causadas por
ascaris lumbricoides , trichuris trichiura e ancilóstomos.
O trichuris trichiura é muito complicado de tratar, pois caem ovos nos lençóis, nas
roupas íntimas e isso vai passando para toda a família. Muitas vezes o mebendazol não
funciona, sendo utilizado o Pyr Pam. Em contrapartida o Ascaris lumbricóides é fácil
tratar, o albendazol, mebendazol é feito e tem resultado, sendo repetido após um mês do
tratamento.
 Mecanismo de ação: bloqueio neuromuscular despolarizante, causando ativação
persistente dos receptores nicotínicos do parasita, paralisando o verme.
 Administração via oral

Efeitos indesejados: náuseas, vômitos e diarréia.
IVERMECTINA
 fármaco de escolha para tratamento da oncocercose (cegueira dos rios) –
Onchocerca volvulus
 Mecanismo de ação: atua em receptores do GABA, ocorrendo hiperpolarização e
paralização do verme. Como já foi dito, o sistema nervoso desses vermes
facilitou o tratamento.
 Além do seu uso no tratamento de pacientes com oncocercíase, a ivermectina é
prescrita no tratamento de indivíduos com estrongiloidíase e larvas migrans
cutânea (infecções causadas por nematódeos) e indivíduos com escabiose
(ectoparasitas).
PIPERZINA
 Atua como agonista de GABA, hiperporalizando a placa mioneural.
Então,produzem paralisia muscular do verme, ocorrendo expulsão através do
peristaltismo após um a três dias.
 Efeitos adversos: náusea, vômito, câimbra abdominal, diarréia, dor de cabeça,
vertigem, ocasionalmente tremor e letargia.
 Piperazina é eficaz mas é usada com menos frequência devido à neurotoxicidade
e as reações de hipersensibilidade que ocorrem ocasionalmente.
ASCARIDIL
 Utilizado também para Ascaris lumbricóides.
 Diminui o suprimento de energia, causam contração e paralisia.
 Inibe a fumarato redutase ou succinato desidrogenase.
 A maior parte não são absorvidos  atuam diretamente no verme
PAMOATO DE PIRVÍNIO, PYR-PAM, VERMIZOL
 Mais utilizado hoje, é o que mais funciona.
 Tratamento do Trichuris trichiura
 Atuam no metabolismo da glicose.
 Potente inibidor estereoespecífico da fumarato desidrogenase;
 Produzem contração, seguida de paralisia tônica e eliminação dor vermes.
Como vocês vêem, ou o verme vai ser paralisado por bloqueio neuromuscular ou ele
vai ser destruído.
PRAZIQUANTEL
 Fármaco de escolha para tratamento de todas as formas de esquistossomose e
infecções por trematódeos e cestódeos, mas não contra nematódeos.
 Mecanismo de ação:  da permeabilidade de membrana ao cálcio, com
contratura e paralisia do parasita.
 Causa desprendimento das tênias da mucosa intestinal e é efetivo contra as suas
larvas (utilizado no tratamento da Taenia solium e saginata).
 Contra-indicado na gravidez.
NICLOSAMIDA
 Droga de escolha para o tratamento da teníase.
 Não tem efeito sobre os ovos e as larvas.
 Utilizada em associação com purgativo (2h + mais tarde para evitar que os
seguimentos lesados das tênias liberem ovos).
Oclusão intestinal por ascaris:
Quantidade enorme de ascaris no intestino. A complicação mais comum da
ascaridíase intestinal é a obstrução. A taxa de mortalidade em crianças com
obstrução pode alcançar até 24%; esta elevada taxa é atribuível à demora na
apresentação. Pode ser feito cirurgia ou tenta-se o jejum e óleo mineral.
Esquistossomose:
A prevalência no mundo é de mais de 200 milhoes de pessoas e no Brasil, mais
de 6 milhões. O principal agente tiológico é o Schistosomo mansoni. O hospedeiro
definitivo é o homem e o intermediário são os moluscos, caramujo de água doce. O
ciclo evolutivo possui 2 fases uma no interior do caramujo e outra no organismo do
homem.
Download

Antihelmínticos e antiprotozoários (0´