Enviado por marco.almeida5

MU SCULOS ORIGEM INSERC A O AC A O e INE

Propaganda
MÚSCULOS DO OMBRO
1. DELTOIDE
Inserção Proximal: 1/3 lateral da borda anterior da clavícula, acrômio e espinha da escápula
Inserção Distal: Tuberosidade deltoidea – úmero
Inervação: Nervo Axilar (C5 e C6)
Ação: Abdução do Braço, auxilia nos movimentos de Flexão, Extensão, Rotação Lateral e
Medial, Flexão e Extensão Horizontal do Braço. Estabilização da Articulação do Ombro
2. SUPRAESPINHAL
Inserção Medial: Fossa supra-espinhal – escápula
Inserção Lateral: Faceta superior do tubérculo maior do úmero
Inervação: Nervo Supra-escapular (C5 e C6)
Ação: Abdução do Braço
3. INFRAESPINHAL
Inserção Medial: Fossa infra-espinhal da escápula
Inserção Lateral: Faceta média do tubérculo maior do úmero
Inervação: Nervo Supra-escapular (C5 e C6)
Ação: Rotação Lateral do Braço
4. REDONDO MENOR
Inserção Medial: 2/3 superior da borda lateral da escápula
Inserção Lateral: Faceta inferior do tubérculo maior do úmero
Inervação: Nervo Axilar (C5 e C6)
Ação: Rotação Lateral e Adução do Braço
5. REDONDO MAIOR
Inserção Medial: 1/3 inferior da borda lateral da escápula e ângulo inferior da escápula
Inserção Lateral: Crista do tubérculo menor do úmero
Inervação: Nervo Subscapular Inferior – Fascículo posterior do plexo braquial (C5 e C6)
Ação: Rotação Medial, Adução e Extensão da Articulação do Ombro
6. SUBESCAPULAR
Inserção Medial: Fossa subescapular
Inserção Lateral: Tubérculo menor
Inervação: Nervo Subescapular Superior e Inferior – Fascículo posterior (C5 e C6)
Ação: Rotação Medial e Adução do Braço
MANGUITO ROTADOR:
A função principal deste grupo é manter a cabeça do úmero contra a cavidade glenoide, reforçar a
cápsula articular e resistir ativamente e deslocamentos indesejáveis da cabeça do úmero em direção
anterior, posterior e superior. Fazem parte do manguito rotador os seguintes músculos:

SUPRAESPINHAL

INFRAESPINHAL

REDONDO MENOR

SUBESCAPULAR
MÚSCULOS DO BRAÇO
Região Anterior:
1. BÍCEPS BRAQUIAL
Inserção Proximal:
Porção Longa: Tubérculo supra-glenoidal
Porção Curta: Processo Coracoide
Inserção Distal: Tuberosidade radial
Inervação: Nervo Musculocutâneo (C5 e C6)
Ação: Flexão de Cotovelo / Ombro e Supinação do Antebraço
2. BRAQUIAL ANTERIOR
Inserção Proximal: Face anterior da metade distal do úmero
Inserção Distal: Processo coronoide e tuberosidade da ulna
Inervação: Nervo Musculocutâneo (C5 e C6)
Ação: Flexão de Cotovelo
3. CORACOBRAQUIAL
Inserção Proximal: Processo coracoide – escápula
Inserção Distal: 1/3 médio da face medial do corpo do úmero
Inervação: Nervo Musculocutâneo (C5 e C6)
Ação: Flexão e Adução do Braço
Região Posterior
1.TRÍCEPS BRAQUIAL
Inserção Proximal:
Porção Longa: Tubérculo infra-glenoidal
Porção Medial: ½ distal da face posterior do úmero (abaixo do sulco radial)
Porção Lateral: ½ proximal da face posterior do úmero (acima do sulco radial)
Inserção Distal: Olécrano
Inervação: Nervo Radial (C7 – C8)
Ação: Extensão do Cotovelo
MÚSCULOS DO ANTEBRAÇO
Os músculos do Antebraço são divididos em 3 regiões:
Região Anterior
1ª Camada
Pronador Redondo
Flexor Radial do Carpo
Palmar Longo
Flexor Ulnar do Carpo
2ª Camada
Flexor Superficial dos Dedos
Região Posterior
Camada Superficial
Extensor dos Dedos
Extensor do 5º Dedo
Extensor Ulnar do Carpo
Região Lateral
Braquiorradial
Extensor Radial Longo do Carpo
Extensor Radial Curto do Carpo
Supinado
Ancôneo
Camada Profunda
3ª Camada
Abdutor Longo do Polegar
Flexor Profundo dos Dedos
Extensor Curto do Polegar
Flexor Longo do Polegar
Extensor Longo do Polegar
Extensor do 2º Dedo (Index)
4ª Camada
Pronador Quadrado
1. PRONADOR REDONDO
Inserção Proximal: Epicôndilo medial do úmero e processo coronoide da ulna
Inserção Distal: Face lateral do 1/3 médio da diáfise do rádio
Inervação: Nervo Mediano (C6 – C7)
Ação: Pronação do Antebraço e auxiliar na Flexão do Cotovelo
2. FLEXOR RADIAL DO CARPO
Inserção Proximal: Epicôndilo medial (epitróclea)
Inserção Distal: Face anterior do 2º metacarpal
Inervação: Nervo Mediano (C6 e C7)
Ação: Flexão do Punho e Abdução da Mão (desvio radial)
3. PALMAR LONGO
Inserção Proximal: Epicôndilo medial
Inserção Distal: Aponeurose palmar e retináculo dos flexores
Inervação: Nervo Mediano (C6 – C8)
Ação: Flexão do Punho, tensão da aponeurose palmar e retináculo dos flexores
4. FLEXOR ULNAR DO CARPO
Inserção Proximal: Epicôndilo medial e olécrano
Inserção Distal: Osso pisiforme, hamato e 5º metacarpal
Inervação: Nervo Ulnar (C7 – T1)
Ação: Flexão de Punho e Adução da Mão (desvio ulnar)
5. FLEXOR SUPERFICIAL DOS DEDOS
Inserção Proximal: Epicôndilo medial, processo coronoide da ulna e ligamento colateral ulnar
Inserção Distal: Face anterior da falange intermédia do 2º ao 5º dedos
Inervação: Nervo Mediano (C7 e T1)
Ação: Flexão de Punho e da IFP – 2º ao 5º Dedos
6. FLEXOR PROFUNDO DOS DEDOS
Inserção Proximal: Face anterior dos ¾ proximais da ulna e do rádio e membrana interóssea
Inserção Distal: Face anterior da falange distal do 2º ao 5º dedos
Inervação: Nervo Mediano (C8 – T1): 2º e 3º dedos. Nervo Ulnar (C8 – T1): 4º e 5º dedos
Ação: Flexão de Punho, IFP e IFD do 2º,3°,4° e 5º Dedos
7. FLEXOR LONGO DO POLEGAR
Inserção Proximal: Face anterior do rádio, membrana interóssea, processo
coronoide da ulna e epicôndilo medial do úmero.
Inserção Distal: Falange distal do polegar
Inervação: Nervo Mediano (C8 e T1)
Ação: Flexão da IF do Polegar
8. PRONADOR QUADRADO
Inserção Proximal: ¼ da face anterior da ulna
Inserção Distal: ¼ da face anterior do rádio
Inervação: Nervo Mediano (C8)
Ação: Pronação
9. EXTENSOR DOS DEDOS
Inserção Proximal: Epicôndilo lateral do úmero
Inserção Distal: Falanges média e distal do 2º ao 5º dedos
Inervação: Nervo Radial (C7 – C8)
Ação: Extensão de Punho, MF, IFP e IFD do 2º ao 5º Dedos
10. EXTENSOR DO 5° DEDO (MÍNIMO)
Inserção Proximal: Epicôndilo lateral do úmero
Inserção Distal: Tendão do extensor comum para o 5º dedo
Inervação: Nervo Radial (C7 – C8)
Ação: Extensão do 5º dedo
11. EXTENSOR ULNAR DO CARPO
Inserção Proximal: Epicôndilo lateral do úmero
Inserção Distal: Base do 5º metacarpal
Inervação: Nervo Radial (C6 – C8)
Ação: Extensão do Punho e Adução da Mão (desvio ulnar)
12. ANCÔNEO
Inserção Proximal: Epicôndilo lateral do úmero
Inserção Distal: Olécrano da ulna e ¼ proximal da face posterior da diáfise da ulna
Inervação: Nervo Radial (C7 e C8)
Ação: Extensão do Cotovelo
13. ABDUTOR LONGO DO POLEGAR
Inserção Proximal: Face posterior do rádio e da ulna e membrana interóssea
Inserção Distal: 1ª metacarpal
Inervação: Nervo Radial (C7 – C8)
Ação: Abdução da Mão e do Polegar
14. EXTENSOR CURTO DO POLEGAR
Inserção Proximal: Face posterior do rádio e membrana interóssea
Inserção Distal: Face dorsal da falange proximal do polegar
Inervação: Nervo Radial (C7 – C8)
Ação: Extensão do Polegar
15. EXTENSOR LONGO DO POLEGAR
Inserção Proximal: Face posterior do 1/3 médio da ulna e membrana interóssea
Inserção Distal: Falange distal do polegar
Inervação: Nervo Radial (C7 – C8)
Ação: Extensão do Polegar
16. EXTENSOR DO 2° DEDO (ÍNDEX)
Inserção Proximal: Face posterior da diáfise da ulna e membrana interóssea
Inserção Distal: Tendão do extensor comum do 2º dedo
Inervação: Nervo Radial (C7 – C8)
Ação: Extensão do 2º Dedo
17. BRAQUIORRADIAL
Inserção Proximal: 2/3 proximais da crista supracondiliana lateral do úmero
Inserção Distal: Processo estiloide do rádio
Inervação: Nervo Radial (C5 e C6)
Ação: Flexão do Cotovelo, Pronação de Antebraço e Supinação até o ponto neutro
18. EXTENSOR RADIAL LONGO DO CARPO
Inserção Proximal: Face lateral do 1/3 distal da crista
supracondiliana do úmero
Inserção Distal: Face posterior do 2º metacarpal
Inervação: Nervo Radial (C6 e C7)
Ação: Extensão do Punho e Abdução da Mão (desvio radial)
19. EXTENSOR RADIAL CURTO DO CARPO
Inserção Proximal: Epicôndilo lateral do úmero
Inserção Distal: Face posterior do 3º metacarpal
Inervação: Nervo Radial (C7 – C8)
Ação: Extensão do Punho
20. SUPINADOR
Inserção Proximal: Epicôndilo lateral do úmero e ligamento colateral radial
Inserção Distal: Face lateral e 1/3 proximal da diáfise do rádio
Inervação: Nervo Radial (C6 e C7)
Ação: Supinação do Antebraço
MÚSCULOS DO PESCOÇO
Região Anterior do
Músculos Supra-
Músculos Infra-
Região Lateral do
Pescoço
hioideos
hioideos
Pescoço
Platisma ou
Digástrico
Esternohióideo
Esternocleidomastoideo
Longo da Cabeça
Cutâneo
Estiloideo
Esternotireoideo
Escaleno Anterior
Reto Anterior da Cabeça
do Pescoço
Miloiódeo
Tireoide
Escaleno Médio
Longo do Pescoço
Genioideo
Omoioideo
Escaleno Posterior
Reto Lateral da Cabeça
1. PLATISMA
Inserção Superior: Face inferior da mandíbula, pele da parte inferior da face e canto da
boca
Inserção Inferior: Fáscia que recobre as partes superiores dos músculos peitoral maior e
deltoide
Inervação: Ramo Cervical do Nervo Facial (7º par craniano)
Ação: Traciona o lábio inferior e o ângulo bucal, abrindo parcialmente a boca (expressão de
horror). Puxa a pele sobre a clavícula em direção à mandíbula.
Região Pré-Vertebral
2. DIGÁSTRICO
Inserção Superior: Ventre Anterior: Fossa digástrica da mandíbula
Ventre Posterior: Processo mastoide
Inserção Inferior: Corpo do osso hioide
Inervação: Nervo Facial (ventre posterior) e Nervo Mandibular (ventre anterior)
Ação: Elevação do Osso Hioide e Abaixamento da Mandíbula (abertura da boca).
O ventre anterior traciona o osso hioide para frente e o ventre posterior para trás.
3. ESTILOIDEO
Inserção Superior: Processo estiloide
Inserção Inferior: Corpo do osso hioide
Inervação: Nervo Facial (VII par craniano)
Ação: Elevação e Retração do Osso Hioide.
4. MILOIÓDEO
Inserção Superior: Linha milo-hioidea da mandíbula
Inserção Inferior: Corpo do osso hioide
Inervação: Nervo Mandibular (Ramo do nervo Trigêmeo – V par craniano)
Ação: Elevação do osso Hioide e da Língua.
5. GENIOIDEO
Inserção Superior: Espinha mentoniana da mandíbula
Inserção Inferior: Corpo do osso hioide
Inervação: Nervo Hipoglosso (C1)
Ação: Tração Anterior do osso Hioide e da Língua.
6. ESTERNOHIÓIDEO
Inserção Superior: Corpo do osso hioide
Inserção Inferior: Face posterior do
manúbrio do esterno e ¼ medial da clavícula
Inervação: Ramos da Alça Cervical (N. do Hipoglosso) com fibras de C1 à C3
Ação: Baixar o Osso Hioide.
7. ESTERNOTIREOIÓIDEO
Inserção Superior: Cartilagem tireoide
Inserção Inferior: Face posterior do manúbrio do esterno
Inervação: Ramos da Alça Cervical (N. do Hipoglosso) com fibras
de C1 à C3
Ação: Baixar a Cartilagem Tireoide
8. TIREÓIDEO
Inserção Superior: Corno maior do osso hioide
Inserção Inferior: Cartilagem tireoide
Inervação: Nervo do Hipoglosso (C1 e C2)
Ação: Baixar o Osso Hioide.
9. OMOIOIDEO
Inserção Superior: Corpo do osso hioide
Inserção Inferior: Borda superior da escápula
Inervação: Ramos da Alça Cervical (N. do Hipoglosso) com fibras de C1 à C3
Ação: Baixar o Osso Hioide.
10. RETO LATERAL DA CABEÇA
Inserção Superior: Processo jugular do occipital
Inserção Inferior: Processo transverso de atlas
Inervação: Ramo da alça cervical entre o 1º e 2º nervos cervicais
Ação: Inclinação Homolateral da Cabeça.
11. LONGO DA CABEÇA
Inserção Superior: Processo basilar do occipital
Inserção Inferior: Tubérculos anteriores dos processos transversos da 3ª à 6ª
vértebras cervicais
Inervação: C1, C2 e C3
Ação: Flexão da Cabeça.
12. RETO ANTERIOR DA CABEÇA
Inserção Superior: Processo basilar do occipital
Inserção Inferior: Processo transverso e superfície anterior de atlas
Inervação: Ramo da alça cervical entre C1 e C2
Ação: Flexão da Cabeça.
13. ESTERNOCLEIDOMASTOIDEO
Inserção Superior: Processo mastoide e linha nucal superior
Inserção Inferior: Face anterior do manúbrio do esterno junto à face superior e borda
anterior do 1/3 medial da clavícula
Inervação: C2, C3 e parte espinhal do nervo Acessório (11º par craniano)
Ação: *Fixo Superiormente: Ação Inspiratória
* Fixo Inferiormente: Contração Unilateral: Flexão, Inclinação Homolateral e rotação
com a face virada para o lado oposto. Contração Bilateral: Flexão da Cabeça.
14. ESCALENO ANTERIOR
Inserção Superior: Tubérculos anteriores dos processos transversos da 3ª à 6ª
vértebras cervicais
Inserção Inferior: Face superior da 1º costela (tubérculo do escaleno anterior)
Inervação: Ramos dos nervos cervicais inferiores
Ação: Elevação da primeira Costela e inclinação Homolateral do Pescoço – Ação Inspiratória.
15. ESCALENO MÉDIO
Inserção Superior: Tubérculos anteriores dos processos transversos da 2ª à 7ª
vértebras cervicais
Inserção Inferior: Face superior da 1ª costela
Inervação: Ramos dos nervos cervicais inferiores
Ação: Elevação da primeira Costela e Inclinação Homolateral do Pescoço – Ação Inspiratória.
16. ESCALENO POSTERIOR
Inserção Superior: Tubérculos posteriores dos processos transversos da 5ª à 7ª vértebras
cervicais
Inserção Inferior: Borda superior da 2ª costela
Inervação: Ramos anteriores dos 3 últimos nervos cervicais
Ação: Elevação da segunda costela e inclinação homolateral do pescoço – Ação inspiratória
17. LONGO DO PESCOÇO
Porção Oblíquo Superior: Inserção Superior: Tubérculo do arco anterior do Atlas Inserção
Inferior: Tubérculo anterior dos processos transversos de C3 e C5
Porção Oblíquo Inferior: Inserção Superior: Tubérculo anterior dos processos
transversos de C5 e C6 Inserção Inferior: Corpos vertebrais de T1 a T3
Porção Vertical: Inserção Superior: Corpos vertebrais de C2 a C4
Inserção Inferior: Corpos vertebrais de C5 a T3
Inervação: Ramos de C2 à C7
Ação: Flexão do Pescoço e Inclinação Homolateral
MÚSCULOS DO TÓRAX
Região Ântero-Lateral
Região Costal
Peitoral Maior
Peitoral Menor
Serrátil Anterior
Subclávio
Intercostais Externos
Intercostais Internos
Levantadores das Costelas
Subcostais
Transverso do Tórax
1. PEITORAL MAIOR
Inserção Medial: 1/2 medial da borda anterior da clavícula, face anterior do esterno, face
externa da 1ª a 6ª cartilagem costais e aponeurose do oblíquo externo do abdome
Inserção Lateral: Crista do tubérculo maior
Inervação: Nervo do Peitoral Lateral e Nervo do Peitoral Medial (C5 – T1)
Ação: Adução, Rotação Medial, Flexão e Flexão Horizontal do Ombro
2. PEITORAL MENOR
Inserção Superior: Processo coracoide
Inserção Inferior: Face externa da 3ª, 4ª e 5ª costelas
Inervação: Nervo do Peitoral Medial (C8 – T1)
Ação: * Fixo no Tórax: Depressão do Ombro e Rotação Inferior da Escápula
* Fixo na Escápula: Eleva as Costelas (ação inspiratória)
3. SERRÁTIL ANTERIOR
Porção Superior: Inserção Posterior: Ângulo superior da escápula,
Inserção Anterior: Face externa da 1ª e da 2ª costelas
Porção Média: Inserção Posterior: Borda medial da escápula
Inserção Anterior: Face externa das 2ª a 4ª costelas
Porção Inferior: Inserção Posterior: Ângulo inferior da escápula
Inserção Anterior: Face externa das 5ª a 9ª costelas
Inervação: Nervo Torácico Longo (C5 – C7)
Ação: * Fixo na Escápula: Ação Inspiratória *
Fixo nas Costelas: Rotação Superior, Abdução e Depressão da Escápula e
Propulsão do Ombro
4. SUBCLÁVIO
Inserção Lateral: Face inferior da clavícula
Inserção Medial: 1ª costela e cartilagem costal
Inervação: Nervo do subclávio (C5 – C6)
Ação: Depressão da Clavícula e do Ombro
5. INTERCOSTAIS INTERNOS
Inserção Superior: Borda inferior da costela
suprajacente (superior)
Inserção Inferior: Borda superior da costela
infrajacente (inferior)
Inervação: Nervos intercostais correspondentes
Ação: Depressão das Costelas (Ação Expiratória)
6. INTERCOSTAIS EXTERNOS
Inserção Superior: Borda inferior da costela suprajacente (superior)
Inserção Inferior: Borda superior da costela infrajacente (inferior)
Inervação: Nervos intercostais correspondentes
Ação: Elevação das Costelas (Ação Inspiratória)
Os músculos intercostais internos e externos se cruzam em “X”. As fibras dos intercostais externos se
dirigem de superior para inferior e de posterior para anterior. Já as fibras dos
intercostais internos se dirigem de superior para inferior e de anterior para
posterior
.
7. LEVANTADORES DAS COSTELAS
Inserção Superior: Processo transverso da 7ª vértebra cervical à 11ª torácica
Inserção Inferior: Face externa da 1ª à 12ª costela
Inervação: Nervos intercostais correspondentes
Ação: Elevação das Costelas (Ação Inspiratória) e Estabilização Intercostal
8. SUBCOSTAIS
Inserção Superior: Face interna da costela suprajacente
Inserção Inferior: Face interna da 2ª ou 3ª costela infrajacente
Inervação: Nervos intercostais correspondentes
Ação: Estabilização Intercostal
9. TRANSVERSO DO TÓRAX (TRIANGULAR DO
ESTERNO)
Inserção Superior: Face interna do esterno
Inserção Inferior: Face interna da 2 á 6ª cartilagem costais
Inervação: Nervos intercostais correspondentes
Ação: Estabilização da parte antero-inferior do Tórax
MÚSCULOS DO ABDOME
Região Ântero-Lateral
Região Posterior
Região Superior
Região Inferior
Reto Anterior do Abdome
Quadrado Lombar
Diafragma
Levantador do Ânus
Piramidal do Abdome
Iliopsoas
Oblíquo Externo do Abdome
Psoas Menor
Isquiococcígeo
Oblíquo Interno do Abdome
Transverso do Abdom
1. RETO ANTERIOR DO ABDOME
Inserção Superior: Face externa e inferior da 5ª à 7ª cartilagens costais e processo xifoide
Inserção Inferior: Corpo do púbis e sínfise púbica
Inervação: 5 últimos nervos intercostais
Ação: Aumento da pressão intra-abdominal (Expiração, Vômito, Defecação, Micção e no Parto)
* Fixo no Tórax: Retroversão da pelve * Fixo na Pelve: Flexão do tronco (+ ou – 30°)
2. PIRAMIDAL DO ABDOME
Inserção Superior: Linha Alba
Inserção Inferior: Corpo do púbis e ligamento púbico anterior
Inervação: 12º nervo intercostal
Ação: Tencionar a linha alba
3. OBLÍQUO EXTERNO DO ABDOME
Inserção Superior: Face externa das 7 últimas costelas
Inserção Inferior: ½ anterior da crista ilíaca, EIAS, tubérculo do púbis e linha alba
Inervação: 4 últimos nervos intercostais, nervo ílio-hipogástrico e ílio-inguinal
Ação: * Contração Unilateral: Rotação com tórax girando para o lado oposto
* Contração Bilateral: Flexão do tronco e aumento da pressão intra-abdominal
4. OBLÍQUO INTERNO DO ABDOME
Inserção Superior: 3 últimas cartilagens costais, crista do púbis e linha alba
Inserção Inferior: Crista ilíaca, EIAS e ligamento inguinal
Inervação: 4 últimos nervos intercostais, nervo ílio-hipogástrico e ílio-inguinal
Ação: Idem ao Oblíquo Externo, porém realiza rotação do tórax para o mesmo lado
5. TRANSVERSO DO ABDOME
Inserção Posterior: Face interna das últimas 6 cartilagens costais, fáscia toracolombar, crista ilíaca
e ligamento inguinal
Inserção Anterior: Linha alba e crista do púbis
Inervação: 5 últimos intercostais, nervo ílio-hipogástrico e ílio-inguinal
Ação: Aumento da pressão intra-abdominal e estabilização da coluna lombar
6. QUADRADO LOMBAR
Inserção Superior: 12ª costela e processo transverso de1ª a 4ª vértebras
lombares
Inserção Inferior: Crista ilíaca e ligamento ileolombar
Inervação: 12º nervo intercostal e L1
Ação: Inclinação homolateral do tronco e depressão da 12ª costela
7. ILIOPSOAS
Ilíaco
Inserção Superior: 2/3 superiores da fossa ilíaca, crista ilíaca e asa do sacro
Inserção Inferior: Trocânter menor
Inervação: Nervo Femural (L2 – L3)
Ação: Flexão de quadril, anteroversão da pelve e flexão da coluna lombar (30° – 90°)
Psoas Maior
Inserção Superior: Processo transverso das vértebras lombares, corpos e discos
intervertebrais das últimas torácicas e todas lombares
Inserção Inferior: Trocânter menor
Inervação: Nervo superior e inferior do músculo psoas maior (L1 – L3)
Ação: Flexão da coxa, flexão da coluna lombar (30° – 90°) e inclinação homolateral
8. PSOAS MENOR (Geralmente está ausente)
Inserção Superior: Corpo vertebral de T12 e L1
Inserção Inferior: Eminência iliopectínea
Inervação: L1
Ação: Flexão da pelve e coluna lombar
9. DIAFRAGMA
Origem: Face interna das 6 últimas costelas, face interna do processo xifoide e corpos vertebrais das
vértebras lombares superiores
Inserção: No tendão central (aponeurose)
Inervação: Nervo Frênico (C3 – C5) e 6 últimos nervos intercostais (propriocepção)
Ação: Inspiratório, pois diminui a pressão interna da caixa torácica permitindo a entrada do ar nos
pulmões, estabilização da coluna vertebral e expulsões (defecação, vômito, micção e parto)
10. LEVANTADOR DO ÂNUS
O levantador do ânus em geral mostra uma separação em duas partes:
– Pubococcígeo
– Iliococcígeo
Origem: Entre o ramo superior do púbis e espinha isquiática
Inserção: Cóccix, esfíncter do ânus e no ponto tendíneo central do períneo
Inervação: Plexo Pudendo (S3 – S5)
Ação: Suporta e eleva ligeiramente o soalho pélvico, resistindo à pressão intra-abdominal
aumentada, como durante a expiração forçada
11. ISQUIOCOCCÍGEO
Origem: Ápice da espinha do ísquio e do ligamento sacroespinhal
Inserção: Margem do cóccix e na face lateral do sacro
Inervação: Plexo Pudendo (S4 – S5)
Ação: Traciona o cóccix ventralmente, suportando o soalho pélvico contra a pressão intra-abdominal
MÚSCULOS DO DORSO
Região Posterior do Tórax
Região Posterior do
Goteira Vertebral
Triângulo Suboccipital
Pescoço
Trapézio
Esplênio da Cabeça
Eretores da Espinha
Reto Posterior Maior da Cabeça
Latíssimo do Dorso
Esplênio do Pescoço
Rotadores
Reto Posterior Menor da Cabeça
Romboide
Semiespinhal da Cabeça
Multífidos
Oblíquo Superior da Cabeça
Levantador da Escápula
Semiespinhal do Pescoço Intertransversais
Serrátil Menor Póstero-Superior Semiespinhal do Tórax
Interespinhais
Serrátil Menor Póstero-Inferior
1. LATÍSSIMO DO DORSO
Inserção Medial: Processos espinhosos da 6ª últimas vértebras torácicas e todas
lombares, crista do sacro, 1/3 posterior da crista ilíaca e face externa da 4 últimas
costelas
Inserção Lateral: Sulco Intertubercular
Inervação: Nervo Toracodorsal (C6 – C8)
Ação: Adução, Extensão e Rotação Medial do Braço. Depressão do Ombro
Oblíquo Inferior da Cabeça
2. TRAPÉZIO
Inserção Medial: Linha nucal superior, ligamento nucal e processos espinhosos da C7 a T12
Inserção Lateral: Borda posterior da clavícula, acrômio e espinha da escápula
Inervação: Nervo Acessório (XI par craniano) e nervo do trapézio (C3 – C4)
Ação: * Fixo na Coluna: Elevação do Ombro, Adução das Escápulas, Rotação Superior
das Escápulas e Depressão de Ombro
* Fixo na Escápula:
Contração Unilateral: Inclinação Homolateral e Rotação Contralateral da Cabeça
Contração Bilateral: Extensão da Cabeça
3. ROMBOIDE
Inserção Medial: Processos espinhosos da C7 á T5
Inserção Lateral: Borda medial da escápula
Inervação: Nervo dorsal da escápula (C5)
Ação: Adução e Rotação Inferior das Escápulas e elevação do Ombro
4. LEVANTADOR DA ESCÁPULA
Inserção Inferior: Ângulo superior da escápula
Inserção Superior: Processo transverso do atlas ate à C4
Inervação: Nervo dorsal da escápula (C5)
Ação: Elevação e Adução da Escápula. Inclinação e Rotação Homolateral da
Coluna Cervical e Extensão da Cabeça
5. SERRÁTIL MENOR PÓSTERO-SUPERIOR
Inserção Medial: Processos espinhosos da C7 à T3
Inserção Lateral: Borda superior e face externa da 2ª a 5ª costelas
Inervação: Ramos dos 4 primeiros nervos intercostais
Ação: Elevação das primeiras Costelas (ação inspiratória)
6. SERRÁTIL MENOR PÓSTERO-INFERIOR
Inserção Medial: Processos espinhosos da T11 à L3
Inserção Lateral: Borda inferior e face externa da 4 últimas costelas
Inervação: 9º ao 12º nervos intercostais
Ação: Depressão das últimas Costelas (ação expiratória)
7. ESPLÊNIO DA CABEÇA
Inserção Superior: 1/3 lateral da linha nucal superior e processo mastoide do
osso temporal
Inserção Inferior: Processos espinhosos da C7 à T4
Inervação: Nervos espinhais do segmento correspondente
Ação: Extensão, Inclinação e Rotação Homolateral da Cabeça
8. ESPLÊNIO DO PESCOÇO
Inserção Superior: Processo transverso das 3 primeiras vértebras cervicais
Inserção Inferior: Processo espinhoso da T3 à T6
Inervação: Nervos espinhais do segmento correspondente
Ação: Extensão, Inclinação e Rotação Homolateral da Cabeça
9. SEMIESPINHAL DA CABEÇA
Inserção Superior: Entre a linha nucal superior e inferior
Inserção Inferior: Processo transverso da T1 à T7 e processos articulares da C5 a C7
Inervação: Nervos espinhais do segmento correspondente
Ação: Extensão da Cabeça e Inclinação Homolateral da Cabeça
10. SEMIESPINHAL DO PESCOÇO
Inserção Superior: Processo espinhoso da C1 à C7
Inserção Inferior: Processos transversos das T1 à T6
Inervação: Nervos espinhais (ramos dorsais)
Ação: Extensão e Rotação Contralateral do Pescoço
11. SEMIESPINHAL DO TÓRAX
Inserção Superior: Processo espinhoso C6 a T4
Inserção Inferior: Processos transversos das T6 à T10
Inervação: Nervos espinhais (ramos dorsais)
Ação: Extensão e Rotação Contralateral do Pescoço
12. RETO POSTERIOR MAIOR DA CABEÇA
Inserção Superior: Linha nucal inferior
Inserção Inferior: Processo espinhoso do axis
Inervação: Plexo Cervical (C1)
Ação: Extensão da Cabeça e Rotação Contralateral
13. RETO POSTERIOR MENOR DA CABEÇA
Inserção Superior: Linha nucal inferior
Inserção Inferior: Tubérculo do arco posterior do atlas
Inervação: Plexo Cervical (C1)
Ação: Extensão da Cabeça
14. OBLÍQUO SUPERIOR DA CABEÇA
Inserção Superior: Entre as linhas nucais superior e inferior
Inserção Inferior: Processo transverso do atlas
Inervação: Plexo Cervical (C1)
Ação: Extensão, Inclinação Homolateral e Rotação Contralateral da Cabeça
15. OBLÍQUO INFERIOR DA CABEÇA
Inserção Superior: Processo transverso do atlas
Inserção Inferior: Processo espinhoso do axis
Inervação: Plexo Cervical (C2)
Ação: Extensão e Rotação Homolateral do Atlas
16. ERETORES DA ESPINHA
ESPINHAL (+ Medial)
Porção da Cabeça: Ligado ao semi-espinhal da cabeça
Porção do Pescoço:
Origem: Ligamento nucal e processos espinhosos de C7 a T2
Inserção: Processos espinhosos C2 a C4
Porção do Tórax:
Origem: Processos espinhosos T11 a L2
Inserção: Processos espinhosos das torácicas superiores (varia de 4 a 8)
Inervação: Nervos espinhais (ramos dorsais)
Ação: Extensão da Coluna Vertebral
17. DORSAL LONGO (Intermédio)
Porção da Cabeça:
Inserção Superior: Processo mastoide
Inserção Inferior: Processos transversos de T1 até T4 e processos articulares
de C4 até C7
Porção do Pescoço:
Inserção Superior: Processos transversos de C2 à C6
Inserção Inferior: Processos transversos de T1 à T4
Porção do Tórax:
Inserção Superior: Processos transversos das vértebras torácicas e das 10
últimas costelas
Inserção Inferior: Processos transversos das vértebras lombares e
aponeurose lombocostal
Inervação: Nervos espinhais (ramos dorsais)
Ação: Extensão e Inclinação Homolateral da Coluna Vertebral
18. ILIOCOSTAL (+ Lateral)
- Porção Cervical:
Inserção Superior: Processos transversos de C4 à C6
Inserção Inferior: Ângulo da 3ª à 6ª costelas
- Porção Torácica:
Inserção Superior: Ângulo da 6 primeiras costelas e processo transverso
de C7
Inserção Inferior: Ângulo das 6 últimas costelas
- Porção Lombar:
Inserção Superior: Ângulo das 6 últimas costelas
Inserção Inferior: Face dorsal do sacro
Inervação: Nervos espinhais (ramos dorsais)
Ação: Extensão e Inclinação Homolateral da Coluna Vertebral
19. ROTADORES
Inserções: Estende-se do sacro até a C2. Ligam o processo transverso de uma
vértebra com o processo espinhoso da vértebra suprajacente
Inervação: Nervos espinhais do segmento correspondente
Ação: Extensão e Rotação Contralateral da Coluna Vertebral
MULTÍFIDOS
Origem: Dorso do sacro, EIPS, processos mamilares das lombares, processo
transverso das torácicas e processos articulares da C4 à C7
Inserção: Processo espinhoso de 3 a 5 vértebras acima
Inervação: Nervos espinhais do segmento correspondente
Ação: Estabilização e Extensão da Coluna Vertebral
INTERTRANSVERSAIS
Inserção Superior: Processo transverso da vértebra superior
Inserção Inferior: Processo transverso da vértebra inferior
Inervação: Nervos espinhais do segmento correspondente
Ação: Inclinação Homolateral da Coluna Vertebral
INTERESPINHAIS
Inserção Superior: Processo espinhoso da vértebra superior
Inserção Inferior: Processo espinhoso da vértebra inferior
Inervação: Nervos espinhais do segmento correspondente
Ação: Extensão da Coluna Vertebral
MÚSCULOS DO QUADRIL
1. GLÚTEO MÁXIMO
Inserção Medial: Linha glútea posterior do ilíaco, sacro, cóccix e ligamento sacrotuberoso
Inserção Lateral: Trato íleotibial da fáscia lata e tuberosidade glútea do fêmur
Inervação: Nervo Glúteo Inferior (L5 – S2)
Ação: Extensão e Rotação Lateral do Quadril
2. GLÚTEO MÉDIO
Inserção Superior: Face externa do íleo entre a crista ilíaca, linha glútea posterior e
anterior
Inserção Inferior: Trocânter Maior
Inervação: Nervo Glúteo Superior (L4 – S1)
Ação: Abdução e Rotação Medial da Coxa
3. GLÚTEO MÍNIMO
Inserção Superior: Asa ilíaca (entre linha glútea anterior e inferior)
Inserção Inferior: Trocânter Maior
Inervação: Nervo Glúteo Superior (L4 – S1)
Ação: Abdução e Rotação Medial da Coxa. As fibras anteriores realizam Flexão do Quadril
4. PIRIFORME
Inserção Medial: Superfície pélvica do sacro e margem da incisura isquiática maior
Inserção Lateral: Trocânter Maior
Inervação: Nervo para o músculo piriforme (S2)
Ação: Abdução e Rotação Lateral da Coxa
5. GÊMEO SUPERIOR
Inserção Medial: Espinha isquiática
Inserção Lateral: Trocânter maior
Inervação: Nervo para o músculo gêmeo superior (L5 – S2)
Ação: Rotação Lateral da Coxa
6. OBTURATÓRIO INTERNO
Inserção Medial: Face interna da membrana obturatória e ísquio
Inserção Lateral: Trocânter maior e fossa trocantérica do fêmur
Inervação: Nervo para o músculo obturatório interno (L5 – S2)
Ação: Rotação Lateral da Coxa
7. GÊMEO INFERIOR
Inserção Medial: Tuberosidade Isquiática
Inserção Lateral: Trocânter Maior
Inervação: Nervo para o músculo gêmeo inferior e quadrado femural (L4 – S1)
Ação: Rotação Lateral da Coxa
8. OBTURATÓRIO EXTERNO
Inserção Medial: Ramos do púbis e ísquio e face externa da membrana obturatória
Inserção Lateral: Fossa Trocantérica do Fêmur
Inervação: Nervo para o músculo obturatório externo (L3 – L4)
Ação: Rotação Lateral da Coxa
9. QUADRADO FEMORAL
Inserção Medial: Tuberosidade Isquiática
Inserção Lateral: Crista Intertrocantérica
Inervação: Nervo para o músculo quadrado femural e gêmeo inferior (L4 – S1)
Ação: Rotação Lateral e Adução da Coxa
MÚSCULOS DA COXA:
Região Ântero-Lateral
Região Posterior
Região Póstero-Medial
Tensor da Fáscia Lata
Bíceps Femoral
Grácil
Sartório
Semitendíneo
Pectíneo
Quadríceps
Semimembranáceo
Adutor Longo
Adutor Curto
Adutor Magno
1. TENSOR DA FÁSCIA LATA
Inserção Proximal: Crista ilíaca e EIAS
Inserção Distal: Trato íleo-tibial
Inervação: Nervo do Glúteo Superior (L4 – S1)
Ação: Flexão, Abdução e Rotação Medial do Quadril e Rotação Lateral do Joelho
2. SARTÓRIO
Inserção Proximal: Espinha ilíaca ântero-superior
Inserção Distal: Superfície medial da tuberosidade da tíbia (pata de ganso)
Inervação: Nervo Femoral (L2 – L3)
Ação: Flexão, Abdução e Rotação Lateral da Coxa e Flexão e Rotação Medial do Joelho
SARTÓRIO
3. QUADRÍCEPS FEMORAL
Inserção Proximal:
Reto Anterior: Espinha ilíaca antero-inferior
- Vasto Lateral: Trocânter maior, linha áspera, linha intertrocantérica e tuberosidade glútea
- Vasto Medial: Linha áspera e linha intertrocantérica
- Vasto Intermédio: 2/3 proximais da face anterior e lateral do fêmur e ½ distal da linha
áspera
Inserção Distal: Patela e, através do ligamento patelar, na tuberosidade anterior da tíbia
Inervação: Nervo Femoral (L2 – L4)
Ação: Extensão do Joelho e o Reto Femural realiza Flexão do Quadril. O vasto medial
realiza rotação medial e o vasto lateral, rotação lateral
4. BÍCEPS FEMORAL
Inserção Proximal:
Cabeça Longa: Tuberosidade isquiática e ligamento sacro-tuberoso
Cabeça Curta: Lábio lateral da linha áspera
Inserção Distal: Cabeça da fíbula e côndilo lateral da tíbia
Inervação: Nervo Isquiático (L5 – S2), exceto L5 para a cabeça longa
Ação: Extensão do Quadril, Flexão do Joelho e Rotação Lateral do Joelho
5. SEMITENDÍNEO
Inserção Proximal: Tuberosidade isquiática
Inserção Distal: Superfície medial da tuberosidade da tíbia (pata de ganso)
Inervação: Nervo Isquiático (L5 – S2)
Ação: Extensão do Quadril, Flexão e Rotação Medial do Joelho
6. SEMIMEMBRANÁCEO
Inserção Proximal: Tuberosidade isquiática
Inserção Distal: Côndilo medial da tíbia
Inervação: Nervo Isquiático (L5 – S2)
Ação: Extensão do Quadril, Flexão e Rotação Medial do Joelho
ISQUIOTIBIAIS
Bíceps Femural + Semitendíneo + Semimembranáceo
7. GRÁCIL
Inserção Proximal: Sínfise púbica e ramo inferior do púbis
Inserção Distal: Superfície medial da tuberosidade da tíbia (pata de ganso)
Inervação: Nervo Obturatório (L2 – L3)
Ação: Adução da Coxa, Flexão e Rotação Medial do Joelho
8. PECTÍNEO
Inserção Proximal: Eminência ílo-pectínea, tubérculo púbico e ramo superior do púbis
Inserção Distal: Linha pectínea do fêmur
Inervação: Nervo Femoral (L2 – L4)
Ação: Flexão do Quadril e Adução da Coxa
9. ADUTOR CURTO
Inserção Proximal: Ramo inferior do púbis
Inserção Distal: Linha áspera
Inervação: Nervo Obturatório (L2 – L4)
Ação: Adução da Coxa
10. ADUTOR MAGNO
Inserção Proximal: Tuberosidade isquiática, ramo do púbis e do ísquio
Inserção Distal: Linha áspera e tubérculo adutório
Inervação: Nervo Obturatório (L2 – L4) e Nervo Isquiático (L4 à S1)
Ação: Adução da Coxa
MÚSCULOS DA PERNA
Região Anterior
Região Lateral
Tibial Anterior
Fibular Longo
Extensor Longo dos Dedos
Fibular Curto
Extensor Longo do Hálux
Fibular Terceiro
Camada Superficial
Região Posterior
Camada Profunda
Gastrocnêmio Medial
Poplíteo
Gastrocnêmio Lateral
Flexor Longo dos Dedos
Sóleo
Flexor Longo do Hálux
Plantar Delgado
Tibial Posterior
1. TIBIAL ANTERIOR
Inserção Proximal: Côndilo lateral da tíbia e ½ proximal da face lateral da tíbia e membrana
interóssea
Inserção Distal: Cuneiforme medial e base do 1º metatarsal
Inervação: Nervo Fibular Profundo (L4 – S1)
Ação: Flexão Dorsal e Inversão do Pé
2. EXTENSOR LONGO DOS DEDOS
Inserção Proximal: Côndilo lateral da tíbia, ¾ proximais da fíbula e membrana interóssea
Inserção Distal: Falange média e distal do 2º ao 5º dedos
Inervação: Nervo Fibular Profundo (L4 – S1)
Ação: Extensão da MF, IFP e IFD do 2º ao 5º dedos
3. EXTENSOR LONGO DO HÁLUX
Inserção Proximal: 2/4 intermediários da fíbula e membrana interóssea
Inserção Distal: Falange distal do hálux
Inervação: Nervo Fibular Profundo (L4 – S1)
Ação: Extensão do Hálux, Flexão Dorsal e Inversão do Pé
4. FIBULAR TERCEIRO
Inserção Proximal: 1/3 distal da face anterior da fíbula
Inserção Distal: Base do 5º metatarsal
Inervação: Nervo Fibular Profundo (L5 – S1)
Ação: Eversão do Pé
5. FIBULAR CURTO
Inserção Proximal: 2/3 distais da face lateral da fíbula
Inserção Distal: Base do 5º metatarsal
Inervação: Nervo Fibular Superficial (L4 – S1)
Ação: Flexão Plantar e Eversão do Pé
6. FIBULAR LONGO
Inserção Proximal: Cabeça, 2/3 proximais da superfície lateral da fíbula e côndilo
lateral da tíbia
Inserção Distal: 1º metatarsal e cuneiforme medial
Inervação: Nervo Fibular Superficial (L4 – S1)
Ação: Flexão Plantar e Eversão do Pé
7. GASTROCNÊMIO MEDIAL
Inserção Proximal: Côndilo medial do fêmur
Inserção Distal: Calcâneo
Inervação: Nervo Tibial (S1 – S2)
Ação: Flexão do Joelho e Flexão Plantar do Tornozelo
2. GASTROCNÊMIO LATERAL
Inserção Proximal: Côndilo lateral do fêmur
Inserção Distal: Calcâneo
Inervação: Nervo Tibial (S1 – S2)
Ação: Flexão do Joelho e Flexão Plantar do Tornozelo
9. SÓLEO
Inserção Proximal: 1/3 intermédio da face medial da tíbia e cabeça da fíbula
Inserção Distal: Calcâneo (tendão dos gastrocnêmios)
Inervação: Nervo Tibial ( L5 – S1)
Ação: Flexão Plantar do Tornozelo
10. PLANTAR DELGADO
Inserção Proximal: Côndilo lateral do fêmur
Inserção Distal: Calcâneo
Inervação: Nervo Tibial (L4 – S1)
Ação: Auxilia o Tríceps Sural
11. POPLÍTEO
Inserção Proximal: Côndilo lateral do fêmur
Inserção Distal: Linha solear da face posterior da tíbia
Inervação: Nervo Tibial (L4 – S1)
Ação: Flexão e Rotação Medial do Joelho
12. FLEXOR LONGO DOS DEDOS
Inserção Proximal: Face posterior da tíbia
Inserção Distal: Falanges distais do 2º ao 5º dedo
Inervação: Nervo Tibial (L5 – S1)
Ação: Flexão Plantar e Inversão do Tornozelo, Flexão da MF, IFP e IFD do 2º ao 5º
Dedos
13. FLEXOR LONGO DO HÁLUX
Inserção Proximal: 2/3 distais da face posterior da fíbula e membrana interóssea
Inserção Distal: Falange distal do hálux
Inervação: Nervo Tibial (L5 – S2)
Ação: Flexão do Hálux, Flexão Plantar e Inversão do Tornozelo
14. TIBIAL POSTERIOR
Inserção Proximal: Face posterior da tíbia e 2/3 proximais da
fíbula e membrana interóssea
Inserção Distal: 3 cuneiformes (medial , médio e lateral),
cuboide, navicular e base do 2º ao 4º metatarsais
Inervação: Nervo Tibial (L5 e S1)
Ação: Flexão Plantar e Inversão do Pé
Download
Random flashcards
paulo

2 Cartões paulonetgbi

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

teste

2 Cartões juh16

Criar flashcards