Enviado por Do utilizador2177

Aula 4

Propaganda
Eletricidade (EL63A)
ANÁLISE DE MALHA
Prof. Luis C. Vieira
[email protected]r
http://paginapessoal.utfpr.edu.br/vieira/el63a-eletricidade
INTRODUÇÃO
• A partir das leis fundamentais da teoria de
circuitos (Ohm, LKC, LKT) podemos derivar
duas técnicas para análise de circuitos:
– Análise nodal (aplicação da LKC)
– Análise de Laço ou Malha (aplicação da LKT)
ANÁLISE DE MALHAS
• Utiliza correntes de malha como variáveis de
circuito: correntes são as incógnitas a serem
determinadas.
• Lembrete:
– Laço: é um caminho fechado onde cada nó é
visitado uma única vez.
– Malha: é um laço que não contém qualquer
outro laço dentro dele.
ANÁLISE DE MALHAS
• Aplica a LKT para encontrar as correntes
desconhecidas no circuito:
MALHAS: abefa, bcdeb
LAÇO: abcdefa
• É aplicável somente a circuitos planares.
Circuito Planar x Não-Planar
ANÁLISE DE MALHAS SEM FONTE DE
CORRENTE
• Dado um circuito planar com n malhas, sem
fontes de corrente, a análise de malhas envolve
três passos:
– Atribuir correntes de malha i1, i2, …, in para as n
malhas.
– Aplicar a LKT em cada uma das n malhas. Usar a
Lei de Ohm para as tensões em termos das
correntes de malha.
– Resolver as n equações simultâneas resultantes
para obter as correntes de malha.
EXEMPLO - ANÁLISE DE MALHAS
1) Determinar as correntes I1, I2 e I3 do circuito
abaixo:
EXEMPLO - ANÁLISE DE MALHAS
2) Atribuir correntes de malha i1, i2, …, in para as
n malhas.
EXEMPLO - ANÁLISE DE MALHAS
3) Aplicar a LKT em cada uma das n malhas. Usar
a Lei de Ohm para as tensões em termos das
correntes de malha.
EXEMPLO - ANÁLISE DE MALHAS
EXEMPLO 1
Determinar as correntes I1, I2 e I3 no circuito
abaixo:
EXEMPLO 2
Use as malhas para calcular a corrente I0 no
circuito abaixo:
EXERCÍCIO 1
Calcule as correntes de malha i1 e i2 no circuito
abaixo:
ANÁLISE DE MALHA COM FONTES DE
CORRENTE
(Dependentes ou Independentes)
Caso 1: Se a fonte de corrente pertence
somente a uma malha: atribuímos a corrente da
fonte a esta malha.
ANÁLISE DE MALHA COM FONTES DE
CORRENTE
(Dependentes ou Independentes)
Caso 2: Se a fonte de corrente pertence a duas malhas:
criamos uma super malha excluindo a fonte de corrente
e quaisquer elementos conectados em série com ela.
CARACTERÍSTICAS DA SUPER MALHA
Uma super malha resulta quando duas malhas tem
uma fonte de corrente (dependente ou
independente) em comum.
• Propriedades de um super malha:
– A fonte de corrente em uma super malha fornece
a equação restrita necessária para resolver as
correntes de malha;
– Uma super malha não tem uma corrente própria;
– Uma super malha necessita da aplicação tanto da
LKT quanto da LKC.
PROCEDIMENTO GERAL
1. Identifique cada uma das correntes de malha;
2. No caso de fontes de corrente no circuito:
– Se a fonte de corrente pertence somente a uma malha,
atribuímos a corrente da fonte a esta malha.
– Se a fonte de corrente pertence a duas malhas, criamos uma
supermalha excluindo a fonte de corrente e quaisquer
elementos conectados em série com ela.
3. Escreva a LKT para cada malha/supermalha;
4. No caso das supermalhas, aplique a LKC no local da fonte
de corrente compartilhada entre as malhas;
5. Expresse quaisquer incógnitas adicionais (tensões ou
correntes que não sejam de malha) em termos de corrente de
malha – fontes dependentes;
6. Organize e resolva as equações.
EXEMPLO 3
Determinar as correntes de malha para o circuito
abaixo.
EXERCÍCIO 2
Determinar as correntes de malha para o circuito
abaixo.
EXEMPLO 4
Determinar as correntes de malha para o circuito
abaixo.
ANÁLISE NODAL X ANÁLISE DE MALHA
Dado um circuito, qual método utilizar?
• Natureza do circuito:
– Análise Nodal → Número de equações nodais
menor que o número de equações de malha
– Análise de Malha → Número de equações de
malha menor que o número de equações nodais
• Informação necessária:
– Correntes nos ramos ou laços → Análise de
Malhas
– Tensões no nós → Análise Nodal
REFERÊNCIAS
• Charles K. Alexander; Matthew N. O. Sadiku.
Fundamentos de Circuitos Elétricos; 5ª ed.
• J. David Irwin. Análise Básica de Circuitos para
Engenharia; 10ª ed.
• Jack E. Kemmerly, Steven M. Durbin, William
H. Hayt; Análise de Circuitos de Engenharia; 8ª
ed.
• Robert Boylestad. Introdução À Análise de
Circuitos; 12ª ed.
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

paulo

2 Cartões paulonetgbi

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

teste

2 Cartões juh16

Criar flashcards