"de tensão" produz

Propaganda
Selemat
1) Materiais metálicos e suas propriedades mais importantes:
 elétrons de valência não localizados
 não são transparentes à luz visível
 superfície polida possui brilho
 bons condutores de eletricidade e calor
 resistentes
 deformáveis (dúcteis)
2) Materiais cerâmicos e suas propriedades mais importantes:
 Compostos por elementos metálicos e não metálicos: C, N, O, P, S; ou
semi-metálicos: Si, Ge
 Normalmente óxidos, nitretos e carbetos
 Inclui minerais argilosos, cimento e vidro
 Podem ser transparentes
 Tipicamente isolantes à passagem de eletricidade e calor
 Resistentes a altas temperaturas (refratariedade)
 Resistentes a ambientes abrasivos (dureza)
 Resistentes a ambientes corrosivos (estabilidade química)
 Menos densos que os metais
 Frágeis
3) Materiais poliméricos e suas propriedades mais importantes:
 Compreendem os materiais comuns de plástico e borracha
 São compostos orgânicos que têm sua química baseada no carbono,
no hidrogênio e em outros elementos não metálicos.
 São materiais sintéticos
 Possuem estruturas moleculares muito grandes
 Possuem baixas densidades
 Não são frágeis
 Extremamente flexíveis
 Extremamente moldáveis – plásticos
 Menor resistência mecânica que metais e cerâmicos
 Menor refratariedade que metais e cerâmicos
 Importância na indústria de embalagens, de transporte e automobilística
4) Materiais compósitos e suas propriedades mais importantes:
 Combinação de materiais dissimilares, produzindo um material com
propriedades superiores a dos componentes em separado (fibra de
vidro, madeira, concreto).
 Combinação de metais, cerâmicos e polímeros
 compósitos de matriz metálica reforçados com materiais cerâmicos
 compósitos de matriz polimérica reforçados com fibras materiais
cerâmicos
 compósitos de matriz cerâmica reforçados com materiais cerâmicos
5) Quais os significados de rigidez e ductilidade? Como estes parâmetros podem
ser determinados?
 Rigidez: é a resistência de um corpo elástico a deflexão ou deformação por
uma força aplicada. É uma qualidade inerente ao material (módulo de Young).
Baixo módulo de elasticidade: materiais flexíveis. Alto módulo de
elasticidade: materiais rígidos.
 Ductilidade: é a propriedade referente à capacidade do material se deformar
até a ruptura, de suportar deformação plástica quando tracionado.

Ensaio de tração: Determina a partir da inclinação da curva na região
elástica. Área sob a curva
6) O que é tenacidade a fratura?
 Capacidade de um material de resistir à propagação de rachaduras quando é
submetido a uma carga de choque, como em um teste de impacto.
 A absorção de energia se dá através da deformação plástica.
 Tenacidade é a propriedade que um material tem de absorver energia
sem se romper. Tenacidade mede a capacidade do material para
absorção de energia para a fratura. Área total até a fratura.
 Fratura frágil: fratura que acontece com pouca ou nenhuma
deformação. Geralmente se inicia em pequenas trincas presentes
devido ao processo de fabricação.
7) Tenacidade ao entalhe: habilidade do material absorver energia na presença
de um estado complexo de tensão criado pelo entalhe. Medido pelo teste de
charpy.
8) O que é tensão de escoamento?
 A tensão de escoamento é a tensão necessária para produzir
deformação plástica. Resiliência – área sob a curva tensãodeformação, na região elástica.
 Trata-se de uma importante propriedade para cálculos de projetos
estruturais, em que não se permite a deformação plástica.
 relacionada com o deslizamento de planos atômicos. Nos materiais
metálicos, este deslizamento de planos é possibilitado pela
movimentação de discordâncias.
9) Estricção
10) Índice de méritos
Escala logarítmica
- perda de definição
- ganho em amplitude
𝐶=



𝜎
(para este gráfico)
𝜌
C aumenta para cima e para a esquerda. Todos os materiais que estiverem
acima e a esquerda terão índice de mérito mais favoráveis do que os dos
materiais localizados ao longo da uma linha.
Para uma figura em que Módulo de Young X Densidadetodos os materiais que
estiverem sob uma linha guia (linha guia é dada pela equação de C,
dependendo do gráfico) terão a mesma deformação elástica para a mesma
massa, em um mesmo tipo de carregamento.
Para traçar a linha guia: calcular C. Definir qual o carregamento. Paralelamente
à linha do carregamento especificado traçar a linha guia partindo do valor C
calculado.
Para a linha verde: carregamento de
barras em tração: C = E/p
Para linha vermelha: carregamento
de barras circulares de flexão: C =
(E)^0.5/p
Para linha azul: C = E^(1/3) / p :
flambagem de chapas
11) Trincas: concentradores de tensão. A resistência à fratura de um material frágil
é inversamente proporcional a raiz quadrada do comprimento da trinca (Critério
de Griffiths).
12) A tensão elástica na vizinhança da ponta da trinca é expressa pelo parâmetro
K (fator intensidade de tensão). K depende do:
a. modo de carregamento;
b. configuração do corpo;
c. modo de propagação da trinca.
Modo I, II e III, tem respectivamente seus
valores críticos KIc, KIic e KIIIc.
KIc é uma propriedade do material:
KIc =
∝ 𝜎√𝜋𝑎c
A espessura mínima para se obter a condição de deformação plana é dada por
Download
Random flashcards
Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

Criar flashcards