o que é um planeta?

Propaganda
Agrupamento de Escolas António Sérgio – V. N. Gaia
ESCOLA SECUNDÁRIA/3 ANTÓNIO SÉRGIO
BIOLOGIA E GEOLOGIA – Módulo 1 – 10º CTec
CURSO CIENTÍFICO-HUMANÍSTICO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIAS
N O M E____________________________________________________________ _________________________ N ª___________
21/10/2013
O QUE É UM PLANETA?
Despromoção de Plutão - Que polémicas se levantam?
No final de Outubro de 2003, cientistas norte-americanos descobriram um novo corpo
celeste, para lá de Plutão e maior que este. A discussão atual começava a tomar forma. O que
define um planeta? Será o seu tamanho? Ou a sua forma?
Ao definir, pela primeira vez, um planeta, os astrónomos foram também obrigados a
catalogar outros corpos celestes, principalmente aqueles que foram desde 1992 descobertos na
Cintura de Kuiper, além da órbita de Neptuno.
Focus, Agosto de 2006 (adaptado)
Sistema Solar passa a ter apenas oito planetas - Abandonado o projeto que previa um
aumento
A definição de planeta a adotar pela União Astronómica Internacional (UAI) reduzirá de
nove para oito o número de planetas do Sistema Solar, alterando a categoria de Plutão,
provavelmente, para "planeta anão".
Havia duas propostas sobre a mesa da assembleia-geral da UAI, que resultaram de uma
acesa contestação à proposta inicial do comité encarregue de elaborar a definição de planeta. O
comité propôs que Plutão continuasse a ser considerado planeta e daria até nome a um novo
grupo, os "plutónicos", que abarcaria os objetos gelados da Cintura de Kuiper, para lá de
Neptuno, como Xena, descoberto no ano passado e que tem diâmetro maior do que Plutão.
O problema é que a proposta contemplava também outros objetos (Ceres, um asteroide
entre Marte e Júpiter, e Caronte, uma lua de Plutão). Isto foi contestado, porque abriria as
portas à inclusão de muitos outros objetos.
Jornal de Notícías, Agosto de 2006
Batismo celeste
O corpo gelado que reacendeu a discussão em torno
do estatuto planetário de Plutão já tem nome oficial. O 2003
UB313, até à semana passada denominado informalmente
Xena, foi baptizado de Eris, em homenagem à deusa grega da
discórdia. Eris, descoberto pelo astrónomo americano Michael
Brown, em 2005, é ligeiramente maior do que Plutão e foi
considerado, inicialmente, como décimo planeta do Sistema
Solar. Em Agosto, a União Astronómica Internacional definiu
formalmente o conceito de planeta, tendo Eris - tal como
Plutão - passado a integrar a nova categoria de planeta anão.
Visão, Agosto de 2006
Depois de analisar os textos responda às questões seguintes:
1 Que motivos levaram os cientistas a rever a classificação de planeta para Plutão?
2 Refira as correntes de opinião em confronto na reunião da UAI em Praga.
3 Qual a designação proposta para Plutão?
4 Em que medida os avanços tecnológicos têm a ver com a necessidade de uma nova definição
de planeta?
"Não se faz nada de grande sem fanatismo" Flaubert, Gustave
5 Retire dos textos informações que permitam apoiar as seguintes afirmações:
A - O conhecimento científico é um conhecimento provisório e mutável.
B - Na atividade científica ocorrem acesas controvérsias quando novos dados exigem a
reformulação das ideias e das interpretações aceites.
1. Foi o aparecimento de um outro corpo em órbita exterior a Plutão, maior do que ele e com
características semelhantes.
2. Entre várias classificações propostas destaca-se a que foi adoptada pela UAI, que admite a
existência de apenas oito planetas e a formação de um novo grupo de astros, os planetas
anões, constituído por Plutão, Ceres e Éris.
3. Planeta anão.
4. A existência de novos aparelhos de observação do Espaço permitiu a descoberta de novos
corpos.
5.
A - No final de Outubro de 2003 cientistas norte-americanos descobriram um novo corpo
celeste...
O Sistema Solar passa a ter oito planetas...
Plutão passa a planeta anão.
B - Havia duas propostas sobre a mesa da Assembleia-Geral da UAI que resultaram de uma
acesa contestação à proposta inicial do comité encarregue de elaborar a definição de planeta.
No ensino das ciências sempre se enfatiza a importância de os alunos aprenderem os produtos
da ciência, ao mesmo tempo que aprendem sobre a própria ciência enquanto atividade
humana. Como se constrói o conhecimento científico e as relações que mantém com a
Sociedade e a Tecnologia, são dois aspetos importantes que podem educar cientificamente os
jovens, na medida em que os ajuda a compreender o papel que a Ciência e a Tecnologia têm
nas sociedades tecnológicas.
Localização da ISS
http://www.esa.int/esaCP/index.html
"Não se faz nada de grande sem fanatismo" Flaubert, Gustave
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

Criar flashcards