17/05 - manuscrito de um shaumbra

Propaganda
Mensagem dos irmãos do Intraterra - 17
de maio de 2013
Saudações, irmãos e irmãs.
Nós, seus irmãos intergalácticos, estamos presentes, hoje, para
transmitir-lhes uma mensagem de Amor, em uma linguagem Vibral,
absolutamente específica, que vocês não têm o hábito de ouvir em
seu mundo.
Unidos ao coração de Terra-Mãe, ao redor do Cristal de Gaïa, sua
Mãe-Terra, nós todos, seus irmãos do Intraterra, comungamos com
vocês, de coração a coração, não, unicamente, para celebrar essa
Festa que se anuncia e, notadamente, para preparar esse dia de
amanhã – 18 de maio – no qual vamos celebrar as Núpcias
Terrestres.
Os Melquisedeques da Terra, notadamente, e do Ar, igualmente,
estão muito presentes, hoje.
O Fogo e a Água juntam-se a nós, nesse Coração de quem nós
somos, de quem vocês são.
Seus irmãos de Sírius estão aí, igualmente, unidos a nós, seus
irmãos do Intraterra.
Nós estamos reunidos, todos, em torno de um imenso Cristal, eu
diria, esse cristal de Amor, que é o Coração Cristalino da TerraMãe, e que ressoa em perfeita harmonia, que pulsa em harmonia
com seu Coração Cristalino e, igualmente, o Coração Cristalino da
Fonte UNA, de onde nós vimos.
Seus irmãos de Sírius saúdam-nos e dirigem-lhes todo o Amor
deles.
Ramatan está aí, igualmente, mesmo se nós nos dirijamos a vocês
de um modo mais coletivo hoje, ainda mais unificado.
Nós somos, aí, numerosos, numerosos a regozijar-nos e a festejar
esses Reencontros, esses Reencontros dos Filhos do Um.
E como nós estamos felizes!
E, hoje, gostaríamos – unificados a esse Coração Cristalino,
coração da Terra, coração de Terra-Mãe, coração de quem somos
– de dirigir-nos a vocês nessa Linguagem Vibral, que vocês vão
descobrir, para fazer ressoar, em vocês, todo o Amor da Fonte.
Ela desconectará seu mental e tocará, diretamente, seu Coração, o
coração de suas células, o coração de quem vocês são, o que os
restitui, cada vez mais, à sua Unidade, celebrando, assim, as
Núpcias Terrestres, nossas Núpcias, eu diria, porque é um
momento de Unificação, de União total de nós todos.
São bem mais do que Reencontros...
Então, permaneçam centrados nesse Coração, não procurem
escutar essas palavras, façam o vazio e deixem ir.
Essa linguagem é nomeada de diversos modos, e nós a
chamaremos «Gina Abdùl », para seus irmãos e irmãs.
Bênçãos, bênçãos, tão amados, da Fonte de quem vocês são, do
Coração de Terra-Mãe, de nós todos, nessa linguagem Vibral de
Amor.
Essas Vibrações são portadoras de quem vocês são, dos Mundos
de onde vocês vêm, e estamos felizes por oferecê-las nesse
instante abençoado, queridos filhos.
Então, irmãos e irmãs, juntos, comunguemos, de coração a
coração, nesse Coração de Cristal da Fonte que somos, em
Verdade e na Totalidade.
(Segue mensagem na Linguagem Vibral)
Áudio da Mensagem em Linguagem Vibral
Link para download: clique aqui
Graças, queridos filhos…
SOHAN… SOHAN…
Nós somos um único e mesmo Coração e todos, unificados na
Fonte, nesse Coração coletivo, eu diria, mas unificados, nós somos
UM novamente.
A Festa que se anuncia será celebrada e é, já, celebrada na maior
alegria.
Nós formamos muita dança!
CRISTO está aí, em vocês, em cada um de nós, mais do que nunca
manifestado e, muito rapidamente, cada vez mais, Ele manifestará
Sua Presença sobre a Terra, em seu mundo de terceira dimensão.
Então, os alguns conselhos que poderíamos dirigir a vocês, hoje e
nesses tempos, esses Tempos Finais de Reencontros, é a Alegria,
é o Silêncio, são momentos de interioridade que os porão, muito
naturalmente, em face de si mesmos, em face do que vocês são, do
que nós somos.
Nada mais retenham, soltem, deixem ir e, tal uma criança que se
deixa ir nos braços de sua mãe, deixem-se inundar de Seu Amor, o
Amor de sua Mãe, o Amor de CRISTO, a Graça que vocês são, na
realidade, e que reintegram, progressivamente, de um modo
perfeitamente natural.
E isso é tão maravilhoso!...
O Cristal da Terra-Mãe, fusionado, inteiramente, com o Coração
Cristalino da Fonte, está no ponto de emitir seu canto, seu Canto
Final, queridos filhos.
Vocês sabem o que isso significa...
A partir desse instante, vocês perceberão o sinal, no coração de
seu próprio coração cristalino, porque ele mesmo é unificado e
fusiona, cada vez mais, com esse Coração de Amor.
Vocês serão, então, mergulhados nesses momentos de estase de
que nós tanto lhes falamos, de que mencionamos a existência, em
todas essas mensagens, precedentemente.
E, pouco a pouco, cada um em seu ritmo, seu coração Cristalino
será, totalmente, fusionado com o coração da Fonte e de quem
vocês são, de sua Natureza verdadeira.
A partir daí, vocês serão liberados, inteiramente, inteiramente.
Não há palavras para exprimir toda a alegria que nos habita, há
tanto tempo, queridos filhos, irmãos e irmãs de Amor.
Então, regozijem-se, porque o Apelo Final está no ponto de vibrar,
de ressoar, e é um real Canto de Amor que será pronunciado,
ressoado, através não, unicamente, de todo o planeta, mas,
igualmente, além, através de todo o Criado, em cada parcela da
Criação.
Vejam vocês, é como se a Criação toda, inteira, estivesse prestes a
dar à luz.
É tal momento de alegria, de alegria infinita!
Sim, caros amigos, caros irmãos e irmãs, o momento Final chegou.
Graças, Graças em seus corações.
Nós os cercamos de todo o nosso Amor, vocês, que são o que nós
somos, em verdade, para além de todo sonho, de toda ilusão.
O jardim da Nova Terra, desse novo mundo floresce, já, em seus
corações e em nossos corações.
Que maravilha!...
Jardim do Contentamento, jardim de sua Morada Eterna...
Cada coração está aí, como uma flor que se une ao Sol, que se une
a esse canto de Amor que se eleva, cada vez mais, ao mesmo
tempo do coração da Terra-Mãe e, ao mesmo tempo, do coração da
Fonte.
E assim, ambos voltam a tornar-se o UM, nesse momento Final,
nessas Núpcias Finais.
O que há de mais maravilhoso, queridos filhos, queridos doces
amados, queridos Filhos do UM?
Eis nossa mensagem de hoje.
Comunguemos, comunguemos todos UM, nesse Coração, nesse
Centro para além de todo centro porque, finalmente, não há centro.
Isso, vocês vão redescobrir, pouco a pouco, com admiração e com
Amor.
Que a Paz esteja em seus corações, que a Paz inunde-os, e nós
lhes damos encontro nesse 18 de maio, para celebrar todo o nosso
Amor.
Nós os amamos.
Issilièn Brémisskan, issiliàn eptehlan… IS-IS maptahlen, Ki-Ris-Tèn
apthùlanadayn… (*)
Graça…
Graça…
Paz em seus corações.
Até sempre, obrigado a vocês.
__________
(*) eu sinto palavras de Amor de nossa Mãe, bênçãos da parte de
Is-Is e Ki-Ris-Ti, "brémisskan" é algo como "queridos filhos de
amor"...
______________
Mensagem canalizada por: Séverine Authier
Fonte: gracedelamour.blogspot.ca
Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com
http://leiturasdaluz.blogspot.com.br/2013/05/mensagem-dos-irmaos-do-intraterra-17de.html
Download
Random flashcards
paulo

2 Cartões paulonetgbi

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

teste

2 Cartões juh16

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Matemática

2 Cartões Elma gomes

Criar flashcards