Midiateca - Escola 24 Horas

Propaganda
Educador(a), a partir das sugestões abaixo, crie seu próprio exercício. Nossa intenção é
ampliar os conhecimentos curriculares, aliando o estudo a atividades motivadoras e de reflexão.
Corte, recorte, monte, copie, cole... Enfim, adapte-o à sua realidade!
Orientações ao professor
Os danos à camada de ozônio
Os estudos em sala sobre a camada de ozônio demonstram a importância do
conhecimento sobre essa questão. As últimas informações veiculadas na mídia revelam que a
camada de ozônio começa a se recuperar, segundo um painel científico das Nações Unidas.
Essa boa notícia tem a ver com a maior conscientização da população e dos governos?
Para tratar pedagogicamente do tema, sugerimos um debate amplo e transversalizado
com outras disciplinas. Inicialmente, proponha uma leitura em sala, com exercícios de
reflexão. Em seguida, promova momentos de conversa entre os alunos e apresentação oral
do assunto.
Para esse início, indicamos a leitura do texto abaixo e a problematização das questões
que o acompanham.
1.
Leia a matéria publicada no caderno Ciência e Saúde do G1 (globo.com):
Cientistas afirmam que camada de ozônio está se recuperando.
Relatório das Nações Unidas apresenta melhores índices em 35 anos.
Gases estufa ajudam na recomposição, mas ampliam aquecimento global.
(...)Pela primeira vez em 35 anos, cientistas foram capazes de confirmar um
aumento estatístico significativo e sustentado no ozônio estratosférico, que nos protege da
radiação solar que causa câncer de pele, danos à agricultura e outros problemas.
De 2000 a 2013, os níveis de ozônio cresceram 4 por cento em latitudes norte
a cerca de 30 milhas (48 km) de altura, disse o cientista da NASA, Paul A. Newman. Ele é um
dos autores de uma avaliação do ozônio feita a cada quatro anos por 300 cientistas, divulgada
pelas Nações Unidas.
“É uma vitória para a diplomacia e a ciência o fato de que fomos capazes de
trabalharmos juntos”, disse o químico Mario Molina. Em 1974, Molina e F. Sherwood Rowland
foram autores de um estudo científico que previa o esgotamento do ozônio. Eles ganharam o
Prêmio Nobel em 1995 pelo trabalho.
A camada de ozônio vinha se tornando cada vez mais fina desde o final dos
anos 70. Clorofluorcarbonos produzidos pelo homem, chamados de CFCs, emitiam cloro e
bromo, que destruíam as moléculas de ozônio suspensas no ar. Após um alerta de cientistas,
países ao redor do mundo concordaram com um tratado em 1987 para eliminar
progressivamente os CFCs. Os níveis desses elementos em alturas de 30 a 50 milhas estão
diminuindo.
As Nações Unidas estimaram em um relatório anterior que, sem o pacto, em
2030, dois milhões de casos extras de câncer de pele seriam registrados por ano no mundo.
Paradoxalmente, gases de efeito estufa, que retêm o calor – considerados a
maior causa do aquecimento global – também estão ajudando a reconstituir a camada de ozônio,
disse Newman. O relatório diz que a ampliação do nível de dióxido de carbono e outros gases
esfria a estratosfera superior, e o ar mais frio aumenta a quantidade de ozônio.
E, em outra tendência preocupante, os elementos químicos que substituíram os CFCs contribuem
para o aquecimento global e estão aumentando, disse a cientista estudiosa de atmosfera do MIT,
Susan Solomon. No momento, eles não representam grande ameaça, mas é esperado que
aumentem dramaticamente até 2050 e façam “uma enorme contribuição” para o aquecimento
global.
A camada de ozônio ainda está longe de ser recuperada. Elementos químicos
devoradores de ozônio e de longa duração que ainda permanecem na atmosfera criam
anualmente um buraco no extremo do Hemisfério Sul, e o buraco não foi fechado. Além disso, a
camada de ozônio ainda está cerca de 6 por cento mais fina do que na década de 80, segundo
cálculos de Newman. Os níveis de ozônio estão “em ascensão, mas ainda não chegaram lá”,
afirmou.
Paul Wapner, professor de políticas ambientais globais na American University,
disse que as descobertas são “boas notícias em um cenário geralmente sombrio” e enviam uma
mensagem de esperança aos líderes mundiais(...) .
“O precedente é realmente importante porque a sociedade está encarando outro
sério problema ambiental mundial, as alterações climáticas”, disse Molina, professor em San
Diego e na Cidade do México. O cientista de 71 anos disse que achou que não viveria para ver o
dia
em
que
a
camada
de
ozônio
estaria
se
recompondo
(...).
http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2014/09/cientistas-afirmam-que-camada-de-ozonio-esta-serecuperando.html
Problematizando...
a) Segundo o texto, o ozônio é um gás muito importante para a vida no planeta.
Pesquise no texto os impactos causados pela diminuição do gás na atmosfera.
________________________________________________________________
________________________________________________________________
b) O trecho: “Clorofluorcarbonos produzidos pelo homem, chamados de CFCs,
emitiam cloro e bromo, que destruíam as moléculas de ozônio suspensas no ar.”
(4º parágrafo), nos mostra a causa do uso dos CFCs. Já sabemos que há uma
política internacional de controle do gás, mas ainda há muito a fazer. Em sua
opinião, como a população pode contribuir para diminuir os impactos do CFC?
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
c) Onde está localizado o buraco na camada de ozônio? Que países são mais
afetados com a radiação dos raios UV? Esses países controlam a emissão do
CFC?
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
d) Apesar dos níveis de ozônio estarem crescendo, os cientistas nos alertam que
há muito a fazer. Retire do texto esta ideia e comente.
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
2.Crie com seus colegas uma mensagem de conservação da camada de ozônio. Escreva
um pequeno texto que caiba no panfleto abaixo. Mãos à obra!
Educador(a),
Prepare um debate na escola, com a caracterização de personagens, por exemplo: cientistas,
políticos, pessoas.
Sugestão de pergunta disparadora: O uso de aerossóis, de isopores, de aparelhos de arcondicionado e geladeiras foi considerado nocivo por liberar grande quantidade de CFC
na atmosfera. Em sua opinião, uma ação do governo, controlando a produção industrial
é suficiente? Apresente seus argumentos.
Aproveite também para conhecer mais sobre outros temas relacionados ao estudo da
Atmosfera. Confira nosso Estudo Interativo sobre Aquecimento Global.
Download
Random flashcards
Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Criar flashcards