ficha de emergência

Propaganda
FICHA DE EMERGÊNCIA
Expedidor:
Adama Brasil S/A.
Endereço: Rua Pedro Antônio
de Souza, 400
Parque Rui Barbosa
CEP 86031-610 – Londrina – PR
Tel: (43)3371 9000
Telefones de Emergência:
Adama Brasil S/A - Toxiclin
0800 200 2345
RENACIAT (Rede Nacional de Centros
de Informação e Assistência
Toxicológica) 0800 722 6001
Suatrans Cotec 0800 400 7070
Nome apropriado para o
embarque
PESTICIDA SÓLIDO,
TÓXICO, N.E. (Acetamiprid).
Número de risco: 60
Número da ONU: 2588
Classe ou subclasse de risco: 6.1
Descrição da classe ou subclasse de
risco: SUBSTÂNCIAS TÓXICAS
SAURUS
Grupo de embalagem: III
Aspecto: Sólido em forma de pó solúvel de coloração azul claro e inodoro. INCOMPATIBILIDADE QUÍMICA:
Incompatível com os produtos explosivos 1.1; 1.2; 1.3; 1.5; 1.6; substâncias explosivas da subclasse 1.4 exceto
grupo de compatibilidade S; substâncias auto reagentes (Subclasse 4.1) que contém o rótulo de risco
subsidiário de explosivo e peróxidos orgânicos (subclasse 5.2) que contém o rótulo de risco subsidiário de
explosivo.
EPI de uso exclusivo para a equipe de atendimento a emergência: Utilizar máscaras combinadas, com
filtro químico para vapores orgânicos, gases ácidos e pesticidas com filtro mecânico para particulados, utilizar
luvas de borracha nitrílica, PVC ou outro material impermeável, utilizar óculos de segurança para produtos
químicos, utilizar macacão de mangas compridas impermeáveis ou hidro repelentes e botas de PVC. O EPI do
motorista esta especificado na ABNT NBR 9735.
RISCOS
Fogo: O produto não é inflamável. A queima do produto pode produzir gases tóxicos e irritantes tais como,
monóxido de carbono, dióxido de carbono e outras substâncias orgânicas não identificadas.
Saúde: baseado em estudos experimentais de toxicidade aguda em animais, os únicos sinais observados
foram salivação, rinorréia, incontinência urinária, tremores e convulsões tônicos - clônicas. DL50 Oral em ratos:
808 mg/Kg; DL50 Dérmica em ratos: > 2000 mg/Kg; CL50 Inalatória: > 3,5 mg/L.
Meio Ambiente: A dispersão no ambiente pode contaminar a área. Evite entrada em cursos de água. O
produto pode ser perigoso para o meio ambiente. Solubilidade: após a inversão por 10 vezes à 180° e
revertendo novamente, a solução se tornou clara. Densidade: 0,25-0,35 kg/m³.
EM CASO DE ACIDENTE
Vazamento: Eliminar toda fonte de fogo ou calor. Afastar os curiosos e sinalizar o perigo para o trânsito.
Conter e recolher o derramamento. Colocar os resíduos em um recipiente para eliminação de acordo com as
regulamentações locais. Utilizar preferencialmente aspirador industrial para coletar os resíduos e limpar com um
detergente para acabamento final; evitar o uso de solventes.
Fogo: meios de extinção apropriados: espuma resistente a álcool, CO2, pó químico seco e água em último
caso. Utilizar equipamento de respiração autônoma e roupas apropriadas para combate a incêndio.
Poluição: Evitar a contaminação dos cursos d’água caso seja usado água no combate ao incêndio, vedando
a entrada de galerias de águas pluviais (boca de lobo). Avise a Defesa Civil: 199.
Envolvimento de pessoas: Levar o acidentado para um local arejado. Retirar as roupas contaminadas.
Lave as partes do corpo atingidas com água. Se o acidentado estiver inconsciente e não respirar mais, não
aplicar respiração boca a boca. Utilizar um intermediário ou Ambu para realizar o procedimento. Em caso de
contato com os olhos, lave-os com água em abundância. Encaminhe ao serviço médico mais próximo levando
esta ficha.
Informações ao Médico: Não há antídoto específico. Em caso de ingestão recente de grandes quantidades,
procedimentos de esvaziamento gástrico tais como lavagem gástrica poderão ser realizados e com especial
atenção visando prevenir a aspiração pulmonar, em virtude do risco de pneumonite química. Carvão ativado e
laxantes salinos poderão ser utilizados devido a provável adsorção do princípio ativo pelo carvão ativado. O
tratamento sintomático deverá compreender, sobretudo medidas de suporte como correção de distúrbios
hidroeletrolíticos e metabólicos, além de assistência respiratória. Monitoramento das funções hepática e renal
deverá ser mantido. Em caso de contato ocular, proceder à lavagem com soro fisiológico seguida de oclusão e
encaminhamento para avaliação oftalmológica. Eventuais convulsões podem ser tratadas com
benzodiazepínicos IV (Diazepam ou Lorazepam).
Observações: As instruções ao motorista, em caso de emergência, encontram-se descritas exclusivamente
no envelope para transporte.
Elaboração Toxiclin: 08 / 09 / 2009
Revisão (02): 09/03/2015
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

teste

2 Cartões juh16

paulo

2 Cartões oauth2_google_ddd7feab-6dd5-47da-9583-cdda567b48b3

Criar flashcards