mais - Sociedade Portuguesa de Cardiologia

Propaganda
Sociedade Portuguesa de Cardiologia assinala
Dia Europeu da Insuficiência Cardíaca
Dançar é uma excelente forma de fazer exercício físico e também uma
das mais divertidas. Tendo isso em mente, o Largo da Oliveira, em
Guimarães, e o Parque das Conchas, em Lisboa, recebem uma aula que
visa chamar a atenção para o papel do exercício na prevenção e
tratamento da Insuficiência Cardíaca (IC), uma das pandemias do século
XXI.
Comemoram-se nos dias 9 a 11 de maio, os Dias Europeu da Insuficiência Cardíaca.
Portugal vai juntar-se à comemoração desta data e pela mão da Sociedade Portuguesa
de Cardiologia (SPC) vai promover algumas atividades que visam dar a conhecer uma
doença cuja incidência tem vindo a aumentar e afeta, sobretudo, pessoas com mais de
65 anos.
A Sociedade Portuguesa de Cardiologia quer nestes dias sensibilizar a população
para esta patologia, dando enfoque à importância da prevenção, ao diagnóstico
precoce e à orientação atempada dos doentes.
O que é a Insuficiência cardíaca?
A insuficiência cardíaca pode ser a consequência de um conjunto de doenças que
levam a que o coração não bombeie o sangue necessário ao funcionamento dos
restantes órgãos, tendo como sintomas o cansaço, a falta de ar ou inchaço nas pernas.
Acompanhando a tendência do envelhecimento da população portuguesa, esta
patologia é hoje uma das principais causas de internamento hospitalar em pessoas
com mais de 65 anos e a sua prevalência continua a aumentar de forma alarmante,
afetando atualmente 4,3% da população, e chegando aos 13% nas idades mais
avançadas.
Embora não haja propriamente um doente padrão, os indivíduos com alto risco de
desenvolver IC são os que já tiveram um enfarte e os hipertensos; os diabéticos, os
fumadores, os doentes com colesterol alto, e os indivíduos com hábitos etanólicos
pesados são tambem pessoas com maior risco de vir a ter insuficiencia cardíaca.
Quais os sinais de alerta a que deve estar atento e qual o tratamento?
As queixas dos doentes deverão ser um sinal de alerta para o médico. O cansaço, a
falta de ar e o aumento do volume abdominal podem ser indicadores da presença
desta patologia, que quando aliados a fatores de risco cardiovascular poderão deixar
pouca margem para dúvidas quanto ao diagnóstico.
Quanto ao tratamento, adotar um estilo de vida saudável, com prática de exercício
físico regular e uma dieta equilibrada, é o primeiro passo a dar.
Diagnóstico precoce: uma necessidade premente
Para assinalar mais um Dia Europeu da Insuficiência Cardíaca, o Grupo de Estudos
de Insuficiencia cardíaca da SPC quer deixar um alerta para a comunidade em geral,
mas também à comunidade médica, para que possa ser dada uma maior atenção aos
sintomas e seja possível obter uma orientação atempada.
Um diagnóstico precoce pode não só promover uma melhoria da qualidade de
vida, mas sobretudo levar a uma diminuição da mortalidade. Os especialistas
salientam que quando se fala em IC é preciso reter: trata-se de uma doença "fatal",
com uma mortalidade superior à maioria das doenças cancerígenas e que condiciona
muito a qualidade de vida dos pacientes.
Atividades a desenvolver no âmbito do Dia Europeu da Insuficiência Cardíaca:
Dia 9 de Maio
17h, Largo da Oliveira, Guimarães
Actividade dirigida à população geral, bem como aos doentes com insuficiência
cardíaca e seus familiares.
Haverá distribuição de folhetos com informação relevante sobre insuficiência
cardíaca e seu tratamento.
Aula de dança, alertando para a necessidade da prática de exercício físico, quer para
prevenção da IC, quer como parte fundamental do tratamento. Pretende-se que a
população entenda que o exercico pode ter muitas formas, e pode ser divertido.
Dia 10 de Maio
9h30, Hotel de Guimarães
Reunião com a Medicina Geral e Familiar- Um sábado com a Insuficiência
Cardíaca.
Inserida no plano de reuniões do Grupo de Estudo da Insuficiência Cardíaca com a
Medicina Geral e Familiar (MGF), esta reunião tem como foco o diagnóstico e
tratamento da IC.
De novo, nesta reunião haverá uma mesa de casos clínicos, apresentada pela MGF,
ilustrando situações e problemas do seu dia-a-dia, e a transmissão online da mesma.
Dia 11 de Maio
10h30, Parque das Conchas, Lumiar, Lisboa.
EXERCÍCIO NO PARQUE- Atividade de exercício anual do Grupo de Estudos de
Reabilitação Cardíaca da Sociedade Portuguesa de Cardiologia para o doente
Cardiovascular e população em geral, que visa alertar a população para o combate ao
sedentarismo e para a importância do exercício programado (e individualizado).
Este ano com grande enfoque nos doentes com Insuficiência Cardíaca, uma vez que
este grupo de doentes são dos que mais beneficiam com um treino adequado de
programas de Reabilitação Cardíaca.
A concentração no Parque das Conchas Lumiar será junto ao restaurante Conchas.
Haverá caminhada, ginástica, dança, rastreios, entrega de folhetos e muito mais.
Estarão presentes equipas profissionais de Reabilitação Cardíaca e doentes dos
vários centros de Lisboa, acompanhados de familiares e amigos. Estarão também
presentes fisiologistas de exercício da Faculdade de Motricidade Humana e uma
professora de dança.
DANCE, PARTICIPE, MEXA-SE, VÁ ATÉ AO LARGO DA OLIVEIRA ou ao PARQUE DAS
CONCHAS. Comemore o Dia Europeu da Insuficiência Cardíaca dando o primeiro
passo no caminho da prevenção das doenças cardiovasculares.
NÃO FALTE!
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

teste

2 Cartões juh16

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Criar flashcards