Arquivos de Texto - PIB Curitiba – Intranet

Propaganda
1
Mensagem para o dia 19 de Maio.
Texto: Tiago 4.11-12
“Irmãos, não faleis mal uns dos outros. Aquele que fala mal do irmão
ou julga a seu irmão fala mal da lei e julga a lei; ora, se julgas a lei, não és
observador da lei, mas juiz. Um só é Legislador e Juiz, aquele que pode
salvar e fazer perecer; tu, porém, quem és, que julgas o próximo?”
Tema: COMO EVITAR O DESEJO DE JULGAR
Introdução:
Hoje quero falar sobre o jogo que muitos cristãos participam e fazem em
nome de Deus. Existem muitos crentes brincando de ser Deus na área do
julgamento .
 A nossa intenção hoje é ver o que Tiago tem a nos ensinar sobre isto.
 Por que não devemos julgar?
 Quando é errado julgar o irmão?
 Sua vida será mais feliz se Você aprender a lidar com esta questão.
Romanos 2.3: “Tu, ó homem, que condenas os que praticam tais
coisas e fazes as mesmas, pensas que te livrarás do juízo de Deus?
 Paulo está dizendo que uma das razões porque nós temos a tendência
de julgar o outro é para cobrir nossas próprias faltas.
 A impressão é que apontando o dedo para o outro Deus vai esquecer
nossas faltas.
 Outra razão porque julgamos é porque apela para o nosso orgulho.
Provérbios 26.22: As palavras do maldizente são comida fina, que desce
para o mais interior do ventre”.
 O escritor está dizendo que o julgamento é o prazer de muitos.
 Você já percebeu como nós ficamos ouvindo atentamente quando a
conversa é sobre a vida dos outros?
 Jesus condenou o desejo de julgar mais do que qualquer outro pecado.
 Este é um problema de todo ser humano.
 Parece que nos sentimos melhor quando descobrimos que os outrs
também tem erros.
I. EXISTEM MUITOS TIPOS DE JULGAMENTO.
1. O julgamento de Primeiro Grau.
Obs. Este é quando Você faz uma afirmação direta e clara sobre a pessoa.
Ex. Você sabe o que este irmão fêz?....
2. Existe Também o Julgamento de Segundo Grau. (Este aqui os crentes
adoram)
Obs. Neste a pessoas fala assim: estou compartilhando isto com Você assim
Você pode orar comigo sobre este assunto.
2
Ex. Os especialistas do julgamento de segundo grau adoram um culto de oração. (
ficam de orelha em pé) um irmão levanta e fala assim; irmãos gostaria que vocês
orassem pela minha família, meu relacionamento com o esposo. (hum!!!!!!!. Tá
separando do marido.
3. Existe o Julgamento Para Cobrir Uma Falha.
Obs. Se Você está julgando um irmão que tem uma divida de 20 mil dólares,
quando Voce tem uma de 10 mil dólares......... o seu erro é tão grande quanto o
dele.
II. POR QUE NÃO DEVEMOS JULGAR O IRMÃO?
1. Não é Cristão
Verso 11: “Irmãos, não faleis mal uns dos outros. Aquele que fala mal
do irmão ou julga a seu irmão fala mal da lei e julga a lei; ora, se julgas a lei,
não és observador da lei, mas juiz”.
 Notem que a palavra irmão é mencionada 3 vêzes nesta passagem. Por
que? Porque Tiago deseja nos alertar que somos uma família. Somos parte do
mesmo corpo. Somos parte do mesmo rebanho.Temos que aprender a viver
juntos porque passaremos a eternidade juntos.
 Você sabia que apalavra “julgar” é a mesma palavra para diabo. A
Biblia diz que o diabo é o julgador dos cristãos. O papel principal do diabo é julgar
os crentes, colocar as pessoas para baixo, desprezar, humilhar...
2. Não Devo Julgar Porque é Falta de Amor Cristão.
“Irmãos, não faleis mal uns dos outros. Aquele que fala mal do irmão
ou julga a seu irmão fala mal da lei e julga a lei; ora, se julgas a lei, não és
observador da lei, mas juiz”. (Tiago 4:11)
 Julgar o irmão é uma manifestação clara de ausência de amor cristão.
De que lei Tiago está falando?
 O que ele menciona está lei - Tiago 2.8: “Se vós, contudo, observais a
lei régia segundo a Escritura: Amarás o teu próximo como a ti mesmo, fazeis
bem”.
 Lembre-se sempre: as pessoas jamais esquecerão de nossas palavras.
3. Não Devemos Julgar Porque Não Tem Justificativa.
 Existe somente um juiz. ( Deus). Não temos o direito de julgar ninguém.
 Somemte Deus tem o direito de julgar as pesoas.
 É parte do trabalho de Deus e não do seu trabalho.
 Deus não nos comissionou para falar com todo mundo a respeito da vida
dos outros.
 Um dos grandes erros que cometemos como pessoas é julgar um irmão
porque ele ou ela cometeu um erro um dia.
3
 Sabia que temos a tendência de julgar nas pessoas erros que não
gostamos na gente? A psicologia chama isto de projeção.
III. QUANDO É ERRADO JULGAR O MEU IRMÃO?
 Existe sete lugares nas escrituras que nos mostra quando é errado julgar
o irmão.
 Também existem passagens nas escrituras que mostra que em certas
circunstancias nós devemos julgar.
Ex. Quando Você está ouvindo um pregador você não tem que crer
cegamente no que ele está falando , com medo de está julgando. A Bíblia diz que
nós devemos fazer como os bereanos ( checar para ver se o que o pregador diz
bate com as escrituras)
 Vamos ver então quando não devemos julgar:
1. É Errado Julgar Outras Pessoas Quando eu Estou Fazendo o Mesmo Que
Ela.
Romanos 2.1-3: “Portanto, és indesculpável, ó homem, quando julgas,
quem quer que sejas; porque, no que julgas a outro, a ti mesmo te
condenas; pois praticas as próprias coisas que condenas. Bem sabemos
que o juízo de Deus é segundo a verdade contra os que praticam tais coisas.
Tu, ó homem, que condenas os que praticam tais coisas e fazes as mesmas,
pensas que te livrarás do juízo de Deus?”
Ilustração. Você se lembra da mulher pega em adultério que foi que Jesus
falou com os fariseus?
2. É Errado Julgar o Irmão Quando Estou Cego Com os Meus Próprios
Erros.
Mateus 7.3-5: “Por que vês tu o argueiro no olho de teu irmão, porém
não reparas na trave que está no teu próprio? Ou como dirás a teu irmão:
Deixa-me tirar o argueiro do teu olho, quando tens a trave no teu?
Hipócrita! Tira primeiro a trave do teu olho e, então, verás claramente para
tirar o argueiro do olho de teu irmão”.
 Veja que Jesus também gostava de contar umas ilustrações engraçadas.
 Porque Você está olhando um palito de fósforo no olho do teu irmão
quando tem uma lasca de lenha em seu olho.? Do mesmo jeito que Você está
julgando será julgado.
3. É Errado Julgar o Irmão Quando Você Tira as Suas Conclusões Baseados
na Aparência Exterior.
João 7.24: “Não julgueis segundo a aparência, e sim pela reta justiça”.
4
 Já viu quando chega alguém na igreja e Você diz: não fui com a cara
daquele irmão . (Julgando pela aparência )
 E ai como se não bastasse, quando alguém pergunta sobre aquela pessoa
uma informação, a resposta: não fui com a cara dele.
 Você sabia que temos a tendência de fazer o nosso julgamento da pessoa
nos primeiros 15 segundos com ele ? Em 15 segundos nós medimos a pessoas,
olhamos a roupa, o rosto, a forma de se expressar e fazemos o primeiro
diagnóstico.
Ilustrando: Conta-se que Einstein, grande matemático de renome mundial
pela sua conhecida teoria a relatividade, certa ocasião, em Berlim, quando andava
de bonde, equivocou-se ao pagar a sua passagem, tendo o condutor procurado
devolver o que recebeu a mais. Einstein não quis receber a princípio, dizendo que
estava certo. Verificado, porém, o seu engano, pela nova contagem do dinheiro, o
condutor, ao devolver-lhe o troco, lança-lhe em rosto esta censura: "Eu não tenho
culpa do senhor não saber contar”. Daí a prevenção de Jesus em João 7:24:
"Não julgueis segundo a aparência mas julgai segundo a reta justiça". Não
foi isso que aconteceu com Samuel, que além de Profeta, Sacerdote ele era
também Juiz:I Sam. 16:7: “ Porém o SENHOR disse a Samuel: Não atentes para
a sua aparência, nem para a sua altura, porque o rejeitei; porque o SENHOR
não vê como vê o homem. O homem vê o exterior, porém o SENHOR, o
coração”.
4. É Errado Julgar o Irmão Sem Antes Conhecer os Fatos a Seu Respeito.
João 7.51: “Acaso, a nossa lei julga um homem, sem primeiro ouví-lo e
saber o que ele fez?”
 Estas foram as palavras de Nicodemos em relação a Jesus Cristo.
 Você nunca poderá julgar uma pessoa sem conhecer os fatos a seu
respeito. ( É irresponsabilidade, é falta de amor, não é justo, é inadmissível).
 Quando uma pessoas vem me contar uma história a respeito de outra eu
pergunto logo. Vamos poder depois chamar esta pessoa para conversar? não
porque não quero meu nome exposto......... Então pare. Há sempre os dois lados
da história.
5. É Errado Julgar a Vida Espiritual do Irmão Pelos Usos e Costumes.
 Colosensses 2.16: “Ninguém, pois, vos julgue por causa de comida e
bebida, ou dia de festa, ou lua nova, ou sábado”.
 Eu não posso dizer se uma pessoa é espiritual ou não pelo modo de
vestir, de comer, ou de beber.
 Existem algumas modas/costumes “entrando” em nossa; alguns dos
meninos resolveram pintar o cabelo de louro.....piercing... eu não tenho o direito
de dizer que eles não são espirituais por causa desta atitude.
 O que precisamos descobrir é o que está por destras desta atitude deles. (
De repente é apenas por brincadeira).
 Paulo escrevendo aos Romanos 14.2-8: “Um crê que de tudo pode
comer, mas o débil come legumes; quem come não despreze o que não
come; e o que não come não julgue o que come, porque Deus o acolheu.
5
Quem és tu que julgas o servo alheio? Para o seu próprio Senhor está em pé
ou cai; mas estará em pé, porque o Senhor é poderoso para o suster. Um faz
diferença entre dia e dia; outro julga iguais todos os dias. Cada um tenha
opinião bem definida em sua própria mente. Quem distingue entre dia e dia
para o Senhor o faz; e quem come para o Senhor come, porque dá graças a
Deus; e quem não come para o Senhor não come e dá graças a Deus. Porque
nenhum de nós vive para si mesmo, nem morre para si. Porque, se vivemos,
para o Senhor vivemos; se morremos, para o Senhor morremos. Quer, pois,
vivamos ou morramos, somos do Senhor”.
Verso 13: “Não nos julguemos mais uns aos outros; pelo contrário,
tomai o propósito de não pordes tropeço ou escândalo ao vosso irmão”.
Verso 22: “A fé que tens, tem-na para ti mesmo perante Deus. Bemaventurado é aquele que não se condena naquilo que aprova”.
 É errado julgar
externa.
a
vida espiritual do irmão pela aparência
6. É Errado Julgar o Irmão Quando Isto Nos Leva a Falar Palavras Maldosas
a Respeito do Irmão.
Tiago 4.11: “Irmãos, não faleis mal uns dos outros. Aquele que fala
mal do irmão ou julga a seu irmão fala mal da lei e julga a lei; ora, se julgas a
lei, não és observador da lei, mas juiz”.
 Qual é o objetivo das palavras? Corrigir o irmão ou destruir sua vida?
 Nós devemos detestar o pecado mas amar as pessoas.
Efésios 4.29: “Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, e sim
unicamente a que for boa para edificação, conforme a necessidade, e, assim,
transmita graça aos que ouvem”.
 Edifica, encoraja, motiva, ajuda, levanta, o propósito é ajudar a pessoa.
 Nós cristãos, devemos se conhecidos como encorajadores e não críticos.
 As pessoas sabem o que é certo ou errado elas precisam de
encorajamento para dar continuidade na vida.
7. É Errado Julgar as Decisões das Pessoas Quando na Verdade o Que
Queremos é Que Elas Façam a Nossa Vontade.
1 Coríntios 4.5: “Portanto, nada julgueis antes do tempo, até que venha
o Senhor, o qual não somente trará à plena luz as coisas ocultas das trevas, mas
também manifestará os desígnios dos corações; e, então, cada um receberá o seu
louvor da parte de Deus”.
 Nada devemos julgar antes do tempo.
 Não temos o direito de julgar as decisões das pessoas.
 Não temos o direito julgar a motivação do coração a pessoa.
Ex. Uma pessoa se envolve com uma área na vida da igreja. E alguém diz: deve
está querendo se aparecer.
6
Como Quebrar o Hábito de Julgar as Pessoas?
1. Lembre-se Que Seremos Julgados Com a Mesma Medida Q ue
os Outros.
Julgarmos
Mateus 7.1-2: “Não julgueis, para que não sejais julgados. Pois, com o
critério com que julgardes, sereis julgados; e, com a medida com que
tiverdes medido, vos medirão também”.
 Não julgueis, para que não sejais julgados" (v.1). Esta frase é
muito citada, mas mal interpretada e usada para tentar evitar um juízo mais crítico
por parte das outras pessoas, ou para não ver a própria vida sendo analisada por
outros. Jesus não condena um juízo crítico que alguém pode exercer para
escolher entre o bem e o mal.
2. Paulo recomenda aos Tessalonicenses que ponham todas as coisas à
prova (5:21). Neste mesmo capítulo de Mateus Jesus recomenda que nos
guardemos dos falsos obreiros, lobos devoradores com pele de ovelha (Mateus
7:15-23). O maus frutos desses falsos obreiros são a base para os conhecermos.
Como fazer isso sem julgamento?
3. Na realidade, Jesus condena aqui o chamado juízo temerário, um
julgamento sem amor e misericórdia, um juízo em que nos deixemos levar pelo
despeito, pelo ciúme, pela inveja, um julgamento impiedoso, injusto e desumano,
QUE PODE DECORRER DE VÁRIAS CAUSAS:
a. De um simples desejo de contar novidades.
b. Outras vêzes provêm do desejo de exaltação própria, por uma
maneira indireta.
c. Há uma terceira causa: e a condenação sumária de uma pessoa,
contra a qual não existe suficiente evidencia de culpabilidade.
4. Infelizmente temos caído frequentemente nesse tipo de falta, causa de
tremendos prejuízos para nós, para o nosso próximo, para a nossa igreja, para a
causa de Deus em geral.
5. Se julgarmos os outros impiedosamente e sem misericórdia, não
escaparemos do juízo também, seremos passíveis de condenação.
6. A palavra julgar vem de uma palavra grega que significa “julgar à luz das
evidências". O que Jesus condena aqui é o tipo de julgamento que mais parece
com condenação. Constantemente as pessoas estão olhando para as outras e
condenando o que elas fazem. ESSA É A FUNÇÃO DO JUÍZ.
2. Lembre-se Que Todos Prestaremos Contas ao Senhor.
Romanos 14.12: “Assim, pois, cada um de nós dará contas de si
mesmo a Deus”.
7
 Um dia todos estaremos diante do tribunal de Deus e prestaremos contas
de nossas palavras.
3. Lembre-se Como Deus Tem Sido Misericordioso Para Com Você.
Tiago 2.13: Porque o juízo é sem misericórdia para com aquele que
não usou de misericórdia. A misericórdia triunfa sobre o juízo”.
 Jesus disse que os misericordiosos serão bem aventurados.
 Nos precisamos usar da misericórdia para com as pessoas fracas e
carentes..
 Assim que Voce se converteu Voce saia exatamente o quanto Voce foi
perdoado.
CONCLUSÃO:
Está é uma área que todos nós devemos ter cuidado.
 Julgamento.
 Críticas
 Se Você tentar encontrar
determinada falta em uma pessoa
possivelmente irá encontrar...... todos seres humanos tem erros.
 Pare de brincar de ser Deus , julgando as pessoas.
 Não temos o direito de julgar os motivos das pessoas.
 Procure ver as partes positivas daquela pessoa.
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

paulo

2 Cartões oauth2_google_ddd7feab-6dd5-47da-9583-cdda567b48b3

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

Criar flashcards