Colégio Pré-Universitário De Ilha Solteira

Propaganda
Colégio Pré-Universitário De Ilha Solteira
AQUI SE ENSINA. AQUI SE APRENDE.
Lista De Exercícios De Física-ASTRIBALDO
Sistema Anglo de Ensino
01- ( IMS) As experiências nos mostram que , chamando a velocidade do som :
a) Vgases > Vliquidos > Vsolidos
b) Vgases < Vliquidos < Vsolidos
c) Vliquidos < Vgases < Vsolidos
d) Vsolidos < Vgases < Vliquidos
e) NDA
02- ( UFSC) No século XIX, o jovem engenheiro francês Nicolas L. Sadi Carnot publicou um pequeno livro 
Reflexões sobre a potência motriz do fogo e sobre os meios adequados de desenvolvê-la  no qual
descrevia e analisava uma máquina ideal e imaginaria, que realizaria uma transformação cíclica hoje
conhecida como “ciclo de Carnot” e de fundamental importância para a Termodinâmica.
Assinale a(s) proposições CORRETA(S) a respeito do ciclo de Carnot:
01.(
) Uma maquina térmica, operando segundo o ciclo de Carnot entre uma fonte quente e uma fonte fria,
apresenta um rendimento igual a 100%, isto é, todo o calor a ela fornecido é transformado em trabalho.
02.(
) Nenhuma maquina térmica que opere entre duas determinadas fontes, às temperaturas T1 e T2, pode
ter maior rendimento do que uma maquina de Carnot operando entre essas mesmas fontes.
04.(
) O ciclo de Carnot consiste em duas transformações adiabáticas, alternadas com duas transformações
isotérmicas.
08.( ) O rendimento da máquina de Carnot depende apenas das temperaturas da fonte quente e da fonte fria.
16.( ) Por ser ideal e imaginaria, a maquina proposta por Carnot contraria a segunda lei da Termodinâmica.
03- ( UNESP 2005) Um motor a gasolina ou a álcool pode ser representado por uma máquina térmica que segue
o ciclo:
1  2: expansão isobárica (admissão do combustível no cilindro à pressão atmosférica), representada no
diagrama P × V;
2  3: compressão adiabática (fechamento da válvula de admissão e compressão do combustível), representada
no diagrama P × V;
3 4: transformação isométrica (explosão, absorção de calor);
4 5: expansão adiabática (realização de trabalho pelo motor, giro do virabrequim);
5  2: transformação isométrica (exaustão, fornecimento de calor ao ambiente); e
2  1: compressão isobárica (expulsão de gases residuais, com válvula de exaustão aberta, à pressão
atmosférica). Pede-se:
a) represente o ciclo completo deste motor em um diagrama
P × V.
b) reproduza a tabela seguinte no seu caderno de respostas e complete-a, atribuindo para cada um dos quatro
processos o valor zero ou os sinais positivo (+) ou negativo (–) às grandezas , Q e .U, que são, respectivamente,
o trabalho realizado pelo ou sobre o motor, a quantidade de calor recebida ou fornecida pelo motor e a variação
da energia interna do motor.
04-( UNICAMP) É usual medirmos o nível de uma fonte sonora em decibéis (dB). O nível em dB
é relacionado à intensidade I da fonte pela fórmula
onde I0 = 10-12 W/m2 é um valor padrão de intensidade muito próximo do limite de audibilidade
humana. Os níveis sonoros necessários para uma pessoa ouvir variam de indivíduo para
indivíduo. No gráfico abaixo estes níveis estão representados em função da freqüência do som
para dois indivíduos, A e B. O nível sonoro acima do qual um ser humano começa a sentir dor é
aproximadamente 120dB, independentemente da freqüência.
a) Que freqüências o indivíduo A consegue ouvir melhor que o indivíduo B?
b) Qual a intensidade I mínima de um som (em W/m2) que causa dor em um ser humano?
05- Uma máquina térmica recebe 2,4.102 cal e realiza um trabalho útil de 2,0.102 J.
Dados: =util/Q;  =P.V. 1 cal = 4 Joules; 1 atm = 1,0.105 N/m2
a)
b)
Determine o rendimento da máquina;
Considerando que o trabalho da maquina é obtido isobaricamente a uma pressão de 2 atm, num pistão
que contém um gás, determine a variação de volume sofrida por ele dentro do pistão.
06- ( UFPR) Um gás ideal está contido no interior de um recipiente cilíndrico provido de um pistão, conforme a
figura abaixo. Considere que, inicialmente, o gás esteja a uma pressão p, a uma temperatura T e num volume V.
Com base nesses dados e nas leis da termodinâmica, é correto afirmar: Dados: Q = T + U ( Primeira Lei da
Termodinâmica)
01-( ) Em uma transformação adiabática, o gás absorve calor do meio externo.
02 - ( ) A energia interna do gás permanece constante em uma transformação isotérmica.
04-( ) Em uma expansão isobárica, a energia interna do gás diminui.
08-( ) Em uma transformação isovolumétrica, a variação da energia interna do gás é igual à quantidade de
calor que o gás troca com o meio externo.
16-( ) Pode-se diminuir a pressão do gás mediante a realização de uma expansão isotérmica.
07- Uma corda de um violão, com 50 cm de comprimento e 5 gramas de massa, está tensa sob a ação de uma
força de 400 N.Qual a freqüência do som fundamental emitido pela corda? ( Use n= 1-som fundamental)
f 
n F
2L 
humano a mínima intensidade sonora perceptível é de 10 -16 watt/cm2 e a
máxima intensidade suportável sem dor é de 10-4 watt/cm2. Uma FONTE SONORA produz um som que se
propaga uniformemente em todas as direções do espaço e que começa a ser perceptível pelo ouvido
humano a uma distancia de 1 km. Determine:
DADOS: I = Pm/S onde I –intensidade ; Pm- Potencia média; S-área da superfície é igual 4R2
08-( FUVEST) Para o ouvido
a)
a potencia sonora da fonte; ( A resposta pode ficar em função de )
b)
a menor distancia á fonte a que uma pessoa poderá chegar sem sentir dor. ( CUIDADO com as
UNIDADES !!!!! )
09-( MAck) Na propagação de um trem de ondas periódicas na superfície de um lago, um estudante
observa que a distância entre duas cristas de ondas consecutivas, é de 40cm e que o tempo decorrido
pela passagem das mesmas por determinado ponto é 0,5s. A velocidade de propagação dessas ondas é:
a) 0,2m/s
b) 0,4m/s
c) 0,6m/s
d) 0,8m/s
e) 1,0m/s
10-( UNESP 2008) Um recipiente
contendo um certo gás tem seu volume aumentado graças ao
trabalho de 1664 J realizado pelo gás. Neste processo, não houve troca de calor entre o gás, as
paredes e o meio exterior. Considerando que o gás seja ideal, a energia de 1 mol desse gás e a sua
temperatura obedecem à relação U = 20,8T, onde a temperatura T é medida em kelvins e a energia
U em joules. Pode-se afirmar que nessa transformação a variação de temperatura de um mol desse
gás, em kelvins, foi de
a) 50. b) – 60. c) – 80. d) 100. e) 90.
Download
Random flashcards
Criar flashcards