Slide 1

Propaganda
Cordão
Sanitário
* Na Europa, a crise do liberalismo
foi combatida com a organização
de Estados forte, com alta
concentração de poderes da mão
dos governantes (Nacionalistas e
Totalitários).
Características:
* Oposição a qualquer revolução
social;
* Forte autoritarismo e hostilidade
dos princípios liberal-democráticos;
* Incentivo ao sentimento nacional.
FASCISMO
* Em 1922, Benito Mussolini, o líder do Partido Fascista
Italiano, organizou a chamada Marcha sobre Roma.
* Cinqüenta mil milicianos fascistas (Camisas Negras),
ocuparam a capital italiana, exigindo a nomeação de
um governo presidido por Benito Musolini.
* Diante da pressão, o rei Victor Emanuel III, após a
renúncia de seu primeiro ministro, permitiu que os
fascistas organizassem um novo gabinete.
* Em 1924, Mussolini disputou
eleições e venceu.
* Mussolini eliminou o seu principal
opositor (Matteoti), e em 1925
implantou a ditadura do Duce.
* Concentrou o poder executivo,
proibiu a liberdade de expressão,
fechou os jornais, sindicatos e
partidos de oposição e criou a
polícia secreta OVRA, principal
responsável pela perseguição e
eliminação dos comunistas.
“Tudo pelo Estado, nada contra o Estado, nada acima do Estado”.
“Acredite! Obedeça! Lute!”.
NAZISMO
* A ascensão do Nazismo ao poder na Alemanha, tem
origens na própria derrota alemã na Primeira Guerra
Mundial.
* Após a queda do Império Alemão, foi organizado a
República de Weimar, que não possuía apoio dos
nacionalistas e era responsabilizada pelo acordo
desfavorável de Versalhes.
* O presidente da República, Hindenburgo, era
apontado como incapaz e fraca de debelar a crise.
* Em 1919, o Movimento
Espartaquista, facção
de esquerda radical do
Partido Socialdemocratas, tentou
depor o governo e
instaurar um governo de
inspiração bolchevique.
* Movimento foi
reprimido e os líderes
Rosa Luxemburgo e
Karl Liebkenecht,
assassinados.
* Ainda em 1919 foi fundado o Partido Nacional Socialista do
Povo Alemão (NASDAP).
* Em 1920 o NASDAP teve seu nome mudado para partido
Nazista.
*Em 1923, Hitler
tentou dar um golpe
de estado (Putsh de
Munique), e
fracassou, sendo
condenado à prisão.
* Durante sua
detenção, escreveu
a sua obra célebre, o
“Mein Kampft”
(Minha Luta).
* Com a crise de 1929, a situação
alemã piorou, favorecendo a
arregimentação do povo alemão para
o Partido Nazista com apoio de
empresas estrangeiras, frente a
ameaça de crescimento do
movimento de esquerda.
* Em 1933, Hitler tornou chanceler da
Alemanha.
* O incêndio do Reichstag Nazista no
mesmo ano, foi atribuído aos
comunistas, fato que serviu de
pretexto para Hitler suspender os
direitos individuais e exigir plenos
poderes ao Parlamento (Ditadura
Legal).
* Hitler perseguiu sindicatos e
partidos socialistas e iniciou uma
política de expurgos contra
democratas, socialistas e judeus.
* Em 1935, os judeus foram
excluídos da cidadania alemã.
* Em 1938, ocorreu a “Noite dos
Cristais”, quando grupos Nazistas
assassinaram dezenas de judeus
e incendiaram residências e
sinagogas em toda a Alemanha.
Os Judeus começaram a ser
mandados aos campos de
concentração.
FASCISMO NA ESPANHA
*A República havia sido proclamada em 1931, com o
fim do governo do rei Afonso XIII. Em 1936, uma
frente de esquerda venceu as eleições, proclamando
reformas profundas no país.
* Frente a possibilidade da tomada de poder pela
esquerda, estoura a Guerra Civil Espanhola. De um
lado, a maior parte do exército, os monarquistas, o
clero, latifundiários e industriais, liderados pelo
general franco, formando a Falange. Do outro lado,
operários, anarquistas, marxistas e republicanos.
* A Guerra Civil na Espanha, contou com ajuda internacional para os
dois lados. Os nazi-fascistas enviaram ajuda à franco e a esquerda
recebeu ajuda das Brigadas internacionais, favoráveis à República.
* O maior episódio da guerra, o bombardeio de uma aldeia basca
pela aviação alemã, foi imortalizada na obra Guernica, do pintor
Pablo Picasso.
* Em 1939, as tropas de
Franco venceram a
batalha com um saldo de
um milhão de mortos.
* Na década de 70,
Franco preparou a
transição política com a
volta à monarquia.
Somente em 1975 a
Espanha voltou à
democracia.
 Para os povos da Europa, a Grande Guerra de 1914 – 1918
fora feita para acabar com todas as guerras do mundo. No
entanto, ela não fez mais do que preparar um novo conflito.
 O comportamento das nações vencedoras, após a Primeira
Guerra, foi vingativo. Procuraram devastar seus antigos
adversários, especialmente a Alemanha.
 A Liga das Nações, criada com o objetivo de resolver
pacificamente os conflitos internacionais, não conseguiu atingir
seus objetivos.
 A partir de 1930, a situação
internacional entrou em nova fase
de tensão, acabando com o
sentimento otimista das nações
européias, que desde 1925
começavam a se recuperar. A crise
econômica, iniciada em 1929,
acentuou os nacionalismos,
fazendo reaparecer uma atmosfera
de inquietação. Os países
europeus dividiram-se em três
blocos: de um lado, isolada, a
Rússia Comunista; de outro, as
democracias liberais, junto com a
Inglaterra e a França; por fim, os
Estados Fascistas (Itália e
Alemanha).
 Ao mesmo tempo, a
Alemanha, desrespeitado o
Tratado de Versalhes,
reiniciava sua produção de
armamentos e reorganizava
suas Forças Armadas. Em
1935, a Itália invadia a
Etiópia (Abissínia).
PACTO DE AÇO
 Pacto militar entre a
Alemanha e a Itália
celebrado a 22 de maio
de 1939, nas vésperas da
II Guerra Mundial, que
definia:
Lutar lado a lado pelo
seu “espaço vital”.
Mussolini e Adolf Hitler
 Como o Japão, a Alemanha retirou-se da Liga das Nações,
e, violando o Tratado de Versalhes, ocupou a Renânia (região
desmilitarizada entre a França e a Alemanha).
Chamberlaim
Adolf Hitler
- Há muito tempo que o Sr. Está aí incomodando minhas afilhadas!
Falemos claro: as suas intenções são boas?
- Não senhor!
- Ah! Pensei que as suas intenções não eram boas...
17/09/1938
 Ainda em 1939, Hitler invadiu a Tchecoslováquia.
 Em 1938 anexou a Áustria à Alemanha (Anschluss).
PACTO GERMANO-SOVIÉTICO
 Em agosto de 1939, é assinado o Pacto de não agressão
germano-soviético, cujas cláusulas secretas implicam na:
 partilha da Polônia;
reconhecendo a
hegemonia soviética
sobre os Estados
Bálticos (Letônia,
Estônia e Lituânia).
Polonês
moscão.
 Em abril de 1939 Hitler
exige a anexação de
Dantzig, o "corredor
polonês", e a concessão
de uma rede rodoviária e
ferroviária que cruze a
província polonesa da
Pomerânia.
Mão de um alemão
invocado!
Drôle de Guerre - Em 1º de setembro, a Alemanha
marcha sobre a Polônia utilizando a Britzkrieg (guerrarelâmpago), com a conivência da extrema direita polonesa
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

paulo

2 Cartões paulonetgbi

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

Estudo Duda✨

5 Cartões oauth2_google_f1dd3b00-71ac-4806-b90b-c8cd7d861ecc

jndghm

2 Cartões jescola001

Criar flashcards