FILOSOFIA DA ILUSTRAÇÃO

Propaganda
FILOSOFIA DA ILUSTRAÇÃO
O século XVIII é o período conhecido como Iluminismo, século das Luzes, Ilustração.
Trata-se do otimismo no poder das Luzes da razão, de reorganizar o mundo humano.
Esse período crê nos poderes da razão chamado de AS LUZES( por isso o nome
Iluminismo). O Iluminismo afirma que:
 Pela razão, o homem pode conquistar a liberdade e a felicidade social epolítica.
 A razão é capaz de evolução e progresso, e o homem é um ser perfectível
(consiste em liberar-se dos preconceitos religiosos, sociais e morais, em libertarse da superstição e do medo, graças ao conhecimento, às ciências, as artes e à
moral).
 O aperfeiçoamento da razão se realiza pelo progresso das civilizações, que vão
das mais atrasadas às mais adiantadas e perfeitas.
 Há diferença entre natureza - reino das relações necessárias de causa e efeito ou
das leis naturais universais e imutáveis: civilização – reino da liberdade e da
finalidade proposta pela vontade livre dos próprios homens, em seu
aperfeiçoamento moral técnico e político.
Nesse período há grande interesse pelas ciências que se relacionam com a idéia de
evolução e, por isso a biologia tem um lugar central no pensamento ilustrado,
pertencendo ao campo da filosofia da vida. Há grande interesse pela arte, elas são as
expressões do progresso de uma civilização. Nesse período existe o interesse pela
compreensão das bases econômicas da vida social e política. Os principais pensadores
deste período foram: Hume, Voltaire, D`Alembert, Diderot, Rousseau, Kant, Fichte e
Schelling, embora este último costuma ser colocado como filósofo do Romantismo.
REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA
ARANHA, Maria Lúcia de Arruda & Martins, Maria Helena P. Filosofando: introdução
à filosofia. São Paulo: Moderna, 1986.
CHAUÍ, Marilena. Convite à filosofia. São Paulo: Ática, 1995.
Download
Random flashcards
paulo

2 Cartões paulonetgbi

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

Criar flashcards