o trabalho do departamento de psicologia em uma ong hiv/aids

Propaganda
Pôster apresentado no 5º Congresso da Sociedade Brasileira de DST; 5º Congresso Brasileiro de Prevenção
em DST/Aids; 1º Congresso Brasileiro de Aids – Pernambuco – Recife- 2004
Tema: O TRABALHO DO DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA EM UMA ONG HIV/AIDS
Autores: TORRES, R.R.A.; BERTANHI, M.L.C.; BOTAS, V.M.M.; GARCIA, D.; LOPES, L.;
MARTINS, A.S.; NOGUEIRA, F.J.; OLIVEIRA, S.L.; RODRIGUEZ, R.A;
ROSA, A.A.; TEIXEIRA, E.
INTRODUÇÃO:
O Departamento de Saúde Mental e Psicologia do GIV conta com dois anos de existência,
contribuindo com o fortalecimento emocional do indivíduo, bem como da Instituição; esta é um espaço que
possibilita o encontro de histórias comuns, facilitando continência para percepção de semelhanças e
diferenças, buscando individualização.
OBJETIVO:



Favorecer qualidade de vida no âmbito psicossocial às pessoas que vivem e convivem com o
HIV/Aids na ONG.
Possibilitar acolhimento emocional dessas pessoas.
Fortalecer a saúde mental para empoderamento de seus direitos.
METODOLOGIA:






Integração: Dinâmica para fortalecimento dos vínculos;
Entrevista Psicológica: Avaliação da situação emocional e encaminhamento;
Psicoterapia Individual e Grupal – 15 sessões: Mobilização de conteúdos internos e externos para
enfrentar conflitos;
Atendimento Emergencial;
Vivências/Oficinas Mensais tematizadas com foco terapêutico, abertas ao público da Instituição;
Instrumentalização de Coordenadores: Encontros para desenvolver liderança.
RESULTADOS:







Maior vínculo entre as pessoas, facilitando retorno à Instituição;
Encaminhamento adequado às necessidades e potencialidades do indivíduo;
Observação de melhor qualidade social, sexual e emocional;
Adesão ao tratamento e à Vida;
Continência para momentos de crise;
Desmistificação de (pré)conceitos;
Melhor atuação dos coordenadores nos grupos de intervenção.
CONCLUSÃO:
A psicoterapia com o portador de HIV/Aids visa promover o aumento da auto-estima; aceitação
sorológica; enfrentamento de medos reais e imaginários; e uma melhor qualidade de vida. Percebe-se ainda
haver resistência à mesma, por parte de alguns indivíduos. Dessa forma, muitos acabam buscando
atendimento emergencial, e não se aprofundam no processo.
O Departamento de Saúde Mental desempenha ações significativas na Instituição que auxiliam na
(re)organização do indivíduo acometido pelo HIV/Aids. É responsabilidade do profissional de saúde
colaborar na luta pela (re)conquista da dignidade, integridade e cidadania.
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

Criar flashcards