SISTEMA CIRCULATÓRIO A distribuição dos nutrientes

Propaganda
SISTEMA CIRCULATÓRIO
A distribuição dos nutrientes e do oxigênio, obtidos mediante os processos de digestão
e respiração, é feita por uma rede composta milhares de vasos sanguíneos, em que circulam
continuamente cerca de 5 litros de sangue (adultos). O sangue é impulsionado para todo o
corpo pelo coração, que atua como uma bomba. Alem de transportar as substancias
necessárias a todas as células e servir como meio de transporte entre os diversos órgãos, essa
rede também transporta produtos finais de reações bioquímicas para que sejam eliminados do
corpo.
Assim como existe uma malha viária conectando um ponto a outro da cidade e uma
rede de estradas comunicando entre cidades, nosso corpo também possui um sistema
responsável pela ligação de um órgão ao outro. Os vasos sanguíneos, são tubos membranoso
onde o sangue circula.
ARTÉRIAS
As artérias são os vasos sanguíneos que levam o sangue do coração ao demais órgãos de nosso
corpo. São vaso cujas paredes são elásticas e resistentes, são revestidas internamente por uma
camada de músculo liso. Esse revestimento muscular permite que as artérias pulsem,
complementando o trabalho do coração e facilitando o transporte de sangue pelo organismo.
Duas artérias saem do coração, a Aorta e o Tronco-pulmonar , durante seu trajeto as
artérias ramificam-se e ficam cada vez mais finas, Os capilares são tão estreitos que os
glóbulos vermelhos passam em fila pelo seu interior.
Cada órgão do nosso corpo possui uma rede de capilares que irriga, e, por serem vasos
formados por células epiteliais, sem fibras musculares, o sangue circula por eles numa
velocidade mínima, permitindo a ocorrência de trocas gasosas, ou seja o sangue rico em
oxigênio, libera-o para as células e capta o gás carbônico eliminado por elas.
VEIAS
Além das artérias e capilares, possuímos as veias, vasos sanguíneos que transportam
sangue do corpo para o coração. As paredes das veias são mais finas e elas possuem um
sistema de válvulas para garantir que o sangue siga num sentido único sentido, facilitando seu
retorno ao coração, sem refluxo.
No átrio esquerdo do coração chegam as veias pulmonares, provenientes dos pulmões
e no átrio direito as veias cavas inferior e superior. Pode-se observar as veias através da pele,
pois são mais superficiais, essas ficam mais profundas, ficam em sua maior parte no interior
dos músculos e órgãos.
O SANGUE
O sangue que é bombeado pelo coração e circula por nosso corpo por meio dos vasos
sanguíneos, é o tecido que entra em contato mais intimo com os demais.
Embora não possua uma substancia sólida, é um tecido formado por um conjunto de
células que desempenham suas funções especificas. Ele transporta para as células, os
nutrientes provenientes da digestão celular e o oxigênio da respiração, transporta ainda
resíduos, hormônios, substancias de defesa e uma infinidade de diferentes substancias
imprescindíveis à vida.
Quando nascemos, sua quantidade é pequena, mas aos poucos, sua produção
aumenta. Num adulto, com cerca de 70 kg, há em média 5 litros de sangue, ou seja
aproximadamente 7% de seu peso.
AS PARTES DO SANGUE
PLASMA – É a parte liquida, é um liquido transparente e amarelo, sendo constituído de
90% de água, sendo o restante proteínas e sais minerais (cálcio, sódio, fosfato, potássio, etc),
glicose e outras substancias como vitaminas, hormônio e lipídeos. As proteínas conferem ao
plasma certa viscosidade, além de ter funções de defesa e nutrição.
HEMÁCIAS – Os glóbulos vermelhos, são células discóides escavadas no centro e cem
núcleo. Elas são produzidas no interior dos ossos longos (medula óssea) e tem
aproximadamente 120 dias de vida, sendo continuamente repostas. Normalmente são
encontradas cerca de 5.000.000 delas por mm³ de sangue humano . As hemácias possuem
uma substancia chamada hemoglobina, responsável pela coloração do sangue, cuja principal
função é o transporte de gases.
Conforme as hemácias vão envelhecendo, tornam-se mais frágeis e menos ativas,
muitas delas se rompem ao passar pelo baço.
LEUCOCITOS – Os glóbulos brancos são células nucleadas e estão relacionada à defesa
do organismo, tanto englobando elementos estranhos, como produzindo anticorpos.
O número médio de leucócitos varia de 5.000 a 8.000 por mm³ de sangue, e o
aumento desse número indica que está ocorrendo uma infecção.
Existem diferentes tipos de células de defesa (neutrófilos, eusinófilos, basófilos,
mastócitos, monócitos e linfócitos), alguns responsáveis pela fagocitose e destruição de vírus
bactérias e outros pela produção de anticorpos que neutralizam os antígenos dos
microorganismos invasores.
PLAQUETAS – Em número de 250.000 à 500.000 por mm³, as plaquetas tem a função
de auxiliar no processo de coagulação sanguínea através da liberação de uma série de enzimas,
fazendo com que uma proteína do sangue normalmente solúvel, torne-se insolúvel (fibrinas).
As fibrinas, aderindo-se as plaquetas e outras células, formam uma rede originando o coágulo
que fecha o ferimento.
Imperfeições no mecanismo de funcionamento das plaquetas podem ocasionar a
trombose, impedindo o fluxo sanguíneo normal, devido a formação de coágulos, ou a
hemofilia, em que o individuo não apresenta coagulação.
GRUPOS SANGUINEOS
As pessoas possuem diferenças genéticas no sangue devido a presença de substâncias
nele encontradas. Antes disso ser descoberto, muitas pessoas morriam ao receber transfusões
sanguíneas. Foi criado então um sistema para classificação do sangue humano, o sistema ABO.
No sistema ABO, o sangue pode ser classificado como sendo dos grupos A, B, AB e O,
dependendo do antígeno que esteja presente na superfície das hemácias. No caso do sangue
esses antígenos são denominados aglutinogênios, devido ao poder de aglutinação que
possuem.
No plasma sangüíneo podem existir dois tipos de aglutininas: anti A ou anti B. No
exame de sangue, algumas gotas de sangue são colocadas em contato com o soro anti A ou
anti B, quando o aglutinogênio encontra a respectiva aglutinina, ocorre a reação de
aglutinação e é possível encontra o tipo sanguíneo da pessoa. Se não ocorrer aglutinação, a
pessoa pertence ao grupo O, ou seja, não possui aglutininas nem A nem B.
Download
Random flashcards
paulo

2 Cartões paulonetgbi

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

Criar flashcards