Ciclo Celular Ciclo Celular

Propaganda
22/05/2017
Ciclo Celular
1) Conceitos Prévios
•
Ciclo Celular
1) Conceitos Prévios
Cromossomo: Estrutura que contém uma longa molécula de DNA associada a
proteínas histonas, visível ao microscópio óptico em células metafásicas.
Cromossomo
Condensação
•
Cromossomo Simples
2 braços
1 centrômero
Braço
Centrômero
Braço
Proteína
histona
DNA
1
22/05/2017
Ciclo Celular
Ciclo Celular
1) Conceitos Prévios
•
CROMOSSOMO METAFÁSICO
Cromossomo Duplo
4 braços
2 centrômeros
(só um visível)
Braço
Cinetócoro
região de ancoragem
dos fusos mitóticos
Braço
Cromátide
Constrição primária
(centrômero)
União das cromátides
Centrômero
Braço
Constrições
secundárias formadoras
do nucléolo
Braço
Um cromossomo
duplicado
Telômeros
Impedem a adesão dos
cromossomos entre si
Ciclo Celular
Ciclo Celular
1) Conceitos Prévios
•
1) Conceitos Prévios
Classificação dos cromossomos quanto à posição do centrômero
•
Cromossomos Homólogos
São cromossomos semelhantes na forma e no tamanho, presentes aos pares em
células diplóides (2n)
Braço
A
B
Cromossomos
homólogos
Célula diplóide
(2n)
Divisão celular
Cromossomos
homólogos
Célula diplóide
(2n)
intérfase
Centrômero
Braço
C
Metacêntrico
Submetacêntrico
Acrocêntrico
Telocêntrico
Não há
homólogos
Célula haplóide
(n)
intérfase
D
Não há
homólogos
Célula haplóide
(n)
Divisão celular
2
22/05/2017
Ciclo Celular
Ciclo Celular
1) Conceitos Prévios
2) CICLO CELULAR
•
Células Haplóides (C e D) não possuem cromossomos homólogos
•
Células Diplóides (A e B) possuem cromossomos homólogos


Intérfase: Fase que precede qualquer divisão celular.
Ocorre a duplicação do DNA e a formação de cromossomos duplos.
Possui três subfases:
B
Cromossomos
homólogos
Célula diplóide
(2n)
Divisão celular
Cromossomos
homólogos
Célula diplóide
(2n)
intérfase
C
G1 : pré-síntese (cromossomos simples)
S : Síntese de DNA
G2: Pós-síntese (cromossomos duplos)
Alguns autores abordam também a
D
Não há
homólogos
Célula haplóide
(n)
Divisão celular
Não há
homólogos
Célula haplóide
(n)
intérfase
fase G0, entre a fase G1 e S,
período em que a célula
permanece em repouso, até que
algum estímulo a faça entrar em
divisão.
G1
S
G2
Fases do ciclo celular
Mitose
Mitose
2) Mitose
2) Mitose

Quantidade de DNA
A
Processo em que uma célula mãe haplóide (n) ou diplóide (2n), sempre com
cromossomos duplicados, origina duas células filhas contendo o mesmo número de
cromossomos da célula mãe, porém na forma simples.
Pode ocorrer com células (n) ou (2n)
Não altera o número de cromossomos em relação à célula mãe
É chamada de DIVISÃO EQUACIONAL e simbolizada por E!
Célula mãe
Células filhas
N
N
Finalidades da mitose





Crescimento e regeneração de tecidos
Cicatrização
Formação de gametas em vegetais
Formação de gametas em animais por partenogênese
Divisões do zigoto durante o desenvolvimento embrionário
2N
N
2N
2N
3
22/05/2017
Mitose
2) Fases
2) Fases
a) Prófase
1.
2.
3.
4.
5.
Mitose
b) Metáfase
Entrada de água na célula
Início da espiralização do DNA para formar os cromossomos.
Desaparecimento do nucléolo e duplicação dos centríolos.
Migração dos centríolos para os pólos opostos da célula.
Rompimento e degeneração da carioteca.
**Grau máximo de espiralização dos cromossomos (visíveis ao M.O.)
1. Cromossomos duplicados alinhados lado a lado no equador da célula.
2. Centríolos dispostos nos pólos opostos da célula.
Mitose
2) Fases
b) Metáfase
Mitose
2) Fases
c) Anáfase
1.
2.
3.
4.
Encurtamento das fibras do fuso.
Ruptura dos centrômeros.
Cromossomos simples (cromátides irmãs) puxadas para os pólos da célula.
Início da desespiralização dos cromossomos.
4
22/05/2017
Mitose
2) Fases
Mitose
2) Fases
d) Telófase
d) Telófase
Célula Vegetal
Lamela média
Citocinese Centrífuga
1. Ocorre a citocinese (divisão do citoplasma)
2. Formação de duas novas cariotecas e dois novos nucléolos.
3. Cromossomos se desespiralizam e as fibras do fuso desaparecem.
Célula Animal
Estrangulamento do
citoplasma
Citocinese Centrípeta
Mitose
2)
Comparativo da Mitose Vegetal e Mitose Animal
Mitose
2) Micrografias
Célula Vegetal
Mitose Vegetal
Mitose Animal
Acêntrica
Cêntrica
Anastral
Astral
Citocinese Centrífuga
Citocinese Centrípeta
5
22/05/2017
Mitose
Meiose
2) Gráfico de quantidade de DNA
3) Meiose

Divisão celular em que uma célula mãe sempre (2n) com cromossomos duplos
origina através de duas divisões sucessivas, quatro células filhas contendo metade do
número de cromossomos da célula mãe.
Reduz a ploidia pela metade em relação aos cromossomos da célula mãe.
Chamada de DIVISÃO REDUCIONAL e simbolizada por R!
Célula mãe
Meiose só ocorre em
células diplóides (2n)
1ª divisão: Reducional (R!)
2Nd
(Separação dos homólogos)
Nd
Nd
2ª divisão: Equacional (E!)
(Divisão das cromátides)
Células filhas
Divisão Celular: Mitose e Meiose
3) Meiose
Ns
Ns
Ns
Divisão Celular: Mitose e Meiose
3) Meiose
 Finalidades da Meiose (R!)
46 cromossomos
paternos (2n)
Ns
 Finalidades da Meiose (R!)
Espermatozóide (n)
(23 cromossomos)
46 cromossomos
(23 de origem paterna e
23 de origem materna)
46 cromossomos
maternos (2n)
Óvulo (n)
(23 cromossomos)
6
22/05/2017
Meiose
Meiose
3) Meiose
3) Meiose
Intérfase – Duplicação do DNA (Antecede a Meiose)
 Divisão Reducional ou Meiose I – (R!)
 Etapas da meiose
Prófase I
o Fase mais longa da meiose
 É dividida em 5 subfases:
 Divisão Reducional ou Meiose I – (R!)
a) Prófase I
b) Metáfase I
c) Anáfase I
d) Telófase I
a)
b)
c)
d)
e)
 Divisão Equacional ou Meiose II (E!)
a) Prófase II
b) Metáfase II
c) Anáfase II
d) Telófase II
Variabilidade genética
Meiose
Meiose
Paquíteno
Zigóteno
Leptóteno
Paquíteno
(tétrade/bivalente)
Início da espiralização
dos cromossomos
Leptóteno ( condensação)
Zigóteno (complexo sinaptonêmico )
Paquíteno (início do crossing-over)
Diplóteno (quiasma)
Diacinese
Troca de fragmentos entre
cromossomos homólogos
Formação da sinapse entre os
cromossomos homólogos
Diplóteno
(Quiasmas)
Cromossomos
modificados
Tétrades ou bivalentes
Crossing-over
Diplóteno
Diacinese
Quiasmas
Terminalização dos quiasmas
Cromossomos homólogos duplicados e pareados
Resultado das permutações
7
22/05/2017
Meiose
Meiose
3) Meiose
3) Meiose
 Divisão Reducional ou Meiose I – (R!)
 Divisão Reducional ou Meiose I – (R!)
Metáfase I
Anáfase I
Cromossomos
Homólogos
A Segregação
Independente dos
homólogos
Fibras do fuso
 Cromossomos homólogos pareados, um oposto ao outro, presos às fibras
do fuso na placa equatorial da célula.
Separação de cromossomos
homólogos duplicados
Promove variabilidade
genética
 Encurtamento das fibras do fuso.
 Cromossomos homólogos se separam, indo cada um para um lado da célula.
 Não ocorre divisão do centrômero!
Meiose
Meiose
3) Meiose
3) Meiose
 Divisão Reducional ou Meiose I – (R!)
 Divisão Equacional ou Meiose II – (E!)
Telófase I
Prófase II
Citocinese Centrípeta
Novos núcleos




Divisão citoplasmática (citocinese)
Célula mãe (2n) origina duas células filhas (n)
Os cromossomos continuam duplos e não ocorre divisão do centrômero
Formação de duas novas cariotecas e de dois novos nucléolos.
No final da Telófase I os cromossomos se desespiralizam
 Duplicação dos centríolos.
 Espiralização dos cromossomos.
 Desaparecimento da carioteca.
Condensação dos
cromossomos
8
22/05/2017
Meiose
Meiose
3) Meiose
3) Meiose
 Divisão Equacional ou Meiose II – (E!)
 Divisão Equacional ou Meiose II – (E!)
Metáfase II
Anáfase II
Cromossomos não homólogos pareados
lado a lado na placa equatorial
Separação das cromátides irmãs
 Cromossomos duplos não homólogos atingem o grau máximo de espiralização.
 Os cromossomos associam-se as fibras do fuso, alinhando-se no equador da célula.
 Ocorre o encurtamento das fibras do fuso e divisão do centrômero.
 Cada cromossomos duplo origina duas cromátides irmãs (cromossomos simples).
 Os cromossomos simples são puxados para os pólos da célula.
Meiose
Meiose
3) Meiose
3) Meiose
 Divisão Equacional ou Meiose II – (E!)
Telófase II
Novos núcleos
(haplóides)
Divisão citoplasmática
(citocinese)
 Ocorre divisão do citoplasma (citocinese) originando quatro células filhas.
 As células filhas são haplóides e possuem cromossomos simples.
 A carioteca e o nucléolo reaparecem e os cromossomos se descondensam.
9
22/05/2017
Meiose
3) Meiose
Mitose X Meiose
3) Meiose x Mitose
 Finalidades da Meiose (R!)
Cromossomos Homólogos
Célula (2n)
o Formação dos gametas em animais
o Formação dos esporos nos vegetais
Duplicação
dos
cromossomos
Cromossomos
homólogos duplos
Separação dos homólogos
(R!)
Separação
das
Cromátides
(E!)
Separação
das
Cromátides
(E!)
10
Download
Random flashcards
modelos atômicos

4 Cartões gabyagdasilva

paulo

2 Cartões paulonetgbi

Anamnese

2 Cartões oauth2_google_3d715a2d-c2e6-4bfb-b64e-c9a45261b2b4

A Jornada do Herói

6 Cartões filipe.donner

teste

2 Cartões juh16

Criar flashcards