Identidade pessoal e identificação de pessoas

Propaganda
Identidade pessoal e identificação de pessoas
Felipe Eleutério Pereira, Prof. Dra. Mariana Cláudia Broens, Faculdade de Filosofia e Ciências,
Marília-Sp, Filosofia, [email protected]
Palavras Chave: Identidade pessoal, moda, sociedade.
Introdução
Conclusões provisórias
O problema da identidade pessoal consiste em
questionar se efetivamente uma pessoa permanece
a mesma ao longo de sua vida, como indica em
geral a experiência psicológica da pessoa, apesar
do grande número de mudanças que sofre ao longo
do tempo resultantes de variáveis biológicas,
sociais, psicológicas, culturais, cognitivas, dentre
outras. No presente trabalho, considerando tal
problema, propomos investigar as possíveis
contribuições e relevância de aspectos sociais na
constituição da identidade da pessoa.
Consideramos que o modo como a pessoa se
coloca no mundo e se apresenta socialmente é um
fator constitutivo relevante de sua identidade
pessoal. Desse modo, está sendo investigado o
papel da moda, da vestimenta e sua relação com a
identidade pessoal, pressupondo uma relação
significativa e constitutiva. Partimos da hipótese de
que a identidade social da pessoa, o modo como ela
se apresenta socialmente, ao contrário do que
entendem abordagens tradicionais, pode ser um
fator constituinte de sua identidade pessoal e não
apenas um aspecto contingente.
Objetivos
Analisar o problema da identidade pessoal de
acordo com perspectivas filosóficas de Locke
(1999), Hume (2001) e complementar com
abordagens sociológicas da identidade social, como
a de Simmel (1957), a fim de investigar a
problemática da identidade pessoal na perspectiva
das possíveis contribuições de aspectos sociais
relacionados à vestimenta da pessoa na constituição
de sua identidade.
Material e Métodos
Por se tratar de uma pesquisa de natureza teóricoconceitual, utilizaremos para o desenvolvimento de
nosso trabalho o método filosófico de análise e
interpretação de textos. Serão analisadas obras de
referência filosófica tais como “Ensaio sobre o
entendimento humano”, de John Locke, entre
outras, e textos que tratem da identidade social da
pessoa para contextualizar a problemática da
identidade pessoal e o papel da moda na
constituição de identidades sociais.
Resultados e Discussão
A discussão sobre a identidade pessoal, sua
continuidade, ou não, ao longo do tempo, permite
que se perceba o processo de inserção de pessoas
em grupos sociais que tenha a roupa como
expoente. Mas a elementos sociais não se
restringem as roupas, questiona-se a que mais deve
a vestimenta que as pessoas escolhem se
ornamentar pautando a formação da identidade
pessoal.
XXVII Congresso de Iniciação Científica
Agradecimentos
À professora Mariana C. Broens pelas orientações e
à UNESP pela bolsa que possibilita a realização
deste trabalho..
____________________
Bibliografia
LOCKE, John. Ensaio sobre o entendimento humano. Tradução de
Eduardo Abranches Soveral. Lisboa: Fundação Calouste Gulbekian,
1999.
2 SIMMEL, Georg. Fashion. The american journal of sociology, New
York, p. 541, May 1957.
3HUME, David. Tratado da natureza humana.São Paulo: Editora
Unesp, 2001.
4SANTAELLA, Lúcia. O corpo volátil na moda In: Corpo e
comunicação: Sintoma da cultura. São Paulo: Editora Paulus, 2004.
5 Sujeito e Identidade pessoal – Estudos de Filosofia da mente. Org.
Mariana Cláudia Broens & Carmen Beatriz Milidoni. São Paulo:
Cultura Acadêmica, 2003.
6 REINO, Thaisa. O problema da identidade pessoal na filosofia da
mente contemporânea: um enfoque auto-organizativo. 2011, 113 f.
Dissertação (mestrado) – Faculdade de Filosofia e Ciências,
Universidade Estadual Paulista, Marília. 2011.
7 OLIVEIRA, Talita. Moda: um fator social. 2013. Dissertação
(mestrado) – Escola de Artes, Ciências e Humanidades, Universidade de
São Paulo, São Paulo, 2013.
Download