BIOLOGIA - 2o ANO
MÓDULO 13
SUPRARRENAL,
PÂNCREAS E GÔNADAS
Fixação
1) (UERJ) O esquema abaixo representa a ação de alguns hormônios a captação ou na liberação de glicose pela célula hepática.
Cite:
a) Um hormônio que atua como mostrado em A e a molécula que, após decomposta, resulta
na liberação da glicose;
b) Um hormônio que atua como mostrado em B e a alteração no sangue que estimula a secreção deste hormônio pela glândula endócrina.
Fixação
-2) Os hormônios exercem papel fundamental na integração do controle metabólico do organismo humano.
Algumas das etapas do metabolismo estimuladas por hormônios estão resumidas a seguir:
I) gliconeogênese hepática;
II) síntese de glicogênio;
III) mobilização do Ca++ do osso.
Os hormônios insulina, paratormônio e epinefrina estimulam, respectivamente, as seguintes
etapas:
a) II, III, I
b) I, II, III
c) III, II, I
d) I, III, II
-
Fixação
3) Assinale a(s) alternativa(s) em que a relação GLÂNDULA, PRODUTO e FUNÇÃO está(ão)
correta(s).
( ) tireoide – calcitonina – dificulta a remoção de cálcio de ossos.
( ) hipotálamo – tiroxina – estímulo nervoso.
( ) córtex da suprarrenal – adrenalina — metabolismo da glicose.
( ) medula da supra renal – cortisol r – vasoconstrição.
( ) pâncreas – insulina – reduz concentração de glicose no sangue.
( ) paratireoide – antidiurético – vasoconstrição.
( ) adenoipófise – adrenocorticotrófico – estimula o córtex da adrenal.
Fixação
4) As funções sexuais femininas são reguladas pelos hormônios: foliculoestimulante (FSH),
luteinizante (LH), estrógeno (estradiol) e progesterona.
Considere as seguintes afirmações relacionadas a tais hormônios:
I) Os hormônios folículo estimulante (FSH) e progesterona são produzidos pela adenohipófise.
II) A ovulação ocorre quando o nível do hormônio luteinizante (LH) atinge seu valor mais elevado.
III) O hormônio progesterona atinge seu valor máximo após a ovulação.
Podemos dizer que:
a) Somente a afirmação I está correta.
b) Somente a afirmação II está correta.
c) As afirmações I e II estão corretas.
d) As afirmações II e III estão corretas.
e) Todas as afirmações estão corretas.
Fixação
5) (UECE) Observe as assertivas a seguir relativas a alguns hormônios com o seu respectivo
efeito principal:
I) PROLACTINA: Estimula a produção de leite nas glândulas mamárias.
II) TESTOSTERONA: Estimula os caracteres primários femininos.
III ADRENALINA: Aumenta a pressão arterial e o ritmo cardíaco.
São assertivas corretas somente:
a) I
b) I e II
c) II e III
d) I e III
Fixação
6) (UNICAMP) O gráfico a seguir mostra a variação na concentração de dois hormônios ovarianos, durante o ciclo menstrual em mulheres, que ocorre aproximadamente a cada 28 dias.
a) Identifique os hormônios correspondentes às curvas A e B e explique o que acontece com
os níveis desses hormônios se ocorrer fecundação e implantação do ovo no endométrio.
b) Qual a função do endométrio? E da musculatura lisa do miométrio?
Fixação
F
7) O momento do vestibular, sem dúvida, causa nos candidatos uma mistura de sensações como8
PRAZER, por estar próxima a tão sonhada aprovação; EMOÇÃO, por vivenciar uma grandej
escolha, e MEDO de cometer um equívoco ao responder as questões. Essas sensações es-u
timulam o sistema nervoso, ocasionando taquicardia e aumento da frequência respiratória. e
c
Assinale a alternativa que apresenta a glândula que foi estimulada e o hormônio produzido
como consequência das sensações citadas no texto.
fi
a) Suprarrenal e adrenalina.
a
b) Tireoide e adrenalina.
b
c) Tireoide e calcitonina.
c
d) Hipófise e adrenalina.
d
e) Pineal e melatonina.
e
Fixação
8) (UFV) Uma reportagem publicada em revista de circulação nacional afirmava que a ciência
já é capaz de vencer a batalha em nove de cada dez casos de infertilidade. Um dos recursos
-utilizados atualmente para este fim é o método da fertilização in vitro, no qual a ovulação é
estimulada pelo uso de medicamentos sintéticos, e os óvulos produzidos são colocados em
contato com os espermatozoides.
Considerando que tais medicamentos são análogos a gonadotrofinas humanas, a sua função
fisiológica substitui os seguintes hormônios:
a) progesterona e prolactina;
b) estrógeno e progesterona;
c) luteinizante e ocitocina;
d) luteinizante e foliculoestimulante;
e) estrógeno e prolactina.
F
Fixação
9) (UERJ) O balanço de cálcio é a diferença entre a quantidade de cálcio ingerida e a quantidade ex-1
cretada na urina e nas fezes. É usualmente positivo durante o crescimento e a gravidez e negativo—
na menopausa, quando pode ocorrer a osteoporose, uma doença caracterizada pela diminuição
—
da absorção de cálcio pelo organismo.
A baixa concentração de íon cálcio (Ca++) no sangue estimula as glândulas paratireoides a pro-—
duzirem hormônio paratireoideo (HP). Nesta situação, o hormônio pode promover a remoção de—
cálcio dos ossos, aumentar sua absorção pelo intestino e reduzir sua excreção pelos rins.
(Adaptado de ALBERTS, B. et al., Urologia Molecular da Célula. L
Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.)
a
O gráfico que melhor pode expressar a relação entre a produção do hormônio pelas parati-b
reoides e a concentração de íon cálcio no sangue, é:
c
d
a)
b)
e
c)
d)
Fixação
10) (FGV) Considere a seguinte sequência de eventos:
— Lúcia tem um ciclo menstrual regular e sabe que hoje é seu dia fértil.
— O teste para gravidez foi positivo, e Lúcia deve estar com um mês de gestação.
— Foram nove meses de gestação tranquila. A hora de o bebê nascer está chegando.
— Felipe, com um mês de idade, está sendo amamentado.
Os principais hormônios envolvidos em cada uma das fases por que passou o corpo de
Lúcia são, respectivamente:
a) hormônio luteinizante (LH); hormônio antidiurético (ADH); ocitocina; prolactina.
b) hormônio luteinizante (LH); gonadotrofina coriônica; ocitocina; prolactina.
c) prolactina; somatotrofina; hormônio folículo-estimulante (FSH); ocitocina.
d) ocitocina; hormônio luteinizante (LH); gonadotrofina coriônica; somatotrofina.
e) hormônio luteinizante (LH); adrenalina; somatotrofina; prolactina.
Fixação
F
11) (PUC) A adrenalina é extremamente importante para a sobrevivência de muitos organismos1
a
em variadas situações de estresse. Sobre este hormônio, podemos afirmar:
n
a) É produzido pelas glândulas suprarrenais e intervém na função glicogênica do fígado.
b) É produzido pela hipófise e produz taquicardia e eriçamento de pelos.
f
c) É produzido pela mesma glândula exócrina que produz a sudorese.
n
d) É produzido pela hipófise e intervém na velocidade dos movimentos musculares.
c
e) É produzido pelo timo e provoca uma redução na velocidade dos atos reflexos.
d
a
b
c
d
Fixação
12) (UERJ) O hormônio aldosterona, produzido pela região cortical das glândulas suprarrenais,
aumenta a absorção do íon Na+ pelos túbulos renais. Quanto menor a concentração desse íon
nos líquidos extracelulares, maior é a produção de aldosterona.
Em um experimento para analisar o funcionamento dos túbulos renais, alguns pacientes
foram submetidos a quatro diferentes dietas alimentares. Os resultados obtidos estão indicados
no gráfico abaixo, no qual a barra I corresponde à taxa de absorção de água em um paciente
com valor normal de concentração extracelular de Na+.
A barra que indica o resultado correspondente a um paciente submetido a uma rígida dieta
de restrição de NaCl é a de número:
a) II
b) III
c) IV
d) V
Proposto
1) (UERJ) Já no início do século passado, demonstrava--se, experimentalmente, que a retirada
do pâncreas alterava o metabolismo dos glicídios em animais, provocando hiperglicemia não
reversível, mesmo com a administração de extratos integrais pancreáticos. Os cientistas Banting e Best realizaram,
em 1921, uma experiência que consistiu Variação da Glicemia de cão pancreatectoem obstruir o duto excretor principal do mizado após injeções de extrato de pâncreas
degenerado
pâncreas de um cão. Tal manobra destrói a
parte exócrina do órgão, mas não altera
as ilhotas pancreáticas responsáveis pela
atividade endócrina dessa glândula.
Semanas após, os cientistas retiraram
o pâncreas, assim degenerado, e injetaram
seu extrato integral em um outro cão pancreatectomizado, medindo suas alterações
glicêmicas ao longo de três dias. No gráfico
ao lado, elaborado pelos próprios cientistas, as setas indicam os momentos das
injeções. Observe que o extrato de pân(Extrato de pâncreas degenerado previamente incubado com suco
creas de uma das injeções foi previamente
pancreático.)
incubado com suco pancreático.
a) Explique as causas das alterações da glicemia notadas no cão após as injeções de extrato
de pâncreas e a injeção de extrato de pâncreas previamente incubado com suco pancreático.
b) Indique a consequência da ação do hormônio pancreático envolvido neste experimento,
tanto sobre a síntese quanto sobre a degradação de gorduras.
Proposto
2) (FUVEST) Ana e Maria são gêmeas idênticas. Maria, aos 10 anos, teve seus dois ovários
oremovidos cirurgicamente e nunca se submeteu a tratamento com hormônios. Atualmente, as
gêmeas têm 25 anos de idade e apresentam diferenças físicas e fisiológicas decorrentes da
remoção das gônadas.
a) Cite duas dessas diferenças.
b) Se Maria tivesse sido operada aos 18 anos, as diferenças entre ela e Ana seriam as mesmas
que apresentam atualmente? Justifique.
Proposto
3) (UFF) O cálcio desempenha papel importante em vários processos fisiológicos do homem.
Por isso, é indispensável a manutenção dos níveis plasmáticos de cálcio em estreitos limites,
o que ocorre com a participação de alguns hormônios.
Acerca do exposto acima, pode-se afirmar:
a) A diminuição da concentração plasmática de cálcio é um fator de estímulo para a liberação
de calcitonina pelas células parafoliculares da tireoide;
b) A diminuição da concentração plasmática de cálcio é um fator de estímulo para a liberação
do paratormônio pelas paratireoides;
c) A elevação da concentração plasmática de cálcio é um fator de estímulo para a liberação de
triiodotironina e tiroxina pela tireoide;
d) A elevação da concentração plasmática de cálcio é um fator de estímulo para a liberação
de aldosterona pelo córtex das adrenais;
e) A diminuição da concentração plasmática de cálcio é um fator de estímulo para a liberação
de adrenalina pela medula das adrenais.
Proposto
4) (UNESP) Em um laboratório, quatro ratos foram submetidos a cirurgias experimentais no
pâncreas, conforme descrição a seguir:
rato I) remoção total do pâncreas;
rato II) obstrução total dos canais pancreáticos;
rato III) destruição das células das Ilhotas de Langerhans;
rato IV) abertura do abdome, mas o pâncreas permaneceu intocado.
Após as cirurgias, provavelmente,
a) os ratos I e II serão prejudicados apenas no processo digestivo;
eb) os ratos II e III terão insuficiência de apenas determinados hormônios produzidos pelo
pâncreas;
c) os ratos III e IV não receberão determinados hormônios e desenvolverão “diabetes mellitus”;
d) os ratos I e III deixarão de receber certas enzimas digestivas e ficarão privados de determinados hormônios;
e) apenas o rato I ficará prejudicado em suas funções digestivas e hormonais.
Proposto
5) (UNESP) Considere as seguintes funções de controle do sistema endócrino:
I) concentração de cálcio e fósforo;
II) crescimento geral do corpo;
III) atividade das gônadas;
IV) metabolismo do açúcar no corpo dos mamíferos.
As glândulas que correspondem a estas funções são, respectivamente:
a) paratireoides – hipófise – hipófise – pâncreas;
b) tireoide – hipófise – hipófise – pâncreas;
c) paratireoides – hipófise – hipófise – timo;
d) suprarrenal – hipófise – timo – pâncreas;
e) hipófise – suprarrenal – pâncreas – tireoide.
Proposto
6) As gônadas, testículos e ovários, produzem gametas e hormônios e, por isso, podem ser
chamadas de glândulas.
Assinale a alternativa que apresenta o nome e a função de um hormônio produzido pelos
ovários.
a) Estrógeno, estimula o crescimento da mucosa uterina, além de desenvolver e manter as
características sexuais secundárias femininas;
b) Andrógenos, promove a continuação de crescimento da mucosa uterina;
c) Progesterona, determina o aparecimento das características sexuais secundárias;
d) Testosterona, responsável pelo aparecimento das características sexuais secundárias
masculinas;
e) Ocitocina, estimula a contração da musculatura do útero e das glândulas mamárias.
Proposto
7) (UERJ) Com o objetivo de estudar a influência de hormônios sobre o metabolismo da glicose,
foram utilizados os seguintes procedimentos experimentais:
— manter inicialmente em jejum um animal adequado ao estudo;
— injetar nesse animal, por via subcutânea, e em diferentes intervalos de tempo, os hormônios
A, B e C, que atuam no metabolismo dos carboidratos.
O gráfico abaixo apresenta as alterações da taxa de glicose no sangue do animal em função
da inoculação de cada um desses hormônios.
Nomeie os hormônios A e B, produzidos pelo pâncreas, e identifique o órgão que produz
o hormônio C.
Indique, ainda, o que ocorre com o glicogênio muscular após a administração do hormônio A.
Download

SUPRARRENAL, PÂNCREAS E GÔNADAS