Canto
Silêncio
VIGÍLIA EUCARÍSTICA
23-Alimento de nossa missão
Coment: EUCARISTIA fundamento e força da nossa missão. Diante do
Sacrário somos como os adornos da EUCARISTIA que a embeleza
muito mais que as flores. As flores adornam o altar por um momento
e os adoradores são por toda eternidade. As coisas fenecem, mas
este estar com Jesus, por Jesus e em Jesus é para sempre! E as
flores mais belas de todos estes ornamentos é a humildade e a
caridade. Como disse Santa Catarina de Sena:
Todos “NENHUMA VIRTUDE TEM VALOR SEM A CARIDADE, NO
ENTANTO É A HUMILDADE QUE NUTRE E FORMA A CARIDADE”.
Para ornamentar o altar do Coração EUCARÍSTICO do Senhor, é
preciso se revestir de uma humildade sincera. Limpar a mente e o
coração de tudo que é passageiro e dar lugar à virtude. Não sejamos
como as flores que só enfeitam um momento. Elas cumprem suas
funções e, por isso, se realizam. Toda a riqueza deste mundo passa.
A Palavra vem afirmar e nos iluminar:
Todos “POIS HÁ DE PASSAR COMO A FLOR DA ERVA. DE FATO,
QUANDO SURGE O SOL COM SEU CALOR, LOGO FAZ SECAR A ERVA:
A FLOR CAI E A BELEZA DO SEU ASPECTO DESAPARECE. ASSIM
TAMBÉM ACABARÁ POR MURCHAR O RICO, EM MEIO AS SUAS
LIDAS.” (Tg 1, 10, 11) Silêncio! Canto
A nossa missão é revelar ao mundo a grandeza das coisas eternas,
não desprezando as que são passageiras, mas usando-as com
sabedoria. Esta é a intenção do Criador. Todos que se aproximam da
EUCARISTIA para adorá-La com Espírito e verdade são como as
antenas de longas distâncias capazes de tocar o Trono de Deus para
a glória de Cristo EUCARISTICO. É de uma importância tão grande a
presença de cada pessoa, que jamais poderemos imaginar, por se
tratar da vida espiritual que só Deus tem acesso. O Sacrifício da
vinda a adoração nesta Paróquia ou capela, revela a fé e a
humildade, do coração dos adoradores. É uma alegria para os anjos,
santos de Deus e todos os nossos entes queridos. Que eles
contemplem e adorem face a face o Deus vivo que nós adoramos na
fé aqui neste Ostensório. É também um gesto que dá intensa alegria
ao Coração Imaculado de Maria, a grande Missionária EUCARÍSTICA.
Ela intercede por nós e pela nossa descendência por sermos os
descendentes da fé dos Apóstolos que conviveram com seu Filho e
com ela. Adorar é uma expressão profunda de fé na Palavra de
Cristo, que disse à mulher Samaritana:
“MAS VEM A HORA, E É AGORA, EM QUE OS VERDADEIROS
ADORADORES ADORARÃO O PAI EM ESPÍRITO E VERDADE. ESTES
SÃO OS ADORADORES QUE O PAI PROCURA. DEUS É ESPÍRITO, E O
QUE O ADORAM DEVEM ADORÁ-LO EM ESPIRITO E VERDADE.” ( Jo 4,
23-24)
Coment: Queridos adoradores, nossa missão é testemunhar com a
vida, o que falamos com a boca. O testemunho é uma flor que jamais
secará! Silêncio! Canto
Todos: Ó doce Jesus EUCARISTIA, jamais desejamos outra coisa que
não seja a vossa glória. Queremos neste momento de adoração
mergulhar em vós, embora sejamos menores do que uma gota de
água no oceano do vosso amor. O vosso imenso amor nos é oferecido
gratuitamente em cada Santa Missa e adoração. Vós sois Senhor a
fonte da humildade e da caridade do Pai. Dai aos nossos corações a
sabedoria de buscar em tudo a vontade de Deus. Vós sois a doçuras
que nunca se acaba às flores mais belas do paraíso Divino. Tudo em
vós nos encanta e nos rejuvenesce, fazendo crescer em nosso
coração a esperança a caridade e o amor. Digna, portanto ó meu
Deus e Senhor, nos olhar com piedade e nos conduzir a vós. Que
lavados pela água do vosso amor sejamos verdadeiros missionários.
Amém.
Coment: EUCARISTIA, amor que nos diviniza e nos faz zeladores das
coisas de Deus. Ternura de um Deus que se faz pão da vida. Que
sejamos empreendedores, coerentes desta empresa divina da
santidade. Buscando em primeiro lugar o Reino de Deus, vamos rezar
a Salmo 89.
Todos: Senhor, tu foste nosso abrigo, / de geração em geração. /
Antes que nascessem os montes e que gerasse a terra e o mundo, /
desde sempre e para sempre tu és Deus. / Faz as criaturas humanas
voltarem ao pó, dizendo: voltai ao pó seres humanos! / Pois mil anos
aos teus olhos são como o dia de ontem, / que já passou, e como
numa vigília da noite. / Tu os arrebatas: são como um sono da
manhã / se renova como as ervas, que de manhã se renova e
floresce, / de tarde murcha e fica seca. / pusestes nossas iniqüidades
diante de ti, / nossos segredos no clarão de vossa face. / pois nossos
dias dissipam-se diante do teu furor, / consumimos os nossos anos
como um suspiro. / Setenta anos é a duração de nossa vida, / ou
oitenta anos se for mais vigorosos. / Mas sua agitação é fatiga inútil,
porque passam depressa, / e nós levantamos vôo / Ensina-nos, pos,
a contar os nossos dias / para alcançarmos um coração sábio! Glória
ao pai
Preces
Pai-Nosso
Canto final
IRMÃ ERCÍLIA GONÇALVES TAVARES
Londrina, 31 de novembro de 2008
Download

VIGÍLIA EUCARÍSTICA lXX - Adoradores da Eucaristia